História Poção do amor - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook/ Jungkook / Jimin /
Visualizações 155
Palavras 1.083
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Magia, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 13 - Como é gostar de alguém?


O despertador tocou e diferente de todos os dias eu acordei com bom humor, tudo parecia estar mais calmo até mesmo o céu estava brilhando, mesmo sendo de manhã cedo o sol estava brilhando.
 
     Eu me levantei e fui ao banheiro liguei o chuveiro e entrei no box, a agua acaba no meu corpo e ela estava muito quente deixando minha pele um pouco avermelhada. Eu desliguei o chuveiro e fui escovar os meus dentes.

    Sai do banheiro e desci as escadas, na sala meu pai estava lendo o típico jornal da manhã.

-Bom dia pai -Eu dei um beijo em seu rosto, o mesmo se surpreendeu pelo meu ato mas não disse nada, apenas leu o seu jornal.

    Fui até a cozinha e peguei uma maçã, fui logo em direção a garagem. E lá estava ele, cabelo arrumado, terno engomado e sua bolsa com seu uniforme se encontrava no seu ombro.

-Bom dia - Eu disse e ele virou os olhos.

-Bom dia - Ele me respondeu, já é um começo para quem estava me ignorando.

     Eu entrei no carro e fechei a porta do mesmo, me ajeitei no banco e coloquei o cinto de segurança, Jimin entrou no carro e ajeitou o seu terno, logo pude ouvir o barulho da re do carro apitando, mas a única coisa que apitava era o meu corpo pelo do Jimin.
   E mais um dia eu teria que ir para a escola, a unica coisa que me deixava animado era ter o Jimin do meu lado.
 

 Abri minha bolsa e peguei a lista é vi que eu teria que fazer ele ficar com ciumes, já que entrei nessa vou continuar, peguei meu celular  e coloquei uma música e logo desliguei para  poder fingir que era um toque de telefone.

-Alo - pus em meu ouvido, eu estava falando sozinho mas quero ver a reação do Jimin

-Já estou chegando. -Jimin deu uma bufada e alargou a gravata em suas mãos com força.

-Não me chame de amor, eu já estou chegando, tchau - Eu tirei o celular do ouvido e guardei novamente em meu bolso.

-Está namorando - Jimin me perguntou me fazendo arregalar os olhos, ele devia estar com ciumes, afinal ele se importou comigo.

    Eu deitei minha cabeça encostada na janela e fechei os meus olhos, logo estaríamos na escola e eu não poderia dormir então me ajeitei no banco e quando olhei para frente já pude avistar o prédio da escola e as mesmas pessoas de frente, o carro parou e eu sai do mesmo, pude avistar Tae e Yoongi bem perto do carro. Eu corri até o Yoongi e o abracei, Tae e Yoongi já sabiam o que eu estava fazendo e então Yoongi retribuiu o abraço. Quando me separei do abraço o Tae estava todo empolgado e claro sendo um ata e da vida ele não ia ficar sem falar.

-Meu deus Jungkook ele ficou muito puto, ele tá com ciumes ele não pode mais negar ele te ama, ele tem medo de assumir ou o que? -Tae falou com animo e um pouco rápido demais mas deu para entender e nisso eles me deram vários tapinhas e olharam para mim com aqueles sorrisos maliciosos.

      O sinal tocou e eu fui para a sala de aula, teria que ficar duas aulas com a chata da professora de matemática, são duas aulas seguidas e ela só ia passar conta, qual é a lógica deu aprender essas contas sendo que não vou fazer nada na faculdade que tenha exatas?
_____________________________________________

   As horas demoravam para passar e toda vez que eu olhava para Tae ele me olhava com aquele sorriso malicioso e sussurrava "O senpai te notou", eu devia estar vermelho mas era tão bom a sensação de ter o pressentimento de ser amado.

____________________________________________

   A professora saiu da sala e como trocaria a aula e agora seria ed. Física eu fui no armário para poder pegar uma bola para jogar vôlei com o Tae e com Yoongi e Yura, eu achei uma bola estava meio suja mas Sérvia, eu peguei a mesma e fui correndo para a quadra. Jogamos vôlei e estávamos nos divertindo muito vez ou outra a bola batia em Yoongi e ele ficava nervoso, uma cena até que engraçada, o Tae fazia caretas para poder tentar pegar a bola mas ela sempre caia no chão.

-Olha que o vesgo é o Yoongi -Diz Yura e todos começamos a rir.

      Quando a aula acabou eu fui até o armário para poder colocar a bola no lugar de novo,  mas quando estava andando pelo corredor

-Por que estava chorando? -Eu nos separei do abraço.

-Eu vi ele abraçando uma garota e... -Yoongi me interrompeu.

-Tá falando da prima dele que estuda aqui por que ganhou bolsa? -Arregalei os olhos e olhei para ele.

-Como sabe?

-Descobri agora -Eu suspirei aliviado.

    Eu fui para o intervalo com suga e pegamos apenas o sorvete que estavam dando no refeitório, sentei na mesa e Yoongi já havia contado o motivo de eu ter sumido e ambos estamos rindo por causa desse motivo.

-Aposto que se vocês dois se abraçasse como um casal o Jimin ia ficar puto - Yoongi riu e eu também.

-Eu aposto que não - diz Yoongi.

    Yoongi veio a até minha cintura e me deu um abraço íntimo, eu devo estar todo vermelho e fechei os meus olhos, mas senti uma mão me puxar, fui soltado do abraço do Yoongi a força e quando abri meus olhos eu vi o Jimin, ele realmente veio até mim.

-Você não gosta dele - Eu era fraco, eu estava nervoso.

-Gosto sim - Eu disse tentando não chorar.

-Não, você gosta de mim - Eu olhei em seus olhos, e eu  deixei escapar uma lágrima.

-Por que tem tanta confiança? -Eu perguntei e o mesmo deu um sorriso de lado.

-Acha que gostar de alguém e assim? - Eu não sabia o que responder, Tae Yoongi, Yura e mais de metade do refeitório estavam nos olhando.

-Como é gostar de alguém? -Ele se aproximou tenho xerteza de que Tae estava adorando tudo.

-Assim. -Ele disse e passou uma das mãos em minha cintura e outra segurou minha nuca, ele se juntou ainda mais a mim e com um simples movimento nossos lábios foram selados, o beijo começou a se tornar mais profundo e nos separamos por falta de ar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...