História Poção do amor - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook/ Jungkook / Jimin /
Exibições 65
Palavras 1.877
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Magia, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vou trazer de novo aquela menina a Sunhee que apareceu no Pov do Jimin no começo da fic

Capítulo 15 - Sunhee


-Para. -Eu disse e ele me deu um selinho.

-Posso te perguntar uma coisa? -Eu assúenti.

-Perguntei o que você quiser -Eu disse e ele riu

-Posso tocar na sua bunda? -Ele me perguntou  com uma carinha nada inocente. Eu estava vermelho, eu não sabia o que responder mas eu apenas fiz que "sim" com a cabeça, afinal ele já havia tocado de qualquer jeito.
  

   Jimin colocou suas mãos em minha cintura e me puxou para um abraço, durante o abraço o mesmo foi descendo sua mão até minhas nádegas aonde ele deu uma apertada forte aonde eu dei um gemido manhoso em seu ouvido, o mesmo deu um selar no meu pescoço e separou o abraço.

-Temos que ir -Ele disse entrando no carro assim como eu também fiz.

      Nos estávamos indo para a casa do Jimin para ele pegar a roupa para dois dias, pois teríamos a festa do pijama de dois dias mas todos nós sabemos que a festa só está acontecendo porque os pais de Hoseok não estão e ele tem medo de dormir sozinho e de ficar em casa sozinho a noite..

     Chegamos na casa do Jimin e já pude ver o velho que ao me ver não conteve o enorme sorriso no rosto. Nunca entendi o fato dele gostar de mim sendo que o tratava tão mal.

-Boa tarde Jeon -Ele disse e eu acenei.

-Vamos entrar -Jimin disse e puxou a minha mão, o velho pareceu até confuso, o quarto do Jimin estava da mesma forma que estava a quase três messes atrás. Me destrai e o Jimin começou a rir.

-Por que está rindo? -Perguntei indo a sua frente.

-Tô lembrando de quando você era um pervertido -Ele começou a rir alto e eu fiquei muito vermelho, nem sabia onde por a cara, eu estava com tanta vergonha que queria sair daquele quarto e foi isso que eu tentei fazer; mas Jimin me segurou.

-Desculpe, não queria que ficasse com raiva -Jimin disse e agora eu estava olhando para ele.

-Eu tô com tanta vergonha- Ele mordeu o labio.

-Não tenha vergonha Jungkook eu amei o seu lado pervertido ele até que era fofinho - Ele disse e nos dois não contemos a nossa risada.

  Jimin pegou quatro muda as de roupa sendo duas pijamas, ele não parecia estar muito empolgado com a festa, nem eu estava eu só estava empolgado pelo fato de ficar com ele.

 Eu fui ate a cozinha já que Jimin foi tomar banho lá na cozinha aonde o velho também conhecido como pai do jimin me ofereceu um suco, e eu aceitei eu tomava enquanto íamos conversando.

-Jimin está sendo bom para você? -Ele perguntou e eu quase engasguei.

-Sim, ele está sendo ótimo para mim-Eu disse e o velho sorrir.

   Ouvi barulhos de passos descendo a escada e ver o Jimin sem aquele uniforme escolar e sem aquele terno, m3 faziam admirar ainda mais ele, aquele corpo definido com aquelas coxas grossas, aqueles lábios carnudos, tudo era tão bem alinhado.

-Vamos? -Eu assenti e nos despedimos do velho e da mãe de Jimin que estava quase dormindo no sofá, entramos no carro com destino a minha casa.

     Estava chovendo a pista estava molhada, passamos por uma ponte e tinha um acidente que acabou causando um pouco de trânsito mas ainda bem que não foi um acidente grave.

  Chegamos em frente à minha casa e Jimin foi colocar o carro novamente na garagem pois nos dois iríamos de táxi que o Jimin também foi chamar enquanto eu pegava as coisas.

   Primeiramente peguei uma mala pequena e nela coloquei primeiramente três pares de cueca, vou levar uma a mais porque nunca se sabe. Peguei três mudas de roupa e 2 pijamas  um era comum é o outro era de coelho e tinha orelhinhas, Tae disse que era uma ótima idéia para agradar o Jimin pois o mesmo poderia achar fofinho.

   a eu tinha acabado de pegar as coisas e desco as escadas e Jimin já estava se preparando para subir a mesma.

-Eu ia te chamar, o táxi já chegou - Ele disse sorrindo e levou sua mão a própria nuca aonde ele coçou.

      O cara do táxi era um senhor de idade e ele usava roupas sócias, eu e Jimin entramos no carro com destino a casa do Hoseok, por sorte a ponte já estava liberada sem tráfego, chegamos cedo na casa de Hoseok mas Yoongi, Taehyung e Yura já estavam lá, todos nós estávamos lá.

  Dentro da casa estava uma bagunça, tinha potes de comida na mesa e muitos tipos de doces e salgados e para beber tinha refrigerantes.

-Comam aí gente -Hoseok disse apontando pra mesa.

-Tem gelatina Jungkook-Tae me disse.

-De morango? -Eu perguntei e Tae assentiu.

    Eu fui até a mesa e peguei um pote com gelatina de morango e uma colher pequena descartável que tinha na mesa.

-Posso pegar uma? -Perguntou Jimin e Tae colocou a mão na cintura.

-Precisa pedir menino? -Tae perguntou e todos rimos.

-Nunca vim aqui, nem nos conhecemos direito a casa não é minha daí fico com vergonha de pegar. -Jimin disse meio corado, ele estava tão fofo.

-A casa também não é minha... -Tae disse e foi interrompido pelo Hoseok que deu um selinho nele.

-Mas e do seu amor -Disse Hoseok completando a frase.

    Hoseok parecia estar um pouco preocupado com algo, mas o Tae não estava dando muita bola.

-Aconteceu algo? -Perguntei e Hoseok bloqueou o celular.

-A minha irmã está vindo pra cá, ela tá demorando pra vir da escola e ela não atende o telefone, tô ficando preocupado. -A irmã do Hoseok se chamava Sunhee ela não saia muito de casa e sempre que saia ia com suas amigas, os pais de Hoseok são divorciados e o Hoseok mora com a mãe e com o padrasto, a Sunhee mora com a mãe.

      Estavam só na sala arrumando as coisas para ver o filme que o Tae escolheu o filme se chamava "50 tons de cinza", Jimin quase se engasgou quando Tae falou o  filme, eu nunca tinha ouvido falar, todos na sala ficaram surpresos por eu não conhecer

    A campanhia tocou e Hoseok foi que nem o flash atender, ele foi veloz, quando ele abriu a porta a Sunhee entrou, Jimin estava bebendo refrigerante e quando ele olhou para a Sunhee o copo caiu de sua mão e se quebrou no chão.
.

JUNGKOOK OFF
JIMIN ON

     Quando olhei para porta vi Sunhee a garota que eu era apaixonado a algum tempo atrás, meu copo caiu no chão pela surpresa afinal a Sunhee estava lá.

    Eu e Sunhee ficamos algumas vezes no passado mas nunca chegamos a namorar, ela não queria nada comigo e eu gostava tanto dela.

-Se machucou Jimin? -Jungkook me perguntou, o mesmo se abaixou e pegou os cacos de vidros que estavam no chão.

-Não eu estou bem -Eu disse e Jungkook foi até o lixo e colocou lá todos os cacos de vidro.

     A Sunhee entrou e colocou uma bolsa em cima da poltrona e ajeitou os seus cabelos longos, ela estava nos cumprimentando e quando chegou em mim ela também ficou surpresa.

-Jimin? Quanto tempo -Ela disse e me abraçou, vi a cara de Jungkook e sei que ele não gostou.

-Pois é- Eu disse e ela me deu um abraço que não demorou muito a  ser cortado a Jungkook .

-Vocês se conhecem? -Jungkook perguntou e eu assenti.

-Nós éramos...  -Eu sabia que ela ia falar ficante e eu não podia deixar ela falar isso então eu gritei para interromper ela.

-AMIGOS! Nós éramos grandes amigos -Eu disse e Jungkook deu um sorriso e me deu um abraço.

_____________________________________________

JIMIN OFF
 JUNGKOOK ON

     Eu estava morrendo de ciúmes, a garota está achando que o Jimin e dela, ela não sai de perto dele.

   Agora estamos nos sentados no sofá e o Jimin está no nosso meio, a garota havia perguntado se eu estava namorando o Jimin, e claro que ele falou "nao" agora essa louca está dando em cima dele.

   O filme foi se passando e agora pude entender o porquê de terem me olhado estranho tinha cenas de sexo no filme, eu ficava tão envergonhado que cobria os meus olhos e Jimin  dava sorrisos.

  O filme finalmente acabou e Tae teve a brilhante idéia de brincar de um jogo "Conte um segredo" todos concordamos. A ordem seria

1. Yoongi
2. Jimin
3. Taehyung
4. Hoseok
5. Yura
6.  Eu
7. Sunhee

    Fizemos uma roda no centro da sala e nos sentamos.Yoongi começou a falar.

-Uma vez eu apanhei do nerd da escola, tomei uma surra depois falei pra todo mundo que fui atropelado -Todos nós rimos, Yoongi estava constrangido mas também estava dando risadas.

Agora era a vez do jimin ele fez uma cara de pensativo mas começou a falar.

-Uma vez eu... - Jimin foi interrompido por Tae
 

-Isso é uma festa do pijama, por que então ninguém está usando um pijama? -Tae disse e todos deram uma risada.

-Vamos trocar -Todos concordaram.

    Eu e Jimin subimos para um quarto e eu me troquei dentro do banheiro e ele dentro do quarto, coloquei o pijama que tem orelhinhas de coelho na touca. Eu sai do banheiro e Jimin já estava pronto, ele deu uma risada.

-Que roupa e essa? -Ele riu.

-Você não gostou? -Eu perguntei e o mesmo mudou a sua expressão ficando de frente para mim.

-Eu não disse isso, você está tão fofo -Ele disse e me deu um selinho, ele pegou minha mão e descemos as escadas, todos já estavam nos esperando na parte de baixo.

-Ok, Jiminie termine sua história- Disse Sunhee e que droga de apelido e esse? "JIMINIE'. JIMIN se sentou em meu lado em uma roda e começou a falar.

-Uma vez eu cai da escada do cinema -Ele disse e todos começaram a rir, eu até ia rir mas o meu ciumes estava me matando e eu sei que Jimin percebeu meu comportamento.

-Posso falar o meu é do Hoseok de uma vez?  -Hoseok deu uma risada e todos concordaram.

-A gente já fez sexo dentro do banheiro feminino do shopping e uma faxineira pegou a gente -Quando ele disse todos nós começamos a rir.

   Todos estávamos rindo sentados no chão e com as pernas cruzadas, o Yoongi era o que mais ria, ele já estava quase em posição fetal de tanto rir.

-Calem a boca, minha vez -Disse Yura. -Uma vez eu peguei o professor de educação física.-Ela disse e todos nós rimos porque o cara era engraçado, ele era muito mais alto do que nos é ele era meio corcunda, um temendo barango.

-Por que fez isso? - Yoongi perguntou.

-Por que se não eu ia repetir de ano, foi só um beijo - Todos se arrumaram e era finalmente a minha vez.

-Bem uma vez eu fiz macumba -Eu disse e todos arregalaram os olhos-Não  me perguntem mais nada, fale a sua Sunhee.

-Eu era a antiga peguete do Jiminie- quando ela disse isso eu senti meu chão desabar, tudo fazia sentido o apelido, o nervosismo do Jimin e essas aproximações vindo dela.

     Eu não tive outra reação à não ser a de subir correndo as escadas, mas...


 

   
 

    



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...