História Pode uma criança amar? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amor
Exibições 2
Palavras 512
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Gostaram?? Espero que sim?? Comentem o que vcs acharam, oq gostaram mais, oq não gostaram, os temas que vcs querem que eu use!! Ahh! OBS.: esta história é apenas uma linha do tempo sobre um casal, intercalando entre datas, e oq acontecia entre os dois, caso vcs não entendam!

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Pode uma criança amar? - Capítulo 1 - Capítulo Único

Pode uma criança amar?

 

2010- 6 anos- Ele

Conheci uma garota, na escola, e ela é tãããão legal! Vou chamar ela pra vir brincar comigo algum dia. É, vou fazer isso, deveríamos ser bons amigos! Hmm... Eu não sei direito o que é isso, eu gosto muito dela, de um jeito especial... Acho que eu gosto dela... Nhein!

 

2017- 12 anos- Ela

Como assim cara?! Eu to ficando louca! Quer dizer então que ele sempre, desde o começo, me percebeu, me observou? E eu achando que era invisível, que ninguém me percebia!

Ele é legal, e é um amor comigo, me trata bem, como ninguém mais trata... Sei que sou nova pra isso ainda (poxa, tenho 12 anos!), mas tenho a sensação de que ele vai ser muito pra mim, que vamos, no final, acabar juntos...

 

2022- 18 anos- Ele

Faz 1 ano que estamos namorando!

Ela parece mais linda, mais radiante, mais maravilhosa, mais ela mesma a cada dia que se passa!

Apesar de todos os vai e vens, do jeitinho louco, emotivo, mega dramático, e sensível dela (coisa que, na minha opinião a deixam muito fofa), eu nunca parei de a amar, desde os 6 anos, nem por um segundo.

 

2028- 24 anos- Ela

Uau! O casamento! Tudo é tão perfeito!

Me casei com o homem que eu amo!

Acordar todos os dias e ver ele ao meu lado é como sonhar acordada. Amo cada pedacinho!

E imaginar que nós temos tanto pela frente ainda... Me causa uma montanha-russa apenas com emoções boas!

 

2046- 42 anos- Ele

Sou definitivamente o homem mais feliz e sortudo do mundo!

Tenho 3 filhos lindos (dois meninos e uma menina), uma mulher que eu amo! Tenho eles, tenho tudo. São minha vida!

O que mais um mero mortal como eu poderia pedir para ser feliz?

É tão mágico ter aquela mulher que você sempre amou ao seu lado a todo momento, sendo a mãe dos seus filhos...

 

2082- 68 anos- Ela

Nossos filhos nossas prioridades, já estão tão grandes! Formando suas próprias famílias, estudando, trabalhando, conhecendo o mundo! A como eu os amo, como amo essa vida que construí ao lado de meu marido!

O meu amor (ah, o meu amor), já com tantos anos, mas cada vez mais vivo, mais real, como se fossemos ainda um casal de namorados, apenas adolescentes...

 

2096- 82 anos- Ele

Nós dois continuamos aqui, agora ainda mais juntos, já que nossos filhos já estão casados e com seus próprios filhos, uns menores, nos quais nós babamos em cima, outros já grandes, namorando ou casados, e a esses, eu desejo de todo meu coração, que eles amem seus maridos ou esposas assim como eu amo a minha, se isso for possível, claro! Meu amor de infância, de adolescência, de adulto, de velhice!

 

2098

Morreram juntos, durante a madrugada, um casal de senhores, lado a lado, enquanto dormiam. Morreram com um coração cheio de amor: cresceram se amando, envelheceram se amando, morreram se amando, e agora, se amarão para sempre.

É ai que eu te pergunto, pode uma criança amar? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...