História Poderes Da Juventude - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Explosões, Guerra, Magia, Super Poderes, Tsunamis
Visualizações 15
Palavras 1.439
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sci-Fi, Super Power, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Essa é uma fanfic loka q eu tô decidindo fazer ksksks gostei bastante da minha idéia e... Tá ai :)

Capítulo 1 - Nova teoria e Poderes


Fanfic / Fanfiction Poderes Da Juventude - Capítulo 1 - Nova teoria e Poderes

15/04/1912 às 00:00

Já fazia mais de vinte minutos que o Titanic bateu no iceberg, todos os passageiros, principalmente mulheres e crianças, estavam sendo mandados para o convés, a primeira, segunda e terceira salas das caldeiras já estavam inundadas pelas as águas geladas do oceano Atlântico, o capitão pediu para todos ficarem calmos, mas a maioria dos passageiros não escutaram.

15/04/1912 às 00:40

Todos no Titanic agora estão assustados, escutaram barulhos pertubadores e super altos, ninguém ali no Titanic sabia de onde vinha esse barulho horrível, parecia que o barulho a cada minuto estava mais próximo.

15/04/1912 às 01:40

O estibordo do Titanic já estava completamente inundado, o primeiro funil já tinha caído sobre as águas e o Titanic nesse momento, não tinha mais volta.

Todos assustados lutando para sobreviver, viram grandes tentáculos saírem das águas, eles começaram a atacar o Titanic, eram tentáculos gigantes.

15/04/1912 às 01:50

Vários tentáculos gigantes já estavam grudados no Titanic, um deles derrubou o segundo funil fazendo mais água entrar dentro do gigante, que agora estava em seus últimos momentos.

As luzes do Titanic se apagaram, estava agora tudo uma escuridão, e ninguém via nada, apenas a luz da Lua cobrindo o oceano.

Os tentáculos gigantes meio que fizeram o navio começar a se partir no meio, graça a força que os tentáculos gigantes estavam fazendo na popa do navio.

Um olho gigante junto com uma cabeça de polvo gigante apareceu sob a popa do Titanic, que estava praticamente sendo levantada, igual quando você pega o skate e pisa com força na frente dele.

O Titanic se partiu ao meio e a popa foi jogada para cima do polvo gigante, os tentáculos gigantes saíram de cima do Titanic e assim logo depois, o polvo gigante desapareceu deixando o Titanic ali ainda afundando e partido ao meio.

Em alguns minutos, o Titanic já tinha naufragado, o que todos viram ali, combinaram não contar para ninguém, mas... Aquela noite nunca séria esquecida.

Depois disso, muitos deram o nome para aquele polvo gigante de Kraken, mas nunca contaram para ninguém... Mas um dia, alguém iria descobrir a verdade... Os monstros existem e eles querem destruir a vida humana.

Dias Atuais às 11:56

-Bom alunos! E a aula de hoje foi essa! Gostaram dessa teoria? - A professora perguntou com um sorriso no rosto e ninguém respondeu.

-Então... Dispensados. - Disse a professora.

Todos os alunos saíram da sala de aula e alguns foram para o pátio, e outros foram logo embora.

-Nicole! Gostou da aula de história? - Perguntou Nicolas indo até sua amiga Nicole no meio do pátio.

-Eh... Gostei sim, mas não sei porque falam que isso é história! É só uma teoria... Affs... - Disse Nicole olhando para o lado.

-Mas você escutou o que ela disse? Monstros existem! - Disse Nicolas animado.

-Nossa, que mentira dela... Acorda Nicolas! É só uma teoria, mesma coisa falar que um dia eu teria super poderes para controlar o mundo. - Disse Nicole dando um sorriso olhando para Nicolas, os olhos dela ficaram azul por um tempo e logo voltaram ao normal.

-Nicole?! Seu olho! - Gritou Nicolas.

-Que foi garoto! Não me assusta! Pare de gritar também! - Disse a Nicole denovo e seu olho ficou vermelho.

-E-eh... Tchau Nicole a gente se vê! - Disse o Nicolas meio nervoso saindo correndo para fora do pátio.

-Nossa... Que garoto estranho, por que fui fazer amizade com ele... - Disse Nicole falando sozinha até ela sentir uma ardência nos olhos.

-O que tá acontecendo com os meus olhos? - Disse ela indo até o banheiro que era próximo dali e se vendo no espelho.

O espelho começou a tremer e seus olhos ficaram vermelhos na sua frente, ela ficou assustada e começou a se afastar enquanto o espelho tremia mais.

-Ei garota o que você tá fazendo aqui no banheiro masculino? - Perguntou Felipe, um garoto meio popular no colégio.

-SAI DAQUI! - Gritou Nicole.

-Ei! Você tá no banheiro errado e quer que eu saia? - Perguntou Felipe meio confuso.

Nicole gritou com todas as suas forças e as janelas e os espelhos do banheiro masculino se quebraram, logo os professores que estavam passando por ali viram e entraram no banheiro.

-Ei! O que está acontecendo aqui!? - Perguntou a professor de história.

-P-professora... - Disse Nicole com os olhos vermelhos.

-Nicole?! O que aconteceu com você? - Perguntou a professora se aproximando.

Todos os pedaços de vidro que estavam espalhados no banheiro começaram a levitar e ir em direção a professora.

-O que está acontecendo aqui? - Perguntou o supervisor aparecendo na porta.

-Eu sei lá! Ela deu a louca e agora os pedaços de vidro estão voando! Eu vou embora daqui! - Gritou Felipe correndo para fora do banheiro para logo ele ficou parado e começou a ser puxado pela Nicole que estava usando seu novo super poder... A telecinese.

-ELA TEM SUPER PODERES!!! MANDEM ELA PARA UM HOSPÍCIO! - Gritou Felipe que logo depois foi jogado no chão com muita força.

-Os olhos de Nicole estavam vermelhos, mas logo o outro olho ficou com a cor azul e ela começou a ficar assustada.

-P-professora... O que está acontecendo comigo? - Perguntou Nicole chorando assustada.

-Eu não sei... Eu vou te ajudar, me diga, o que sente? - Perguntou a professora.

-M-medo... - Respondeu Nicole.

-Isso é... Nicole, preciso que venha comigo, não diga isso a ninguém! E por favor, feche os olhos! Não abra os olhos! - Disse a professora.

-Eu vou chamar a polícia! - Gritou o supervisor.

-A POLICIA VAI RESOLVER ISSO SENHOR? - Perguntou a professora gritando.

Nicole abriu os olhos e olhou para o supervisor, seus olhos ficaram azuis e logo o supervisor ficou com os olhos negros, logo indo embora, logo os olhos de Nicole voltaram a ficar vermelhos.

-Eu disse para não abrir os olhos! O que você fez? - Perguntou a professora.

-E-eu... Não sei. - Disse Nicole chorando e fechando os olhos.

-Olha... Me siga, vamos ver o que você tem, eu vou te ajudar. - Disse a professora.

07/08/2017 às 14:30

-Porfavor, sente aqui. - Disse uma pessoa na cabeça de Nicole.

-O que? Quem é você? O que aconteceu? - Perguntou Nicole.

-Abra os olhos. - Disse a voz da professora.

Nicole abriu os olhos e viu uma sala limpa, cheia de coisas de médico e o próprio médico.

-O que estou fazendo aqui? - Perguntou a Nicole.

-Esse é Daniel, ele vai te examinar para ver o que aconteceu com você. - Disse a professora.

-E meus pais sabem que estou aqui? - Perguntou a Nicole.

-Não, mas depois a gente inventa uma desculpa. - Disse a professora dando um sorriso.

-Ok Nicole... Fique calma, irei ver o que está acontecendo com você. - Disse Daniel.

Daniel pediu para Nicole se deitar e logo ela se deitou, Daniel começou a examinar como estavam as batidas de seu coração e elas estavam normais, depois de algum tempo examinando umas coisas, pediu para Nicole se sentar, e ela se sentou.

Ele pegou uma lanterna e pediu para ela abrir os olhos, logo ele começou a ver os olhos delas para ver se tinha alguma coisa e os olhos dela ficaram vermelhos fazendo Daniel se assustar.

-Isso é muito estranho... - Disse o Daniel enquanto examinava o olho dela.

-Ja sabe o que ela tem? - Perguntou a professora.

-Não, mas eu já sei o que ela pode fazer. - Disse o Daniel começando a examinar o outro olho de Nicole.

Os olhos vermelhos de Nicole continuavam ali e logo coisas começaram a cair na sala, logo depois outras começaram a levitar.

-E-ela... Ela tem o poder da telecinese? Isso é facinante! Eu não sabia que isso podia acontecer... Isso é incrível! - Disse o Daniel.

Daniel continuou examinando os olhos de Nicole e a sua lanterna se virou na direção dele.

A lanterna foi jogada para longe e Daniel foi pegar a mesma, mas a lanterna começou a levitar e fugir de Daniel, fazendo Daniel ficar estressado.

-PARE COM ISSO AGORA NICOLE! AGORA! - Gritou Daniel e os olhos de Nicole ficaram azuis e ela começou a inclinar a cabeça devagar enquanto olhava para os olhos de Daniel.

-Nicole? Nicole o que está fazendo! - Perguntou a professora preocupada e com medo.

Os olhos de Daniel ficaram negros e ele foi até a porta e saiu dali da sala.

-Você tem o poder da telepatia ou algo assim? - Perguntou a professora.

O celular da professora tocou e ela se virou para atender e viu que era um número desconhecido, mesmo assim ela atendeu para ver quem era.

                     (Ligação)

-Alo quem é? - Perguntou a professora.

-Olhe para trás. - Disse uma voz baixa e a chamada foi desligada.

                   (Ligação Off)

 A professora com medo, olhou para trás e não viu Nicole ali, ela logo começou a ficar com medo.

-E se ela descobrir que não é a única? E se ela descobrir que tem o poder de controlar a própria Terra... - Disse a professora meio nervosa a assustada.










Notas Finais


Foi isso, até o próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...