História Poderes mágicos? - interativa {Hiatus} - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens Personagens Originais
Visualizações 19
Palavras 1.301
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 15 - Capítulo 6


Pov Yuri


Até hoje eu não entendo muita coisa sobre esses "poderes". Me sinto meio idiota, mas eu acho melhor não usar isso, sei lá, vai que dá alguma merda? 


Será que eu conto para alguém? Para meu appa e meu irmão não posso, não duvido nada que eles iriam surtar e, sei lá, me fazer usar isso todos os dias para limpar a casa. Os dois parecem que são crianças, meu irmão até que não, mas meu appa... é mais fácil eu ter mais maturidade do que ele.


Nesse momento eu estou no sofá da sala passando os canais da TV procurando o que fazer. Meu appa está trabalhando e meu irmão saiu com os amigos dele, pedi para ele me levar, mas, diz ele que "uma menina com um monte de meninos não cai bem". Kim Jeongmin, sabe aquele irmão chato? Então, é ele, não conheço pessoa pior. 


Poderia chamar minha mãe para sair comigo, mas se eu fizer isso, prevejo ela reclamando das minhas atitudes dizendo "você não se comporta como uma menina", ou das minhas roupas, "você só usa roupa de menino". Sempre gostei mais de roupas de meninos do que de meninas, por isso só uso roupa do tipo. Qualquer um que me visse pela primeira vez, poderia jurar que eu gosto de meninas, o que não é muito mentira. Já fiquei com algumas meninas, só que é muito complicado, além do preconceito aqui na Coréia, menina é muito complexa, se nem eu me aguento, as vezes, imagina uma outra menina em minha vida, é por isso que hoje eu namoro um menino e estou muito satisfeita, porém não vou mudar meu estilo.


Espera... namorado! 


Vou chamar o Jackson para vir aqui em casa. 


Peguei meu celular que estava em cima da mesinha de centro e disquei o número dele.


Jackson : Alô? 


Yuri : Oi, amor. Está ocupado hoje? 


Jackson : Não, por que? 


Yuri : Eu estou sem nada para fazer, você pode vir aqui em casa? Quero te ver. 


Jackson : Posso sim.


Yuri : Então venha agora! 


Jackson : Não acha melhor a gente se encontrar em outro lugar? 


Yuri : Não, eu estou sozinha, a gente pode... assistir um filme, ou... - falei com malícia. 


Jackson : "Ou" o quê, Sayuri? 


Yuri : Sei lá... - fingi inocência. 


Jackson : Não estou a fim de assistir filme, e já que você não vai falar, a gente pode sair.


Yuri : Aigoo! Eu não quero sair!


Jackson : Ta bom então, te vejo na pista de skate daqui 30 minutos. Tchau.


Yuri : Ah não, Jackson! - Antes que eu terminasse de falar ele desligou.


Filho da p***!


O que ele não pede sorrindo que eu não faço chorando...


Vamos lá, fazer o que, não é? 


Coloquei uma bermuda jeans, um tênis e um moletom, peguei meu skate e saí de casa.


###


Cheguei no local, ele estava encostado na parede mexendo no celular. Me aproximei de fininho sem que ele percebesse, quando estava consideravelmente perto, pulei na frente dele gritando. 


Jackson : Ai que susto, menina! - comecei a rir - não tem graça! 


Yuri : Tá... parei - deixei meu skate em qualquer lugar e me aproximei dele passando meus braços por seu pescoço. Ele corou um pouco. - Por que me fez sair de casa? - perguntei fingindo irritação. 


Jackson : Para você sair um pouco de casa. - ele ficou sem jeito - Yuri, estamos na rua. - falou se referindo a aproximação. 


- E daí? - disse me aproximando mais. 


Deixei um selar breve em seus lábios, eu era rebelde, porém, tinha consciência q a gente estava na rua. Ele corou muito, apertei suas bochechas. 


Yuri : Que coisa mais linda! - disse com a voz fina.


"De vez enquanto me pergunto quem é o homem da relação, eu ou ela?" Ouvi seu pensamento o que me fez parar e pensar na situação. "Boa pergunta" pensei.


Yuri : A gente vai andar ou não? - perguntei pegando meu skate. 


###


Após algumas horas andando de skate, resolvemos ir em alguma lanchonete. 


Quando entrarmos uma mulher veio reclamar. 


- Não pode entrar com isso aqui - Apontou para os skates. 


Yuri : Então segura para mim? - larguei meu skate na mão dela e entrei sentando em uma mesa. Jackson fez o mesmo segurando o riso. 


Jackson : Por que você é assim? 


Yuri : "Assim" como? 


Jackson : Deixa pra lá. 


O garçom chegou, fizemos nossos pedidos. 


Yuri : Eai? Como anda o trabalho? 


Jackson : Eu fui demitido. 


Yuri : Sério? Por que? 


Jackson : Por que eu comia tudo que tinha naquela sorveteira. 


Yuri : Triste, está procurando outro? 


Jackson : Estou pensando em fazer uma audição para a JYP.


Yuri : Wooow, que legal, te apoio, imagina eu namorando um k-idol, ia ser legal. 


Jackson : Por que você não faz também? Podemos ser trainees juntos. 


Yuri : Ah não, se fosse para mim entrar em um grupo, gostaria de boygroup, mas eu sou uma garota. 


Jackson : Você e essas suas idéias - revirou os olhos - Vamos tentar... as audições serão daqui um mês, você pode cortar o cabelo e se passar por um menino, você praticamente parece um...


Ouvir aqui para mim era quase um elogio. Acho que eu nasci em um sexo diferente do que eu realmente sou.


Yuri : Não sei se daria certo, e se a empresa não aceitar? 


Jackson : A empresa não precisa saber. 


Yuri : Como se fosse fácil, minha voz é fina e meu nome é de menina. 


Jackson : E daí? 


Yuri : Você não pensa, Jackson, até porque eu teria muitos haters.


Jackson : Aigoo! Você é muito teimosa! Nós vamos fazer a audição juntos, okay?


Yuri : Vai dar merda, vai dar merda. - comecei a cantar me rendendo. 


Jackson : Isso é um sim? - perguntou ansioso, afirmei com a cabeça - Eeeeeeba! Eu te amo, Yuri.


Yuri : Como você é interesseiro, só diz essas coisas quando quer alguma coisa. 


Jackson : Posso dizer quantas vezes você quiser, eu te amo, eu te amo, eu te amo.


Yuri : Tá, já deu.


Jackson : Deixa de ser fria e me responde. - revirei os olhos. 


Não sou muito de demonstrar meus sentimentos, eu acho que ações valem mais do que um "eu te amo".


Yuri : Eu te amo. - falei sem jeito. Ele sorriu


O garçom se aproximou com nossos pedidos.


###


Fomos para a minha casa, mal abri a porta de meu apartamento, Jackson avançou em mim em um beijo afoito, fui andando de costas até entrar dentro de casa, fechei a porta empurrando com um dos pés. 


Não percebi a presença de meu irmão na sala até ele se pronunciar. 


Jungmin : Hey! Se comam no quarto, por favor! 


Jackson separou na hora corando. 


Yuri : Fica shiu aí, não reclamo quando você trás o seu namoradinho aqui em casa. 


Jackson : Como é que é? Ouvi bem? Jungmin está namorando um menino? 


Yuri : Pois é, meu amigo... Até que ele é fofo...


Jungmin : Cala a boca, Yuri! 


Yuri : O quê? Só estou falando a verdade. 


Jungmin : O appa está casa. - falou baixo. 


Yuri : Ah, desculpa.


Jackson : O appa de vocês não sabe? 


Yuri : Não, o Minnie tem medo de contar para ele e ele não reagir bem. O que eu acho uma besteira porque você sabe como ele é de boa. Quando eu disse que estava ficando com uma garota, ele apenas disse que queria conhece-lá e que independente se for homem ou mulher, o importante é o sentimento. 


Jackson : Pois é...


Jungmin : Eu sei, mas não é para contar, Yuri! Não ainda...


Yuri : Tá, eu não vou contar. - revirei os olhos. 


Puxei a mão de Jackson até meu quarto. 


Yuri : Appa! Cheguei! O Jack está aqui! - gritei antes de entrar no quarto.


Notas Finais


Por favor! Me perdoem por demorar tanto para postar! Eu realmente estou com um certo bloqueio desta fic. Mas eu juro que não irei desistir, okay? Okay...

gostaram deste cap? A Sayuri é uma amiga minha q se sente exatamente assim. E eu sou totalmente ao contrário. Comentem, isso me incentiva mt.

Me dêem sugestões de quem pode ser no próximo cap e o q vai acontecer. São vocês que fazem está fic, não é a toa q ela é interativa.

Me desculpem por qualquer erro, eu não recusei.

Mas enfim... Já falei demais... flw!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...