História Poemas de uma Suicida - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Auto-mutilação, Poemas, Poesias, Suícidio
Exibições 24
Palavras 170
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Mistério, Misticismo, Poesias
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 23 - Eu só quero morrer


Eu só quero morrer

Faduli

 

Teu sorriso de orgulho

 

meu mundo caiu

 

Tua face alegre

 

Tua boca em um sorriso me elogiava

 

Mas eu via em teus olhos

 

A realidade que eu esqueci

 

EU SÓ QUERO MORRER!

 

A realidade não quero viver

 

Mas o mérito foi meu

 

Aquele poema não era teu

 

Eu escrevi

 

Quase morri

 

Meu coração espedaçado

 

Quer te dar um recado

 

EU SÓ QUERO...

 

que acabe tudo

 

Suma do meu mundo

 

Você é um péssimo pai

 

Grosseiro, estúpido...

 

EU SÓ QUERO MORRER!

 

Minha mãe também

 

gravidez indesejada

 

Criada como uma inútil

 

Sinto-me fútil

 

Me faz sentir pior

 

A culpa 'minha

 

Sempre minha...

 

EU SÓ QUERO MORRER!

 

Realidade não quero viver

 

Meus irmãos me odeiam

 

Pra eles até uma

 

criança

 

de dois anos

 

Se comporta melhor

 

...

 

Eu sofro também

 

Sua ignorância bate em meu coração e dói

 

...

 

Ele se destrói

 

EU SÓ QUERO MORRER!

 

Eu sei que tenho amigos

 

Com eles, consigo até ensaiar um sorriso

 

Um recado para estes amigos.

 

Desculpe se eu não aguentei

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...