História Poemas Monótonos de um jovem Monótono - Capítulo 42


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Poemas
Visualizações 21
Palavras 92
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Um sorriso pode esconder muita coisa, lagrimas, uma intenção assassina, mas as vezes, não temos porque sorrir

Capítulo 42 - Sorriso


Sempre que via seu sorriso

Meu dia ficava mais bonito

Lembro dos momentos bons

Onde juntamos os nossos corações

 

Uma época distante

Onde tudo era diferente

Hoje você não está aqui

Então não consigo mais sorrir

 

Por que teve que acabar?

Por que teve que me deixar?

Mais uma vez estou sozinho

Apenas com a lembrança do seu sorriso

 

Um sorriso acolhedor

Que me trouxe calor

Que agora se foi

E tudo se acabou

 

Não existe mais riso

Apenas um vento frio

Pois não tenho porque sorrir

Já que não está aqui


Notas Finais


Espero que gostem, forte abraço.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...