História Poesias para lembrar-se de mim - Capítulo 49


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Amor, Mutilação, Paixão, Poemas, Poesias, Romance, Sentimento, Suícidio
Exibições 18
Palavras 164
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Poesias, Romance e Novela
Avisos: Mutilação, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Olá! Essa poesia foi inspirada na música "O Paulista - Codinome Winchester".Sugerida pela ~miaats.

Capítulo 49 - O paulista


Ela não conseguia mais dormir
Passava às noites
Querendo um abraço
Se sentindo tão sozinha
Querendo apenas
Um carinho de ti

Mais um dia se passa
Sem saber quem é ela
Mais um dia se passa
Sem um amor ao lado dela

Não acredita na sorte
Mas vive brincando com o azar
Quando está desesperada
Tem vontade de rezar
Mas às vezes
Acha que é hora de partir
Simplesmente não sabe
Qual é o sentido da vida
Não existe saída
Só quer dormir

Ensinaram que a vida
Não passa além de uma corrida
Mas ela não quer entrar
Na competição
Se não existe saída
Ela segue somente
As batidas do seu coração

E ela pensa nele
Olhando a lua
Pela janela
Mas ele nem sabe
Quem é ela

Passa as horas cantando
Mas ninguém consegue escutá-la
Cansou da vida sussurrar,
Agora ela quer
Ver a vida GRITAR!

Se não existe saída
Ela não está nem aí
Agora ela quer ver
A vida GRITAR SIM!

Notas Finais


Ainda irei fazer a poesia da "Música Sem Nome - Tópaz".Até essa semana ela estará pronta!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...