História Pokemon: Dark Version - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Tags Aventura, Mangá, Pokémon
Visualizações 14
Palavras 870
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Luta, Saga, Shounen
Avisos: Heterossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Se quiserem eu posto nas notas finais as traduções dos golpes

Capítulo 1 - Velho mundo de aventuras


                Um pequeno Spearow batia na janela, era um dia frio e chuvoso, logo quando ele levantou e abriu a janela o jovem Pokémon pode entrar e causar a maior bagunça no quarto, irado por ter o deixado fora de casa:

                - Ok, eu já entendi. Você está irritado, pois te deixei lá fora ontem. Foi mal, mas você não parava de me bicar a noite, Heavy

                - SHAD! Desce logo, o professor está te esperando!

                No mesmo tempo ele saiu o mais rápido possível do quarto deixando o pobre Spin triste, até mesmo o Pokémon sabia que já era mais que à hora daquele jovem adolescente começar a sua jornada:

                - Rápido! O Professor Carvalho disse que se você adiar isso mais uma vez ele não vai te dar a pokedex.

                - Eu sei mãe. A gente se vê. – Ele saiu sem nem fechar a porta.

                O laboratório era a poucos metros da casa. Antes de entrar ele fez uma pausa, recitou algumas frases dos livros de guia e com toda a certeza e determinação finalmente entrou naquele laboratório:

                - Pensei que ia desistir de novo – O professor coçava seu cabelo grisalho, um pouco indignado, era a primeira vez que um treinador começava sua jornada depois dos 10 anos. – Francamente... Venha logo aqui e escolha seu inicial.

                - Charmander.

                - Nem ao menos pensou. Não esperava menos de você Shadow. Poderia me dizer o porque dessa escolha?

                - O primeiro Pokémon do Red foi um Bulbassauro. Não vou vencer ele se usar o mesmo ou um Squirtle.

                - Esses jovens.... Bem, você demorou 5 anos para fazer essa escolha então é bom que tenha sido tão rápido. Pegue sua pokedex, você pode escolher um nome para ele.

                Ele soltou o tímido charmander, que se escondeu atrás das pernas do professor, ele parecia ter medo, mas encarava Shadow como se quisesse batalhar contra ele.

                - Hahaha. Parece que ele não gostou de você, Shadow, se quiser pode escolher outro.

                - Não, será ele mesmo – Shadow se abaixou e chegou próximo ao Pokémon. – Você não é medroso, o jeito que me encara me faz ter respeito por você. Venha, vamos ser os melhores dos melhores. Juntos conquistaremos a liga mundial, Metal. Gostou do nome?

                Metal deu um aceno tímido e rápido, saiu aos poucos de trás do professor e finalmente encontrou com Shadow, acabou pulando nas costas dele, foi uma cena bonita de treinador e Pokémon.

                - Tome algumas pokebolas e essas poções. Boa sorte, Red vai gostar de saber que você finalmente iniciou a Jornada.

                - Por favor, avise para ele que seu titulo está chegando ao fim.

                Logo atrás da porta sua mãe o esperava junto do pequeno Spearow. Shadow saiu tão apressado que acabou esbarrando e derrubando ela. Ambos caíram e Heavy ficou bicando o rapaz até ele levantar.

                - M-Me desculpe mãe. O que a senhora faz aqui?

                - Eu estou preocupada, você é meu filho, só tem 15 anos e está saindo tão cedo de casa.

                - Nem vem com essa. Eu demorei muito e agora não vou desistir. E outra, minhas irmãs começaram a viajem com 10 anos.

                - Você tem razão, sabe como sua mãe é, aqueles eram outros tempos. – Ela respirou fundo e com algumas lagrimas falou – Leve o Heavy com você e por favor mantenha contato.

                                               ****

                Um grupo de ratata fugiam e quase atropelaram Shadow. Atrás deles alguns homens de roupa colorida e colada corriam com pokebolas e redes. Era um grupo estranho, eles possuíam cachecóis coloridos e os usavam para pegar os Pokémon.

                - Rápido, capturem! Precisamos desses Ratata para a pesquisa do chefe Wanter.

                Shadow estava escondido atrás das arvores da floresta de Veridiana. Ele colocou Metal em uma pokebola e andou sorrateiramente atrás daqueles homens. Devagar ele começou a retirar algumas pokebolas dos cintos, cada um possuía uns dois ou três Pokémon.

                - Metal, Scratch nas pernas deles! Heavy Steel Wing nas redes!.

                - Mas o que? - Meio atordoados eles tentaram pegar suas pokebolas mas todas estavam nas mãos de Shadow. – Peguem o pirralho! Ele tem nossos Pokemon

                - Heavy, Tackle no meio deles! – Assim que eles abriram caminho – Metal! Amber no lider deles!.

                Os demais membros começaram a fugir enquanto Shadow falava com o chefe deles. Ele parecia nervoso, suava bastante e tremia um pouco, exibia medo de algo que Shadow não conseguia entender

                - Droga, senhor Wanter vai acabar comigo, isso é um ultraje para o Team Fantasy.

                - Ultraje é você machucar e retirar dos lares esses pobres Pokemon. – Ele estava realmente bravo.

                - Pare de hipocrisa garoto. Você promove batalhas com esses animais e retirar eles de seu habitat, você não é diferente de nós!

                Shadow, possesso de raiva, deu um chute no rosto do vilão e o deixou caido, depois pegou as pokebolas que havia roubado e as jogou no chão.

                - Liberte esses Pokemon e saia daqui. Não quero ver você ou qualquer maluco desse tal “Team Fantasy” por aqui.

                Shadow deu as costas e continuo para Pewter. Ficou se perguntanto, será que ele era realmente igual a aqueles bandidos? Poderia ele estar maltratando aquilo que mais admirava? Em todos esses 5 anos estudando era a primeira vez que refletia suas ações.

 

                  

                

                

 

                  

                


Notas Finais


Obrigado por ler, passe no meu perfil e confira a outra fanfic sobre rosario+vampire; Nos vemos no próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...