História Pokémon Legends - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Brendan, Max, May, Personagens Originais, Professor Birch
Tags Anime, Aventura, Comedia, Mangá, Pokémon, Pokémon Legends
Exibições 7
Palavras 1.638
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mais um capítulo novinho para nós galera!!!



Boa leitura e até o próximo capítulo o/

Capítulo 25 - Mega-Exaustão!


-Narrador- Pelas estradas de terra que ligam as diversas cidades e outros locais da região de Hoenn, nossos heróis junto do professor Birch seguem viagem para Petalburg city onde Luke espera obter mais uma insígnia da liga Pokémon, sua quinta na região.

-Luke- Muita coisa aconteceu desde que cheguei aqui... – O jovem pensa enquanto está deitado no banco do jipe do professor, observando sua recém ganhada pedra chave, que foi acoplada em sua luva. – Meu Pokémon inicial, novas capturas, batalhas de ginásio e insígnias... além de novas pessoas, Brendan, Max, May... – Luke agora começa a corar levemente. – Ela foi uma garota tão boa e gentil comigo, sempre me apoiando quando eu precisei, ela é divertida e uma ótima companheira, e é um pouco bonita també.... NÃO NÃO NÃO!  Luke Stylber! Você não está gostando dela! Não mesmo! – Ele começa a se repreender agora balançando a cabeça negativamente, sozinho.

-Jack- Aconteceu alguma coisa? – Ele pergunta com um olhar estranho para Luke.

-Luke- Não... não foi nada. – Luke diz de uma forma engraçada tentando esconder sua cara de vergonha.

-Jack- Unh... – Ele bufa ainda desconfiado.

-Birch- Chegamos pessoal! – Mais uma vez Birch fala com todo seu entusiasmo perante a situação. – Petalburg City, a parada de vocês. – Ele diz olhando para o grupo que estava na parte de trás do veículo.

-Sarah- Finalmente chegamos. – A pequena comenta com toda sua alegria.

-May- Hora de sua batalha Luke. – A garota diz alegremente com os olhos cerrados.

-Luke- Isso mesmo... – Luke responde da mesma forma.

-Max- Não será tão fácil assim jovem treinador, meu pai vai mostrar as grandes habilidades que ele adquiriu vencendo inexperientes como você. – Max pensa depositando toda sua confiança em seu pai.

-Jack- Obrigado pela carona professor. – Jack agradece descendo do veículo. – Foi de grande ajuda para nós. – Ele diz já do lado de fora e acenando para o professor.

-May- De fato! – May exclama em concordância com Jack.

-Luke- É verdade. – Ele também concorda. – E obrigado pela ajudinha aqui. – Luke diz entre risos enquanto mostra sua Pedra chave ao professor.

-Birch- Não foi nada pessoal, fico feliz em ajudar. – O professor responde educadamente. - Espero ver vocês muito em breve, até mais. – Diz ele acelerando em direção ao seu laboratório.

- Até! – O grupo grita para o homem que já estava se afastando.

-Jack- Vamos procurar por seus pais May. – O jovem sugere, todos concordam e assim adentram mais a cidade, até seu centro.

-Max- Bonita como sempre. – Ele fala enquanto observa a beleza da cidade quase no fim de tarde.

-Luke- Realmente! – Luke concorda também observando, e distraído pela visão acaba se esbarrando em alguém e os dois caem no chão.

-Mil perdões, eu não queria acertar você. – A pessoa que possuía uma voz masculina se levanta rapidamente e se curva perante Luke, em sinal de desculpas.

-Luke- Não foi nada. – Ele diz se levantando sorrindo. – O erro foi meu. – Levantado ele coça sua nuca envergonhado. – Prazer Luke Stylber. – Ele oferece um aperto de mãos.

- Prazer Jeremy Kondol, ou apenas Jerry hum hum... – O garoto que aparentava ser da mesma idade de Luke responde apertando a mão de Luke. – Você... você é um treinador não é? – Jerry logo pergunta.

-Luke- Sim por quê?

-Jerry- Notei pelo seu estilo, também sou um. – Ele comenta observando Luke de cima a baixo.

-May- Oi... prazer sou May... – A toda simpática garota chega se apresentando ao jovem.

-Jerry- Prazer May! – Ele acena para ela amigavelmente. – Olá para vocês também. – Jerry fala para os outros do grupo, todos respondem.

-Luke- Então Jerry, você deseja participar da Liga Pokémon em Hoenn? – Luke pergunta ao jovem.

-Jerry- Naaah... Eu não pretendo, gosto apenas de batalhar amistosamente, competições são diferentes... – Ele responde negativamente enquanto coça a nuca.

-Luke- Já que é assim, porque não batalhamos agora? – O jovem diz empolgado, não esperando algo negativo.

-Jerry- Por que não? – Ele responde sorridente e se preparando para batalhar. – Tenho colecionado um bom número de vitórias consecutivas ultimamente, então boa sorte. – Jerry diz orgulhoso de si mesmo, mas não sendo convencido.

-Luke- Melhor assim. – Luke comenta quase não aguentando de ansiedade.

-Jack- Se os dois me permitem serei o juiz desta batalha. – Os treinadores concordam. – Então vamos lá, cada treinador terá direito a apenas um Pokémon nesta batalha e obviamente, sem nenhum direito a trocas. Prontos? – Jack pergunta após explicar as regras.

-Luke/Jerry- Sim. – Os dois respondem rápida e friamente.

-Jack- Então que comece! – Algumas pessoas que estavam passando sem rumo pelo local pararam e começaram a assistir a batalha.

-Luke- Blaziken vamos com tudo. – Luke diz arremessando a Pokébola do respectivo Pokémon.

-Jerry- É com você amigão... – O jovem faz o mesmo, e da esfera sai um Tyranitar.

-Max- Os dois estão equilibrados, cada um com sua vantagem. – O garoto comenta analisando a tipologia de cada Pokémon.

-Luke- Blaziken... use Double Kick! – Ele ordena ao companheiro.

-Jerry- Use Stone Edge! – O treinador também manda seu ataque.

-Bla.../Tar! – Tyranitar faz diversas pedras se elevarem no intuito de acertarem Blaziken que usa seus poderosos chutes para fazerem todas se quebrarem, ninguém sai ferido.

-Luke- Certo, use toda sua força para acertá-lo! – Luke exclama para seu Pokémon.

-Blaaziiikeeeeeen!!! – O Pokémon se joga contra o oponente o acertando diversas vezes, o ataque Close Combat, Tyranitar sai um pouco ferido.

-Jerry- Tudo bem, aproveite a brecha e use Earthquake. – O jovem se aproveita da situação.

-Tyranitaaar! – O grande Pokémon obedece e causa um grande tremor que acerta em cheio Blaziken que sai bastante ferido.

-Luke- Droga... – Luke pensa um pouco e decide arriscar. – Blaziken, é hora de ficarmos mais fortes. – Ele começa a dizer e o Pokémon percebe que sua Mega Pedra (que está em seu punho) começa a brilhar.

-Max- Ele vai tentar mesmo? – Max se surpreende com a ideia de Luke.

-May- Mas ele não está pronto. – Ela diz preocupada.

-Luke- Nosso verdadeiro poder será revelado! – Luke diz levantando o braço que contém a Pedra Chave. – Mais forte que a evolução... Mega-Evolução! – O jovem exclama e finalmente toca em sua Pedra Chave, logo após isso o processo de transformação começa, e alguns segundos depois, Mega Blaziken surge no campo de batalha.

-Jerry- Impressionante ele possuir o poder da Mega-Evolução. – Ele sussurra para si mesmo.

-Luke- Agora sim somos um Blaziken... Use Double Kick. – Rapidamente o Pokémon avança como um flash de luz ocasionado pela intensa chama que sai de si e ataca fortemente o Pokémon oponente que cambaleia. – Boa... – Luke parabeniza.

-Jerry- Earthquake! – Jeremy tenta contra-atacar.

-Nitar! – O Pokémon manda o mesmo tremor, mas Blaziken consegue se esquivar facilmente pulando sobre o ataque.

-Sarah- Uau... ele é tão ágil quanto forte... – A pequena fala totalmente impressionada pela exibição do grande Pokémon.

-Luke- Somos mesmo fortes! – O jovem começa a pensar que já ganhou a batalha. – Acabe com Close Combat! – O Pokémon obedece, mas antes de atingir o alvo é surpreendido pelo ataque surf vindo de Tyranitar, Blaziken se fere bastante pela super efetividade, mas se levanta.

-Jerry- Ainda não! – Ele repreende.

-Luke- Blaziken use Flamethrower! – O Pokémon obedece e lança o ataque que bate de frente com o surf do oponente e mesmo tendo desvantagem vence e atinge poderosamente o adversário.

-Jerry- Aguente Tyranitar! – O treinador tenta encorajar o Pokémon, mas ele ainda fica desnorteado, porém de pé.

-Luke- Agora sim... use... – Antes de terminar o comando, toda a força vinda dos dois se acaba, fazendo treinador e Pokémon caírem no chão, Blaziken desacordado e Luke fraco.

-Jack- Luke! – O jovem corre preocupado com o irmão.

-May- O que aconteceu? – May quase desesperada pergunta.

-Jerry- Eu devia saber... – O garoto percebe o que aconteceu com o treinador. – Vocês com certeza não estão prontos para usarem o poder da mega evolução. – Enquanto a multidão que se reuniu após a transformação estava se dispersando, o jovem treinador se aproximava de Luke.

-Luke- Como assim? – Ele pergunta ainda com a voz um pouco fraca.

-Jerry- Você e seu Pokémon não estavam suficientemente sincronizados e por isso o poder foi maior. – Ele explica calmamente. – Enquanto você e seu Pokémon não puderem suportar a fraqueza juntos, nunca vão suportar tamanho poder envolvido na Mega-Evolução. – Jerry comenta ajudando Luke junto de Jack a se levantar, os outros também se aproximam.

-Luke- Precisamos nos fortificar mais... – Ele diz tristemente retornando Blaziken a sua Pokébola.

-Jerry- Você deve treinar mais, evoluir mais, junto de seu Pokémon até vocês dois criarem um laço resistente. – Jerry dá a dica e logo após isso dá as costas ao grupo. – Até a próxima Luke, não sou o melhor em sugestões, mas desta vez ouça meu conselho. – Luke balança a cabe positivamente, e assim Jerry segue seu caminho.

-Jack- Ele parece ser experiente. – O jovem comenta e todos concordam.

-Bela batalha treinador. – Uma voz familiar a May e Max é ouvida. – Aliás, oi pessoal. – Norman se revela junto de sua esposa Caroline.

-May/Max- Pai!/Mãe! – Os irmãos correm e abraçam seus pais, Luke, Jack e Sarah observam a cena alegremente.

-Norman- Já faz um tempo não é? – O patriarca pergunta, mas os dois apenas contnuam o abraçando.

-Luke- Olá senhor Norman, senhora Caroline. – O jovem gentilmente os cumprimenta, Jack e Sarah fazem o mesmo.

-Norman- Então você voltou Luke. – Norman o observa. – A julgar pela sua aparência vocês devem estar cansados. – Ele sugere.

-May- Ultimamente tem sido longos dias mesmo. – Ela diz após soltar o pai.

-Luke- Sim... mas não é por isso que vou perder minha batalha com o você. – Luke comenta sorrindo.

-Norman- Esse é o espírito. – O grande treinador responde.

-Caroline- Está quase de noite agora, porque vocês não passam a noite em nossa casa e amanhã batalham? – Caroline dá uma grande ideia.

-Jack- Claro porque não? – Ele responde. – Certo Luke?

-Luke- Tudo bem. – O treinador diz conformado. – Vamos lá então. – Ele diz e assim todos seguem em direção à casa do grande treinador e líder de ginásio Norman!

Continua....


Notas Finais


Mega-Fail
Tente de novo outra vez ;)

Obrigado por ter lido até aqui e vejo você no próximo capítulo \o/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...