História PokéTrainers (Reescrita) - Capítulo 14


Escrita por: ~ e ~Matheus_Xavier

Postado
Categorias Pokémon
Tags Luta, Pokémon, Pokétrainers, Tortura
Exibições 39
Palavras 3.276
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Harem, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Shounen, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá treinadores, tudo bem?

Primeiro, me desculpem mesmo por demorar para postar o episódio ;-; ia terminar e postar ele ontem, porém teve uns problemas aqui em casa, então resolvi deixar para amanhã (que no caso, seria hoje)

Bem, acho que já estão se cansando de ver tantas lutas seguidas, mas não se preocupem, depois, prometo dar uma descansada para vocês ^^

Com tudo explicado, espero que gostem, e perdoem-me por qualquer erro ^^

Capítulo 14 - Nícolas vs Jin - Ardência eletrizante!


Fanfic / Fanfiction PokéTrainers (Reescrita) - Capítulo 14 - Nícolas vs Jin - Ardência eletrizante!

 

Petallet Village - Makin

 

“Meu Arceus… A Bia ficou tão forte assim?” – Questionou Elize mentalmente, surpresa com o resultado. “Nem parece aquela garotinha frágil que conhecemos…”

 

    Após assistir a luta de Bia e Gonçalo, Elize ficou surpreendida do quão forte os jovens haviam ficados no decorrer de sua jornada. A mulher mantinha-se em seu sofá, com os olhos vidrados na tela plana, sua Emolga estava tirando um breve cochilo no colo de sua dona.

 

    Fortes barulhos de estouro eram ouvidos da cozinha. Elize estava fazendo pipoca para comer enquanto assistia o torneio.

 

“Agora… Quem vai lutar?” – Questionou novamente, um pouco curiosa. “Será que meu filhinho vai conseguir chegar na final?”

 

    Um leve cheiro de queimado tomou conta da sala de estar, incomodando a mulher um pouco, que foi obrigada a tapar seu nariz com a mão. A pipoca estava queimando.

 

— Droga! A pipoca! – Gritou ela, levantando-se bruscamente e correndo para a cozinha, fazendo Emolga cair de cara no chão.

 

— E-Emo… – Choramingou a pequena pokémon elétrica.

 

— Consegui salvar a maioria! – Comemorou Elize, com um pote vermelho cheio de pipoca, poucas estavam queimadas. A mulher voltou a se sentar em seu sofá, comendo seu lanche enquanto fitava a televisão. — Mais um pouco, e todas iam pro lixo…

 

— Emo! – Emolga pulou para o sofá outra vez, pegando e comendo uma pipoca, porém fez uma careta horrível, e a cuspiu na hora.

 

— Cuidado, algumas estão queimadas, acho melhor prestar atenção e escolhê-las bem. – Brincou a mulher, porém também fez uma careta, e cuspiu as pipocas em sua boca. — I-isso também serve para mim…

 

    As duas caíram na risada, e voltaram seus olhares para a televisão de tela plana.

 

Steel Down Town - Parte Central - Makin

 

— Vamos para a próxima luta, e ela será entre… – Maria olhou para um papel em cima da mesa, lendo os nomes dos participantes. — Suhiro Jin e Nícolas!

 

— Caham… Maria, é Tsuguro, não Suhiro… – Avisou Sul, disfarçando.

 

— Sim, claro. Peço perdão, a luta será entre Tsugiro Jin e Nícolas! – Corrigiu Maria, fazendo Sul cair da cadeira.

 

— É TSUGURO! – Gritou a mulher.

 

— Desculpa! – Perdoou-se, se escondendo atrás de seus braços com medo de Sul.

 

— Ninguém acerta meu nome de primeira… – Choramingou Jin, se encolhendo deprimido.

 

— Deixa disso cara, é nossa vez de lutar. – Nícolas consolou o amigo, dando leves tapas em suas costas.

 

— Eu também ficaria triste se tivesse um nome complicado como o dele… – Brincou Matheus.

 

— Então será vocês dois que irão lutar… – Analisou Pietro. — Bem, boa sorte para os dois.

 

— Valeu! – Os dois loiros disseram em um coro perfeito.

 

    Os dois se posicionaram no campo de batalha – Nícolas na direita, e Jin na esquerda – e sacaram suas pokébolas, os dois jovens mantinham-se com um sorriso confiante no rosto, não escondendo a ansiedade de começar a luta.

 

— Muito bem! Que comece a luta! – Gritou Sul.

 

— Vão! – Gritaram os dois em coro, lançando suas pokébolas.

 

    As duas esferas se abriram, materializando dois pokémon, o de Nícolas era quadrúpede, com vários espinhos em seu corpo parecidos com raios. O brilho cessou, revelando a verdadeira coloração do pokémon, sendo verde claro, Matheus apontou P.A.N em direção ao pokémon, e a mesma o analisou:

 

Jolteon - O pokémon Relâmpago - Forma evoluída de Eevee

Este pokémon acumula íons negativos na atmosfera, conseguindo disparar relâmpagos de 10.000 volts.

Forma atual do pokémon: Jolteon Shiny

 

    O feixe de Jin se materializou em um pequeno pokémon bípede amarelo, com listras pretas por todo seu corpo, e dois chifres semelhantes a uma tomada, P.A.N o analisou:

 

Elekid - O pokémon Elétrico

Elekid armazena eletricidade em seu corpo. Se tocar em metal, irá descarregar acidentalmente toda a sua eletricidade acumulada, este Pokémon começa a balançar os braços em círculos para recarregar-se.

 

— Dois pokémon elétricos… Isso vai ser legal de se ver… – Murmurou Pietro, abrindo um sorriso de canto.

 

— Você e Bia sabem como eu batalho, então essa será uma luta difícil… – Comentou Jin, abrindo um sorriso vitorioso. — Adoro desafios…

 

— Vamos ver se consegue prever todos meus movimentos! Jolteon, Quick Attack! – Ordenou Nícolas, seu Jolteon disparou em alta velocidade, com uma aura branca em torno de si, aproximando-se de Elekid velozmente.

 

— Heh… Zuko, Thunder Punch no chão! – O pequeno pokémon amarelo ergueu seu punho, fortes trovões o cercaram, e o mesmo desferiu um potente soco no chão, levantando rochas em torno de si, defendendo-se da investida veloz de seu oponente. — Agora, salte e use o Thunderbolt!

 

    Como ordenado, Elekid, nomeado de Zuko, saltou, saindo de sua proteção de rochas, uma forte aura elétrica o rodeou, sem pensar duas vezes, disparou fortes raios na direção de Jolteon.

 

— Intercepte! Charge Beam! – O cão elétrico abriu sua boca, nela uma pequena esfera elétrica criou-se, e um fino raio amarelo interceptou o ataque de Elekid, causando uma explosão, levantando assim uma densa poeira. — Agora, Double Kick!

 

    A forte poeira se dissipou na hora, Jolteon deu um forte salto, e desferiu um chute na barriga de Elekid, logo depois – com um giro – deu um chute vertical em sua cabeça, jogando-o no chão um pouco tonto.

 

Charge Beam! – Outra vez, Jolteon disparou um raio amarelo de sua boca, porém este estava maior e mais forte.

 

Brick Break! – O Elekid chamado Zuko se levantou balançando sua cabeça, livrando-se de sua tontura, no processo, ergueu suas mãos, e as cruzaram cima à sua cabeça em forma de X, cortando ao meio o ataque de Jolteon. — Electro Ball!

 

    Após cessar o golpe do inimigo, Elekid criou uma esfera elétrica em suas mãos, e a lançou contra Jolteon. Porém o mesmo a chutou para o alto, explodindo-a. Jolteon aterrissou no chão, encarando fixamente seu oponente com um sorriso.

 

— Agora Jolteon, Dig! – O pokémon Shiny mergulhou no solo, cavando um túnel.

 

— Fique atento a qualquer barulho, Zuko! – Avisou Jin, e seu Elekid assentiu.

 

Discharge Underground! – Gritou Nícolas.

 

    A arena inteira começou a tremer, um forte grito de Jolteon foi ouvido. Fortes trovões começaram a sair do chão de todos os lados, acompanhados também por rochas, surpreendendo tanto Jin, quanto Elekid.

 

— Quebre as rochas com Brick Break! – Elekid ergueu seu braço direito, e começou a golpear todas as rochas que voaram em sua direção, quebrando-as, transformando-as em mero pó.

 

— O que eu queria, Swift! – O pokémon Shiny surgiu debaixo de Elekid, dando-lhe uma cabeçada e jogando o mesmo para o alto, seu corpo rodeou-se de estrelas, com um grito, todas elas dispararam-se em direção a Zuko.

 

— Revide com Swift também! – Ordenou Jin, seu Elekid se rodeou por estrelas também, e apontou seus braços em direção à Jolteon, lançando-as.

 

    Todas as estrelas se colidiram, explodindo-as e fazendo brilhos dourados ofuscarem para todos os lados. Todos presentes se surpreenderam, aplaudindo o espetáculo que estavam presenciando.

 

    Elekid aterrissou frente à seu treinador, um pouco ofegante, o mesmo era para Jolteon, o pokémon Shiny cambaleava de cansaço. Porém nenhum dos dois queria desistir.

 

— Incrível… Parece que Jin sabe os movimentos que o Nícolas vai usar… – Comentou Leo, impressionado com a luta.

 

— Jin é um excelente observador, ele consegue deduzir o que seu oponente vai fazer, e atacar antes do mesmo der um comando. – Explicou Bia no momento explicação.

 

— E como ele pode deduzir uma coisa que ainda nem aconteceu? – Perguntou Matheus, com uma gota, fitando a amiga.

 

— Pelo que ele nos disse, seu pai e seu avô eram excelentes treinadores, ele via os combates deles todo dia, então ficou bom em observar o seu oponente. – A garota explicou novamente.

 

— Isso não é uma boa desculpa, sabia…? – Comentou o moreno, com uma gota maior.

 

— Pode até não ser uma boa desculpa se for uma vez ou outra, mas se presenciar todo santo dia, ajuda e tanto. – Comentou Pietro.

 

— Já que vocês dois sabem disso, é meio difícil do Jin desafiar os dois, não? – Perguntou Gonçalo, e Bia assentiu.

 

— Na verdade, é difícil para ambos os lados, como ele “prevê” nossos ataques, tentamos ser os mais imprevisíveis possível. – Disse ela, coçando a nuca.

 

— Outro motivo pro competitivo ser complicado pra caramba. – Brincou Rodrigo.

 

— Está bem difícil de prever seus movimentos… – Comentou Jin, ofegante e sorrindo.

 

— Também está bem difícil para manter-me nesse ritmo… – Respondeu Nícolas, do mesmo estado que seu amigo. — Vamos Jolteon, Quick Attack!

 

Brick Break! – Ordenou o garoto de cachecol.

 

    Os dois pokémon elétricos dispararam, Jolteon se rodeou por uma aura branca, e conseguiu se aproximar velozmente de seu oponente. Ao ver seu inimigo próximo de si, Elekid ergueu seus braços, e começou a desferir golpes verticais, porém o pokémon Shiny conseguia desviar de todos com sua velocidade.

 

— Agora, Bite! – Ordenou Nícolas.

 

    Elekid acertou seu golpe no chão, rachando-o e prendendo seu braço no mesmo. Jolteon aproveitou a situação, e deu uma forte mordida no outro braço de seu adversário, causando-lhe uma dor absurda.

 

— Eu não queria usar isso, mas já vi que não tenho muitas escolhas. – Comentou Jin, suando frio, porém mantendo seu sorriso vitorioso. — Agarre o Jolteon com Brick Break!

 

    Com um forte impulso em seu braço, Elekid conseguiu libertar seu braço preso, antes de Jolteon conseguir soltá-lo, o pequeno pokémon amarelo desferiu um forte golpe em suas costas, deixando-o tonto. Logo após, o envolveu em um forte abraço de urso, deixando impossível a fuga do pokémon Shiny.

 

— Agora! Thunder! – Gritou Jin, surpreendendo Nícolas e Bia.

 

    O corpo de Zuko começou a se sobrecarregar, nuvens negras surgiram no céu, e um forte trovão caiu em cima de Elekid e Jolteon, causando uma forte explosão, engolindo os dois.

 

    Após a explosão cessar, pode-se ver Elekid e Jolteon nocauteados, com faíscas rodeando seus corpos.

 

— Tá bem… O que houve ali agora? – Perguntou Matheus, olhando para Bia.

 

— O Zuko aprendeu esse movimento recentemente, então ele não sabe usá-lo direito… – Respondeu Bia. — Toda as vezes que ele usa o Thunder, acaba acertando a si mesmo.

 

— Então, o Thunder é a última opção do Jin… – Comentou Pietro.

 

— Sim, até o Zuko aprender a dominá-lo. – Respondeu Bia.

 

— Não esperava que você iria usar o Thunder… Isso sim foi imprevisível. – Brincou Nícolas, retornando seu pokémon.

 

— Fazer o que, se não posso derrubá-lo, o jeito é causar um empate. – Retrucou Jin, retornando seu Elekid, logo após, sacou uma pokébola. — É hora do show! Flashy!

 

    A cápsula voou até o campo, ao se abrir, um macaco vermelho foi materializado, seus braços eram musculosos, em torno de seu pescoço havia uma pelagem branca, como se fosse um colarinho, e a ponta de sua cauda estava em chamas. Matheus apontou P.A.N em direção ao pokémon, e a mesma o analisou:

 

Monferno - O pokémon Brincalhão - Forma evoluída de Chimchar

Ele habilmente controla a intensidade do fogo em sua cauda para manter seus inimigos em uma distância ideal.

 

— Sabia que iria usar o Flashy, então, eu irei usar ele! – Gritou Nícolas lançando sua cápsula vermelha para o campo, ao se abrir, um feixe materializou um réptil bípede, com a ponta da caudas também em chamas, suas escamas eram douradas como ouro, e suas unhas eram afiadas como navalhas, P.A.N analisou o réptil também:

 

Charmeleon - O pokémon Chama - Forma evoluída de Charmander

Nas montanhas rochosas onde Charmeleon vivo, suas caudas ardentes brilham na noite como estrelas.

Forma atual do pokémon: Charmeleon Shiny

 

    Os dois pokémon de fogo se entreolharam, e desferiram um forte rugido um para o outro, mostrando tanto determinação e poder, quanto respeito um pelo outro. Os dois iniciais de fogo eram como rivais, um sorriso de canto surgiu em seus rostos, logo depois, entraram em posição de luta.

 

— Será Flashy contra Charmeleon?! – Perguntou Bia, surpresa e espantada.

 

— O que é que tem? – Perguntou Rodrigo, sem entender nada.

 

— Os dois são os pokémon mais fortes de ambos, e são rivais desde que se conheceram! – Respondeu a garota.

 

— Isso vai ser interessante de se ver… – Murmurou Pietro, sorrindo de canto.

 

— Não iremos nos segurar, Nícolas! Se prepare! – Gritou Jin confiante, e Monferno assentiu.

 

— É bom mesmo não se segurar! – Respondeu Nícolas, seu pokémon Shiny cuspiu um pouco de fogo, mostrando deboche e confiança para seu oponente. — Charmeleon, Brick Break!

 

— Revide com Mach Punch! – Ordenou Jin.

 

    O macaco de fogo ergueu seus punhos, e investiu velozmente em direção a Charmeleon. O réptil dourado cruzou seus braços frente à seu corpo, conseguindo defender-se de um potente soco de Monferno, após isso, o deu uma forte rabada, deixando-o desorientado por uns instantes.

 

    O pokémon Shiny aproveitou o momento, e desferiu um golpe na cabeça de Monferno, depois disso começou a desferir potentes ataques no macaco, dando-lhe graves problemas.

 

— Flashy, saia dessa com Flame Charge! – Mesmo levando inúmeros golpes, o corpo do Monferno, nomeado Flashy, se incendiou, transformando-o em um míssil de chamas.

 

    Mesmo tendo resistência, Charmeleon sentiu um pouco de incômodo com as fortes chamas e recuou um pouco, foi o suficiente para Monferno sair de seu campo de visão, começando a correr em círculos em volta do réptil dourado.

 

    Uma vez ou outra, o macaco de chamas acertava seu oponente com uma forte investida em seu oponente, a cada acerto, sua velocidade aumentava ainda mais. Não demorou muito, e Charmeleon estava dentro de um tornado de chamas, com graves problemas.

 

— Charmeleon, prepare um Dragon Tail! – Ordenou Nícolas, o jovem se sentia pressionado vendo seu pokémon Shiny dentro do tornado de fogo.

 

    A cauda de Charmeleon se energizou, tomando assim um forte tom azul, o réptil dourado continuava levando as investidas flamejantes, o tornado apenas ficava maior com o passar do tempo.

 

“Mesmo sendo ambos Fire Type, Charmeleon não irá aguentar muito tempo dentro desse tornado… Preciso de uma abertura… E rápido…!” – Pensou Nícolas se desesperando.

 

Mach Punch! – Ordenou Jin, sua expressão mantinha-se calma, em um estalar de dedos de forma exibida, Monferno disparou em direção ao pokémon Shiny, com seu punho erguido.

 

— Uma abertura! Acerte ele! – Gritou Nícolas.

 

    Monferno se aproximou o suficiente de Charmeleon, pronto para desferir um soco veloz no mesmo. Porém, no último segundo possível, Charmeleon virou de costas e acertou uma forte rabada na bochecha de Flashy, o lançando com força em direção à seu treinador, caindo frente ao mesmo, um pouco tonto por conta do impacto. O forte tornado cessou na hora, o réptil se sentia bem melhor, suspirando aliviado.

 

— Na velocidade que o Monferno estava, ele iria acabar com o Charmeleon com um único golpe. Ele havia tomado velocidade suficiente para poder se comparar a um meteorito prestes a atingir a Terra, então, me ajudou muito rebater ao invés de revidar. – Explicou Nícolas, suspirando aliviado, secando o suor que corria por sua testa. O garoto arrumou seus cabelos loiros, e apontou para seu oponente, com um sorriso no rosto. — Não é bom subestimar o “Radar de Shiny”, lembre-se disso! Charmeleon, Metal Claw!

 

    As garras do réptil se tornaram lâminas afiadas cinzentas, crescendo um pouco, ficando com trinta centímetros de comprimento. Sem pensar duas vezes, disparou em direção à Flashy, e desferiu dois fortes cortes no mesmo, empurrando-o para trás.

 

— Eu admito, está bem difícil prever seus movimentos nessa batalha. – Comentou Jin, enquanto seu Monferno se levantava. — Porém eu ainda irei vencer essa luta! Monferno, Flame Wheel!

 

    O macaco flamejante começou a cuspir fogo, enquanto rolava em torno de si mesmo, se transformando em uma roda de chamas ardentes. Monferno começou a se aproximar velozmente de Charmeleon, rachando o solo abaixo de si.

 

— Agarre-o, Metal Claw! – Ordenou o loiro.

 

    O pokémon dourado cruzou seus braços frente à seu peito, em formato de X, suas garras voltaram a ser lâminas cinzentas. Com a roda de chamas perto de si, Charmeleon o agarrou, ele começou a ser empurrado um pouco devido a força de Monferno, porém o réptil cravou as garras de suas patas no chão, para continuar com seu equilíbrio. Faíscas vermelhas e cinzas eram emanadas graças ao impacto, fazendo um belo show de fogos.

 

    Com toda a força que conseguiu concentrar em pouco tempo, Charmeleon empurrou Flashy para cima, jogando-o para os céus.

 

Mach Punch/Mega Punch! – Os dois loiros ordenaram simultaneamente seus ataques.

 

    O réptil ergueu seus punhos, e os rodeou com uma forte onda de energia, prestes para acertar seu inimigo. Já Monferno, mergulhou dos céus com seus dois punhos apontados para seu rival, os dois socos se colidiram, e uma forte explosão engoliu os dois pokémon.

 

    Todos presentes puseram seus braços frente a seus rostos, protegendo-se da densa poeira que se levantou. Segundos se passaram, e ela começou a se dissipar, ao cessar por completo, Monferno estava de pé, enquanto Charmeleon estava nocauteado.

 

    A plateia estava em silêncio, ainda computando o que acabara de acontecer em sua frente, pouco tempo se passou, e o silêncio foi substituído por gritos e aplausos animados. Nícolas e Jin retornaram seus pokémon, e se aproximaram um do outro. Nícolas estava um pouco triste por perder, mas mantinha-se com um sorriso.

 

— Parabéns pela vitória, cara! – Afirmou o mesmo. — Acho que não posso ser imprevisível o tempo todo. – Brincou, tirando risadas de seu amigo.

 

— A luta foi bem difícil, eu admito isso, mas foi muito legal lutar com você outra vez! Tenho certeza que Flashy e Charmeleon concordam com isso. – Retrucou Jin, contente. O loiro de cachecol verde estendeu sua mão para seu amigo.

 

    Nícolas apenas retribuiu o aperto de mão, logo depois, os dois jovens voltaram para seus assentos, todos da plateia apenas aplaudiam alegremente.

 

— Cada luta melhor que a outra, não, Maria? – Perguntou Sul, enquanto aplaudia.

 

— Sim, surpreendente, não? – Respondeu Maria. — Agora, a próxima luta será entre quem?

 

— Vejamos… – Sul pegou o papel em cima da mesa, e voltou a ler os nomes escritos lá.

 

Rota 4 - Makin

 

    Courtney continuava com sua correria, a jovem de cabelos roxos estava apavorada após enfrentar a Líder do Ginásio de Treinos, correndo desesperadamente sem olhar para trás, por uma hora inteira. Ela já estava começando a se cansar, mas não havia coragem de parar, com medo de reencontrar Sul.

 

“Droga, droga, maldita Líder de Ginásio…!” – Pensou a garota desesperada.

 

    Ela passou por uma enorme árvore torta, dela, uma pequena esfera negra foi disparada, acertando sua frente e a obrigando parar de correr.

 

    Ao parar, Courtney se apoiou em seus joelhos, tentando recuperar seu fôlego, a jovem suava muito, com um pouco de medo, ela começou a olhar ao seu redor, procurando o dono do ataque.

 

— Não treinamos medrosos, grave isso. – Afirmou uma voz feminina vindo de algum lugar da Rota, Courtney parecia a reconhecer, sua expressão não escondia o pavor que sentia.

 

— O-o que você faz aqui?! – Perguntou a jovem, olhando para todas as direções possíveis.

 

— Vim apenas te dar um recado vindo “dele”... Ele quer que você vigie a Líder do Ginásio de treinos, Sul. – Respondeu a voz, com um tom calmo e sereno.

 

— V-vigiar aquela monstra?! N-nem pensar! Ela… Me proibiu de voltar para lá! – Gritou Courtney, tremendo de medo apenas de lembrar de Sul.

 

— Não vai, ela está distraída cuidando do torneio de sua cidade. – Respondeu, mantendo frieza e calma em seu tom. — Fique no terraço de seu Ginásio, lá, ela não conseguirá te ver, já que ele possui cinco andares.

 

— T-tem certeza…? – A ex-membra da Team Magma continuava com receio de voltar para a cidade. — E-espera… Qual deles me quer a vigiando? Quem me treinou, ou o chefe de todos vocês?

 

— Não podia revelar essa informação, mas foi pedido do mesmo homem que te treinou. – Respondeu. — E pode ter certeza, ela não irá conseguir te avistar, tem minha palavra.

 

— B-bem… S-se você diz… Está bem… – Dito isso, a jovem voltou a caminhar, dessa vez em direção à Steel Down Town novamente, Courtney continuava tremendo de medo, porém queria realizar o pedido.

 

— Ótimo, assim, será mais uma que irá morrer… – Murmurou a voz com um tom maníaco.

 

— Nee… – Um pokémon bípede rosnava ao seu lado, fora ele que lançou a esfera negra.

 

— Calminha, não precisa gastar sua energia com ela… Será apenas mais uma que irá sofrer… – Argumentou, acariciando o pokémon. — Só precisamos do sinal…

 

Continua…


Notas Finais


E esse foi o episódio, desculpe se qualquer erro me passou despercebida, e desculpem se o ep ficou curto comparado aos outros ;-;

Bem, vejo vocês em breve, treinadores!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...