História Pookie - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Exibições 5
Palavras 564
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OIIIIE, TUDO BEEM ?? ESPERO QUE SIIM...
AII MAIS UM CAPITULO...

Capítulo 2 - Londre??


"Passei a minha vida tentando corrigir os erros que cometi na minha ânsia de acertar."- Clarice Lispector

"- então, se você não se importam vou arrumar minhas malas- falei e me levantei

-você vai terminar de comer - minha mãe falou, pensando que tem alguma autoridade sobre mim

- não quero, e não venha querer me obrigar- falei e subir as escadas correndo."

02/10/2002

Quando somos criança tudo é festa, tudo é tão simples e incrível, não ligamos pro que pensam da gente, se vão achar ridículo as nossas manias ou o fato de falarmos com os nossos brinquedos, não ligamos em tomar um banho de mangueira no quintal, mesmo que estejamos pelados. Quando somos criança não guardamos mágoa ou rancor, não nos preocupamos com nada... Rimos de tudo e não nos importamos se riem da gente, olhamos com o olhar tão criativo que até lama e garrafas viram brinquedos.  Pique esconde, pique pega, jogar gude, jogar bola, tudo se torna uma enorme diversão.Mas quando o tempo se passa a inocência de criança se vai, e junto com ela se vão tantas coisas...
Tudo se torna um enorme dilema, as coisas já parecem não fazer mais sentido, tudo se torna tão sem graça e comum... Passamos a basear nossas vidas no que a sociedade impõe, no que os outros pensam...
Se nos machucamos com algo ou alguém, o nosso mundo se acaba... Tudo perde a graça, e agora já não podemos expor a nossa dor, choramos o mais baixinho que pudermos deitado em nossa cama, os banhos já são mais demorados afinal são tantas coisas pra pensar...

Minha mente estava a um turbilhão. Durante todo aquele culto eu pensei na garota que eu deixei para trás, por causa de coisas tolas, por pessoas que não mereciam minha mudança. E lembrei que eu me prometi uma mudança, e ela deveria ocorrer. Ao mesmo tempo me veio uma vontade imensa de correr para um para um lugar aonde eu me sentisse beem, onde meu coração se snettisse em casa, ai eu lembrei eu ainda não achei esse lugar, ainda não fui em um lugar aonde eu me sentisse bem.

-posso entrar- Benjamin perguntou botando só a cabeça dentro do quanto, balancei a cabeça em afirmação enquanto fechava a mala

- o que foi?

- estou pensando em algo...

- Bom ou ruim?

- bom, porém dificil - ele respirou- não importa o passado, eu quero mudar, mudar por você, você merece, você é minha unica filha mais nova, quero fazer diferente com você - ele falou me deu um beijo na testa e saiu...

Acordei uma hora antes do alarme com dor de cabeça e uma vontade enorme de chorar. Fui direto para o banheiro. Lavei o rosto e respirei fundo, me questionei se eu é isso que eu realmente quero,  claro que não é.

"affs, o que eu fiz para merecer isso ?"

- seu pai esta lhe esperando la em baixo - Emma falou

- esta bem

-você quer mesmo ir ? - ela perguntou, e eu neguei - então por que não chora? pedi para ficar?

-vai adiantar? acho que tenho que deixar as coisas acontecer e me permitir mudar.

-vai ser bom ir te visitar uma vez no ano em Londres- "WHATS?? LONDRES? COMO ASSIM? " simplesmente confirmei e sai do quarto que um dia foi meu, puxando duas grandes malas .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...