História Por causa do destino - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Banda Fly (Fly Br)
Personagens Caíque Gama, Nathan Barone, Paulo Castagnoli, Personagens Originais
Tags Drama, Romance
Exibições 15
Palavras 1.038
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mas um aqui desculpa a demora .....

Capítulo 5 - Segundo roud


Pov vih
 
  Chegamos em casa já fui direito para o banheiro tomar um banho, fiz minhas higienes e foi deitar. Fui mexer no whats e vi uma mensagem de um numero desconhecido, na hora claro que pensei que era o Nathan
On...
    ××: oi princesa
    Eu: oi Nathan...
    ××: Que Nathan vih eu sou o Gui sabe seu ex namorado
     Eu: ahh Gui achei que vc um cara que ei conheci hj
      Gui: Como você ta? Como foi a viagem?
     Eu: eu estou bem, foi ótima estou adorando são Paulo e como está a carreira do MC GUI?
    GUI: ta ótima cada vez estou sendo reconhecido
     Eu: GUI vou ter que ir amanha e o primeiro dia na faculdade ai tipo tenho que acorda cedo
      GUI: tchau, não esqueci de mim
  Off...
Sim sou a ex do MC GUI, a gente namorou dois anos só que não deu certo por que ele morava aqui em são Paulo e eu la em minas. E não dava para a gente se ver.
    Acordei Domei banho e fiz minhas higiene matinas, foi acorda a nanda por que era o primeiro dia de trabalho dela na agencia de modelo

    Eu: acorda sua vaca.
    Nanda : sou obrigada ne por não tenho um irmao gato que me envia dinheiro todo mês
    Eu: nem e muito
    Nanda: Não do da para pagar as despesa da casa e compra coisas para você. Serio nunca vi alguém falar que e independente só que o irmão paga todo para ela
    Eu: viu sim eu.-começamos RI.
    Depois sair do quarto e fui para cozinha comer algo e logo a nanda  chega pronta ela senta e toma cafe depois saímos.
  Quando entro no elevador vejo os meninos por sinal gatissimos       eu e a nanda  falamos oi e eles responderem com ola. Estava um silêncio mas vi que Paulo e a nanda estava trocando olhares. Quando a porta abre sinto alguem segurando meu braço
    Nathan: Desculpa vih não deu para de mandar mensagem
     Vih: Nathan calma eu sei que não sou importante que você só me conheceu ontem e tipo só mas uma vizinha. - não sei por que mas estava me sentido mal.-Eu intendo
     Nathan: vih...
     Vih: eu sei Nathan. Tchau estou atrasada.- fui para o carro e dei partida tinha que deixa a nanda  no estudio
       Como na facu não conheço ninguém fiquei tipo muito isolada mas depois de um tempo conheci uma menina legal ela chama Ana e faz a mesma faculdade que eu então agora acho que vou ficar só com sempre para não ficar sozinha.
         Fui buscar a nanda  e fomos almoçar juntas. Depois levaria ela de volta e iria embora. Fomos em um restaurante perto onde ela trabalha. Quando estava entrando adivinha que eu vejo?
Se falou Gui acertou.
     GUI: oi meninas senta eu ainda não pedi nada
     Sentamos fazemos nossos pedidos quando iriamos embora
  Gui: você ta de carro
  Vih: sim quer carona
   Gui: sim
Levamos a nanda  no trabalho primeiro
   Vih: aonde vc mora?
   Gui: estava pensando que a gente podia fazer algo
   Vih: eu topo não quero ficar em casa sozinha
   Gui: vamos no ibira
   Vih: ta
  Fomos então eu conhecia o cominho por que quando eu era pequena eu vinha para casa da minha tia que ja morreu.
    Quando chegamos andamos um pouco e sentamos perto do lago
    Gui: nossa que tempo não ficamos assim...- não deixei ele termina
   Eu: como amigos
   Gui: você sabe que eu ainda te amo
   Eu: Eu também
   Gui: Mas eu te amo mas que amigo vih e queria que você voltasse comigo.- olhei para ele
   Eu: Gui eu gosto de você mas agora como amigo. Por favor não estraga tudo, são a minoria que conseguem seres amigos depois do namoro.
    Gui: ta vi entendo
De repente ouvi alguem me chamando. Eu conhecia aquela voz
    Nathan: vih...- levantei
   Vih: oi, esse e o Gui um dos meus melhores amigos e esse e o Nathan meu novo vizinho.
  Eles me olharam e começaram a rir. Não esta entendendo por que das risadas
    Nathan: vih eu conheço ele a gente já se encontrou em alguns shows
    Gui: E dele que você me chamou ontem a noite- acho que estava vermelha por que senti meu rosto queimar
  Eu: sim, por que eu passei ontem me numero para ele e como o numero era desconhecido eu achei que eram ele.- eles começaram a rir
   Gui: já esta na minha hora
   Vih: vamos então. Nathan esta de carro?
   Nathan: não
   Vih: então vamos de dou uma carona
   Deixamos o Gui e fomos embora

Pov Nathan
 
  Sim fiquei com ciumes quando vi a vih com o Gui mas depois vi que ele são apenas.(sei que não tenho direito de ficar com ciumes mas fiquei).Deixamos o Gui e fomos embora. O caminho inteiro foi um silencio mas um silencio bom. Chegando o porteiro abriu o portão ela entrou e colocou o carro na sua vaga. Quando estavamos fora do carro tinha uma sensação de que deveria fazer uma coisa.
    Então peguei no braço dela e ficamos frente a frente, colo nossos lábio peço passagem e ela cedi então começamos um beijo calmo. Paramos por causa da bendita falta de ar ela me olha
   Vih: o que foi isso Nathan
   Eu: um beijo- RI e vi que ela ficou seria
   Vih: E por que esse beijo
    Eu: uma coisa em mim fosse que devia fazer isso
   Vih: HM...
   Ela foi para o elevador que já estava aperto. Ficamos em silêncio ate
  Eu: você não gostou do beijo
  Vih: Foi bonzinho- ela riu da minha cara. A porta abre no andar dela e ela sai, quando estava fechando ela diz.- Eu gostei do beijo- A porta fecha, vi que estava rindo igual bobo
   Cheguei no apé e os meninos estavam jogados no sofá
  Paulo: sera por que nosso tchuco esta com esse sorriso bobo
  Eu; cala a boca vocês
Caique: Aff eu não disse nada
   Eu: mais eu sei que ia
  Caique: conta o que aconteceu
Paulo: E desenrola
  Eu: Beijei a vih
  Caique: hm segunda rodada
Eu: por que
  Paulo: Eu beijei a nanda ontem e foi ótimo.- todos começar a RI
Foi para meu quarto tomar um banho e descansar um pouco.   
  


Notas Finais


Gente então e isso mas um capitulo. Então gente acho que a Carol não vai fazer mas por que ta difícil a gente se ver( sei que disse q somos irmas mas não ela e minha prima mas tipo considero como minha irma então e irma). Então daqui para frente e só eu mesmo. Comentem se gostaram esse ficou um pouco grande como eu tinha prometido
Beijos<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...