História Por Ela (BTS) (Suga) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys (bts)
Visualizações 118
Palavras 872
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.
Avisando que esse capítulo ta pegando fogo hihihi.

Capítulo 9 - Deixa rolar


Fanfic / Fanfiction Por Ela (BTS) (Suga) - Capítulo 9 - Deixa rolar

           .•°S/n on°•.

Suga começou a me beijar loucamente e eu queria mais,  só  que  isso iria dar problema  pra nós. 

S/n - Suga acho  melhor  a gente parar com  isso  - Ele estava chupando de leve meu pescoço e falou  rouco com a voz sexy no meu ouvido. 

Suga - Esquece um pouco os problemas,  e escuta mais seu  coração - Eu me arrepiei toda,  ele parou olhou pra mim sério - Seu coração quer isso? 

S/n - Sim...  Mais... 

Suga -Mais...

S/n - É  a minha primeira vez,  eu não sei Suga. 

Suga - Não se preocupe,  eu te ensino  - Disse ele atacando  minha boca de novo,  ele tinha razão eu resolvi escuta meu coração que estava gritando mais alto que a razão. 

Ele me pegou no colo e me leveu ao meu quarto.  Me tacou na cama e  tirou  sua blusa deitando por cima de mim mais  não apoiou o seu peso sobre meu corpo. 

Suga - Eu to adorando ver você  assim, adimito - Fiquei  com vergonha e começamos de verdade - Não  fique assim,  eu vou te ensinar tudo. 

Ele começou a chupar meu pescoço de leve e foi até  a minha  boca, o mesmo  foi deslizando sua mão  sobre dentro da minha calça jeans e começou a massagear a minha intimidade e arfo. 

Ele se separa e tira minha blusa e minha calça me deixando apenas de sutiã e calcinha,  pude sentir o seu membro ganhar volume e isso me deixou mais que excitada. 

Pulei em cima  de seu corpo envertendo as posições e tirei sua calça ele me olhou com um olhar malicioso. 

Suga - Você  é  bem apressadinha né  Baby girl. 

Olhei maliciosa pro mesmo  e tirei sua box,  deixando seu membro a mostra. 

Ele pega minha mão e me ensina a masturba - lo,  passa um tempo e eu peguei o jeito,  Suga solta minha mão  e joga  sua cabeça  pra trás de prazer. 

Ouço ele falar palavrões e alguns gemidos baixos, paro de masturba - lo e abocanho seu  membro,  o mesmo  sente muito mais  prazer,  fazendo com que seus palavrões  e gemidos fiquem mais altos. 

Suga - Aaaaaaaahn vai Baby,  vai mais rápido porra - Estava provocando ele adorava ver ele daquele jeito - Você  esta tentando provocar seu Daddy,  Baby Girl,  você vai ser severamente punida. 

S/n - Você  não  séria  capaz - Tiro minha boca do seu membro e falo dengosa. 

Suga - Você  dúvida? 

S/n - Aham - Ele pula em cima  de mim fazendo eu ficar por baixo do mesmo .

Suga - Eu ja estou  completamente pelado e você ainda tem peças de roupa,  isto   não é  um pouco injusto? - Sussurra me fazendo arrepiar,  eu adorova aqula voz rouca dele. 

Ele tira meu sutiã e abocanha um seio enquando massageia o outro,  logo  depois ele para e vai descendo seu rosto pra minha calcinha,  e tira a mesma com os dentes,  aquilo me deixou muito mais  excitada. 

Suga posicionou um dedo  na minha entrada e começou fazer movimentos de vai e vem,  eu taquei minha cabeça pra tras pois estava muito excitada e com muito  prazer. 

Ele colocou mais outro dedo e aumentado a valocidade, começou a passar a língua  junto,  fazendo movimentos circulares,  aquilo estava  tão bom que cheguei em meu ápice. 

Suga - Tão  docinha - Eu adorava aquele olhar safado dele,  me dava prazer. Ele vai na calça e pega uma camisinha,  olho maliciosamente para Suga que  sorri de lado, coloca a camisinha em seu membro e sobe na cama. 

Suga - De quatro  Baby,  agora - Ele manda e eu obedeço é  a regra da brincadeira - Pronta? 

S/n - Acho que sim. 

Suga - Você vai senti uma dor forte no começo,  mais depois vai passar. 

S/n - Ok - Engoli seco e respirei fundo, Suga começa a me penetrar rápido  pra dor passar mais rápido - AAAAAAAHN

Suga - Pronto baby, passou, agora vai diminuir a dor. 

Ele começa a me penetrar fortemente e a dor que  eu sentia se transformou em puro prazer e desejo.

S/n - Ai huuuuun

Suga - Isso baby gemi pro seu  daddy gemi. 

S/n - Aaaaaaaaaa mais rápido,  Suga. 

Suga - Só se você pedir pro  seu daddy. 

S/n - Me fode daddy. 

Suga - Boa garota - deu um riso pervertido e vai mais rápido e com mais força eu ja estava visitando as galáxias,  aquilo estava  realmente muito bom. 

Chego em meu ápice e ele para,  tira a camisinha e taça no lixo,  volta pra cama e me beija descontroladamente. 

Depois volto a bocanhar seu membro e masturbar - lo o mesmo tentou se segurar o máximo mais acabou gozando em minha boca,  e eu como sou uma ótima baby girl enguli tudo. 

S/n - Que delicioso Daddy - Ele se taca do meu lado e me abraça ele estava ofegante assim como eu. 

Suga - Gostou baby girl? 

S/n - Sim,  mais minhas pernas estão bambas.

Suga - Isso é normal,  logo melhora...  Ou não  - ele sussurrou nessa parte mais ainda ouvi e dei um tapinha  de leva no ombro. 

Estávamos tão cansados que acabamos dormindo e nem notamos estava tão bom, ficar em volta de seus braços,  aquele foi o melhor dia da minha vida. 


Notas Finais


Fireeeeeeee uhuul.
Hihihihi.
Desculpa os erros de português .
(=^-ω-^=)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...