História Por Ironia do Destino - Capítulo 59


Escrita por: ~ e ~jubss__

Postado
Categorias Lukas Marques & Daniel Mologni (Você Sabia?)
Personagens Daniel Mologni, Lukas Marques, Personagens Originais
Tags Daniel Mologni, Lukas Marques, Meias-irmãs, Voce Sabia, Youtubers
Exibições 154
Palavras 520
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Festa, Ficção, Mecha, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


É MT treta Gzuis

Capítulo 59 - DR por ciúmes?


  Entrei e a casa estava levemente bagunçada.
  Subi até o quarto do João e ele estava na cama, e não parecia estar nada feliz.

-Oi. Eu vim pegar minhas coisas e já vou, eu sei que não me querem aqui - eu disse, LEVEMENTE triste. Levemente.

-Espera - ele segurou meu braço -Não tá brava comigo, tá?

-É óbvio que sim, João. Eu tô brava com você. E eu sei que você também não quer nada comigo. A Viviane vulgo garota insuportável usando roupas suas explica tudo. Ela me odeia, eu odeio ela, nós nos odiamos.

-Ahn? Do que você tá falando?

-Você sabe muito bem do que eu tô falando, não se faça de sínico!

-Não sei, não, cara! Fala logo!

-A Viviane tá aqui. Usando roupas suas. E ainda me insultou ao atender a porta. Satisfeito?

-Nem sabia disso, só me lembro de ela ter me dado um comprimido... Depois disso, não sei mais de nada.

-Hum... Então, ela só queria me causar ciúmes.

-E pelo jeito, conseguiu. - ele provoca.

-Não me irrita.

-Eu sei que você me ama. - ele diz, sorrindo.

-Quieto, João! - grito.

   Peguei minhas coisas e agradeci a ele por ele ter me deixado ficar na casa dele, e fui.

-Ah, manda um recado para a Viviane pra mim? - ele pergunta.

-Não sou pombo-correio, mas ok. Fala.

  Depois de um tempo...

-Oi, Vivi, linda! O João mandou um recado pra você.

-Pra mim?? O que?

-Some daqui. - eu disse e me diverti com a cara de bunda dela, e fui embora.

Chegando em casa...

-O que você tava fazendo na casa daquele idiota? - Daniel pergunta.

-Fui pegar minhas coisas - digo.

-Ah, e ir pegar suas coisas demora um século??

-No caso, sim.

-Olha, Laura, você pode ser amiga de qualquer homem na Terra, mas não quero você nem olhando na cara dele - ele diz, bravo.

-Você não é meu pai - digo no mesmo tom.

-Ah, é assim? Não tem problema algum o cara agredir o seu namorado?! Talvez, não pra você, né?!

-Você fez a merda que fez e eu te perdoei! Então, ele também merece perdão!

-Ah, claro, tente comparar! Você demorou um século pra me perdoar. Mas ele faz a bosta e você perdoa no dia seguinte?! Tem alguma coisa errada, não é?

-Pelo menos ele nunca traiu minha confiança! E outra, ele só queria me defender!

-Então porque você me defendeu?!

-Eu não defendi ninguém, eu só fui te ajudar! Se eu ficasse do lado de um, o outro ficaria magoado!

-Ah, tá bom, Laura! - ele disse e subiu as escadas bufando.

-Vai a merda!!! - gritei.

Mano, que saco! Ele é ciumento demais!
   Eu mal perdoei ele, e já quer arrumar confusão! Sem dúvidas, que ótimo namorado!
Eu não quero nada com o João, no momento o meu relacionamento é com o Daniel! E ele sabe disso. Mas insiste em causar briga por causa de ciúmes!
Ahh, eu nem sei mais quem tá certo. Incrível como as merdas adoram aparecer de vez emsempre na minha vida.


Notas Finais


Iiihh
Beijos, amo vocês <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...