História Por que eu gosto de você ? - Capítulo 42


Escrita por: ~

Postado
Categorias UNIQ
Personagens Cho Seung Yeon, Kim Sun Joo, Li Wen Han, Personagens Originais, Wang Yibo, Zhou Yi Xuan
Tags Brigas, Quarteto Amoroso, Romance
Exibições 80
Palavras 2.716
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


ÚLTIMO CAPÍTULOOOO
EU SEI QUE NÃO AVISEI QUE A FIC ESTAVA ACABANDO, EU IA AVISAR MAIS EU ESQUECI, DESCULPA.
POR FAVOR NÃO ME MATEM.
E POR FAVOR LEAM, E OBRIGADA POR TEREM FAVORITADO A MINHA FIC.
AMOO VCS 🌈 (っ´▽`)っ
E desculpa pelo nome do capítulo, ficou uma bosta que eu sei.

Capítulo 42 - O fim.


Fanfic / Fanfiction Por que eu gosto de você ? - Capítulo 42 - O fim.

Min on pov.
Já faz uma semana desde que a minha mãe casou, e eu agora passei a morar com o presidente e o Tae Joo, eu estava de boa no meu quarto ouvindo música, quando o infeliz do meu irmão postiço entra no meu quarto sem bater.
- Sai agora - digo e ele me olha e ri.
- Preciso usar o notebook - diz ele pegando o meu netbook.
- Ei, esse é meu notebook e vai usar o seu - digo.
- A minha querida irmãzinha esqueceu que foi ela que quebrou o meu notebook - diz ele jogando na minha cara.
Era verdade, no primeiro dia que a gente começou a morar junto, a gente brigou por causa do melhor quarto da casa, ele ficou com o quarto e de raiva eu quebrei o notebook dele, e agora eu tenho que empresta para ele toda vez que ele pedir.
- Você não vai sair - digo e ele ri.
Ele saiu do meu quarto com meu notebook, toda vez que ele leva eu sinto uma dor no coração, por que meu notebook preferido está em mãos erradas.
Bom, eu tenho uma família agora, eu não sou muito próxima do meu padastro, mas ele é legal, e eu sempre estou brigando com o Tae Joo, por que ele é chato.

15 anos depois...

- Organizar um show não vai ser difícil, eu só preciso saber quem é o artista - digo.
- O artista vai ser aquele cara que debutou faz pouco tempo, mais já tem bastante atenção das fãs, qual o nome dele... Tae Joo - diz o meu chefe.
- Sério - digo surpresa.
- Você parece gostar muito dele - diz ele.
- Não, é que eu conheço ele  muito bem... mais eu vou dar o melhor show que esse cara pode ter - digo e o meu chefe estranha.
Saio do escritório de meu chefe, e chamo minha equipe para uma reunião.
- Bom pessoal, dessa vez nós vamos organizar um show - digo e todos ficam felizes.
- Qual vai ser o artista ou grupo ? - pergunta uma das minhas funcionarias.
- O cantor Tae Joo - digo e as mulheres que estavam na sala ficaram mais animadas.
- Mais nada de pedir autógrafos ou tirar fotos, vocês entenderam.
- Sim - diz todos ao mesmo tempo.
- Ótimo, estão dispensados - digo e todo mundo se retira, menos eu.
Fiquei na sala por um tempo, não acredito que vou organizar um show pra aquele cara chato.
Estava perdida em meus pensamentos, quando o Wenhan entra na sala e fala.
- Amor, é verdade que a gente vai organizar um show - diz ele animado e eu volto pra realidade.
- Sim, e adivinha quem vai cantar no show - digo e ele me agarra.
- Hum... o seu irmão - diz ele.
- Já te contaram, não sei nem por que eu te pergunto - digo.
- Agora esquece o seu irmão e me beija - diz ele.
- Ei, a gente não pode fazer isso aqui - digo olhando para os lados.
- Só um beijinho, por favor - diz ele insistindo.
Dou um selinho nele e falo.
- Só isso, depois eu te beijo mais - digo.
- Ah... Isso não foi um beijo sua chata - diz ele manhoso.
- Wenhan, a gente está no trabalho - digo.
- Por que a minha esposa é tão certinha ? - diz ele.
- Por que eu não quero perder o emprego, e se pegarem a gente aqui - digo e ele me solta.
- Você tem razão, mais depois eu vou cobrar meu beijo - diz ele e sai da sala.
Acabei rindo, eu não acredito que estou 5 anos casada com ele, saio da sala e vejo tinha alvoroço na empresa, quando eu vejo o meu querido irmão postiço entra, ele estava de óculos escuros e sorrindo para todos, quando ele para na minha frente e fala.
- Hi, sister - diz ele em inglês.
- Você sabe que fica ridículo falando em inglês - digo.
- Não é o que as minhas fãs acham - diz ele e tira o óculos.
- Você não devia estar ensaiando para o show - digo.
- Sim, mais eu estou com tempo livre agora, então eu vim ver minha querida irmã - diz ele.
Eu pude escutar alguns dos meus funcionários dizer: " Ela é irmã dele ".
- Você já pode ir - digo praticamente expulsando ele.
- Nossa até parece que você não quer que eu fique - diz ele fazendo um drama.
- Tae Joo, já chega não começa - digo.
De repente uma das minhas funcionária chega em mim e fala.
- Sunmbae, eu já liguei para alugar o estádio do show - diz Oh Mi Nam.
- Ok, bom trabalho - digo e percebi que Tae Joo não parava de olhar pra ela.
- Com licença, você lembra de mim ? - diz ele olhando pra ela.
- Não, quem é você - diz ela.
- Você não me conhece, sou eu... o Tae Joo - diz ele.
- Desculpa, mais eu não me lembro de nenhum Tae Joo - diz ela.
Ele parecia indignado com o que ela disse, ele coloca os óculos de volta e fala.
- Eu não costumo fazer esse tipo de pergunta, mais você tem namorado ? - diz ele e as garotas ficam chocadas, inclusive eu fiquei chocada.
- Não, eu não tenho namorado, e mesmo se tivesse não seria você - diz ela e ele ri.
- Você continua sendo a mesma - diz ele.
- Você fala como se me conhece-se - diz ela.
- Mais eu te conheço - diz ele.
Estava todo mundo chocado com a situação, quando Tae Joo volta a fala.
- Espero que você vá no meu show, eu iria adorar te ver lá - diz ele abaixando um pouco o óculos e piscando pra ela.
Fiquei sem palavras para  dizer algo naquele momento, quando ele fala de novo.
- Tchau irmãzinha, confio em você para fazer um show legal pra mim - diz ele e sai.
Todo mundo seguiu ele até a saída, quando eu falo pra Mi Nam.
- Você conhece ele ? - digo.
- Não, que cara maluco - diz ela e sai.
Tá bom, eu vou ficar sem entender o que aconteceu aqui.
Min off pov.
Hye Jin on pov.
Estava tão feliz que eu vou casar com Seungyoun, ainda mais agora que ele virou um médico.
Só pensar no casamento, eu lembro que foi eu quem o pediu em casamento, por que o Seungyoun é meio lerdinho pra essas coisas.
Eu virei uma estilista muito famosa na Coreia, pelo menos eu tenho mais privacidade do que os idols.
Estava desenhando um novo estilo de roupa, quando eu recebo uma ligação do Seungyoun.
Ligação on.
Eu: Oi amor.
Seungyoun: Amor, você está muito feliz por que a gente vai casar.
Eu: Claro, eu vou poder ficar do seu lado pra sempre.
Seungyoun: Que fofa... - diz ele e eu escuto uma voz feminina no fundo.
Eu: Eu ouvi a voz de uma mulher, Seungyoun se você estiver me traindo...
Seungyoun: Calma amor, você é muito equivocada com isso de achar que eu vou te trair, foi a voz da enfermaria me chamando pra ver um paciente.
Eu: Ah... se é assim tudo bem então.
Seungyoun: Amor eu tenho que desligar, estão precisando de mim agora.
Eu: Sim, tchau amor.
Ele desliga.
Ligação off.
Eu tenho que confiar mais nele, ainda mais agora que a gente vai casar. Dou uma olhada no meu anel de noivado e volto a fazer o que eu estava fazendo.
Hye Jin off pov.
Estella on pov.
Bom... 10 anos se passaram desde que eu voltei pros Estudos Unidos, sinto falta da época que eu estudei na Coréia do Sul, eu... sinto falta do Sungjoo.
Estava na minha faculdade, pensando em cada momento que vivi na Coréia, quando a aula acaba eu dou uma andada pela a faculdade, quando de repente alguém me puxou pelo pulso me fazendo virar para a pessoa.
- Estella - diz Sungjoo e sorri pra mim.
- S-sungjoo - digo e abraço o mesmo.
- Você sentiu minha falta - diz ele retribuindo o abraço.
- Claro que eu sinti sua falta imbecil, você me deixou ir embora - digo.
- Mais agora eu estou aqui com você - diz ele e eu paro de abraçá-lo.
- Como você... - digo e ele me interrompe.
- Eu estou fazendo intercâmbio aqui - diz ele.
- Sério - digo ficando feliz.
- Eu queria muito te ver, então eu estou aqui - diz ele.
- Mais como você sabia que eu estava aqui ? - digo.
- Eu olhei as suas fotos na faculdade que você postou no seu Instagram, e ai eu vim pra cá - diz ele.
- Você vai ficar quanto tempo ? - digo.
- Um ano - diz ele.
- Só, nossa que triste - digo.
- Mais esse um ano que eu vou ficar aqui, você vai ser minha namorada - diz ele.
- Namorada - digo um pouco nervosa.
- Sim, então aceita namorar comigo - diz ele.
Faço sim com a cabeça e ele sorri, quando o mesmo segura na minha mão e fala.
- Eu sempre quis fazer isso - diz ele e eu sorrio achando aquilo fofo.
Se ele veio até aqui por mim é a prova viva de que ele gosta de mim, assim como eu também gosto dele.
- E o meu beijo - digo e ele sorri.
Ele se aproxima e me beija com intensidade.
Estella off pov.
Seul Bi on pov.
Sabe como é estar perdida em um país que você não sabe falar a língua, pois é eu me ferrei ao tentar ir atrás do meu futuro namorado/marido.
Eu viajei pra China só pra procurá-lo, o bom é que eu estou na cidade certa, já o ruim é que eu não sei onde ele está.
O problema da China é que não tem rede wi-fi aberta, então eu comprei um mapa e estou andando nas ruas.
Enfim, 10 anos atrás o Yixuan foi embora da Coréia por causa do problemas familiares, e eu continuei mantendo contato com ele e agora eu consegui vir pra China e ficar com ele, por que eu não aguentei mais ficar longe dele.
De repente eu esbarro em alguém, quando eu vejo que era o Yixuan.
- Yixuan - digo e abraço o mesmo.
- Seul Bi, como você... - diz ele e eu o interrompo.
- Cala a boca e me beija - digo e dou um beijo nele.
Ele retribui o beijo que foi calmo, quando eu paro de beijá-lo.
- Eu senti tanta falta de você - digo.
- Você veio até aqui só pra me ver - diz ele.
- Não, eu vim pra ficar com você - digo.
- A cada dia fico mais surpreendente com você - diz ele e eu sorrio.
Eu já encontrei ele, agora é só deixar o resto da nossa vida juntos acontecer.
Seul Bi off pov.
Ha Ni on pov.
Estava tudo bem entre a gente, só uma vagabunda estragar tudo, calmo eu vou explicar.
Esses últimos anos eu e o Yibo estávamos muito bem namorando, eu estava até esperando ele me pedir em casamento, só que... do nada apareceu uma vagabunda na nossa vida e estraga tudo.
O problema é que o Yibo é muito gentil com ela, e pior de tudo é que todo lugar que eu e o Yibo vamos, ela está lá.
E agora eu estou em um encontro que foi estragado, por que essa vadia chegou pra estragar o clima.
- Eu vou embora Yibo, vocês dois podem aproveitar - digo e me levanto.
Eu já estava cansada de ter que aturar aquela garota, e o Yibo não fazer nada, quando ele fala.
- Não sei por que você está levando, sendo que não é pra você sair - diz ele.
- Essa indireta foi pra mim - diz a garota.
- Ainda bem que você é inteligente pra perceber isso - diz ele e volto a me sentar achando aquilo interessante.
- Yibo... - diz ela, mas é interrompida por ele.
- Você não percebeu que eu não estou interessado em você, não importa quantas vezes você falar comigo, eu nunca vou estar interessado em você, primeiramente por que eu já tenho namorada e eu gosto muito dela, e agora você vem na noite que eu pretendo pedi-la em casamento, se tem uma coisa que eu odeio é alguém que estraga momentos, e agora você estragou tudo pelo simples fato de você estar aqui - diz ele e eu fiquei surpresa.
- Está bem eu vou embora, só não se arrependa depois - diz ela e sai.
Fiquei olhando para ele ainda surpresa, por que ele ia me pedir em casamento, e eu estava esperando ele fazer isso, ficou um silêncio entre a gente, quando eu falo.
- Me pedi logo em casamento, pra se beija depois - digo e tampo a boca com a mão.
Ele se levanta indo na minha direção e depois ele se ajoelha pra mim, quando ele fala.
- Oh Ha Ni, eu sei que não sou o melhor cara que você já conheceu, mas você me ama e eu também te amo, e é por isso que eu quero passar o resto da minha vida ao seu lado - diz ele e tira uma caixinha de anel de noivado do bolso e abre.
Fiquei olhando para o anel, quando ele ia dizer a devida frase "você quer casar comigo", eu já falo.
- Eu aceito - digo e ele ri.
Ele tira o anel da caixinha e coloca em meu dedo. Depois ele se aproxima de mim e me beija.
Fiquei feliz que ele quer viver o resto da sua vida comigo, Yibo eu te amo.
Ha Ni off pov.

1 mês depois...

Min on pov.
É hoje que o casamento da Hye Jin com o Seungyoun, e da Ha Ni com Yibo, e sim vai ser um casamento duplo. Dessa vez não fui eu que organizei o casamento, eu estou chateada por que eles não me chamaram pra fazer isso, mais fora isso eu estava feliz por eles e adivinha quem vai a dama de honra, sim eu de novo.
O Yixuan e a Seul Bi vieram, o Sungjoo e a Estella só não vieram por causa que eles estavam do outro lado do mundo.
A cerimônia estava começando, e eu chorando por que as minhas amigas estavam casando.
Depois que a cerimônia acaba começa a tradição da noiva dar o buquê de flores para a próxima que vai casar, eu lembro que no meu casamento eu tinha dado o buquê pra Ha Ni, e ela me disse que ia me dar o buquê, só de lembrar desse dia eu comecei a rir.
De repente a Ha Ni se aproxima de mim, quando ela fala.
- Miga lembra quando eu falei que se eu casa-se eu ia dar o meu buquê, aqui está - diz ela e me entrega o buquê.
- Mais eu já sou casada - digo.
- Não importa só fica com o buquê - diz ela e sai.
Acabei rindo da situação, eu não acredito que ela lembrou disso. Eu vejo Hye Jin dando o buquê dela pra Seul Bi, eu fiquei que ela e o Yixuan começaram a morar juntos na China.
Fomos para a festa, e eu não pude deixar de conversar com todo mundo, quando começa a tocar Big Bang na festa, eu dei a louca e fui pra pista de dança, logo veio as meninas junto comigo e todos nós dançamos, e os meninos olhando pra gente como se fossemos um bando de malucas que saiu do hospício.
Logo a festa acaba e eu o vamos embora pra casa, agora está todo mundo casando, não vai muito pra o Sungjoo e o Yixuan.
O grupo de amigos que todo mundo casou, essa é a prova de que o futuro nos surpreende.

Fim...


Notas Finais


Mais uma desculpa por não ter avisado antes que a fic estava acabando.
E vou indicar essas duas fics muito legais.
https://spiritfanfics.com/historia/2008-year-teenager-6474629

Essa é uma fic de um amigo meu é muito legal: https://spiritfanfics.com/historia/vida-baguncada-6334419


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...