História Por que eu me apaixonei tão perdidamente por vc... - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 5
Palavras 1.425
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 3 - O shopping


Fanfic / Fanfiction Por que eu me apaixonei tão perdidamente por vc... - Capítulo 3 - O shopping

jeon jungkook on*

Levanto alguns minutos depois, graças a desgraça da campainha tocando.


Abro a porta e me deparo com o entregador de pizza, pago a ele e guardo a pizza ja que o meu pequeno ja dormiu.

Volto pra minha amada caminha com meu amado ômega e me deito ao seu lado sem o acordar.


Kim taehyung*

Abro os olhos e me arrependo, pela claridade que me atingiu sem dó nem piedade por causa da janela aberta.


Sinto um peso em meu corpo e olho pro lado me deparando com um anjo, vulgo Jeon Jungkoon.

Fico fitando o mesmo por alguns segundos ate ouvir meu estômago roncar, indicando que mesmo estava vazio.


Eu realmente não queria acordar o kook mais eu estava com fome, e não sairia mexendo nas coisas dele.

Decido acordar o mesmo, mexo no cabelos dele e falo.


Kookie...acorda..o taetae ta com fome...-falo baixo mais o maior não acorda-


Kookie...-balanço ele na tentativa de o acordar, sem sucesso.

KOOKIE A CASA TA PEGANDO FOGO SOCOROOO!...-sim eu gritei/berrei e quando eu olhei pra ele o mesmo tinha dado um pulo da cama e caido no chão-

PUTA QUE PARIU DE 4 NUMA BANHEIRA...-ele se levanta e me olha-


Pq vc gritou Tae....-falo coçando os olhos, admito que naquele hora minha vontade era de pegar ele ali mesmo, mais tenho que me comportar.-


Kookie..estou com fome...-falo manhoso com um bico formado nos lábios-

Aigoo...vc não comeu ontem não foi?...eu guardei pizza pra vc na geladeira mais antes vai tomar um banho..-falo sorridente-

NÃO BANHO NÃO o TAETAE NÃO GOSTA DE BANHO..-me encolho dentro das cobertas me "protegendo" dele-

Aigo pequeno..vc tem que tomar banho...nos vamos sair pra comprar roupas pra vc..-ele falo calmo e puxa o lençol que estava enrolado em meu corpo-


Kookie..o ...taetae não sabe tomar banho sozinho...-faço bico tentando aquecer o coração do kookie e fazer ele não pedir pra eu tomar banho-


Vc..quer que eu dê banho em vc?..-coro violentamente com sua fala e coloco as mãos no rosto tentando esconder o pimentão que eu me encontrava nesse momento-...


Kookie..vc não pode ver o taetae sem roupa...é feio...-falo com o rosto escondido entre minhas mãos-


Com certeza não tem nada que eu tbm não tenha..então vamos logo ômega preguiçoso..-ele fala rindo e quando ele disse "ômega preguiçoso" eu me levantei e dei um tapinha no braço dele-


Só isso que consegue?..fez nem cocegas..-ele rir e eu fico com mais raiva ainda e começo a estapea-lo com toda minha "força"-

Eu sou bem forte ta..-falo batendo nele-


Ai tae para ta fazendo muitas cocegas...-ele fala rindo da minha cara-


Ae? ..-dou um chute na canela dele e o mesmo gruni de dor e quando eu vou dar mais um tapa nele, ele se desiquilibra e cai me puxando,fazendo eu cair por cima dele e nossos rostos ficarem muito proximos um do outro-


Kookie...-sussurro envergonhado-

O mesmo permaneçe calado, observando meu rosto que com certeza estava bem vermelho.


Tae...eu...posso te beijar?..-quando escuto sua fala eu no mesmo instante fico (como se fosse possivel) mais vermelho ainda.

Po..pod..-não termino de falar e alguém toca a campainha- (TROLLLLLEEEEI)

Me levanto de cima do mesmo envergonhado e vou em direção ao banheiro para tomar banho, não que eu quisesse mais eu não queria olhar na cara do Jungkook depois disso, me sinto completamente envergonhado e feliz por ele ter pedido para me beijar.


Ta eu posso conhecer ele a apenas um dia mais parece que meu lobo se sente bem ao seu lado, eu sinto uma paz grande tanto por sua presença quanto por estar longe daquele lugar.

Termino meu banho e enrolo uma toalha na minha cintura, vou ate o guarda roupa do kookie e pego algumas roupas


Talvez ele não se incomode de eu pegar algumas roupas...né?..


Saio de meus pensamentos quando uma lembrança me atingiu igual um soco bem no meio da cara.


Meu irmão Baek...será que ele esta bem?...será que ele conseguiu fugir...ah não quero nem pensar se pegaram ele...

Quando dou por mim meu rosto ja estava coberto por lágrimas e eu ja estava soluçando por conta do choro.


Passo as mãos no rosto tentando conter as lágrimas e foco em me vestir.

Baek...espero que esteja bem...vc é a minha unica familia...não me vejo em um mundo onde eu não esteja com vc...

Olho pra porta e vejo o Jungkook me encarando e eu coro levemente.


Tae eu pode desçer pra comer...-ele fala e sai, me deixando sozinho novamente com os pensamentos que me atormentavam.

Apos alguns minutos saio do quarto e vou ate a cozinha onde ja tinha a pizza com refrigerante na mesa.


O..obrigado jungkook-ah..-falo baixo e envergonhado.


De nada Tae...mais...pq estavas chorando?..-ele fala e eu sinto um tom de preocupação em sua voz.


E..eu...e..estava...me lembrando de umas coisas...-falo segurando as lágrimas-


Que coisas?...oh...se não quiser não fale,não quero que se sinta mal...-fico calado e começo a comer-


Quebra de tempo*

Nesse momento eu e o kookie estavamos no shopping comprando roupas pra mim.


Ele tem um bom gosto pra roupas, escolheu roupas maravilhosas pra mim e que qualquer pessoa que me vissem babariam nos meus pés (igual as armys).

Fomos comer no Mcdonalds ja que eu ja estava "desmaiando" de fome.


Kookie...eu não queria que tivesse gasto tanto dinheiro cmg....quando eu arranjar um trabalho vou te pagar tudo...-falo envergonhado-


Olha Tae tudo que eu fiz por vc é pq..eu te am..ADORO...-ele meio que fala a ultima palavra um pouco alto e eu me assusto-


D..desculpa não era minha intenção gritar...vamos comer...-ele vai ate a recpção pedir a comida e eu fico sentado em uma mesa perto de onde ele estava-

Apos algum tempo ele tras a comida pra nos dois e comemos em silencio, não era um silêncio constragedor, pelo contrario era um silêncio acolhedor como se apenas a presença um do outro fosse valida.

Pq eu tenho que amar tanto Tae...

Escuto uma voz...como se fosse uma voz interna,que vinhesse da minha mente.


Kookie vc falou algo?..-pergunto confuso-


Não Tae..pq?..-ele fala comendo sem olhar pra mim-.


Nada...eu so escutei algo...aish deixa pra lá..


Não era a primeira vez que escutava aquela voz...e talvez não será a ultima.



Kookie...eu quero elee...pfv compra pra mim..-falo manhoso apontando pra um pokemon que eu conhecia como eevee, e que eu amava muito,sempre quis um daquele desde criança.


Aigoo vc não esta muito velho para pelucias não?..-quando ele fala eu sinto uma vontade de chorar, meus olhos começam a marejar e quando estava prestes a chorar o kook se manifesta-


Não chore tae..eu compro pra vc so não chore meu BB..-ele fala preocupado e no mesmo instante enxugo meus olhos e o kook entra na loja pra comprar o eevee. Assim que ele volta eu pego o pokemon nas mãos e abraço o mesmo com toda minhas forças-

Obrigado kookie...-beijo a boxexa dele e volto a atenção pro eevee-


Jeon jungkook on*

Ta Jungkook..respira....inspira....

Depois que o Tae beijou minha bochecha eu fiquei paralisado..completamente...


Mds...como esse garoto tem tanto poder sobre mim...

D...de nada Tae...-falo corado, coloco a mão onde ele me beijou, sorrio bobo e volto a andar com ele pelo shopping-

Não sabia que vc gostava tanto de pokemon..-falo animado olhando o anjo ao meu lado-


Eu sempre amei desde criança....-ele falo sorrindo enquanto ficava abraçado com o ursinho que eu não fazia a minima ideia do nome, mais era bastante fofo.

Talvez eu compre mais desses pra vc um dia..


-falo sorrindo-

EU IA ADORAR KOOKIE-ele quase grita e me abraça,fiquei um tempo parado mais depois retribui o abraço-

Vai ficar tarde vamos pra casa pra podermos arrumar suas roupas...-pego na mão dele e ando ate o estacionamento-

Kookie...obg pela tarde maravilhosa que eu tice com vc...-olho para ele e o mesmo estava corado,e cá entre nos Kim Taehyung corado é minha perdição...-

Por nada Taetae...gosto de ver vc feliz...-sorrio terno para o menor que retribui com um sorriso quadrado que eu tanto amava-

E eu gosto de vc kookie...-ele fala sorrindo e naquele instante eu coro e fito o mesmo paralisado-



Kim taehyung on*

Meu santo G-dragon...pq eu falei aquilo....


D..desculpa kookie...-coro e olho pro chão-

O mesmo continua andando ate o carro e sinto ele me virar e me escorar no carro ficando de frente pra mim

O..oque esta fazendo...kooki...-não termino a frase e sinto seus dedos tocarem meus lábios sutilmente.

Nossos rostos estavam proximos como na ultima vez...e minha respiração estava mais acelerada e meu coração a mil....

Quando menos espero...o kookie aproximo nossos lábios, e eu fecho os olhos como por extinto.















Continua?....


Notas Finais


Espero que tenham gostado bye meus lobinhos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...