História Por que você? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lukas Marques & Daniel Mologni (Você Sabia?)
Personagens Daniel Mologni, Lukas Marques, Personagens Originais
Tags Lukas Marques, Voce Sabia
Exibições 2
Palavras 864
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Gente, como já disse, eu sou nova nesse mundo. Peço para que tenham paciência que de pouquinho em pouquinho as coisas vão se ajeitando. <3

Capítulo 1 - Capitulo 1



  Era mais um dia frio em São Paulo, e como de costume fui tomar meu café da manhã em uma cafeteria comum da cidade. 
Fiz o mesmo pedido de sempre, um expresso duplo com grandes pretzels de banana com canela. Me sento em uma mesa de canto, pego o notebook e começo a trabalhar em um novo artigo para faculdade.
Horas se passam, e quando vejo, distraio-me por uma leve risada. Olho para mesa ao lado e me deparo com um menino um tanto intrigante. Olhos castanhos e sorrisos contagiantes, algumas tatuagens cuja as quais não pude reparar detalhadamente,
mas certamente lindas. 
  Me deixo levar pelas sensações estranhas que tomavam o meu corpo e a minha mente. Fiquei aérea por muito tempo, confesso que não pude deixar de reparar em cada lindo e perfeito detalhe da face deste menino. 
Horas de passam. Oh, não! Estou atrasada para a faculdade. Pego minhas coisas rapidamente, e percebo que mal toquei no café ou nos pretzels, mas não tenho tempo para isso.
Saio as pressas da cafeteria, mas claro, paro perto a porta e olho mais uma vez para o intrigante menino, sem saber se o verei novamente. 
  O dia passa, aulas e palestras vão e vem e simplesmente não consigo tirar a imagem desse menino da minha cabeça. É confuso! Será que estou apaixonada? Não, claro que não!
Quer dizer, eu nem o conheço, nem sei ao menos o seu nome. Isto é loucura! 
  O dia é pertubador, não consigo me concentrar em nada. Parece que eu nem estou aqui. 
Ouço o soar do sinal. Já são três da tarde. Hora de ir embora. 
No caminho até o carro tento revisar as matérias ensinadas nas aulas de hoje na minha mente, mas não consigo. Perguntas pertupadoras tomam conta da minha mente: Quem será ele?
De onde é? Mudou-se agora ou já mora aqui faz tempo? E a mais agonizante, Vou ve-lo novamente? 
 O trajeto até o apartamento é sereno e calmo. Entro no apartamento e não posso esconder o susto que sinto quando vejo meu "colega de quarto" Daniel com o menino que tomou os meus pensamentos durante todo o dia. 
- Oi! Izabell? . Diz Daniel supreso com o meu susto, já que era comum o fato dele levar vários amigos para o apartamento e eu nunca me importar, muito menos reagir assim.
- Ãh, ãh o-o-oi, digo quase sem poder respirar. Ótimo, estou fazendo um belo papel de boba. 
- Este é o Lukas, aquele amigo de quem te falei.
- Muito prazer, Lukas. Tenho que ir para o quarto, até mais. Digo desesperada sem lhe dar chance alguma de resposta.Pode até ter soado um tanto antipática. Maravilha, além dele me achar idiota agora também me acha antipática.
  Não me lembro sobre o Daniel ter me falado de nenhum Lukas... quer dizer... tem um Lukas. Mas será esse? Há um tempo atrás o Daniel me falou que ele e um amigo haviam começado
um projeto juntos, algo como um canal no Youtube ou coisa assim. 
Claro que não perdi tempo, logo peguei o notebook e comecei a pesquisar. Depois de uns 2 minutos já acho o canal dos meninos "Você Sabia" e U A L, mais de 4 milhões
de inscritos. Sabia que o Daniel era reconhecido pelo seu trabalho, mas não tinha noção de que tudo isso era tão grande. Sons de batidas na porta interrompem minha pesquisa.
- Bell? Posso entrar? 
Me levanto da cama, me olho no espelho e dou uma leve arrumada no cabelo 
- Claro, Daniel. 
Daniel entra no quarto e se senta na cama 
- Então, como você esta? 
Achei a pergunta de Daniel um tanto estranha, afinal ele nunca agiu assim 
- Bem, ué, e você? 
- Estou bem também. O que aconteceu hoje? Te achei um pouco estranha quando me viu com o Lukas na sala. Vocês já se conheciam? 
- Estranha? Hã, estava normal, Daniel, só estava cansada. Sem problemas. 
Daniel abre a boca por alguns segundos pretendendo dizer algo, mas então exita e caminha em direção a porta. 
- Tudo bem então, Anna. Qualquer problema pode falar comigo. Boa noite 
- Obrigada, boa noite! 
Quando Daniel sai e ouço o fechar da porta solto um suspiro que nem eu mesma sabia estar segurando. Fico uns 3 minutos parada na cama sem reação alguma, até que me levanto e decido tomar meu banho.
Enquanto tomava banho pensamentos sobre o dia que tive tomavam-me a cabeça e todas as perguntas que fiz a mim mesma durante o dia, passaram a ter respostas. 
Sim. Vou ve-lo novamente! 
Saio do banho, visto o pijama e seco os cabelos. Já passam das 23:30, preciso dormir. 
Deito-me na cama, e tento dormir por um tempo, por fim não consigo e acabo desistindo. Pego o notebook e procuro por um filme no netflix, sem obter sucesso na procura, acabo optando
pelo meu filme favorito "Bonequinha de Luxo". Não sei bem o porque, mas tenho um fraco por filmes antigos, talvez porque não sejam tão frivolos e vazios como os filmes atualmente. Esses possuem história, e não apenas fatos irrelevantes
para que o filme dure horas e horas. 
Sem perceber acabo adormecendo. 
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...