História Por que você? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 2
Palavras 832
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Não tenho muito oque dizer....espero que gostam, e boa leitura!

Capítulo 1 - New student.


Estava eu e minha melhor amiga, andando pelos corredores grandes e cheios, da gigantesca escola.

M/a: E ai ta animada?

-Acha mesmo que estou animada?Olha bem pra minha cara, vamos ter que estudar! e você acha que eu estou?!

M/a:Ôoo estressadinha! Não estou falando de estudar! estou me referindo aos alunos novos...acho que vai entrar algum em nossa sala, espero que seja bonito.

- Odeio alunos novos, e você sabe disso!

Encerramos nossa conversa assim que entramos na sala, escolhemos nossos lugares na frente, mesmo eu não gostando de estudar eu e a m/a, somos umas das mais dedicadas e esforçadas, nos sentamos e ficamos aguardando os alunos, tantos os "antigos" quanto os "novos"

[...]

Poucos minutos se passaram, e o professor continuava a falar, ele já estava quase na parte de apresentar os alunos novos.

Prof/M: Esse ano só temos um aluno novo.

Bufei e olhei para o outro lado da sala, onde havia uma janela, que revelava a paisagem do lado de fora da sala. Ouvi o professor dizer; "Pode se apresentar", e assim ouvi uns passos lentos e fracos, olhei com os cantos dos olhos para o garoto, e confesso que ele é bem bonito, me sentei melhor e agora eu o encarava.

xxx: Bom, eu me chamo, Park Jimin, e  tenho 17 anos.

Prof/m: Seja bem vindo! sente-se onde achar melhor.

O garoto se direcionou para uma mesa que havia atrás da mesa da m/a, ele ficou basicamente do meu lado. Foi preciso uma bolinha de papel bater em minha cabeça para, eu sair do transe...

[...]

A aula passou tranquilamente, a única coisa que estava me irritando, era o simples fato que todo minuto, havia uma garota na mesa do novato, elas iam com a desculpa de pedir ajuda nas atividades de matemática que por sinal estava muito fácil, mas elas na verdade estavam aproveitando para dar em cima do garoto - Por que eu estou irritada? não me pergunte.

Como fui uma das primeiras a terminar as atividades, fiquei mexendo no meu celular, fazendo altos nadas, até o sinal tocar, e todos serem liberados. Arrumei meu material, e coloquei meu fone, logo me levantando e indo a direção a porta com a m/a.

Jimin: Meninas ...vocês podem me levar até o pátio...eu não sei onde fica.

Olhamos para ele enquanto ele dizia tals palavras, eu ia negar, não estava nem um pouco afim de ser guia de novatos, mas a m/a foi mais rápida.

m/a: Claro...vem!

Revirei os olhos, e vi o garoto caminhar em nossa direção, fomos para o pátio, no caminho m/a e o tal Jimin foram conversando, eu estava um pouco atrás deles,sem dizer nada, mas estava ouvindo a patética conversa deles, até porque eu estava de fone mas não estava ouvindo nenhuma música.

M/a;Pronto, chegamos!

Jimin;Ah obrigado. --Ele já estava atravessando o pátio, dei um glória na mente e parei ao lado da m/a.

m/a: Ei espere! --Ela falou um pouco alto e o garoto se virou na ponta do calcanhar para nos olhar. -- Não quer se sentar conosco?

QUE?

olhei para ela, e depois encarei o garoto, o mesmo me olhava com um sorriso, diferente de mim! eu estava com uma cara de...surpresa?

Jimin: Se sua amiga não se incomodar...

Ele diz ainda me encarando com um sorriso - Mas que sorriso! - quando ele terminou a frase ele olhou para a m/a.

M/a: Quem? a s/n? ela se incomodar?...claro que não!

Revirei os olhos. e olhei para o lado, fixando meu olhar para longe.

Jimin; Então tudo bem...só irei ver se encontro meu amigo...é...tem problema dele se sentar com a gente?

Tem!não era nem pra você se sentar com a gente.

m/a: Que isso! pode chamar ele sim!!

Jimin; ok já volto.

ele saiu procurando pelo tal amigo dele, bufei e andei em direção ao banco que eu e a m/a sempre nos sentamos, depois de uns segundos a m/a se ligou que eu não estava perto dela, e veio em minha direção sentando-se ao meu lado, na tapagem da grande árvore que existia ali.

- Não acredito que fez isso! --digo e a mesma me olha com cara de quem não sabia do que eu estava falando, revirei os olhos e voltei a falar -- Está dando em cima dele?

M/a: Não. Ele é bonito mas não faz meu tipo...Mas ele é legal.

-Ele é legal? Fala sério! eu ouvi a conversa patética de vocês dois! pareciam duas crianças.  -- bufei e olhei para o outo lado do pátio.--

m/a: Sabe por que você acha patética?-- não respondi, só olhei para mesma que estava me encarando--Pelo simples fato de não ter um espirito infantil, você as vezes parece minha mãe, sempre está de mau humor, nunca está de bem com a vida.

Aquelas palavras eram verdades, mas eu simplesmente ignorei e voltei a olhar o outro lado do pátio.

m/a: - suspirou - sei, que não gosta de fazer amigos, mas tenta se esforçar um pouquinho...

- ok...

 


Notas Finais


Eii pessoal...espero que tenham gostado...ainda verei um dia certo para postar, digam oque acharam e se querem que eu continue...Beijos e até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...