História Por um Destino... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Grega, Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Kiba Inuzuka, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shino Aburame
Tags Hades, Mitologia Grega, Narusaku, Perséfone, Sasuhina
Visualizações 109
Palavras 1.337
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Ecchi, Harem, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Bem vindo à Grécia Antiga... Onde agora os deuses poderiam reencarnar a cada mil anos.Para poder proteger sua filha do rápto de Hades,Deméter manda Perséfone encarnar numa jovem distinta das demais....seu nome era


--Hinata.

Capítulo 1 - A Encarnação de Perséfone.


Fanfic / Fanfiction Por um Destino... - Capítulo 1 - A Encarnação de Perséfone.

Os 3 deuses principais, aqueles que comandavam os céus,a terra e os mares haviam partido numa jornada de reencarnação após descobrirem o sumiço da Ambrosia, o Manjar dos deuses, aqueles que os mantinham saudáveis e imortais. As Moiras (as deusas do destino,aquelas que fabricam,tecem e cortam o fio do destino de todos) haviam explicado a todo o Olimpo que havia como encarnar os deuses em humanos,entrelaçando um fio do destino de um deus em outro do ser humano sem quebrar as leis da harmônia cósmica.Mas só até encontrarem o Manjar novamente,reencarnariam a cada mil anos e todos os poderes deveriam ser reduzidos por o corpo de um Humano não suportar a energia divina

Deméter viu a oportunidade perfeita para que Hades não perseguisse mais sua linda filha Perséfone, mesmo que fosse esposa de Hades agora, enquanto ele não retornasse poderia mandar Perséfone para longe do Olimpo e do Inferno e assim poder ve-la todas as vezes que quisesse.

Mas para que as memórias de um deus pudesse ser ativada na mente do humano deveria-se provar o Néctar os deuses,assim que o primeiro gole fosse dado qualquer Deus tomaria ciência do seu "eu" verdadeiro.Devido a isso cada deus escolheria uma ninfa que procuraria por deuses na sua forma humana e lhes ofereciriam o Néctar.

Qualquer Deus que desejasse reencarnar deveria seguir até uma determinada sala,escolher um Humano diante do espelho e permitir que as Moiras entrelaçassem seus destinos.

       _Aonde vamos mamãe? - Perséfone perguntou quase susurrando enquanto era puxada pelos corredores do Olimpo no meio da noite.

 _Shiii minha filha,você irá encarnar em uma jovem bem distinta de você! -Disse empurrando Perséfone para a sala onde a Moira se encontrava.

 _Sejam bem vindas - A moça que outrora explicou o sobre encarnações e destino se encontrava lá com outras 2 igualzinhas a ela. 

 _Mas mamãe Hades pode não gostar disso,sabe muito bem que isso tudo só aconteceu por que ele se encantou pela minha beleza -Perséfone disse, mas sua mãe somente a guiava para o espelho.

 _Aqui! Apontou para imagem da Jovem no espelho,uma moça com olhos cor de lilás, com belos cabelos preto-azulados muito grandes,um corpo tão esbelto quanto o de Afrodite -Não se preocupe ele não irá reclamar de beleza.

 _Ela... é linda! -Perséfone desenhou a imagem da Jovem com os dedos no ar.


 _Que bom que gostou,deu muito trabalho para achar esta criaturinha. -Uma das Gêmeas Moiras disse enquanto agarrava o fio do destino de Perséfone e entralaçava com o da moça 

 _Como ela se chama? -Perséfone tão encantada com a Beleza da Jovem não notou que flutuava em meio a um brilho verde.

 Se virou para a mãe e para as Moiras, foi aí que reparou que não tinha ninfa nenhuma por lá, como teria suas memórias de deusa presente?

 _Mamãe! -Gritou desesperada enquanto sentia-se sugada para dentro do espelho,Hades não gostaria nada daquilo.Temia por seu amor.

 Deméter sorria, ainda assim enquanto as Moiras mexias nos fios.

 _O nome dela é Hinata- Foi a última coisa que ela ouviu da sua mae, logo depois viu milhões de imagens de todos os tipos de pessoas ao mesmo tempo.

 O Eco do nome da Jovem percorria ainda em sua mente, enquanto ouvia milhões de vozes falar este mesmo nome,sua mente parecia que ia explodir até que fechou seus olhos e gritou para as vozes pararem,mas elas continavam :

"Hinata! Hinata! Hinata! " 



 _Hinata? Hinata o que está fazendo?! -Alguém gritou com ela -Tire já está narvalha de perto do cabelo!

 _O-o que? -a jovem podia jurar que tinha ouvido várias vozes falando o seu nome.

 Se mirou num espelho e viu que estava a ponto de cortar suas longas medeixas azuladas.Largou a narvalha subitamente no chão.

 _Tudo isso porque está com raiva de papai -Esse alguém era uma moça, Hinata buscou o nome na memória enquanto via a menina pegar a narvalha no chão.  

  E tomou ciência de que era sua irmã caçula Hanabi e que há uns minutos atrás tinha discutido com seu pai Hiashi por terem opiniões diferentes sobre o valor da mulher.     

_Oras! A culpa é toda de papai! Que Atena o castigue só por desvalorizar a mulher. -Hinata rebateu.

 _O deuses andam muito ocupados com seus próprios problemas para se importar com isso. -A Irmã caçula de cabelos mais castanhos guardou a narvalha na gaveta.


 _Mas que absurdo isso! -Hinata analisou se havia cortado algum fio.Logo encarou a irmã que começou a falar.

 _É verdade! Não ouviu falar? O Manjar dos deuses desapareceu de forma misteriosa, lá nos céus eso um clima tenso de desconfiança entre todos.

 _São só boatos de poetas que vivem cantando nas praças, você não precisa acreditar em tudo que eles dizem.-Hinata cruzou os braços enquanto olhava seu quarto perfeitamente organizado.

 _ Mas eu ouvi quando fui ver o que os mercadores tinham este mês, o poeta disse que foi Hermes,o próprio mensageiros dos deuses que lhe disse. -Hanabi dizia buscando convercer a irmã.

 As duas continuaram a conversa por mais algumas horas.Equanto isso no Olimpo...

 _Tem certeza de que Hades não encontrará ela? -Deméter indagou as Moiras novamente.

 _Olha a certeza tinha que partir de você! -Láquesis largou seu novelo e encarou a deusa a sua frente

. _Se o amor não for recíproco Hades jamais irá se quer pensar em Hinata como sua Perséfone, mesmo que a veja um milhão de vezes. - Outra Irmã do destino ressaltou o que parece que já fora dito antes.

 _Mas se for recíproco minha cara Deméter... Não importa quantas vidas você viva,o amor inexplicávelmente te perseguirá! - A Moira que corta fechou a tesoura assim que acabou a frase.


                     ~♥~

 Hinata andava pelas ruas de Atenas tentando não tropeçar no seu vestido,iria ouvir um poeta contar sobre o que se passava com os deuses no Olimpo juntamente com uma escrava,pois não podia andar nas ruas sem estar acompanhada, acabou esbarrando em um rapaz. 

 _Me desculpe  - tentou olhar o homem,reparou que era um soldado moreno mas ele já ele já tinha virado as costas.

 _Vê se olha para onde anda -Ouviu ele falar secamente.Hinata sentiu um tremor em suas mãos,e uma sensação cálida ao ouvir sua voz.

 Mas ele era um grosso! Rum...como todos os homens! 

 _Hey Sasuke por que não trata melhor as mulheres? - Veio um homem loiro,soldado como o que Hinata tinha esbarrado,em sua direção.

 Mas ele era lindo! Hinata sorrio para ele enquanto ele a cumprimentava.

  _Você está bem? - Hinata assentiu com a cabeça e o homem prosseguiu falando -Oh Mas você é linda,parece um ninfa dos mais belos campos de toda a Grécia.

   _Muito obrigada -Hinata agradeceu meio encabulada.

   _Pare de corteja-la! - O homem moreno puxou o loiro -Temos trabalhos para fazer.

    Foi quando Hinata pode ver o rosto do homem que lhe causou tremores.Mas era um belo rapaz dos olhos cor de Ônix, sentiu seu coração acelerar,será que em Esparta havia homens tão belos quanto em Atenas? 

  _Mas o que está fazendo com estes homens? Vamos embora - Cléo, a escrava de seu pai a puxou dali 

   Os dois soldados a viram se arrastada pela mulher uns 30 anos mais velha que a moça dos olhos lilás.

  _Caraca! Essa dai teve a benção de Afrodite.- O soldado loiro falou ainda observado a moça

    _Devo concordar com você Naruto,mas não foi só Afroite que abençoou, os olhos dela são tão hipnotizantes como se fossem da deusa Atena - Sasuke falou olhando para a direção que Naruto olhava,até perderem a moça de vista.

      _Sasuke...Naruto? O que estão fazendo? Vocês estão em horário de trabalho! - Um general de cabelos grisalhos que não era nem um pouco velho apareceu.

     _ Ah por Zeus! Kakashi... Você quase me matou de susto! -Naruto alterou a voz e suspirou logo em seguida.

    Sasuke deu um tapa na nuca de Naruto.

   _Mais respeito com o General. -Disse ele recebendo um sorriso aprovador de Kakashi.



"Oh! Vejam,  está a encarnação de Zeus!"_Uma ninfa afastada da aglomeração das ruas

 " Vejam! Hades e Poseidon também estão lá! " Outra ninfa falou

"Venham vamos atrai-los para a floresta"



Notas Finais


Será que Deméter não se enganou?
Talvez Perséfone amasse secretamente Hades!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...