História Por Você - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lucas "T3ddy" Olioti
Exibições 21
Palavras 1.232
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


MARR GENTII

Capítulo 13 - HOT


Fanfic / Fanfiction Por Você - Capítulo 13 - HOT

Assim que chegamos, percebo que o prédio em que está seu apartamento, é muito estiloso. Mas eu não quero saber disso agora!

Paramos em frente ao elevador, e ele checa as horas no relógio em seu pulso, e olha em volta. Olho para seu lindo rosto, e ele me olha de volta no mesmo momento que o elevador se abre, e ele me puxa para dentro com tudo, e aperta o botão de seu andar, e novamente nossas bocas estão coladas e dançando gostosamente. Mais uma vez ele pega em meu traseiro com uma mão, e com a outra segura meu cabelo enquanto nossas bocas se movimentam. Aos poucos sua mão desce de meu cabelo passando pelo meu pescoço, até chegar em meu seio, e quando o alcança, ele o aperta e o massageia por cima do pano, fazendo meus mamilos se enrijecerem imediamente e gemo em sua boca. Eu estou praticamente entregue à este cara!

A porta do elevador se abre, e nos soltamos rápido vendo que não há ninguém. Lucas sai do elevador, e de mãos dadas com as minhas, me leva até uma linda porta de madeira e a abre.

—Quer fazer alguma coisa? — ele pergunta discontraído e sorrio assentindo indo para sua frente, que dá um sorriso perverso, e muito rápido ele se abaixa tirando seus sapatos e meias e volta tirando sua camisa exibindo seu lindo peitoral — Se você não quiser a gente deixa. — diz colando a boca na minha e logo solta e me olha — Não quero que pense que eu sou iguais aos outros.

— Eu quero. — digo e sem nenhum rodeio me jogo em seus braços e o beijo enquanto ele desliza minha jaqueta pelos meus braços e a tira. Ele começa a caminhar enquanto sobe minha blusa devagar, passando as mãos em minha barriga me causando arrepios extremos em todo o corpo. Logo percebo que estamos entrando em um quarto, mas toda a distração em minha frente não me deixa notar como é.

Sinto minha blusa voar longe, e olho para ele que desabotoa as calças na maior rapidez. Sorrio ao vê-lo e desabotoo o primeiro botão de minha calça, mas ele me impede.

— Eu vou tirar. — ele diz com a mão em cima da minha e assinto enquanto suas calças caem no chãos e ele as retira de seu pé.

Eu tento! Mas é inevitavel não olhar para todo esse volume em baixo de sua cueca cinza. Ele vêm até mim, com muito destreza, retira a calça de meu corpo, me deixando somente de calsinha e sutiã. Seus olhos atentos analisam meu corpo, e quando percebo estamos caindo na cama aos beijos.

— Quer preliminar? — sua voz rouca sai em minha boca enquanto sua mão boba, está rodando em meu clitóris por cima da calsinha de renda branca. Assinto soltando um gemido rouco, e ele desce para o meio de minhas pernas. E quando vejo estou sem minha calsinha. Logo seu vapor quente está em minha extensão, e o sinto me sugando com toda a força, me fazendo ter um prazer imenso com essa oral que ele mal começou e eu já estou a mil!

Sua língua gira em torno de meu clitóris e devagar ele o puxa e solta... E repete a ação várias vezes. Sua mão sobe e ele a enfia por baixo no sutiã e massagea meu seio direito, ele roda o polegar em meu mamilo com a cara afundada em meu sexo extremamente molhado. Coloco minha mão por cima da sua e faço movimentos, o ajudando, e mexo o quadril em sua boca, o fazendo me chupar ainda mais forte. Começo a gemer um pouco alto sentindo meu orgasmo perto, e ele suga ainda mais forte e mais rápido. Sinto meu corpo flutuar, e arfo amolecendo minhas pernas abertas exageradamente por ele, e fecho os olhos absorvendo todo o prazer me dado.

Ao perceber que gozei, ele sobe beijando meu corpo me fazendo estremesser em resposta, e logo ele esta me beijando de novo. Sinto seu membro extremamente duro sarrando em minha intimidade e ele para o beijo se levantando e indo até a escrivaninha. Ele retira um pacotinho prateado, e o rasga fazendo a camisinha aparecer, e a coloca em cima do criado mudo, e abaixa sua cueca fazendo seu membro aparecer. Ele vai me arrebentar com isso!

Mordo os lábios enquanto o observo deslizar a camisinha em seu enorme e grosso membro. Lucas me olha e dá um sorriso perverso até demais e caminha para a cama novamente e deita me tomando em um beijo.

— Já posso colocar? — ele diz enquanto sinto meu sexo começa a latejar esperando que ele me preencha com todo aquele tamanho. Me sento fazendo ele se sentar junto, e subo em seu colo ficando de costas para ele, e com as pernas dobradas.

— Pode. — sarro lento em seu membro e levanto o braço direito mexendo em seu cabelo enquanto ele coloca suas mãos em meus seios e beija meu ombro. Ele desce sua mão e encontra seu membro em baixo de minha bunda. Sinto ele o levantar, e arqueio meu corpo para ele me penetrar. A cabecinha se encontra na minha entrada, e começo a escorregar por ele o fazendo entrar em mim. Ele geme enquanto termino de colocar, e mordo os lábios o sentindo dentro de mim. Começo a me movimentar devagar e ele arfa massageando meus seios.

Eu não imaginei que isso iria acabar assim, mas já que estou aqui, vou até o fim!

Acelero o movimento, e as vezes solto gemidos roucos e fracos quando o faço ir no fundo de mim. Uma mão sua se põe em meu clitóris, e começa a me estimular de uma forma gostosa e bruta, enquanto sinto meu ápice perto. Aos poucos ele escorrega em cima da cama e se deita deixando o trabalho comigo, e quico em cima dele enquanto o ouço gemer. Minhas pernas começam a tremer e gozo sobre ele sentindo a camisinha inchar dentro de mim por sua ejaculação.

Uma exaustão toma conta de mim, e respiro fundo tentando achar o ar.

— Você tá bem? — ele diz e sinto suas mãos em meus braços e viro a cabeça para ele assentindo — Certeza? — assinto mais uma vez — Então deita aqui. — ele bate com a mão no travesseiro, e lentamente saio dele e deito ao seu lado um pouco tímida. Ele sorri e passa a mão em minha testa molhada e em seguida me beija nos lábios.

Lucas se levanta e senta na beirada da cama, ele está de costas, mas presumo que esteja tirando a camisinha. Ele se levanta exibindo sua linda bundinha e vai até uma porta que deve ser o banheiro, e entra lá. Me tampo com o lençól da cama e logo ele volta com uma cueca, e se deita ao meu lado.

— Quer vestir uma camisa minha? — ele diz sem olhar no meu rosto, e pecebo suas bochechas coradinhas. Ele está com vergonha... Que gracinha!

- Quero. - respondo e ele se levanta novamente indo ate o closet, e volta segurando uma camisa preta sem manga. Pego a camisa enquanto ele se senta e me observa á vesti-la, e assim que termino, olho para ele que me chama com as mãos. Vou até ele e me sento ao seu lado, e ele pega em minhas mãos com o rosto ainda corado, me fazendo corar junto


Notas Finais


Primeira vez que saem e ja estao assim? KE PUTARIA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...