História Porque Me Odeia? - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Suga, V
Tags Bts, Jimin, Jungkook, Kookie, Misspark, Suga, Taehyung, Taetae, Vkook, Yoongi, Yoonmin
Exibições 53
Palavras 1.405
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Annyeong Minnies!!!!
Sdds de vcs </3 então eu tentei postar todas as fics ao mesmo tempo mais devido eu ter perdido tudo e ter que recomeçar again, eu irei att essa primeiro, mas juro que já estou escrevendo os capítulos das outras fics!

Boa leitura!

Capítulo 5 - Revelações


Fanfic / Fanfiction Porque Me Odeia? - Capítulo 5 - Revelações

 

 

 

Acordei e olhei novamente para o meu celular e nada de mensagens do Tae, eu estou um pouco preocupado, tá quem eu estou querendo enganar? Eu estou muito preocupado. Levanto-me da cama e vou para o banheiro tomar meu banho, faço minha higiene matinal e desço para tomar o meu café.

- ah não Minnie ahh a- aqui não - escuto a voz do Yoonie mais continuo andando até a cozinha - ahh Minnie o Kookie pode apa... - entro na cozinha me deparando com o Jiminnie hyung sentado no colo do meu irmão rebolando enquanto o Yoongi apertava a sua cintura o forçando para baixo, arregalo os meus olhos e o Yoongi me ver por está de frente para mim enquanto o Jimin está de costas. - ... recer. - ele termina de falar empurrando Jimin do colo que ao me ver abaixou a cabeça corando violentamente. - b- bom dia m- maninho.

- vão pra um quarto da próxima vez. - falo fazendo Jimin corar mais ainda - vamos quero ver o TaeTae. - falo entusiasmado.

- v- vamos. - seguimos caminho para a escola que não era longe de casa em poucos minutos já estávamos na mesma, conversávamos sobre as atividades de química quando o Yoonie olhou por cima do meu ombro sorrindo e depois para mim, abri um sorriso imenso sem olhar para trás.

- hora de atuar! - sussurrou Yoongi, me viro pronto para fingir estar com raiva ao vê-lo e logo percebo que ele está mancando mais não dou muita importância, falarei com ele a sós. Ele vinha na minha direção e eu fechei a cara quando eu ia xingá-lo ele me puxou e me beijou.

Arregalei os olhos ficando tencionado mais logo relaxei e fechei os olhos ao sentir sua lingua invadir minha boca com calma, carinho e amor, senti suas mãos me puxarem mais contra si, minutos depois ele desfez o beijo com três selinhos rápidos.

- eu te amo - sussurrou no meu ouvido e eu abri o maior sorriso do mundo, não é querendo me vanglóriar não mais eu seria um ótimo coringa.

- Tae o que tá fazendo? Você ficou maluco? - Yoongi perguntou com a voz em um fio, olhei em seus olhos e tudo o que eu vi foi: desespero, medo e angustia. E então cai em si, o que diabos eu havia feito? O que ele havia feito? Arregalei meus olhos assustado olhando para o Tae e ele me abraçou.

- meu pai já sabe. - falou simplista.

- como? O que? Espera... então quer dizer que... - ele me interrompe.

- que ele aceitou nós dois. - Tae sorri e vejo o meu irmão suspirar aliviado, sorrio e o abraço forte dando vários selinhos nele.

- espera, então por que eu sinto que tem um "porém"? - pede Jimin.

- ele disse que tenho que fazer tudo o que ele mandar só isso - ele desvia o olhar para um ponto qualquer, ele tá escindendo alguma coisa. Aish será que aquele filho da mãe bateu nele? Afinal de contas ele está mancando.

- TaeTae por que você tá mentindo pra gente? - pergunto acariciando sua bochecha. - eu te amo e você sabe que pode me contar qualquer coisa - olho para os meninos e volto a fitá-lo - nos contar qualquer coisa. - dou ênfase no "nos".

- e- eu não estou mentindo. - suspiro.

-então por que está gaguejando? - olho para a sua perna e volto a olhá-lo nos olhos - ele te bateu não foi? - pergunto temendo que sua resposta fosse um "sim".

- não - seus olhos enchem de lágrimas e eu passo a ficar mais preocupado ainda, sem querer abaixo meus olhos para o seu pescoço e vejo que ele está roxo, e eu sabia muito bem o que aquilo significava, meu coração começou a doer senti as lágrimas descendo me fazendo soluçar alto.

- amor o que ele fez com você? - falo em um fio de voz.

-TaeTae pode confiar em nós. - Jimin diz chegando ao nosso lado acompanhado por meu irmão.

- qual é Tae? Somos nós! Sou eu seu melhor amigo! Não precisa mentir pra gente. - Yoonie fala com a mão no ombro do Tae, vejo o mesmo suspirar e me fitar e logo os outros dois voltando a me olhar novamente.

- ele... e- ele me forçou a... t- transar com ele. - fala com a cabeça baixa e meu peito doe mais ainda. - ele ameaçou você Kookie eu não podia deixá-lo encostar em você. - fala entre soluços, na verdade todos estão chorando. Esse homem é um monstro! O que ele fez com o meu Tae? Meu Deus eu permitir que ele continue a fazer isso.

- eu mato aquele desgraçado - falo com raiva e ele me puxa.

- não faça nada Jeon Jeongguk você está me entendendo? - ele pergunta desesperado.

- eu não posso te ver assim. Amor olha o que aquele filho da mãe fez com você, ele te tocou Tae! Ele não podia fazer isso! - passo as mãos no cabelo já nervoso.

- não podemos fazer nada quanto a isso você sabe disso amor, o mais importante é que ele deixou ficarmos juntos. - fala me puxando para um abraço. - eu não posso te perder Jungkook.

- ele tem razão mano, relaxa vamos dar um jeito nesse cara. - Yoongi abraça Jimin que ainda chorava, poucos sabem mais o Jimin já foi estuprado pelo próprio pai, por anos, e ver que o amigo estava passando pela mesma situação o fazia se sentir mal e automaticamente todas as lembranças ruins voltava trazendo com elas a tristeza, a dor e o repulsa de si mesmo.

- okay não vou fazer nada - suspiro e dou vários beijos no rosto do Tae parando em sua boca em um selinho demorado. - mas com uma condição.

- qual? - ele franze o cenho.

- dorme comigo. Hoje. Na minha casa. - o vejo arregalar os olhos e os meninos sorrirem maliciosos. - seus pervertidos eu só quero cuidar do meu namorado!

- ah claro que você vai cuidar dele Kookie e aposto como ele vai amar ser cuidado por você. - responde Jimin sorrindo, estávamos tentando esquecer mesmo que por alguns segundos o que o Tae havia nos revelado.

- ah é? Assim como você gostou que o Yoonie "cuidou" de você ontem? - pergunto sorrindo vitorioso ao vê-lo corado.

- e- eu não sei do que você está falando. - ele fala ainda com a cabeça abaixada.

- "ahh Suga mais rápido, mais rápido!" - falo tentando imitar sua voz e os dois coram violentamente enquanto eu e o TaeTae rimos deles.

- hum então quer dizer que o meu melhor amigo se deu bem ontem? - Taeri malicioso - espero que tenha aproveitado bastante por que hoje eu e o Kookie vamos vamos fazer muito barulho e... ai amor! - resmunga do tapa que eu dei em seu braço.

- não fale essas coisas - coro - eu fico sem jeito e além do mais ele é o meu irmão - falo apontando para Yoonie que está com uma careta - ele não precisa saber que vamos transar.

- ah então quer dizer que vamos fazer amor hoje? - pergunta sorrindo de canto.

- não senhor Kim Taehyung, vamos apenas dormir! Pelo amor de Deus você foi... aish... você não está em condições para isso! - balanço a cabeça tentando esquecer aquele assunto.

- quem disse que eu não estou em condições? - me abraça por trás e sussurra no meu ouvido. - posso e vou fazer você gemer o meu nome a noite toda.

- ei casal, pornografia na escola é proibido! - falou Suga - e aliás o sinal tocou vamos para a sala - fala já levando Jimin consigo para a sala e eu e o Tae os seguimos.

- estou ansioso para hoje à noite. - Tae sussurra no meu ouvido antes de sentar em sua carteira e eu sorrio, mas aquelas marcas não saem da minha mente. Minha maginação me fazendo pensar no meu Tae chorando enquanto aquele homem asqueroso o tocava... argh dá vontade de matar aquele desgraçado, mais eu ainda vou ter minha vingança eu sou capaz de matá-lo se ele encostar no Tae de novo, esse homem não perde por esperar.

 

 

 

 


Notas Finais


Então digam-me o que vocês acham que o nosso lindo maknae vai fazer com o pai do nosso TaeTae?

Deixem seus comentários <3

Quem vai pro show do BTS aê????

Bye bye Minnies <3

Xoxo for you! *^_^*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...