História Possesive Yoonmin - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Suga
Visualizações 88
Palavras 535
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar
Avisos: Álcool, Drogas, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eitxaaa acho que tô pegando o jeito
"Só acho mesmo" 😂😂😂 Vamos pro capítulo.

Capítulo 3 - Let Me Go


 -Sabe?(ele arqueou as sobrancelhas) Como? 

Droga, se eu  dissesse que eu sabia que ele é um bangtan boy, acho que ele me mataria, pois como eu disse ninguém sabe quem faz parte dos bangatan, só sabem que existe essa gangue, ninguém sabe quem são os verdadeiros membros, eles fazem tudo perfeito, sem nenhuma descoberta por parte de ninguém. Apenas do Kokkie e da minha. 

 -Eu confundi você com outra pessoa (menti) 

-Eu sou inconfundível . Ele disse 

-Se você diz... (Falei dando a mínima importância, ou pelo menos fingindo não dar )

-Você deveria me temer.

- Só porque você é um bangtan boy ? (Era engraçado o jeito que eu me guiava para minha própria morte) eu praticamente entreguei o jogo e logo ví a merda que havia feito, Yoongi olhou para os garotos incrédulos.

-Você sabe de mais (Ele disse dando meia volta ) -Caras levem ele para o apartamento amanhã vou ver oque faço, se ele não morrer, vai servir como um bom bife. (Ele disse mordendo os lábios) “Se é que vocês me entendem”😏

-Oque Droga me solta, Eu quero voltar pra casa. Gritei ao sentir o tal do Namjoon, e de mais dois  garotos me colocando para dentro de uma Range Rover preta, Tentei me debater, mas o desespero era tanto que acabei desmaiando , Tudo se apagou.


Acordei em um quarto totalmente escuro e com uma for de cabeça muito forte, levantei procurando algo que pudesse iluminar aquela droga de lugar, mais provavelmente uma luz, e ... Sem sucesso, consegui ouvir risos exagerados distantes, eram os filhos da puta, Deduzi. 

A porta se abriu com ela veio uma claridade infernal, o tal de Namjoon acendeu a luz ( a qual eu não tinha achado alí perto da porta, porque estava totalmente escuro.) E logo me avistou sentado na cama com uma cara Tipo "Vai tomar no cu " 

-Seu cabelo está horrível (Ele disse) 

-Ah obrigado, mas você trabalha em algum salão de beleza ou algo do tipo ? Bem que percebi seu jeito meio afeminado (Falei com raiva )

-Se quiser eu posso te mostrar o afeminado.(Ele disse sendo safado. Idiota) 

-Cara, oque vocês querem comigo ? Me deixem ir. 

- Ah isso é com o Yoongi, e não sei se ele vai deixar você ir embora tão cedo, até porque... Você sabe demais. 

-Eu estou pouco me fodendo pra ganguezinha de vocês, se eu sei quem faz parte ou nao, eu só queria ir embora, caramba.(o garoto me olhou é apenas riu) o que me irritou totalmente, aproveitei que a porta estava aberta e sai batendo perna, o ignorando totalmente, e enquanto eu andava por aquele enorme corredor pude perceber que estava em um luxuoso apartamento."Filhos da Puta e ricos" pensei comigo, ao acabar o corredor eu me vi numa sala de estar enorme, onde havia dois babacas sentados no sofá e falando merda.

-EU QUERO IR EMBORA DESSA DROGA.(gritei, parando na frente da televisão que eles estavam assistindo, impedindo eles de olharem ) Avistei um troféu onde havia um bonequinho segurando uma bola de basquete e joguei-o no chão com força, como aquelas crianças cujo os desejos não são comsedidos. Um garoto de olhos escuros levantou- se rapidamente como se fosse me matar. 



Notas Finais


Eaii gente.. oque acharam ?
Continuo ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...