História Possession. - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Selena Gomez
Personagens Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais, Selena Gomez
Tags Amor, Arrependimento, Assassinato, Decepção, Foda-se, Fuga, Mãe, Padrasto, Possessão, Raiva, Sexo, Tesão
Exibições 195
Palavras 1.264
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Festa, Hentai, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oieeee estou na escola..
Isso mesmo.
Mas vou escrever pra vcs...

Bom diaaaaaaaa...
Boa leitura....

Capítulo 24 - Adeus mamãe....


Fanfic / Fanfiction Possession. - Capítulo 24 - Adeus mamãe....


     Liguei pra justin e contei tudo.

- Daqui a umas horas estou ai-
Ele disse entre lágrimas.

- okay.

Desliguei o celular e tomei um banho.
Eu queria ser forte, mas aquilo havia me destruído.
Tá que eles nem eram irmãos de sangue mais eu havia sido criada com eles.
E eu os amava.

  Fui até Kat e então não havia mais respeito.

- Cadê eles Kat ?

- Estão mortos já disse.

- Eu não acredito em você.

- Foda- se. - ela disse já ganhando um tapa na cara.

- Quero que você me fale ou vai ser pior pra você.

- Você nunca vai emcontra-los. - ela disse.

E então eles estavam vivos. Só não sabia aonde.
  Mas pelo Menos estavam bem.

Eu tinha tinha uma guarda chamada superfa (apelido) entao ela segurou kat pra mim.
  Peguei minha faca e alisei por todo seu vendo sua cara de espanto.
   Rasguei sua roupa e a deixei totalmente nua.

- Eu acho que agora não sinto mais nada por você Kat.
Nem pena!

- Tem certeza!

- Sim- disse rasgando seu peito com minha faca. Rosa!

  Ela gritou alto e então prendeu a dor.
  Dei muitos socos por todo seu corpo. 
E ela já nao estava mais aguentando de dor.
Cortei seu cabelo com uma tesoura.
E vi suas lagrimas caírem a cada fiapo que caia no chão.
O cabelo dela era lindo.

- Que pena. Cabelo tão lindo.

- Para por favor selena.

- só estou começando bem. Vc não vai sair daqui viva.

  A guarda a soltou, até porque ela não tinha maia força.
   Peguei ela pelos pequenos cabelos e a arrastei no chão  tacando sua cabeça numa parede chapiscada.
Ela chorava e gritava muito.

- Cala a boca vadia.

E então Justin chegou.

- Justin me ajuda - Kat disse.

- infelizmente é tarde de mais Kat.

  Peguei uma linha de pipa banhada de cerol, e cortei uma de suas pernas.
Aquela dor era intensa e eu sabia disso.
Aquilo deveria estar doendo pra caralho, ela estava sentindo dor aos poucos.
Mas mesmo assim não se arrependia.

Depois que vi ela quase sem vida.
A prendi de cabeça pra baixo e vi seu sangue escorrer até ela já estar praticamente sem vida.

 
Senti um grande remorso.
Mas sinceramente, eu já não era a Selena.

- Adeus mamãe....

  E então mandei tirarem o corpo  dela dali e tacarem fogo.
E assim vizeram...

   [...]

  Tomei um banho e comi alguma coisa.
Coloquei uma roupa e desci pra encontrar chaz.

- oque vai fazer com Nanda?

- Solta ela e deixa ela se encontrar.

- como assim?

- Solta ela e deixa que eu sei que ela vai vim na minha Sala.
Mas tranca tudo caso ela queira fugir.

  E assim ele fez. Chaz foi passar uma semana na Itália com Ally, eles estavam bastante amigos ultimamente..

[...]

Nanda chegou  minha sala e se ajoelhou.

- Ta orando linda?

- Desculpa Selena. Me desculpa por tudo.

- Okay.

- UE simples assim?

- Sim Nanda. Eu realmente te amava e sei que também me ama.
Só que o desprezo  é pior do que se eu fosse tirar sua vida.

Ela ainda estava um pouco machucada por conta das porradas que ally tinha dado mas já estava linda como sempre.

- Você é a nova gerente.

- Gerente? Mas eu quero sair.

- Nanda vc não tem estudo, não tem nada.
Vai viver de que ?

- Verdade. Obrigada selena.
- ela disse abrançando e então me pedindo desculpas.
Eu aceitei na verdade eu gostava pra caralho dela.

  Ela havia praticamente criado um lado que existia em mim.
Só que eu não sabia.

- Amigas ?- ela perguntou.

- Sempre. -colamos nossos lábios num selinho e então ela saiu dali rebolando.

- Rebola vadia. - gritei em meio de risos dela.

  E então eu fui para minha nova casa.
  Tomei um banho e deitei na cama... Dormir..

Nanda POV.

Estava contente. Selena havia me perdoado.

  Eu errei, errei pra caralho. Mas se arrepender é a melhor saída.
   E então eu viviria ali. Mas arrumaria alguém pra ser me fazer companhia.

O cabaré estava bombando. As meninas me respeitavam como sempre. Oque era bom.

   então eu resolvi dançar naquela noite.
Eu seria a atração principal.

Comecei a ensaiar uma música bem sexy.
Que era na verdade um remix e começava com uma música
Da Selena gomez.
Hands to myself".
Eu amava essa música.

[....]

  Fui pro camarim e então comecei a me arrumar eu nunca tinha dançado. Mas eu sabia.
  Coloquei uma.linguerie vermelha. Não tinha problema de mostrar meu corpo.
Coloquei uma máscara.
E hoje eu faria um truque. Não era bem um truque era mais enganação. Mas a gente sairia bem.

Logo as horas passaram e eu estava linda, maquiada com os olhos bem marcantes e o batom matte vermelhissimo.

  E então coloquei um roupão e sai.
Estava na apresentação se outras meninas de então esperei um pouco.

Enquanto isso   meu celular tocou.
Era Selena.

- Vadia ?

- Oi?

- Chaz te ligou hoje?

- Não. Porque?

- Seila.. Não ti conseguindo falar com ele nem com Ally.

- Devem estar transando. Para de perturbar.- disse.

- okay- ela disse rindo.

  Desliguei o celular e logo minha música começou.
 
Entrei no palco jogando o cabelo. E ali havia muitos homens.
No começo ate me deu vergonha, coisa que eu não tinha. Mas logo me soltei.
Comecei a dançar sensualmente e a esfregar minha intimidade no tudo que tinha  ali.
Esfregei sentindo minha vagina molhada. E então sai dali.
Comecei a dançar na frente de um homem que tinha ali, e depois outro e outro.
Ate que chegou um que subiu no palco e comecei a rossar nele.
Todos ali estavam adorando.meu espetáculo e então jogavam dinheiro pra mim.
Passei a mão do homem na minha vagina molhada e vi ele me olhar malicioso.

E então quando estava quase grudando nossos lábios a luz se apagou.

Cadê nanda ? Sumi.
Esse foi o truque que deixou todos intrigados.

[...]

  Aquilo já era rotina e eu havia tornado Selena milionária.
  Fora os roubos de carga e dinheiro.
O aumento de cocaína estava atrapalhando um pouco mas sempre tinha um otário que preferia comprar com a gente.

   Tudo estava fluindo. Melhor de que o normal....
Fui comprar umas roupas no shopping com Ally que já havia voltado da Itália.
E então  estacionei o carro e um babaca bateu na traseira do meu carro.

O carro dele era um Camaro. Ele tinha dinheiro mas ele não podia fazee aquilo no meu carro.
Porra era meu xodó.
E então fui atrás dele.
Bati no video do motorista e vireu pra trás pos ally me chamou...

- Vamos logo cara- ally disse.

- Calma. - disse tirando minha arma na sintura e apontando
pro homem  mas logo me deparei com um lindo loiro dos olhos meu.

- Jason.?

- Nanda?

Caralhoo eu tinha encontrado meu primeiro namorado de escola.
Minha primeira paixão.
E o perdi por conta dessa vida de todo dia trocar de país.
E estava maia lindo que nunca.
E foi assim que senti meu coração bater novamente.

- Vc tá perigosa em....
- ele disse saindo do carro e agarrando-me nos beijos.

- Ally pode ir. To acompanhada.
- ela bufou e sai dali.

E eu? Fui viver mas uma aventura... Mas agora não tão perigosa. ...


Notas Finais


Gostou? comentem ai amores..

Vamos pro próximo.???
💃🏃🏃🏃🚶


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...