História Pra sempre... ? - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Colegial, Comedia, Drama, Romance
Exibições 13
Palavras 2.896
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oiii Gente !
olha quem veio mais cedo ?
Eu, a Coruja !
entao gente me perdoe se esse capitulo ficar muito grande, a minha ideia era postar um capitulo hoje e outro amanha. mais ja to vendo que nao vai dar certo ... entao esse ta compensando o de amanha.
agora se eu escrever um amanha e postar ja digo que vai ser pequeno.
fiquem com o capitulo agora <3
ate as notas finais <3

Capítulo 15 - Esquecer ?


Fanfic / Fanfiction Pra sempre... ? - Capítulo 15 - Esquecer ?

Pov Megan

 

Ainda não acredito que John tinha me respondido daquele jeito ontem, pedir pra esquecer ? não estou fazendo drama mais sei la eu esperava outras palavras.

Mais ele tambem disse que tinha muita coisa acontecendo, será que não estou sendo injusta ? talvez ele tenha um bom motivo. Mais acho que deve ser coisas familiares, de qualquer forma é melhor eu esquecer isso e tambem esquecer aquele fato. Pode ser errado eu fazer isso mais o melhor no momento pra esquecer  é me afastar um pouco do John porque ficar perto dele vai me fazer lembrar muito o que aconteceu, então no momento é melhor.

Não sei o que vai acabar acontecendo porque pode ser que ele tambem queira se distanciar de mim. E isso vai fazer que possamos virar completos estranhos e confesso não quero que isso aconteça eu gosto muito do John, gosto da companhia dele, ele me parece alguém que sei la... vai estar comigo quando eu precisar, me defendeu do Luke já me causou boas risadas e tudo mais. Não me assustaria se algum dia percebe-se que eu gosto dele não como amigo, mais acho que essa linha já foi cortada ontem.

Não quero me afastar tanto dele, vou continuar amiga dele mais acho que não vamos conversar mais como antes sabe ? espero que essa decisão esteja correta.

Eu já estava pronta pra escola, calça jeans normal, camiseta da escola, all star e um casaquinho simples branco. So faltava tomar meu remédio, tomei e fui buscar minha mochila e celular que estavam no quarto. Sai de casa pensando em agir normalmente com John e todos. Claro que vou contar pra Gaby o que aconteceu mais a parte de me “afastar” não.

Alguns minutos mais tarde já tinha chegado na escola. Como sempre Gaby me esperava no portao com cara de ansiosa, com certeza ela ta assim pra saber da conversa de ontem com John pena que vou arruinar sua felicidade.

-Oiii então como foi a conversa com ele ? –disse toda animada.

-Um tudo bem é bom de vez em quando sabia ?

-Para de se fingir de menina super educadinha e fala logo.

-Bom... ele estava nervoso sei la, disse que tinha varias coisas acontecendo e disse que era pra mim esquecer o que aconteceu. E saiu da minha frente.

-Espera serio que ele falou isso ?

-Sim, serio Gaby.

-Não consigo acreditar, pra mim parecia tanto que ele gostava de voce... Estranho... mais voce não disse que ele estava norvoso ?

-Parecia, pelo jeito que ele agiu.

-Então ele não queria ter dito isso Megan.

-Pode ser que não, mais ele tem razão é melhor eu esquecer ele devia estar nervoso pelas coisas que estão “acontecendo” com ele, e eu acho que são coisas familiares.

-E se não for Megan ?

-Se não for eu vou esquecer do mesmo jeito porque de começo eu já não queria muito tocar nesse assunto e John e eu vamos ser so amigos ou colegas daqui em diante.

-Porque diz colegas ?

-AH sei la... –não posso contar o porque de verdade.

-Mais Megan eu tenho certeza que voce esta se subestimando a isso, pensa direto.

-Gaby eu já pensei, e não vai falar com ele ou querer tirar isso da minha cabeça porque é a sua cara fazer isso.

-Ta bom vou ficar na minha. Mais não vai se arrepender depois.

-Engraçadinha voce ne ?

-Não to brincando e nem mentindo, as pessoas as vezes se arrepende. –não respondi nada so fiquei pensando no que ela disse. Desviei dos meus pensamentos quando ouvi alguém me chamar, virei pra atrás e vi John se aproximando eu de primeira iria fingir q não vi e subir com  a Gaby mais como eu disse só vou me afastar um pouco dele. Então cumprimentar não faz mal. E tambem faço isso por educação. Virei pra frente novamente e vi que Gaby já tinha sumido então como não tinha mais nada a fazer, fiquei esperando John se aproximar por “completo”.

-Oi ? –me cumprimentou.

-Oi tudo bem ?

-Tudo mais precisamos conversar Megan. –disse serio.

-Sobre o que ?

-Sobre ontem, olha eu não queria falar daquele jeito de verdade eu queria dizer que...... –o interrompi.

-John eu sei que voce estava com muita coisa na cabeça e não queria ter dito daquele jeito, entendo. Mais não se preocupe eu vou fazer o que voce disse, vamos esquecer o que aconteceu ontem e sábado.

-Não Megan voce não entendeu... eu queria ter dito naquele momento q... –ele foi interrompido novamente mais sim pelo sinal.

-Todos subam, já deu o sinal. –a Tia do portao disse já fechando o portao.

-Vamos se não ficamos atrasados. –Olhei pro John mais depois segui meu caminho. Ele veio atrás e parecia meio cabisbaixo mais não me importei muito. Ate pensei em deixar ele continuar o que queria dizer mais os dois precisa esquecer isso.

Chegamos na sala quase todos já estavam em seus lugares inclusive Gaby, sentei no meu lugar, peguei meus materiais e fiquei esperando o professor.

-E aí ? –Gaby disse no meu ouvido.

-E aí o que ? –me virei pra ela.

-Voces conversaram algo de interessante ?

-Não, acho que ele ia se desculpar pela forma que falou comigo mais eu disse pra ele esquecer e depois o sinal tocou.

-Megan...Megan escreva minhas palavras tem coisa aí, e voce que não quer ver. Eu tenho certeza que ele gosta de voce sim.

-Ah é? se voce tem tanta certeza assim então me prova.

-Voce esta me desafiando ?

-To sim porque ? –olhei fundo nos seus olhos fazendo graça.

-Então ta bom, só espere. –me olhou pela ultima vez e depois ficou em silencio.

O professor chegou na sala e começou a passar exercícios pedindo que todos copiassem rápido porque ele iria explicar.

O conteúdo ate que era fácil, mais meio complicado mais conseguir entender. Sua aula passou bem rápido, que nem percebi. Mais depois que eu vi que a outra aula era com a professora Ruty eu pensei em gritar pro professor voltar pra sala porque aula com aquele mulher é horrível !

[....]

Depois de quase cochilar 7 vezes na aula daquela mulher chegou a aula da professora Gina mais infelizmente ficamos de aula vaga, digo infelizmente porque ou ficamos no pátio sem fazer nada ou tem o que ? o que ? CÓPIA ! CÓPIA ! e não são cópias facieis não, são longas que nem sei pra que a gente faz porque o que a gente copia nunca ajuda em nada ! Acabei de sair da aula da professora sono e agora tenho que copiar isso ? acho melhor fingir que to doente e voltar dormir porque cópia me da um sonoooo tao grande, claro quando eu não to com fone e hoje eu não trouxe de idiota. Mais fazer o que ?

[....]

No intervalo não teve nada de interessante, eu fiquei calada o tempo todo Gaby e Alan não paravam de falar e eu fiquei segurando vela ate o John chegar mais mesmo assim não adiantou, ele tambem ficou calado, as vezes nos olhávamos mais nada demais teve uma hora que a Gaby aproveitou que o John levantou e foi falar com ele sobre alguma coisa mais se foi do que a gente falou na primeira aula ... ela vai ver só ! resolvi não perguntar, porque se fosse uma hora ela ia acabar me contando. Depois dela voltar eu fiquei la sozinha novamente segurando vela.

Parecia que os minutos demoravam mil anos, eu olhava pra um canto, olhava pro outro e todos davam na mesma ! nada ! agora que eu percebi a Julie faltou, não nos falamos depois daquele caso com o Luke tipo não mesmo! Ontem ela só me olhou e abaixou a cabeça.

Mais eu não tenho com o que me preocupar com Julie agora, nunca imaginei que ela agiria daquele jeito naquele dia.

[....]

-Da próxima vez que for ficar com o Alan me avisa por eu fiquei de vela la ta ? –disse pra Gaby quando estávamos voltando do intervalo.

-A culpa não é minha, o John tava lá poderia muito bem ficar falando com ele.

-Eu não tinha assunto. –menti de novo.

-Ta bom, acredito voce ta sendo besta de agir assim com ele.

-Não sei do que voce ta falando.

-Aham. Mais agora vamo sentar logo que a próxima aula é do professor de matemática e eu não quero perder nada dele... –disse fingindo suspiros.

-Voce não presta Gaby. –disse dando risada enquanto ela me empurrava pra mim ir sentar mais eu acho que a moça linda não estava olhando pra frente porque eu ia cair encima de certo alguém e quem era esse certo alguém ? Claro o John ! –Gaby para de me empurrar se não eu vou cair enci.... –não adiantou porque eu não pude terminar a frase e PAHHHH cair encima do John de frente e eu não sabia o que era pior , ele me olhando fixamente sem se mexer ou ficar escutando um HUMMMMMMMM malicioso da sala inteira !

-Alunos sentados... e vocês dois aí no chão se levantem porque isso aqui é uma escola não um quarto. –Pronto ! já tava ferrada e agora melhorou tudo. A minha vergonha chegou a um nível que ate os meus olhos poderiam estar vermelhos de vergonha. Me levantei tentando esconder a minha cabeça e me sentei.

-Desculpe professor. –disse quando me sentei.

-Tudo bem, mais gente eu sei que os hormônios de vocês estão muito avançados mais faz isso em casa ne ? –brincou e tudo mundo riu, apesar da vergonha acabei rindo tambem. –Brincadeira gente mais vamos ao que interessa, matemática ! –depois de sua frase toda a sala disse um “ahhhhhhhhh” bem grande.

-Muito obrigada ta Gaby ? –olhei pra ela que ainda estava rindo.

-Ah de nada, precisando pode contar comigo ta ? –riu e eu virei pra frente.

-John desculpa. –disse em seu ouvido baixo e ele ate se assustou.

-Não tem problema, eu ate gostei .... –riu malicioso.

-O que ? –perguntei assustada.

-O que o que ? –disse.

-Voce disse... –ele me interrompeu.

-Megan... voce escutou o que disse que eu sei. –sorriu de novo e voltou a atenção pro professor.

Ele só pode ta brincando comigo, não é possível isso ta ficando muito estranho uma hora ele fica calado e depois com essa ? não dá pra entender.

Acho que não vai ser fácil me afastar dele porque pelo o que ta acontecendo ta parecendo que a gente não deve se afastar. Mais eu sou teimosa então.... vou continuar com esse pensamento e pronto ! sim, eu posso ser compreensível mais sou bem teimosa !

Decidi me livrar desses pensamentos e focar na aula e dessa vez eu consegui porque aquele professor meu Deus !

Ele passou alguns exercícios, explicou e fizemos. Depois de terminado levei pra ele, o professor Vitor é muito engraçado ele ate brincou com o negocio do começo da aula mais de boa.

[....]

 

As aulas já acabaram, depois da aula de matemática tivemos as duas ultimas vagas. Já que a professora de inglês não veio.

Eu já estava com as minhas coisas prontas, só estava esperando a Gaby arrumar as dela.

-Sua mae vem te buscar hoje ? –perguntei.

-Espera deixa eu ver se ela me mandou alguma mensagem...-disse pegando seu celular. -Ela vem me buscar sim e ela perguntou se voce vai querer uma carona ?

-Acho que.....-não conseguir terminar minha frase pois alguém me interrompeu.

-Acho melhor não Megan eu quero te levar em casa hoje. –John disse atrás de mim. Me arrepiei com suas palavras.

-Bom ... então eu já to indo beijinhos pro casal. –disse mandando beijo e correndo igual ontem. Só restava a gente na sala. Me virei pro John e ele estava sorrindo e aquele sorriso dele... não Megan ! se controle ! amigos apenas !

-Porque essa decisão ? –perguntei.

-Por que precisamos conversar o que voce não me deixou dizer hoje cedo.

-John voce não precisa me falar mais nada, por favor não insista somos amigos e vamos continuar assim. –ele me olhou com tedio e se aproximou e logo senti seus lábios encostando nos meus, não podia para lo porque eu aceitei o beijo dele. Sim eu queria me afastar dele mais não podia resistir, eu queria aquele beijo mais era errado continuar, coloquei minhas mãos no seu peito com a intenção de afasta-lo mais foi em vao, ele tirou uma das minhas mãos e juntou com a dele. Ele colocou sua outra mao em meu rosto e eu não tinha mais o que fazer a não ser sentir o gosto doce de seus lábios, ele pediu passagem e eu concedi. Ficávamos la por alguns minutos, ele explorava minha boca com um pouquinho desejo pelo o que percebi mais o ar nos faltou e nos separamos.

-Dá pra voce entender agora o que eu quero dizer pra voce ?

-Por que fez isso ?

-Megan eu gosto de voce, sua companhia me faz bem, gosto de estar ao seu lado te “beijei’ no sábado porque quis, eu já queria isso. Eu falei aquilo pra voce ontem porque estava confuso do que realmente estou sentindo, na verdade ainda estou, deixei o impulso das palavras me levar.  Não estou 100% decidido mais eu sei que gosto de voce e eu quero ficar com voce. –disse com suas mãos em meu rosto e olhando fixamente e meus olhos. –Eu não sei se voce sente o mesmo, suponho que não se diz que somos só amigos, mais eu queria esclarecer isso com voce e saber se voce sente o mesmo, caso não sinta eu peço que me desculpe por isso e vamos continuar com nossa amizade. Mais então voce aceita ficar comigo Megan ? ...

 

-MEGAN ! ACORDA ! –Gaby estava me balançando e gritando, eu não acredito que estava sonhando ! não ! não ! abri os olhos e vi que só tinha nos duas na sala. –Estou te chamando a 5 minutos ! tava sonhando com que ?

-Com nada Gaby ... esqueça. –me levantei da cadeira e peguei minha mochila.

-Ta bom então.

-Quando eu dormi ? –perguntei porque eu não fazia a mínima ideia de quando isso tinha acontecido.

-Como a gente ficou na sala fazendo cópia, depois que voce terminou voce deitou na mesa e dormiu e pediu pra mim te acordar na hora da saída.

-Ata...

-Ficamos sozinhas na sala, John ate queria me ajudar a te acordar mais eu disse pra ele ir pra casa. Eu falo Megan ele gosta de voce sim...

-Ah Gaby de novo isso ? para !

-To falando a verdade.

-Bom parece que somos as ultimas a sair, vamos correr porque a tia já deve ter fechado o portao.

-A culpa é sua, ninguém mandou dormir demais. – corremos e conseguimos sair pelo portao, por sorte, a tia já estava fechando já.

-Minha mae vai vir me buscar quer uma carona ?

-Não amiga, obrigada mais quero andar pra pensar um pouco.

-Vai dispensar uma carona pra pensar ? Meu Deus em Megan?!

-Para de besteira e olha sua mae já chegou vai logo. –vi o carro da mae da Gaby se aproximando e ela entrou e eu continuei andando.

-Megan querida, entre não vou deixar voce ir andando. –A tia Erica parou o carro e me chamou.

-Não precisa, eu quero ir andando mais obrigada tia Erica.

-Não perguntei se precisa ou não agora entra no carro menina . –ordenou e eu entrei no carro rapidamente.

-Isso aí mae. –Gaby disse do lado dela no banco de carona rindo.

-Pronto gente já estou aqui. –ri

-Otimo. Então vamos ! –A tia Erica deu partida no carro e foi seguindo o caminho da minha casa.

O caminho foi em silencio, pelo menos por minha parte, a tia Erica me fez algumas perguntas, como “e as novidades, quando meu pai vamos lá novamente, e a famosa pergunta ta pegando alguém? ” eu respondi todas, menos a ultima que eu fiquei em silencio já que a Gaby fez questão de responder por mim mais obom é que ela não brincou nem nada. Só disse que não e pronto.

Depois disso o assunto morreu e ficamos em silencio ate chegar na minha casa.

-Bom... obrigada pela carona tia Erica. –agradeci saindo do carro.

-Magina, mais da próxima vez voce entra de primeira ok ?

-Sim senhora. –me despedi delas e elas esperaram eu entrar pra depois ir embora. Acenei pra elas e assim por fim elas foram embora.

Entrei em casa e subi as escadas para chegar no meu quarto. Joguei minha mochila longe e me atirei na cama respirando fundo. Porque eu fui sonhar com aquilo e justo na sala ? será que isso é um sinal de que eu estou gostando do John ? porque se for vai ficar mais difícil de me afastar dele. Talvez o sonho quer me mostrar que isso é eu quero ? que vamos ficar juntos ? o sonho parecia tao real que era como se aquilo tivesse acontecendo.

Será que as palavras que ele dizia no sonho eram as que ele queria dizer realmente pra mim ? Porque isso ta acontecendo? somos só amigos não tem como sermos mais que isso ou tem ? 


Notas Finais


Nao façam o meu caixao ainda ... sim, eu sei que voces querem me matar mais muita calma nessa hora, porque o melhor esta por vir ok ?
me desculpem qualquer erro.
nos vemos no proximo
Bjss da Coruja <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...