História (Hiatus)"Pra Sempre com você" - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Alícia Gusman, Marcelina Guerra, Mário Ayala, Paulo Guerra
Visualizações 208
Palavras 666
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gente, me pediram pra fazer votação dos nomes então aqui vai minhas opções e vocês escolhem ok ?

Se for menina :

Maria Fernanda.

Giovanna.

Beatriz.

Se for menino :

Pedro Henrique.

Guilherme.

Lucas.

Capítulo 31 - [ 2 temp - 14 ] Sequestro part 1


Alicia Gusman


Após andarmos mais um pouco pela praia, fomos pra minha casa e bom...ah, vocês sabem. São 17:00 do dia seguinte, e estou saindo de mais um job. Meu celular toca e o desbloqueio, notando uma mensagem de um número desconhecido.

"Dona Alicia, aqui é da escola da Sua filha! Ela passou mal e uma professora á levou pra casa dela, pra ela poder descansar até alguém ir busca-lá. Aqui o endereço :

Rua : abelardo neves. Casa : 200.

A porta está aberta, só entrar que á professora Sandra está a sua espera.

Atenciosamente, Roberta."


Meu coração parou, a visão jurou embaçar mas fui mais forte pensando no bem da Sophia entrando dentro do carro e dando a partida rapidamente.

Que minha filha esteja bem!


~*~

Paulo Guerra


"O meu sorvete é melhor que o seu tio" Sophia diz com a boca lambuzada de sorvete de chocolate.


"Flocos é muito melhor que chocolate bebê" digo rindo enquanto caminhamos até a praça mãos estrelaçadas e ela saltitava.


"Nada á ver" ela diz correndo até o brinquedos da pracinha.


Me sento em um banco e pego meu celular, estranhando não ter nenhuma ligação de Alicia.
Vou até meus contatos e clico em "Pirralha ❤"


"Oi maninho, o que foi ?"


"Marce a Alicia te ligou ?"


"Ligou agora a pouco. Ela disse que tava indo buscar a Sophia na casa da professora e.."


"Como assim buscar a Sophia na casa da professora ?"


"Ué Paulo, não te ligaram da escola avisando que a Sophia passou mal e que á professora dela a levou pra casa ?"


"Caralho"


"Que foi maninho ?"


"A Sophia ta aqui comigo! Eu busquei ela na escola hoje"


"Isso quer dizer que.."


"A Alicia tá em perigo"


Desligo o celular imediatamente e corro até Sophia, a levando até o carro e partindo em direção a casa da minha irmã.

~*~

Alicia Gusman 


Estaciono o carro na rua deserta e caminho até a frente da casa que parecia meio abandonada. Me aproximo e entro, encontrando uma escuridão sem fim.


- Sandra ? Sophia ? - pergunto ligando a lanterna do meu celular.


Começo a escutar passos e meu coração aperta, talvez dizendo pra mim ir embora dali o quanto antes. Volto até a porta e me surpreendo ao percebe-la trancada. Como se eu acabei de entrar aqui ? 

Paro um pouco pra pensar e noto um vázio..a Sophia não ta aqui! Se ela estivesse, eu estaria em paz. Sua presença consigo perceber de longe..tô incompleta, e destruida. 

Onde eu tô e cadê minha filha ? 

Novamente escuto passos e olho para os lados não encontrando ninguém. Procuro o contato de Paulo em meu celular e logo clico.

Sem aréa! Caralho.

Os passos continuam por alguns segundos até o silêncio tomar conta do lugar e eu me desesperar. Eu conheço esse perfume...sempre senti esse cheiro minha vida toda, essa pessoa está atrás de mim. Respiro fundo e me viro, encontrando a pessoa que jamais esperei rever.


"Surpresa Alicia. Sentiu saudades?"


"Você é doente"


"Bom, posso até ser, mas enquanto eu vou pra um hospicio, seu namoradinho vai pro inferno" 


"Deixa o Paulo em paz!" Afirmo.


"Ainda não percebeu que fiz a melhor jogada ? Peguei á namorada e a melhor amiga, tem jeito mais inteligente de atingir Paulo e Marcelina Guerra ?" 


"Você vai morrer"


"Todos vamos morrer um dia!"


"Tem razão, a diferença é que as pessoas boas vão pro céu, e você vai queimar no quinto dos infernos"


"Cala a boca desgraçada" ele levanta a mão e fecho os olhos sentindo uma dor muito grande no rosto.tão grande que me faz desmaiar.


~*~

Paulo Guerra 


"Fica com a Sophia Marce, vou procurar a Alicia" peço a minha irmã que assente procupada.


"Quem você acha que está por trás disso ?" Ela pergunta.


"Não sei..mas te juro que quando eu descobrir, vou matar esse filha da puta"


"Só toma cuidado e trás a Ali e o meu sobrinho de volta" Marce diz e eu respiro fundo.


"Eles vão voltar pra nós"




"Eu enfrentaria o mundo de olhos fechados se você prometesse segurar minha mão" 



Notas Finais


Socorro, vocês tem algum palpite de quem seja o sequestrador ? Hahaha e não esqueçam de votar no nome do baby.

Bj


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...