História Precisa-se de um namorado - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Justin Bieber
Personagens Demi Lovato, Justin Bieber
Tags Amigos, Amizade, Justemi, Justin Bieber, Melissa
Exibições 461
Palavras 1.378
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpem, se vocês quiserem posto mais um capítulo à noite pra compensar a pequena demora :3
Boa leitura!!

Capítulo 20 - XX: Preciso conhece-lo


Fanfic / Fanfiction Precisa-se de um namorado - Capítulo 20 - XX: Preciso conhece-lo

Janeiro 09, 2017

Acordei com os raios de sol invadindo o meu quarto, me levantei e fui até o banheiro onde fiz minha higiene matinal. Entrei no closet, vestindo a minha roupa [1]. Era segunda-feira e mesmo o médico dizendo pra mim não fazer esforços eu não consegui escutá-lo.

Desde minha briga com o Justin na sexta, eu não converso com ele. Em compensação, cada vez mais está se tornando habitual as minhas conversas com o príncipe. É uma coisa que já esta virando rotina, e eu me sentia feliz com isso.

O que eu preciso fazer agora é ocupar a minha mente com muito trabalho. Sai do meu apartamento e antes de ir pra revista eu fui até o Starbucks tomar um café.

[...]

-Cara eu estou te falando, essa Lucy é problema... –disse Anna assim que entrei na nossa sala.

-O que ela fez?

-Desde segunda passada ela não tira os olhos de mim, ela me dá medo. –ri com isso.

-Por que você acha isso?

-Porque ela é sinistra, tipo ela me olha com uma cara, tipo aquela garota do filme A órfã...

-Não exagera Anna.

-Não estou exagerando! Ela só tem cara de anjinho... –ri mais ainda.

-Ok, acho melhor a gente trabalhar antes que ela nos mate dolorosamente. –falei.

-Vira essa boca pra lá. Vou trabalhar mesmo... –disse por fim. Passados alguns minutos uma garota morena, aparentando ter uns 17 anos passou pela porta da sala. Ela olhou com uma cara de maníaca pra mim e depois pra Anna que engoliu em seco.

-Sou Lucy. –disse sem me olhar.

-Prazer sou Melissa, mas pode me chamar de Mel.

-Tanto faz. –revirei meus olhos e decidi me concentrar no meu trabalho.

[...]

-Você tem razão. –disse entrando no meu apartamento seguida por ela.

-Em relação ao que mesmo?

-Lucy...essa garota é sinistra.

-Não te falei, mas por que chegou a essa conclusão? –me perguntou.

-Toda hora sentia ela me olhando e quando eu olhava pra ela, ela me olhava e sorria diabolicamente. Estou com medo de dormir... dorme comigo? –perguntei, fazendo cara de pidona.

-Nem pensar... duas medrosas no mesmo quarto não vai dar certo. Vou dormir com a minha mãe!

-Obrigada Anna por me deixar aqui sozinha...pobre e indefesa. Vou me lembrar disso quando eu estiver morta, assim que ela me matar eu venho só pra puxar o seu pé.

-Nem brinca com isso garota, vou nessa antes que fique escuro! Beijos...

-Beijos. –disse vendo ela passar pela porta rapidamente. Ri e fui até meu quarto, peguei meu Macbook e marquei um encontro pra amanhã à noite em um teatro de ópera.

Tomei um banho e me deitei na cama, me cobrindo inteira com o cobertor. Sei que isso é coisa da minha cabeça, mas eu não posso evitar, é mais forte que eu. A Lucy é muito, muito, muito estranha. Ela é tipo uma noiva do Chucky só que em pele de boneca de porcelana, pra mim é tudo fachada como Anna disse...aquela garota é tenebrosa. O sorriso dela, o jeito de me encarar... dei um pulo assim que senti uma coisa em mim. Tirei meu cobertor e não vi nada, meu Deus...acho que depois dessa todos os cabelos do meu corpo se arrepiaram. Eu estou com medo... MUITO medo.

“Preciso de alguém pra conversar” –mandei uma mensagem pro príncipe, talvez ele pudesse me distrair.

“Estou aqui princesa...o que houve?”

“Estou com medo”

“De q?”

“Lucy Mills...”

“E quem seria ela?”

“Minha assistente e de Anna (Anna é minha amiga)”

“LOL e pq vc está com medo dela?”

“Porque ela é do mal”

“kkkkk e pq vc acha isso?”

“Pq ela não tirou os olhos de mim e...ela me olhava de um jeito diabólico. Eu estou com muito medo”

“Ei se acalma...”

“Não tem como ficar calma. A. Garota. É. Sinistra.

Agora pouco eu senti uma coisa em mim..”

“Que coisa?”

“Não sei, alguma coisa...”

“Hahaha acho que isso que vc sentiu é uma coisa psicológica...”

“Como assim?”

“Ué quando vc pensa muito em uma coisa, vc acaba criando coisas na sua cabeça que não existem...”

“É talvez deve ser isso”

“kkk”

“Me faz companhia, não quero dormir e morrer...”

“Kkkkkkk vc não vai morrer, minha vida ficaria sem graça sem suas mensagens”

“Ownn que fofo, até parece que gosta de conversar comigo...”

“Pra te ter noção, eu adoro conversar com vc...”

“Me sinto lisonjeada príncipe”

“Sinta-se mesmo princesa...”

“Briguei com meu amigo sexta, não queria falar com vc sobre, mas eu preciso desabar com alguém sobre isso”

“Vish, o que ele fez?”

“Ele não se importa comigo.”

“Acho que ele se importa sim.”

“Ele não se importa! Acredita que ele não quer que eu arranje um namorado?”

“Talvez ele esteja certo...arrumar um namorado pela internet é perigoso.”

“Vc tá tentando achar uma namorada pela internet também...ou vai me dizer que criou um perfil no site pra começar uma amizade comigo??”

“Vc tá certa, eu criei mesmo um perfil pra encontrar uma namorada.”

“E quantos encontros vc já teve??”

“Na realidade nenhum. Eu criei o perfil no mesmo dia que vc publicou no seu mural sobre querer ter uma amizade virtual, acho que a base de um relacionamento é a amizade, por isso entrei em contato com vc.”

“Temos algo em comum, também acho que a base de um relacionamento é a amizade...”

“Hum, e vc... já teve muitos encontros??”

“Sim, aliás... amanhã vou ter outro”

“É? Com quem?”

“Alfie …”

“E onde vai ser?”

“No   Metropolitan  Opera  House”

“E o que vcs vão ver lá??”

“N sei direito... um show de ópera, eu acho LOL”

“Vc gosta de ópera??”

“NÃO, mas acho que posso suportar pelo Alfie, ele é cantor disso também. Se eu quero namorar com ele, vou ter que suportar isso haha”

“Acho que isso não é uma boa ideia LMFAO¹”

“Pois é kkk”

“Alfie é um nome bem estranho LOL”

“Nem me fale, nada que com o tempo eu possa convence-lo a mudar hahaha”

“Pois é” –olhei no relógio e já se passavam das 4 da manhã.

“Acho melhor dormimos...”

“Por que?”

“Já são 4 a.m.  e eu preciso acordar cedo pra ir trabalhar”

“Nossa kkkk nem vi o tempo passar...”

“Acho que quando conversamos o tempo passa rápido”

“Pois é...”

“Me diga algo que eu possa me convencer de que: eu vou dormir e não vou morrer sendo esfaqueada pela Lucy...”

“Haha deixe eu ver...” –minutos depois de ter mandado essa mensagem, ele mandou outra:

“Vc vai fechar os olhos e tudo que vai ver sou eu...só eu! Vai pensar em mim e vai se lembrar de que mesmo estando longe eu vou estar ai te protegendo. Imagina que eu estou com vc, te abraçando forte, bem forte mesmo :) Pode ter vários monstros ou até mesmo só essa Lucy, mas ela não vai nem se atrever te encostar porque eu vou estar aí com vc...Ninguém vai te matar porque vc vai estar comigo...” –Tudo bem, eu preciso me casar com ele! Ri da besteira que eu imaginei...bom, talvez não seja uma besteira.

“Okay, vou fazer isso. Espero que funcione :)”

“Vai funcionar, é só acreditar! Xoxo Príncipe”

“Vou acreditar! Xoxo princesa?” –não sabia se podia me considerar como uma, então perguntei... minutos depois ele respondeu a minha pergunta e assim que li sorri.

“Sim... minha princesa”

Guardei meu celular, e fechei meus olhos. Imaginei que ele estaria agora ao meu lado. Confesso que foi difícil de imaginar, até porque eu não conheço ele então não sei como ele é. Imaginei que seria uma pessoa com os cabelos castanhos quase num tom dourado, olhos castanhos e vestido de príncipe... Ok, isso esta mais pra Justin do que pra príncipe, mas enfim...vou imaginar de novo. Cabelos loiros, olhos verdes e nossa... tá muito ator de filme juvenil da Disney. Vou tentar outro, moreno de olhos verdes...que saco ele nunca vai ser Logan Lerman! Desisti e fiquei com a primeira opção, Imaginei que ele teria cabelos castanhos, olhos castanhos, mas sem tatuagem... sou demais! Ele não tem nada a ver com o Justin agora, eu acho...

Não demorou muito para que o sono chegasse, talvez ter acreditado no príncipe me fez ter esquecido o meu medo.

Ah esse príncipe... eu quero, quero não... preciso conhece-lo o mais rápido possível!


Notas Finais


Look [1]: http://tudocommoda.com/wp-content/uploads/2016/03/cal%C3%A7a-preta-no-look-inverno.jpg
¹: Pra quem não sabe, LMFAO é uma sigla de “Laughing My Fucking Ass Off”, uma gíria americana que pode ser traduzida em português por “rindo pra cacete/caralho”. LOL é (Laughing Out Loud) que significa “rindo alto”.

É galera, a partir de agora as mensagens entre Melissa e Justin vão ser rotineiras.. Como será que ela vai reagir quando descobrir que o seu melhor amigo é o seu príncipe? Sei não hein...
Obrigada pelos comentários e favoritos, fico muito feliz com a aceitação da fic por vocês ♥♥
Enfim... querem mais um capítulo à noite?
Se eu não conseguir postar hoje, posto amanhã ok?!
É isso, beijinhos e até logo ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...