História Preciso de você para me salvar - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Adrian Harris, Aiden, Alan Deaton, Allison Argent, Araya Calavera, Benfeitor, Bobby Finstock, Breaden, Brett Talbot, Chris Argent, Claudia Stilinski, Cora Hale, Corey Bryant, Danny Mahealani, Decaulion, Derek Hale, Dr. Valack, Enis, Erica Reyes, Ethan, Garrett, Gerard Argent, Hayden Romero, Isaac Lahey, Jackson Whittemore, Jennifer Blake, Jordan Parrish, Kali, Kate Argent, Ken Yukimura, Kira Yukimura, Laura Hale, Liam Dunbar, Lydia Martin, Malia Tate, Marin Morrell, Mason Hewitt, Matt Daehler, Melissa McCall, Meredith Walker, Natalie Martin, Noshiko Yukimura, Paige, Personagens Originais, Peter Hale, Rafael McCall, Scott McCall, Sheriff John Stilinski, Stiles Stilinski, Talia Hale, Theo Raeken, Vernon Boyd, Victória Argent, Violet
Exibições 30
Palavras 2.118
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência, Visual Novel, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Esse capitulo vai explicar melhor a marca a ligação do Derek com nosso baby Stiles.

Capítulo 14 - Marca


Fanfic / Fanfiction Preciso de você para me salvar - Capítulo 14 - Marca

       By Derek

 

Derek observou das grandes janelas da sala o garoto sair com o carro, pegou uma blusa de frio e saiu para a rua, andou duas quadras ate uma pequena mata, tirou as roupas e colocou em uma sacola plastica e escondeu em baixo de uma pedra, fechou os olhos e respirou fundo, quando os abriu era uma enorme Lobo negro de olhos azuis. Começou de vagar, uma pata por vez uma caminhada rapida, a muito tempo não tomava sua forma completa, as cores, os sons, e principalmente os cheiros ficavam totalmente diferentes, as cores mais opacas, as imagens distorcidas, Lobos não enchergam muito bem na luz, mais a noite era tudo surprientende, os sons soavam alto, tudo era ouvido, os carros nas ruas, as assas dos pequenos passaros batendo rapido, e os cheiros vinham de todos os lados, da terra, das arvores de tudo, e com surpresa o Lobo percebeu que um pouco do cheiro do garoto inpreguinava sues pelos. Deixando as distroçoes de lado Derek acelerrou o passo, começou a correr o mais rapido que podia, quando tinha que passar pelas ruas tomava cuidado, olhando esperando a rua ficar vazia, e mesmo assim, quase fez dois carros baterem, sem duvida os jornais dessa cidade minuscula irria falar de uma mancha negra correndo pelas ruas de Beacon Hills.

Chegou em poucos minutos do outro lado da cidade, não ter regras de transito pra Lobos e cortar caminha pela floresta ajuda muito. Entrou pela portas do fundo e logo deu de cara com o Druida, o moreno estava de costas olhando uns pepeis, e se assustou quando se virou com o intuito de peg uma caneta e dando de cara com um Lobo no consutorio.

 

- Derek? Por que você esta aqui?

 

O Druida pegou um lençou e colocou por cima do lobo, que fechou os olhos e voltou a se tornar humano, agora Deathon olhava para o dorço nu de um homem de quase dois metros de altura e olhos verdes, que tanto lembrava a mãe.

 

- Vim pelo de sempre, informações.

 

- Tentarei ajudar no que puder.

 

- a muitos anos atras um Druida como você deu um livro a minha mãe...

 

- Foi meu pai, ele mesmo o fez com historias antigas, um livro muito bom por sinal, achei que tinha se perdido no incendio.

 

- Não. Estava comigo, as historias Deathon, as historias do livro são todas reais?

 

O Lobo deixou a fachada calma cair por terra, e finalmente mostrou como estava preocupado com que poderia acontecer com seu pequeno garoto.

 

- A moiria sim derek, oque você fez rapaz?

 

- Lembra do filho do xerife? Stiles ?

 

- Otimo garoto, esperto, mais um tanto agitado, sinti muito quando ele caiu em depressao, mais tive noticias de que alguem andou animando o garoto.

 

- Esse alguem sou eu, estou com ele a alguns dias, ele tem melhorado, mais temo que oque fiz possa destrui-lo de novo. E não posso velo assim Deathon, não posso perder meu garoto de novo.

 

Derek contou oque tinham visto no livro, a historia da Marca, a ligaçao, e agora a sensaçao de estar mais forte, e que mesmo longe sente o garoto, mesmo de olhos fechados, sem alfato ou tato, ele sabe que pode encontrar o garoto. O rosto do Druida ficou serio de inicio, ouvindo com atençao, e logo foi se suavizando, um pequeno sorriso surgindo, e por fim o Druinda batia palmas e sorria, deixando Derek no minino nervoso, o Lobo estava em puro desespero, não sabia exatamente oque tinha feito e precisava de conselhos de sabedoria, e os deuses sabem que sabedoria era oque mais faltava nesse lobo bruto, e como tal, começou a rosnar para Deathon, que nem se abalou, o custume tinha deixado o Druida praticamente imune a ameças lupinas.

 

- Acalme seu lobo derek, o menino ficara bem, talvez mal perceba a ligacão. É uma coisa rara, e você conseguiu...

 

- Deathon, não me faça te torturar e fale logo, oque diabos essa ''ligacão'' é.

 

- Não é nada mais do que o nome implica, A Marca foi criada para marcar territorio, uma forma selvagem dos Alfas manteram seus Farirylupos longe de outros Alfas, uma raça agora extinta por guerrar lupinas desnecessarias. A partir da Marca foi criada a Ligação, se um Farirylopus ama seu Alfa e o Alfa retribuei esse amor puro e verdadeiro ela se estabelese como um meio de defesa e amor, você mesmo deixou claro Lobo, pode encontrar seu garoto onde quer que ele esteja sem nem abrir os olhos, o mesmo acontece com ele, ele poderia te encontrar no meio da flores mesmo se voce não queisse ser encontrado. E tem muito mais, se amor for forte o bastante ele fortace seu lobo, te deixa maior, mais forte, rapido, e em algumas lendas te permite ouvir os pensamentos de seu amor...

 

- Como assim? Eu realmente não quero entrar na cabeça do Stiles....

 

- Você não vai ouvir todos os pensamentos dele, mas podem se conectar se estiverem pensando um no outro.

 

A cara de interrogação de Derek foi o suficiente para o druida tentar se explicar melhor.

 

- Certo, pense no Stiles agora, oque ele esta fazendo? Onde ele esta? Encontre ele com sua mente.

 

Derek tentou se concentrar na essensia do garoto, no seu cheiro e calor, fechou os olhos e jurou poder sentir Stiles bem do seu lado, ele estava na faculdade, com um garoto bonito, todo vertido de preto, conversavam animados, e derek pode ouvir os pensamentos do Litte boy, '' Derek mataria Lucian se me visse agora... oque sera que meu lobo esta fazendo? sinto sua falta,'' e sem percceber Derek tambem respondeu '' Tambem sinto a sua...''

 

 

 

By STILES

 

Stiles estava sainda da sua ultima aula, louco de saudade de Derek, mais se mantia firme andando ao lado de Lucian, que conversava animado sobre super herois, e foi impossivel não seguir sua onda, mesmo se difertindo com o garoto ele pensava no lobo

 

'' ... oque sera que meu lobo esta fazendo? sinto sua falta''

 

'' Também sinto a sua...''

 

Stiles parou no meio do carredor, e olhou assustado para os lados, podia jurar que ouviu Derek falando bem ao seu lado.

 

- Stiles? Cara... você ta bem?

 

- Sim, estou sim Lucian. Vamos, não esta animado pra andar de Camaro?

 

 

O sorriso de Lucian foi adoravel, Stiles podia sentir um certo carinho crescendo pelo garoto desajeitado e meio perdido, chegaram no estacionamento da escola e Lucian pulava de alegria, imagina se ele fosse dirigeindo? Provavelmente acabaria morto pelas garras de Derek.

 

- Entra ai, eu vo jogar as mochilas no porta mala.

 

Emquanto tentava entender o controle do carro Stiles sentiu um arrepio conhecido, e soube que seu lobo estava la, so nao sabia onde, procurou no estacionamento e nao encontrou o rosto que tento sentia falta, mas seu olhar foi ''puxado'' em direçao a flores que rodiava toda a faculdade, dando ao campos um sossego do trafego de fora, e la estava, enorme e negro os olhos azuis olhando profundamente para Stiles, ele sentiu vontade de correr para o lobo e abraça- lo mais apenas falou baixo, so para Derek ouvir

 

 

- Te vejo em casa?

 

E com um asseno e um uivo baixo o lobo correu para longe.

 

- corrida entao.

 

Stiles entrou no carro correndo.

 

- Coloque o cinto Lucian, vamos correr.

 

O sorriso de Lucian foi gigantesco, antes do menino terminar de por o cinto stiles ja havia acelerrado o carro, e cantava pneu para fora do campos, de tempos em tempos via pela janela uma mancha negra, que mostrava os dentes enormes e uivava, era quase um sorriso mostruoso de lobo, não parou em nenhum sinal e teve certeza que seria morto por derek que receberia muitas multas , talvez seu pai perdoase se soubesse que fora Stiles... ou pegaria mais pessado. Decidiu pensar nisso depois que vencesse a corrida, ja estava no final da rua, mais duas casas e a do Stiles estaria bem a frente, com um sorriso maligno ele deu um cavalo deu pau e parou perfeito da frente de casa, e quando ia comemorar viu a janela do quarto aberta, e soube que tinha perdido pro Lobo.

 

- Puta merda Stiles! Isso foi radical, vamos de novo??

 

Lucian tinha os cabelos arrepiados e estava super animado, eu fiquei preocupado em assusta -lo...

 

- Não Luci, nunca mais haha

 

- Luci? Serio? Luci? Nao tinha nada mais masculo?

 

- Não, vai ser Luci hahaha

 

Mesmo emburrado o Luci era bonito, o rosto meio angelical, ele era um bom garoto, se Stiles nao estivesse totalmente apaixonado por Derek, talvez tivesse dado uma chance a esse rapaz. Desceram do carro e foram em direçao a porta. Antes que Stiles abrisse Derek o fez, estava com as roupas do garato, isso o deixava sexy em cima e engraçado em baixo, em cima as blusas ficavam apertadas, mostrando cada musculo e cor escolhida, vermelho, destacava sua pele morena, ja em baixo as calsas ficavam apertadas e acabavam destacando o membro de Derek, e sempre ficavam meio curtas, mas hoje o lobo tinha dobrado um pouco mais, dando um charme gay a mais, ok, hoje ele estava todo sexy.

 

- Oi lobão, me esperando?

 

Stiles jogou os braços ao redor do pescoço de Derek que surpreso cambaliou um pouco pra tras, sorrindo se beijaram e ficaram trocando palavras sussuradas de saudade.

 

- Ãham, oi, eu sou o Lucian, muito prazer também.

 

Stiles riu e se apresou em deixar o garoto entrar enqauanto pegava as mochilas do porta mala, de longe observou Derek ficar totalmente ereto, ficando mais alto que o normal, e sorrindo meio ameaçador para o pequeno Lucian, que mal batia no peito do Lobo, voltou correndo em socorro do pequeno.

 

- Para de assustar ele Derek.

- Eu nao estou assustando ningem, estou Lucian?

 

Lucian que ja era branco de mais so faltar ficar transparente.

 

- Nao senhor Hale.

 

- Senhor Hale? Serio Derek, ou se comporta ou some da qui.

 

Mesmo não gostando muito da represaria de Stiles Derek se jogou no sofa com livro na mão e os garotos se sentaram no chão ao redor da mesa e começaram com o trabalho. Não era complicado, Lucian que era meio lento pra entender as coisas, e cada vez que o pequeno chegava um pouco mais perto de Stiles Derek rosnava, depois do terceiro rosnado Stiles se cansou e intimou o lobo a subir com ele para conversarem, deixou varios doces e refigerante para Lucian como desculpa e disse que voltava logo.

 

Quarto Derek:

 

 

 

Derek estava serio e Stiles també, eles se encaravam sem dizer uma palavra esperando que alguem se redese. E o lobo perdeu, porque o bico de Stiles era muito fofo.

 

- Eu não estava assustando ele, ele so nao é corajoso.

 

- Voce fica rosnando pro caitado Derek.

 

- É involuntario.

 

- Otimo, entao fique aqui ate ele ir embora, ja estamos acabando.

 

- Nao mesmo, nao vo ficar aqui esperando aquele filhote de gente dar em cima de voce!

 

- ENTAO PARE DE ROSNAR.

 

E para melhorar a briga boba sabe que eu fiz? Rosnei pro Stiles, que ficou serio, depois começou a rir e se jogou em cima de mim, caimos na casa, e foi otimo sentir seu litte boy tão perto.

 

- Termine logo isso e volte pra mim, estarei aqui te esperando.

 

 

BY STILES.

 

 

 

Stiles voltou para sala e encontrou Lucian lendo um Hentei muito explicito, se jogou no sofa, e é claro que nao perderia a oportunidade zoar o menino.

 

- Hentei gay? Achei que fosse Hetero.

 

Lucian só não focou mais vermelho por falta de sangue, ele jogou o HQ na mochila e começou a guaguejar sobre ser Bi e gostar dos desenhos e não da historia, piorando ainda mais a situação fazendo Stiles cair do sofa de tanto rir.

 

- Não ligo pra isso Lucian, so vamos acabar logo isso ok? Estou cansado e com saudades do meu namorado morento la em cima.

 

Dando uma pequena piscadela para o menino entender a palavra '' saudade'' , e não pode deixar de rir da cara do pequeno. Ele andava rindo muito esses dias, isso era novidade, uma otima novidade.

 

- Não devia ficar falando isso para um virgem, todos mordem assim?

 

O menino colocou o dedo na marca do pescoço de Stiles, que tremeu com o toque frio da mão do garoto, pelo que havia lido no livro da mãe de Derek e não podia ver a marca, só criaturas do mundo sobrenatural... Uma voz firme vinda da escada chamou atenção de ambos, fazendo a pergunta que Stiles não conseguiu fazer.

 

- Oque você é?  


Notas Finais


ta ai, espero que gostem. depois desse devo demorar um pouquinho pra voltar. bj bj fantasminhas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...