História Predestinados - Shawmila - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Austin Mahone, Fifth Harmony, Shawn Mendes
Personagens Ally Brooke, Austin Mahone, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Shawn Mendes
Tags Camila Cabello, Fifth Harmony, Shawmila, Shawn Mendes
Exibições 324
Palavras 2.875
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hello, estou aqui com mais um capítulo pra vocês!
Fiquei muito feliz pelo fato de vocês terem comentado no último capítulo. Obrigada pela força, sério.
Espero que gostem.
Boa leitura.

Capítulo 23 - Eu nunca.


Fanfic / Fanfiction Predestinados - Shawmila - Capítulo 23 - Eu nunca.

 

MIAMI, Flórida – 21:14

      Abri a porta do apartamento enquanto Lauren entrava rindo atrás de mim, juntamente com Dinah. Iríamos passar duas semanas ali e resolvemos alugar um apartamento, pois sairia mais em conta além de termos mais privacidade. O apartamento era simples, na medida do possível. Havia cinco suítes, uma sala de TV e ao lado uma pequena sala de jantar, também tinha uma grande cozinha e uma área vaga para jogar conversa fora com algumas poltronas confortáveis.

   Ally e Normani haviam ficado no apartamento descansando, enquanto eu, Lauren e Dinah havíamos saído para comer alguma coisa.

- Não acredito que você fez isso – Dinah disse rindo enquanto entrava no apartamento.

- Ah qual é, ele era um saco – Lauren disse rindo enquanto jogava sua bolsa na mesa de centro – Não adianta o cara ser lindo se ele não em intelecto.

- Verdade – Tive que concordar.

- Você não pode falar nada Mila – Dinah disse levantando uma das mãos e me sentei no sofá rindo.

- Por que? – Perguntei me jogando confortavelmente ali.

- Por que? Você é uma sonsinha mesmo – Ela disse irônica e eu ri enquanto procurava meu celular.

- Quem é sonsa? – Normani apareceu na sala como se estivesse com sua bateria carrega cem por cento, com seu celular e seu fone de ouvido em mãos.

- Camila! Tem o ficante fixo e fica se fazendo de desentendida.

- Você só está com inveja – Eu disse rindo dela enquanto mandava uma mensagem para o Shawn.

- Dinah está há tanto tempo sem beijar na boca que já deve ter dado até teia – Lauren deu uma zoada e Normani deu aquela gargalhada maravilhosa dela.

- Vocês não sabem brincar, sério! – Dinah disse emburrada sentando-se ao meu lado, o que me fez rir. Ela olhou pra minha cara – Tá falando com o boy? – Ela perguntou e eu assenti com a cabeça – Chama ele pra vir pra cá.

- Quê? – Eu fiz uma cara de ponto de interrogação e ela repetiu a proposta – Ele está no Canadá.

- E daí? Amanhã nós podemos fazer uma pequena reuniãozinha aqui depois das entrevistas – Ela disse olhando para mim e depois para as meninas, que pareciam estarem pensando na possibilidade.

- Pode ser uma boa – Lauren disse e Normani concordou.

- Mande ele trazer amigos – Dinah emendou rapidamente e Normani soltou mais uma piada em cima dela.

- Foi só falar de teia que agora ela vai atirar pra todos os lados.

- Aff, suas escrotas – Ela disse pegando o controle enquanto colocava num filme pra gente ver. Ally não estava se sentindo muito bem naquele dia, então havia tomado um remédio e estava dormindo desde a hora que saímos. O filme já estava no fim, olhei no relógio vendo que o mesmo indicava que já se passavam das 23:00.

*

Camila: Já está dormindo?

     Cinco minutos se passaram e eu já estava desistindo de tentar falar com ele. O áudio da música já havia saído e estava sendo um sucesso. Nossos agentes já haviam recebidos diversos convites para participações em programas mas nós não havíamos ido em nenhum. Eu estava feliz pelo fato da música estar fazendo sucesso, mas algumas (muitas) pessoas haviam começado a me criticarem, aquela frase de “pegar pra cristo” e estavam dizendo que eu iria sair do Fifth Hamony, o que era uma mentira sem tamanho e de alguma maneira me deixava bastante triste. Eu havia recebido muitas mensagens de ódio, raiva por parte de alguns e aquilo de certa forma havia me deixado chateada, um pouco frustrada.

     Rolei os olhos mais uma vez antes de ser respondida.

Shawn: Hey, estou aqui!

Camila: Está ocupado?

Shawn: Não, o que me manda? Saudades!

Camila: Também <3 Planos para amanha?

Shawn: Amanhã não. Por quê? Quer me raptar? Hahaha. Depois de amanhã tenho que ir para Palms Beach. Será que eu consigo te ver?

Camila: Palms Beach é aqui do ladinho :)
              Mas tenho uma ideia melhor. Vem pra cá amanhã, que tal? Vamos fazer uma pequena reuniãozinha aqui apartamento.

 

Shawn: Que horas? Posso tentar ir, mas não garanto.

Camila: De noitinha. Dinah pediu pra você trazer amigos hahahaha

Shawn: Hahahaha, ok. Linda, preciso desligar. Te quiero <3

Camila: Tá bom. Te quiero mucho! <3

*

- Olha a cara de idiota da pessoa – Levantei a cabeça procurando a dona daquela voz. Normani e Dinah olhavam e rindo da minha cara. Lauren já havia saído dali e eu nem tinha me ligado.

- Vocês são umas chatas. Eu vou dormir – Eu disse me levantando. Enquanto dava um tapinha em cada uma. Elas me deram boa noite e fui em direção ao meu quarto para finalmente descansar.

------

     Quase seis horas. Esse foi o tempo que eu passei dentro daquele avião, com uma pequena turbulência no caminho. Dois amigos dormiam nas cadeiras ao lado da minha. Eu havia tentado levar o Cameron, mas ele tinha trabalho e não conseguiu ser liberado. Stephen iria no dia seguinte, mas Andrew foi juntamente comigo no primeiro voo. Chegamos a Miami por volta das 18:20.

       Havia um carro esperando pra levar a gente pro hotel, que não ficava longe dali. Iríamos passar aquela noite em Miami e no dia seguinte partiríamos de carro mesmo para Palms Beach. Andrew ficaria no hotel resolvendo tudo sobre os trabalhos para o dia seguinte enquanto eu e os meninos iríamos para o apartamento das garotas, mas obviamente passaríamos no hotel antes para comer alguma coisa e tomar um banho.

 - Vão voltar pra buscar a gente depois? – Jake disse enquanto saíamos do elevador juntamente com Josh, um amigo de infância. Eu havia conhecido Jake na estrada, ele também era do ramo da música.

- Yep – Eu disse antes de chegar a grande porta branca, tocando a campainha da mesma.

   Pouco tempo depois a porta foi aberta com uma Camila sorridente atrás dela. Ela primeiro olhou pra mim com um sorriso do tamanho do mundo e depois vagou os olhos pelos garotos atrás de mim.

- Olááá, entrem! – Ela disse receptiva e eu deixei que os meninos entrassem na minha frente. Ela cumprimentou Jake e Josh com um abraço rápido e então eu entrei no apartamento.

- Oi – Eu disse me aproximando, mas sem saber exatamente o que fazer. Ela se aproximou ficando um pouco na ponta dos pés antes de encostar seus lábios nos meus num selinho e então se afastou fechando a porta e pegando na minha mão esquerda.

- As meninas estão ali, vamos lá – Ela disse me puxando enquanto os meninos iam levemente na frente.

       Entramos então num ambiente com pouca luz. Havia muitas almofadas grandes espalhadas por ali e bem no meio havia uma mesa com alguns doces e algumas bebidas alcoólicas. Lauren, Normani e Dinah estavam sentadas perto da mesa, e um pouco mais afastada mais ainda ali esta Ally e juntamente com um garoto. Estavam todos rindo.

- Olhem que chegou – Camila anunciou soltando da minha mão e apontando pra mim como se eu fosse um troféu.

- Shawny – Ally falou alto enquanto as meninas se levantavam pra falar com a gente. Dinah foi a primeira a me abraçar e ser apresentada aos meus amigos, depois Normani e então Lauren, que já devia ter bebido pois ela estava muito sorridente. Ally se aproximou com o garoto. – Quanto tempo! – Ela disse me dando um abraço rápido.

- Sim – Ela se afastou de mim deixando então eu cumprimentar o garoto, mas o apresentou a mim.

- Esse é o Troy, meu namorado. Troy, esse é o Shawn.

- E ai cara, prazer em te conhecer – Eu disse estendendo a mão para um cumprimento. Ele apertou e balançou levemente enquanto respondia um “igualmente”. Apresentei os garotos à Ally e ao Troy e então todos fomos nos sentar onde eles estavam antes.

 

      Ficamos horas ali batendo papo e até fizemos alguns sons. Lauren havia pegado um jogo de cartas, só que ninguém sabia jogar direito, então a brincadeira acabou rendendo boas risadas.

- O que vamos fazer agora? – Camila perguntou sentada entre minhas pernas brincando com nossas mãos entrelaçadas. Eu estava sentado no chão, mas escorado em um pequeno sofá e Camila estava entre minhas pernas com as costas apoiadas no meu peito enquanto brincava com os meus dedos.

- Podemos brincar de “Eu nunca” – Lauren deu a ideia.

- Mas isso não é brincadeira de criança? – Normani perguntou enquanto comia uns doces.

- É só não jogar no modo criança – Dinah interviu.

       Camila fez um esforço com a cabeça tentando olhar pra minha cara, então eu entortei a cabeça um pouquinho pro lado capturando seu olhar.

- Por mim tudo bem! – Eu disse enquanto ela sorria, sorri de volta e dei um beijo na sua bochecha.

- Ok, vamos começar. Mas pera, o que a gente tem que fazer? – Ally perguntou rindo em seguida.

- Basicamente você fala algo que você nunca fez, e quem fez tem que beber uma dose de algo dessa mesa – Lauren disse - Tirando esse suco, óbvio – completou e então Camila se afastou lentamente do meu peito sentando-se do meu lado.

- Oh, Deus – Ally disse baixinho fazendo todo mundo rir – vou ser a primeira então. Hm, eu nunca... caí de uma árvore – Ela disse e sorriu verdadeiramente.

- Ally, você tá de sacanagem né? – Dinah disse arrancando uma risada minha e de Camila – Essa não valeu, vou recomeçar aqui. Então, eu nunca fiz sexo num ônibus – Ela soltou logo de uma vez fazendo Ally arregalar os olhos e todo mundo rir.

  Jake levou o copo rapidamente à boca virando tudo de uma única vez, achei que ele seria o único, então Camila ao meu lado se remexeu inquieta enquanto se aproximava da mesa pegando um copo.

- O QUEEEEEEE???? – Normani teve um pequeno surto vendo a amiga bebendo. Eu olhei para o lado me sentindo levemente incomodado. Vai passar, pensei.

- Ok, agora minha vez – Lauren disse percebendo meu pequeno desconforto. – Eu nunca peguei ninguém no banheiro de uma festa – Ela disse mas ela mesma bebeu o líquido de seu copo. E obviamente todo mundo da rodinha bebeu, até a Ally – Tive que falar isso pra todo mundo beber – Ela acrescentou.

- Bom, agora sou eu – Normani tomou a frente – Nunca dormi com alguém no primeiro encontro.

  Lauren, eu, Jake, Josh e Dinah bebemos. Minha história inclusive havia sido engraçada, porque eu nunca bebia. Por ter cara de ser mais velho eu era o amigo da bebida, aquele que ia lá buscar para os outros, pois nunca pediam minha identidade, mas o Cameron havia feito uma pequena festa em sua casa porque seus pais não estavam em casa, e eu havia bebido bastante, então no dia seguinte simplesmente havia acordado no quarto de hóspedes da casa dele com uma mulher bem mais velha do que eu. Ela achou que eu tivesse vinte e cinco anos e quando descobriu a minha idade real se sentiu mal e me pediu mil desculpas. Fui zoado eternamente por essa história.

- Shawn, sua vez – Camila chamou minha atenção.

- Hm, ok – eu fiquei pensando tipo, muito tempo, parecia até que eu fazia tudo – Eu nunca usei drogas.

Ouvi um sonoro “woooow” e um “defina drogas” vindo da Lauren.

- Ecstasy, LSD, maconha, cigarro... – Lauren, Troy, Dinah e meus amigos beberam mais uma dose.

- Não me orgulho disso – Dinah anunciou e Troy concordou – Vai Mila, agora é você!

- Vamos lá – Ela disse enquanto colocava a mão no queixo fazendo cara de pensadora – Eu nunca fiquei com fã.

- Claro né Mila, só tem menina – Normani disse e Lauren respondeu um “nada a ver Manibear”.

   Eu olhei pro copo, olhei pra Camila, olhei pro copo de novo e fiquei pensando se deveria tomar.

- Bom, depois que elas ficam comigo elas viram minhas fãs, sendo assim – Jake disse bebendo de novo e Lauren revirou os olhos. Camila ia passar a pergunta e eu meti a mão no copo bebendo o líquido que tinha ali.

- Wow, vejo seus movimentos Shawn Mendes – Dinah manifestou-se tirando algumas risadas da mesa e eu ri sem graça. Camila só me olhou de rabo de olho.

- Essa brincadeira vai destruir relacionamentos – Ally resmungou baixinho.

- Eu quero ver pegar fogo, então, eu nunca me senti atraído por uma mulher – Jake disse virando mais um copo, e então outro e outro.

     Senti Lauren tensa e Camila inquieta. Virei um copo, juntamente com Troy e Josh. Lauren respirou fundo antes de pegar um copo e beber também, sendo seguida por Camila.

- Oh, Deus – Normani exclamou.

- Essa brincadeira tá ficando picante demais. – Troy riu falando pra Ally.

- Eu nunca fiquei com uma mulher – Normani soltou sem que ninguém esperasse e lançou um olhar para Lauren, então vi a mesma começar a tossir. Nós meninos bebemos, eu já estava ficando um pouquinho alegre. Camila mudou de posição várias vezes em alguns segundos. Então Lauren soltou um “foda-se” baixinho enquanto virava mais um copo.

- Altas revelações. – Camila sussurrou ao meu lado.

- Acho melhor a gente parar por aqui. – Lauren conseguiu falar após colocar o copo de volta na mesa. Ela estava um pouco vermelha e tinha os olhos não muito focados.

- A última aqui – Dinah disse – Eu nunca transei em casa – Ela disse olhando pra Camila, que fingiu não entender a indireta dela.

   Eu coloquei mais bebida no meu copo virando o mesmo e bebendo, fiz uma careta, pois de tanto beber aquilo já estava começando a sentir um gosto amargo na boca. Os meninos também beberam, então Camila mudou de posição bebendo um copo também.

- Shawn tinha que beber duas vezes! – Dinah emendou.

- Oi? – Me fiz de desentendido e ouvi um “cínico”. Como ela estava sabendo das minhas intimidades?

- Podemos parar? Estou ficando enjoada – Lauren anunciou e então todos paramos.

        Camila apoiou uma das mãos no meu ombro enquanto se levanta, pegou o copo em cima da mesa e foi andando em direção à cozinha. Eu segurei na mesa me levantando também, mas eu me levantei tão rápido que me deu uma tontura leve e eu vi pontos brancos.

- Vai aonde desse jeito? – Dinah perguntou.

- Camila – respondi rápido virando pra ir atrás dela.

- Não se comam na cozinha, por favor – Ela disse e logo depois levou um tapinha de Normani. Ally tampou o rosto enquanto ria.

    Segui andando um pouquinho torto até a cozinha. Camila estava escorada no balcão enquanto via alguma coisa no celular. Me aproximei segurando em algumas coisas tentando disfarçar minha falta de espaço. Ela levantou a cabeça me olhando e deu um sorriso enquanto bloqueava o celular de novo.

- Estou um pouquinho tonto – Eu disse.

- Tô percebendo – Ela disse esticando as mãos e pegando nas minhas.

- E eu quero te beijar. Agora e bem aqui. – Me aproximei beijando sua bochecha, e então seu queixo, a outra bochecha e a ponta de seu nariz, descendo então pra sua boca.

------

       Shawn juntou sua boca à minha e eu pude senti-los quentes e macios. Eu mordisquei o lábio dele e então ele passou levemente a língua pela própria boca, encostando nos meus lábios. Minhas mãos voaram para seu cabelo enquanto suas mãos seguravam firmemente minha cintura no mesmo momento em que sua língua invadia minha boca, enroscando na minha. Ele tentou de alguma maneira me levantar e conseguiu me colocar sentada em cima da bancada enquanto ficava no meio das minhas pernas. Ele se afastou um pouco, coisa se segundos para respirar e então já estava novamente com a boca grudada na minha. Soltei seus cabelos e passei meus braços por cima de seus ombros, aproximando mais os nossos corpos, como se fosse um abraço.

   Ele chupou meu lábio inferior e depois passou a língua ali, pude sentir um pouco do gosto do álcool, que era maravilhoso e também estava na minha pessoa. Ele apertou minha cintura e eu gemi baixinho pelo contato, fazendo ele murmurar algo que eu não entendi, com uma voz um pouco rouca.

- Eu disse que não queria vocês se comendo na cozinha – Dinah entrou destruindo nosso clima. Soltei sua boca rindo enquanto ele virava pra trás, mas ainda com as mãos na minha cintura. – Seus pervertidos – Ela emendou.

- Dinah? – Normani entrou na cozinha procurando Dinah e vendo a gente ali – Nossa, vocês são uns tarados.

- Parecem dois coelhos – Dinah soltou fazendo a gente rir. Shawn se afastou me descendo do balcão. Normalmente eu ficaria com vergonha, mas como o álcool estava no meu organismo eu não estava sentindo nada.

- Shawn – O amigo dele, acredito que Jake, entrou na cozinha completamente torto enquanto dizia – Andrew está lá em baixo esperando a gente. Vou descendo com o Josh na frente. Tchau meninas – Ele disse tudo muito rápido enquanto saia na mesma velocidade que havia entrado ali.

          Shawn se aproximou de mim me dando um selinho demorado.

- Depois eu te ligo. Cuidado. E assim que chegar no hotel toma alguma coisa pra não ficar com ressaca amanhã – Eu disse enquanto ele se afastava passando pelas meninas e sumindo da minha vista – Então é isso, vamos dormir?

- Dormi? Que dormir o que. Você vai explicar pra gente a história do ônibus – Dinah disse se escorando em Normani. Oh Deus, a noite seria longa!


Notas Finais


E então, o que acharam?
Estou com um twitter agora, caso queiram falar comigo por lá: @rvittipoetizar
Interajam comigo!!!! Amo vcs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...