História Pretty Reckless - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Chaz Somers, Demi Lovato, Justin Bieber, Katy Perry, Taylor Lautner, Taylor Swift
Tags Colegial, Festas, Justin Bieber, Romance
Visualizações 750
Palavras 1.956
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


"Quando você diz que os ama, e você realmente sabe
Tudo o que realmente importava não importa mais
como meu dinheiro, todos os meus carros
(você pode ter tudo isso e)
Flores, cartões e doces
(eu faço isso somente porque eu)
Eu tenho sorte em ter você garota
Quero que você saiba, eu realmente te adoro"
-U Got It Bad, Usher

Capítulo 34 - Oh my God!


-Posso entrar? -Era Justin. Eu mordi o lábio e acenei com a cabeça. -Você está bem,  princesa?

-Estou sim. -Falei e ele se sentou na minha cama.

-Está linda de pijamas. -Ele falou me observando da cabeça aos pés.

-Vou me trocar, né. -Falei levantando e ele me puxou pelo braço, me fazendo cair na cama.

-Ei, não! Esse pijama está ótimo. -Ele falou dando uma mordidinha no lábio.

-Para de me olhar assim. -Falei me engatinhando até meu travesseiro.

-Meu Deus, faz isso não, meu Deus. -Ele disse indo até mim engatinhando também.

-O que que fiz? -Falei.

-Esse seu shortinho ta me empolgando, amor. -Ele falou.

-Ei, ei, ei, acalma aí menininho. -Falei. -Vem cá, vem amor. -Falei batendo em minha coxa. Ele veio e sentou entre minhas pernas.

-Se preocupa não baby.. -Ele disse. Ficamos assistindo Bob Esponja até dar 11:00 horas da noite.

-Ei, vão dormir. -Minha mãe falou batendo na porta do meu quarto. Abaixei a TV e sorri maliciosamente.

-Ain Justin, vai, ain, ain. -Finji gemer e Justin abafou o riso com o travesseiro na boca. -Hmmmmmmmmm.

-JAMIE COLEEN, JUSTIN DREW BIEBER O QUE VOCÊS ESTÃO fazendo? -Ela disse gritando abrindo a porta do quarto.

-HAHAHAHAHHAHAHHAHAHAAH mãe, por favor! -Falei entre rizadas, eu e Justin.

-Como você é boba, Jamie, vão dormir, agora. -Ela falou batendo na gente com um travesseiro.

-Ai mãe, como você é tonta. -Falei desligando a TV.

-Você que é boba. -Ela falou. -Tchau, vão dormir, boa noite. Até amanhã, amo vocês. -Ela disse fechando a porta e saindo. Levantei e tranquei a porta e voltei pra cama.

-Já tá pronto? -Eu falei.

-PRA QUE? -Ele disse me olhando espantado.

-Idiota! Pra dormir! -Falei.

-Ahhhhhhhhhhhhhhhhh tá! To sim, é só eu tirar a roupa. -Ele falou piscando, se levantou e tirou a calça e a camisa. O olhei. De cima a baixo..

-Ei... Psiu... O que tá olhando? -Ele falou se olhando.

-Você. -Disse com um sorrisinho. Ele ficou vermelho e se deitou. -Vai dormir só de cueca?

-Vou, algum problema? -Ele falou se aproximando mais de mim. Passei a mão em seu abdômen.

-Ui. -Falei. Ele suspirou. -Nenhum problema. -Disse ajoelhando e apagando a luz. -Quer que acenda o abajur bebê?

-Não. Só se você quiser. -Ele falou.

-Não. Por mim tudo bem. -Falei e me deitei em cima dele, o beijando. Justin massageava minha coxa e eu dava pequenos arranhões em suas costas. Ele me virou, fazendo-o ficar em cima de mim.

-Jus, para, vamos acabar fazendo alguma coisa precipitada. -Falei o empurrando de leve.

-Ta legal. -Ele falou se ajeitando. Ele suspirou, bocejou e se deitou ao meu lado. -Boa noite minha pequena, obrigado por ter me aceitado, eu te adoro.

-Boa noite Jus, eu te adoro, meu bebê. -Falei dando um beijo longo nele e depois ele me deu um beijo na testa e dormimos.

 

[...]

 

-Levantem! -Ouvi minha mãe falar do lado de fora de meu quarto. -Vamos! Escola.

-Jus? -Falei levantando. Ele não respondeu. -Justin, acorda. -Desisti, levantei e fui pro banheiro, tomei banho e me troquei.

-Justin, levanta meu amor. -Falei já trocada e maquiada. -Juuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus! -Falei dando uma travesseirada nele.

-Ai, amor, isso é jeito de me acordar? -Ele disse se virando e se cobrindo.

-Eu te chamei 4 vezes, anda logo, se não você vai ficar aqui em casa e sem tomar café. -Falei. Duas batidas na porta foram dadas. -Entra.

-Bom dia casal mais lindo desse mundo. -Era Taylor.

-Bom dia loira, esse canadense não quer levantar. -Falei sentando ao seu lado. -Jus, levanta vai.

-Ta bom, vai bebê, mas tira a Tay daqui. -Ele falou descobrindo a cabeça.

-Porque, Jus? -Falei.

-Estou só de box, esqueceu? -Ele falou arqueando uma sobrancelha.

-Opa, não saio daqui. -Tay falou rindo maliciosamente.

-Para de ser safada, Taylor Alison Swift. -Falei indo pra porta. -Vaza.

-Não não, quero ve-lo de box. -Ela disse olhando pro Justin.

-Vou ter que te colocar a força pra fora do meu quarto, vadia? -Falei.

-Só saio daqui depois de ver esse canadense. -Taylor falou. Justin estava vermelho, rindo.

-Então vou ter que tirar a força. -Falei pegando ela pelo cabelo.

-AI AI AI AI VADIA, ME LARGA, FILHA DA PUTA. -Ela falou. -ME SOLTA, VADIA. -Soltei ela. Já estávamos na porta do meu quarto.

-Vadia é você. Tchau abusada. -Falei e fechei a porta mostrando a língua. -Pronto. -Falei a Justin.

-HUADHUAHDUHAUSDH, eu ri muito, amor. -Ele falou me agarrando.

-Elas são tudo assim, nem liga. -Falei fazendo carinho em seus cabelos.

-Tudo bem então, até sua mãe é assim. -Ele falou.

-É, Bieber, quando falo todas, são todas mesmo. -Falei rindo.

-HAHAHA. Vou tomar banho. Quer vir? -Ele falou.

-Quero. -Falei tirando a blusa.

-OH MEU DEUS, SÉRIO? -Ele disse olhando para meu sutiã.

-Não. -Falei com um sorriso cínico e coloquei a blusa.

-Você é muito estraga prazeres, véi, para. -Ele falou indo pro banheiro. -Muito chata, qual é!

-HAAHAH, Bobinho. -Falei e ele fechou a porta do banheiro. Sua toalha tinha ficado em cima da mesa. -Jus sua to to to -Falei abrindo a porta do banheiro e me deparei com ele pelado, sem nada, não consegui reagir, só fiquei olhando para seu membro... -to to to to. AH MEU DEUS.

-Amor, para! -Ele ficou vermelho e pegou a toalha da minha mão e se cobriu.

-Ain, desculpa Jus, desculpa, OMG, eu sou doida. -Falei fechando a porta.

-Hey. -Ele falou alto e eu abri a porta. -Você tá com uma baba aí, escorrendo no seu queixo. -Ele falou rindo.

-Ai que idiota! Infantil! Vai logo. -Falei fechando a porta. Oh God, é sério que o vi pelado? Mesmo? OK, ele é bom. Nada nada nada mal. Muito bom por sinal.. Nossssss véi, como sou tarada, Jesus. Sai do quarto, e desci. Todos os negos estavam na sala comendo.

-Ei Jamie, você tá pasma e vermelha ao mesmo tempo, o que aconteceu? -Caio perguntou quando sentei.

-Noss, véi, é mesmo, viu um fantasma? -Katy falou.

-Ei tá ai? -Demi falou. Eu não piscava. OMG...

-Porra, acorda! -Katy jogou uma almofada em mim.

-Que foi caralho? -Falei acordando do transe.

-Pow, responde! O que aconteceu? -Taylor falou.

-Nada, ué, porque? -Falei.

-Você tá pasma e vermelha. O que aconteceu? -Demi falou.

-Porra, nada. Já falei. -Disse me afundando no sofá.

-Ai ai, tá com cara de quem viu alguma coisa e não gostou. -Katy falou.

-Hmmm pelo contrário, gostei muito. -Falei com um sorriso.

-Ah, não deixa a gente curioso vai mano, fala logo. -Caio falou.

-Não vou falar. -Falei.

-Fala logo, carai, se nunca esconde nada da gente. -Demi falou.

-Vai logo porra. Fala. -Taylor falou.

-Não mano, não vou falar. -Disse.

-Oooooooooooooooooooooooooooooooooooo vadia. -Caio falou. -Mano, fala logo.

-Ta bom caralho, ta bom. -Respirei fundo. -Vi o Justin pelado. -Dei um sorrisinho malicioso.

-OOOOPA, quero ver também. -Katy falou rindo.

-Vai pra pqp vai Katy. -Falei.

-HAHAHAHAHHA Viu a visão do inferno por isso ficou pasma? -Caio falou rindo.

-Vish, se aquilo é visão do inferno, é pra lá que eu vou. -Disse rindo.

-HAHAHHAHAHAHAH, não quis me deixar ver e viu né? Hmmmmmmmmmmmmmm. -Tay falou.

-AAAh tá, ele é meu fia. Ele não deve ser muito normal véi, sério, é muita coisa pra um menino da idade dele.. -Falei e todos riram.

-HAHAHAH MEU DEUS, CALA A BOCA VAI Jamie CALA A BOCA. -Demi explodiu de rir.

-HAHAHAHAHAHAHA É melhor, velho! -Taylor também falou.

-Ahh fiquem ai, vou subir. -Falei levantando.

-Isso, vai lá ver o Sr. Dotado.AHHAAHAHAHAHAHAHA. -Katy falou nos fazendo rir.

-Mano, cala a boca véi. -Falei e subi rindo.

 

Esperei uns minutos por ele, e fiquei arrumando o quarto rapidamente e Justin saiu só de toalha. -E se essa toalha cai? -Perguntei indo até ele e arranhando seu abdômen.

-Você se diverte muito. -Ele sussurrou com um sorriso. -Que foi hein? Ficou empolgada só de olhar pra ele? -Ele disse me agarrando, aproximando-me dele. Suspirei.

-Aham.. -Falei baixinho no ouvido dele. Ele riu e deu beijinhos no meu pescoço. -Justin, não faz isso.. -Disse suspirando.

-AAh Deus.. -Ele falou sorrindo e me soltando. Fui pra cama e sentei, lendo uma revista.

-Amor, vou me trocar, fecha os olhos. -Ele disse me olhando.

-Tá. -Falei e espremi os olhos, fingindo fecha-los. -Ah Meu Deus.. Ooooooo menino dotado do caralho viu, Senhor abençoado.. -FALEI EM VOZ ALTA..

-PQP AI MEU DEUS. -JUUUUUUUS desculpa, foi sem querer, foi mal bebe. -Falei me jogando na cama e escondendo o rosto.

-AHAHAA.. -Ele riu. -Ei gata. -Ele falou e eu não o olhei, que vergonha véi. -Ow minha gatinha. -O senti em cima de mim. -Fica com vergonha não, amor. -Ele falou e deu um beijo em meu pescoço. -Isso fica arrepiadinha fica. -Ele falou. Me virei e o vi em cima de mim.

-Desculpa. -Falei

-Não precisa ter vergonha do que é seu. -Ele disse me dando um selinho antes de morder o lábio inferior.

-HAHAHA. -Falei meio sem graça sorrindo de lado. Ele pegou em minha cintura e me beijou. Ele arranhava minha coxa e eu puxava seu cabelo.

-Paroooooooooooooou de pegação, vamos embora. -Caio entrou no quarto. -AH JUSTIN? SE TÁ PELADO MULEQUE? SAI DE CIMA DA MINHA IRMÃ, SAI. -Ele pegou o travesseiro batendo no Justin.

-Ai AI AI, eu não to pelado, caraí. -Justin falou levantando e se protegendo das travesseiradas.. -Eu to de cueca.

-Tá pelado do mesmo jeito. -Ele disse dando mais uma travesseirada em Justin.

-Caio fora. -Falei levantando e arrumando minha roupa.

-A gente já vai embora. Vai logo. -Caio falou sentando na cama.

-Caio, vai sai logo, seu viado. -Falei o empurrando.

-Não, vocês vão começar de putaria de novo. Vamos embora. -Ele disse.

-Oooo caralho viu! Justin, vamos embora. -Falei emburrada. Justin já estava trocado.

-Ta bom, bebê. Só falta o tênis. -Ele disse calçando um pé do tênis. Fui saindo do quarto e Justin veio atrás, junto com Caio.

-Não, não aconteceu nada mano. -Ouvi Justin cochichar.

-Não vou brigar com você, cara, mas fala a verdade. -Caio cochichou também.

-Véi, é sério não pegou nada man, não rolou. -Justin cochichou.

-Ai gente! Caio eu e Justin não transamos tá legal? -Falei acabando com aquela palhaçada de cochichar.

-Tava ouvindo? -Caio perguntou. Já estávamos na sala.

-O cochicho de vocês é mais alto do que vocês pensam. -Falei. -Demi, tem pão de queijo no freezer?

-Não. E não dá tempo de fazer. -Ela falou.

-Ain chata, ta de TPM, tá? -Falei tindo e indo pra cozinha. -Juuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuustin, vem cá. -Gritei. Peguei o bacon no freezer, dois ovos e a frigideira. Coloquei no fogão e liguei, colocando óleo.

-Oi amor. -Justin sussurrou em meu ouvido, causando arrepios em mim.

-Vai querer comer o que, Jus? -Cortei duas fatias de bacon e fritei eles.

-Pode ser o que você for comer, amor. -Ele disse dando um beijo no meu pescoço. -Para de ficar de gracinha e pega o suco, prato, talheres e copos, vai.

-Ain chatinha.. -Ele disse me soltando e indo pegar as coisas. -Cade minha sogra, Jay?

-Ou tá lá em cima ou já foi embora. -Falei terminando os ovos. Justin arrumou a mesa, eu coloquei os ovos e sentamos.

Comemos conversando e colocamos as coisas na pia.

-Ow, partiu galera? -Falei alto, para que ele pudessem ouvir.

-Aleluia, falta 15 minutos pro sinal bater, véi. -Tay falou indo até a porta.

-Ai que nerd. -Falei e peguei minha mochila.

-Tchau minhas crianças, até mais tarde. -Minha mãe falou.

-Tchau mãe, te amo, até depois. -Falei e todos se despediram dela também.

-Eu dirijo. -Tay disse e fomos até a sua garagem. Tay e Caio entraram na frente.

-Senta, bebê. -Justin disse dando dois tapinhas em sua coxa.


Notas Finais


asuhauhauhsa ri mto esrevendo isso uahsa e imaginando hehehehe
MUITO obrigada pelos comentários e a leitora nova, seja bem vinda =^^=
bjo bjo bjo bjo bjo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...