História Pretty Reckless - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Chaz Somers, Demi Lovato, Justin Bieber, Katy Perry, Taylor Lautner, Taylor Swift
Tags Colegial, Festas, Justin Bieber, Romance
Visualizações 714
Palavras 1.589
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


"Você é louca, louca, você deveria saber disso
(Você é louca garota, louca garota, não tente controlar isso)
Acenda, acenda, tão explosivo
Você é louca garota, yeah, yeah"
-All Around the World, Justin Bieber feat. Ludacris

Capítulo 36 - Box


-Porque? -Falei. 

-Minha mãe vai brigar comigo e com você se a casa ficar molhada e cheia de cloro. -Ele falou.

-Justin, eu não tenho outra roupa. -Falei.

-Eu sei. -Ele falou sorrindo. 

-Idiota. Eu não vou ficar só de calcinha e sutiã. -Falei.

-Então vai ficar ai fora, molhada e sozinha. -Ele disse entrando em sua casa, só de cueca box. 

-Justiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiin não! -Falei.

-Vai logo amor. Eu fecho os olhos tá bom? -Ele disse. Droga..

-Tá. -Falei, ele sorriu e fechou os olhos. Tirei minha blusa e o shorts deixando ali mesmo.

-OMG.-Justin falou me olhando. 

-Você falou que ia fechar os olhos Justin! -Falei entrando. 

-Só se eu fosse gay. -Ele disse com o olhar fixo em meu corpo.

-Para de me olhar assim. -Falei. 

-Não consigo. -Ele falou. 

-Arrgh. -Resmunguei subindo as escadas. Entrei em seu quarto e peguei a maior blusa dele que eu vi. 

-Que sexy. -Ele disse parado na porta de seu quarto, me olhando.

-Idiota. -Falei me deitando em sua cama, corri muito véi.

-Você nem é folgada. Mas a visão está ótima. -Ele falou.

-Véi cala a boca. -Falei jogando um travesseiro nele e me deitando de barriga pra baixo. 

-Hey.- Ele falou deitando do meu lado, o olhei e ele estava com um shorts. -Você é linda. 

-Besta. -Falei sorrindo. 

-Gostosa. -Ele falou me agarrando, me beijando. Fiquei por cima dele, arranhando seu abdômen, e ele arranhava minhas costas. Ele me virou e passou a mão em minha coxa, o beijo foi se acelerando. Suas mãos percorriam todo o meu corpo, e as minhas também pelo seu corpo. Eu desabotoei seu shorts e joguei no chão, ele tirou minha blusa e parou de me beijar, foi beijando meu pescoço até chegar em meu seio aaaaah meu Deus.. Com delicadeza ele tirou meu sutiã e fitou meus seios. Não reagiu, só ficou olhando.

-Jus? -Perguntei baixo.

-Oi. -Ele sussurrou ainda imóvel.

-Você está legal véi? -Falei. Meus batimentos estavam acelerados demais. Ele não respondeu. -Amor! 

-Oi. -Ai que retardado. Ele finalmente me olhou e voltou seu olhar pro mesmo lugar e começou a dar beijos e leves mordidas em meu seio. Ele deu um beijo no centro dos dois e abocanhou o esquerdo.. Comecei a suar, os batimentos aceleraram, muito mais. Ele parou e me olhou. Sorriu malicioso e abocanhou o direito. Gemi baixo, ele deve ter percebido, por que deu uma mordida mais forte. Gemi outra vez. Ele voltou pra minha boca e eu me coloquei por cima dele. Já conseguia sentir seu membro bem acordado.

E agora? O que eu faria? Fui beijando todo o seu abdômen, até chegar a sua cueca box vermelha, que o deixava muito mais sexy. Coloquei minha mão sobre seu membro e apertei fraco. Ele gemeu.

-O que foi? -Falei me fingindo de desentendida.

-Hmm.. ai... amor.. -Ele disse fechando os olhos e eu apertei mais forte. -Ai.. faz isso não.. hmmm. -Era engraçado. Parei de agrada-lo, peguei minha blusa, a vestindo e desci, deixando Justin com cara de quem não tinha entendido nada. Fui direto pra cozinha, terminar o almoço.

-Hey, a senhora não vai terminar o que começou? -Justin falou aparecendo na cozinha. 

-Não. -Falei com um sorriso sapeca. É, estava querendo, mas era cedo -literalmente- e eu estava com fome véi.

-Eu estou exitado sabia? Olha isso. -Ele disse apontando para seu membro HAHAHAHAAHAHAHAHAAHA 

-Quem fez isso? -Falei sorrindo.

-Você! -Ele falou bravo.

-HAHAHAHAHAAHAH, que gostoso. -Falei mordendo o lábio inferior e o olhando.

-Vai mesmo me deixar assim??? -Ele falou revoltado.. 

-Ué, você tem mão sabia? -Falei sorrindo. Ele bufou e saiu, subindo as escadas. Terminei o molho e coloquei as coisas na mesa, fui até onde tinha deixado minhas roupas, as peguei e procurei a lavanderia, coloquei na secadora e liguei. Voltei pra cozinha.

-Lavou a mão pelo menos? -Falei sorrindo quando Justin apareceu. 

-Mimimimi, idiota! Isso não é legal! -Ele falou sentando.

-Fica quieto, você se divertiu um pouco. -Falei servindo ele. 

-Só um pouco só. -Ele disse fazendo bico.

-Ahh tadinho dele. -Falei fazendo bico também.

-Chata. -Ele falou comendo. Ficamos conversando durante o almoço e depois fomos para a sala. 

-Quer ver o que, amor? -Ele perguntou.

-Não sei, qual filmes você tem? -Perguntei.

-Alguns, mas se eu não tiver um que você queira, eu compro pela tv. -Ele falou

-Escolhe você, eu deixo. -Falei.

-Ta bom... Pode ser Crepúsculo? -Ele falou mostrando a capinha. 

-Pode. -Falei sorrindo. 

-Tá vendo? -ele disse. Ham??????

-O que? -Eu perguntei.

-Eu disse que você seria minha. -Ele falou se aproximando de mim.

-É.. -Falei sem jeito. Ele se sentou e me abraçou, deu play e o filme começou. Depois de dez minutos ele pediu licença e levantou.

-Onde vai? -Falei.

-Quer pipoca? -Ele disse colocando um chinelo.

-Pode ser. -Falei, ele sorriu e foi pra cozinha. Me acomodei em seu sofá e continuei a ver o filme, normalmente. O sofá era bem confortável, a sala média, perfeito para duas pessoas né. Nunca perguntei sobre sua família, é, eu sei que os pais são separados, disso eu sei, mas irmãos eu não sei. 

-SIM OU NÃO? -Ele gritou. 

-O que? -Gritei também.

-Não me ouviu? -Ele disse parando na porta da sala.

-Não, desculpa. -Falei sorrindo.

-Perguntei se quer manteiga na pipoca. -Ele falou com um sorriso.

-Quero. -Falei e ele voltou pra cozinha. O filme continuou a rodar e eu fiquei vendo. 

-Cheguei. -Jus falou sentando do meu meu lado e pondo uma mão cheia de pipoca na boca. -Desculpa, sou meio mal educado quando eu como, ainda mais em casa. -Ele disse depois de mastigar a pipoca, sorrindo envergonhado.

-AHHAHAHA, não precisa ter vergonha, sou sua namorada. -Falei.

-Linda. -Ele disse. Deitei em seu tórax e peguei pipoca.

 

Lá pelas 4h da tarde, peguei o shorts e vesti, não sei quando Pattie ia chegar e ia ser feio né.. Foi assim a tarde toda, até 7h da noite. Filme, pipoca, a gente jogado no sofá. Não rolou beijo nenhuma vez. Com 3 filmes... Até eu estranhei, pela safadeza dele não é comum isso.

-Justin? -Pattie falou entrando em sua casa. Levantei e peguei umas pipocas do chão. 

-Ei, fica tranquila amor, vem cá. -Ele disse e sentei. 

-Oi filho. Ahh oi Jay tudo bem minha querida? -Ela falou vindo até nós, acendendo a luz. Levantei e a abracei.

-Tudo bem sim Pattie, e com você? -Falei.

-Estou bem. -Falei sorrindo. 

-Oi filho, vou subir, estou cansada, qualquer coisa me chamem. -Ela falou depois de cumprimentar o Justin. 

-Pode deixar. -Eu falei.

-E ah, a senhorita dorme hoje aqui né? -Ela falou antes de sair. 

-Não sei Pattie.. -Falei.

-Sim, vou deixar um pijama meu pra você, na cama do Justin. E Justin, seu pai ligou, perguntou se Jazzy e Jaxon e ele podem te ver porque estão com saudades.

-Claro, quer dizer, você deixa eles virem? -Ele perguntou.

-Ai que pergunta Justin! -Pattie falou.

-Eles vem quando? -Jus falou rindo.

-Se não for na próxima semana, será na outra. -Ela falou.

-Ok. Amanha eu ligo pra ele. -Justin falou. 

-Ta bom, tchau, vou tomar um banho. Se estirem com fome, me falem. -Ela falou saindo da sala. Justin apagou a luz novamente e deitou no sofá.

-Eu sei que você quer saber quem é Jazzy e Jaxon. -Ele falou acariciando meu rosto.

-Estou. Quem é Jazzy? -Hm. Cheio dos apelidos..

-Amor, o nome dela é Jazmyn, ela tem 4 aninhos só e é minha irmã. -Ele falou sorrindo.

-Awn, que fofa Jus e o Jaxon? É só apelido? -Perguntei

-Não, é o nome mesmo. Ele tem 2. -Ele falou fofamente.

-Aaah que lindos. -Falei.

-É, você vai conhece-los. -Justin falou.

-Ah é? -Falei brincando, me jogando em seu colo.

-Vai sim. -Ele falou sorrindo.

 

 

[...]

 

-Crianças.. Ei, Jay, acorda minha querida! Filho, levanta. Vão lá pra cima. -Ouvi Pattie falar e nos sacudir. Sentei e ajudei ela a acordar o Justin.

-Pattie, que horas são? -Perguntei levantando e me espreguiçando.

-9h, vim ver como vocês estavam e pegaram no sono. -Ela falou doce.

-Aiiiihn, que preguiça.. -Justin falou se espreguiçando. 

-Vão, subam, Jay, deixei a roupa em cima da cama do Justin. -Pattie falou.

-Muito obrigada Pattie, boa noite. -Falei.

-Tchau mamãe. -Justin falou lhe dando um beijo nela e me dando a mão, me guiando pra fora da sala. Subimos até seu quarto e eu peguei minha roupa. 

-Acho que vou tomar um banho, já volto. -Falei entrando no banheiro.

-Na 2ª gaveta tem toalha. -Ele falou e a peguei, tranquei a porta e tomei meu banho. Depois do banho, me enxuguei e observei o pijama que Pattie tinha me separado. Era uma camisola de seda, estampa de oncinha, ia mais ou menos na metade de minha coxa, e tinha uma alcinha fina. Coloquei meu sutiã e a calcinha e a camisola. Sai do banheiro com as roupas dobradas e coloquei na mesa de Justin. 

-Noooooooossa... -Ouvi Justin falar. 

-O que foi? -Falei me virando pra ele.

-Você está muito, muito, muito, muito... -Ele falou se sentando na cama. 

-Continua... -Falei.

-Sexy. -Ele disse mordendo o lábio inferior. Revirei meus olhos sorrindo e me deitei ao seu lado. -Sério, achei que minha mãe ia te dar umas calças de moletom, umas camisetas de manga longa HAAHAHAHAHAHAHAHAHAH e você me aparece assim... 

-Eu também achei, e seria até melhor. -Falei. 

-Não, está ótimo pra mim. -Ele falou. Revirei os olhos e me acomodei, ficando de lado. -Amor, ficou com Josh só para me fazer cíumes? -Ele perguntou.


Notas Finais


farei o possível pra postar amanha e domingo, meninas, mas não posso prometer nada.
:3
obrigada por tudo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...