História Primeiro Encontro - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Sombra do Vento
Exibições 3
Palavras 472
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Perdãooooooooo pela incrível demora eq n tava dando tempo e a inspiração resolveu que tava nos hora de ir pra Nárnia
Então tá ai um capitulo
Boa leitura
Besos💗

Capítulo 7 - Recomeço


P.O.V.S Melissa Marquinhos estava desesperado e os bombeiros chegaram 20 minutos após minha mãe ligar. Eles jogaram um jato de água com uma mangueira enorme. Quando a maior parte do fogo já tinha se apagado, os bombeiros já estavam la dentro a procura da mãe de Marquinhos. Eles chegaram silenciosos após as buscas nos destroços e cabisbaixos, fiquei com muito medo do que eles iriam nos dizer. Um bombeiro alto moreno e com olhos cor de mel pegou no ombro de Marquinhos e disse com uma voz rouca: - Sinto muito meu filho. O teto caiu em cima de sua mãe e ela não resistiu. 

Eu não acreditava no que estava ouvindo e não aguentei ouvir o choro de Marquinhos. Ele chorava alto dando soluços e se culpava dizendo que ele era o responsável. Eu o abracei e tentei acalmá-lo. 

Cochichei nos seus ouvidos:

 -Vai ficar tudo bem amor. Eu irei cuidar de você.

 Após a autópsia foi confirmada a morte por esmagamento e queimaduras de 3° grau. A perícia afirmou que o incêndio não foi acidental e sim criminoso. Marcos disse que sabia quem era. 

-É O MEU PAI_gritava ele com todas as forças e de joelhos.

 -Meu jovem_disse o delegado Farias_ faremos de tudo para encontrar o culpado. 

Eu só queria poder ajudar de alguma forma_pensei

 Minha consciência pesava então apenas disse:

 -Vamos para minha casa Marquinhos, você precisa descansar. Ele assentiu com a cabeça e eu o ajudei.

********************************

 Chegando em casa eu levei Marquinhos pro meu quarto e o ajudei a se deitar na minha cama. Ele apertou o meu cobertor e logo minha cama já estava molhada de lágrimas. E sentei na beira da cama e acariciei os seus cabelos. Ele estava muito suado e eu peguei uma toalha e limpei o seu rosto e enxuguei as suas lágrimas. 

-Obrigada meu amor_ele sussurrou. 

-Vai ficar tudo bem_disse_descanse um pouco. 

-Eu não vou conseguir dormir_ele disse voltando a chorar_minha mãe morreu e meu pai é o responsável.

 -Porque vc tem tanta certeza disso?_perguntei confusa. 

-Ele a ameaçava e tudo por minha culpa_chorou mais alto. 

-Mas se foi seu pai vc não tem culpa alguma_tentei amenizar a situação. 

-Tenho sim, ele me odiava por causa da minha deficiência_falou com vergonha_mas minha mãe não tinha culpa_que ele me matasse ao invés dela. 

-Meu amor não diga isso_disse_sua mãe não deixaria que nada acontecesse a você, ela te ama.

 -Mas sabe o que dói mais Mel_ele disse triste. 

-O que amor_perguntei deixando uma lágrima escapar. 

-Que eu não pude ver o rosto da minha mãe antes dela morrer_disse e virou o rosto.

 Eu voltei a acariciar os seus cabelos e depois de dez minutos ele adormeceu, ele estava muito cansado. Eu beijei o seu rosto o cobri com a toalha e fechei a porta devagarinho pra não fazer barulho e o acordar.    


Notas Finais


Então esta ai amores
Vou tentar postar com mais rapidez
Perdão por estar pequeno
Besos💗


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...