História Primos e algo a mais. - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha
Tags Naruto
Exibições 184
Palavras 1.264
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi flores do meu jardim ^ ^. Eu sei que semana passada não postei, mais foi porque eu estava decidindo o final da fic e estava lendo algumas fanfics também por eu sou filha de Deus e sou viciada em fanfic.

Bom aqui esta mais um capitulo e espero que gostem. Uma boa leitura

Kisses de Menta ^ ^

Capítulo 17 - Ela ficara bem


Sasuke dirigiu o mais rápido que pode, tentado ficar dentro da lei. Em 15 minutos ele já estacionava na frente do hospital. Pegou sua rosada no colo e correu para dentro do hospital, médicos e enfermeiros correram em sua direção dentre eles surgiu uma cabeleira loira que ele já conhecia muito bem.

-Senhor Uchiha, o que aconteceu? - perguntou Tsunade examinando Sakura

 

-Ela foi sequestrada, passou três dias inteiros sem sabermos onde ela estava. Eu não sei bem o que houve, mais por favor ajude ela- ele falava olhando-a com olhos suplicantes

 

-Faremos tudo que tiver ao nosso alcance, agora nos de licença- a loira disse se encaminhando com Sakura para outro ressinto

 

Sasuke foi amparado por um abraço que Naruto lhe deu. Se não fosse pelos amigos talvez ele já tivesse desabado a muito tempo. Sentia uma grande dor no seu peito, mas não sabia do que se tratava, nunca sentira isso antes. Ele tinha tanto medo de perde-la. Já passou pela dor de perder alguém antes, lá estava ele novamente em um hospital, se culpando por não conseguir manter a sua promessa, a mesma promessa que fez a Yume de proteger a ela, ele também disse a Sakura que iria protege-la e olha onde ela estava agora, juto com seus filhos, ele poderia perder os três e não estava aguentando essa possibilidade.

 

Sentiu uma mão tocar seu ombro, ao olhar para trás, se deparou com dois ônix iguais aos seus e um sorriso amigável e solidário, sem pensar duas vezes abraçou fortemente a pessoa que retribuiu o abraço na mesma intensidade

 

-Ela ficara bem- Itachi disse docemente, fazendo um carinho nos cabelos do irmão, aquele momento era só deles dois. Um momento entre irmãos que só eles ousavam compartilhar, quando os dois estavam sendo solidários um com o outro não existia jeito Uchiha, não existia a armadura da indiferença. Era só eles dois

 

-Eu não a protege Itachi- Sasuke falou com a voz embargada pelos soluços do choro que teimava em querer sair- Eu falhei, falhei de novo, eu sou um fraco nii-san

 

-Não. Você não falhou, ninguém poderia prever o que iria acontecer. Não se culpe

 

-Mas....

 

-Nada de mais Uchiha. Escute o seu irmão mais velho- Itachi disse e Sasuke deu um leve sorriso de canto   

 

Todos olhavam atentos e admirados com a cena dos dois irmãos, ninguém imaginava algo tão profundo e sincero entre os Uchiha’s. Passaram se exatas 3 horas desde a entrada de Sakura no hospital, Sasuke estava desmoronando aos poucos, porém em momento algum Itachi saiu do seu lado. Mais uma esperança surgiu no coração do moreno quando ele avistou Tsunade caminhando em sua direção.

 

-E então? - perguntou o moreno mais novo

 

-Bom...- Tsunade começou, mais deu um longo suspiro antes de continuar- Não mentirei para você, Sakura chegou aqui muito desnutrida e desidratada, o que ocasionou em algumas complicações não só para ela mais para os bebes também. Ela tão contraiu uma virose que não deveria ser tão grave, mas o estado em que ela se encontrava fez com que a virose evoluísse. Ela também sofreu uma considerável perda de sangue, não sabemos como ocorreu direito, mas contando com os inúmeros ferimentos, alguns superficiais e outros profundos, concluímos que eles foram os causadores da perda de sangue. Ela já recebeu uma transfusão de sangue...- ela foi interrompida por Ino

 

-Graças a Kami. Então ela está bem né? - perguntou a loira receosa

 

-Infelizmente não. O estado que ela se encontra ainda é muito delicado

 

-Delicado quanto? - Sasuke perguntou

 

-Eu sinto muito senhor Uchiha, mas pode ser que chegue um momento que o senhor tenha que escolher, entre Sakura e seus filhos- a loira disse tentando manter a postura mais estava muito triste em dar uma notícia assim, sendo que o casal era tão jovem.

 

-Não, não, não, por favor vc tem que salvar os três- o moreno disse caindo de joelhos no chão, chorando

 

-Desculpe senhor Uchiha, mas estamos fazendo tudo que está ao nosso alcance, o senhor terá que ser forte- ela disse se retirando

 

-Não, por favor- Sasuke chorava descontroladamente

 

-Sasuke, calma ela vai ficar bem- Itachi disse abraçando o irmão que continuava no chão

 

-Eu...eu não posso perde-la nii-san- ele fungou – Eu preciso dela. Preciso do sorriso dela. Preciso da voz dela. Preciso do corpo dela. Do toque suave dela. Da cara travessa dela quando vai aprontar algo. Preciso dar bronca nela quando ela esquece a toalha em cima da cama. Preciso da comida dela. Dos carinhos. Dos beijos. Dos abraços. Eu preciso dela entende, nesse jogo de xadrez que nós jogamos eu sou o rei e ela é a minha rainha- ele falava enquanto mais lagrimas escorriam por seu rosto.

 

Itachi ouvia tudo em silencio enquanto derramava algumas lagrimas discretas. Sabia que o seu irmão precisava desabafar, não ousaria o interromper naquele momento.

 

Já era noite todos haviam ido embora, apenas Mikoto, Itachi e Sasuke permaneciam a lhe.

 

- Meu filho vá dorme um pouco, eu fico aqui- Mikoto disse mais sua única resposta foi um aceno negativo de Sasuke- Tudo bem, eu e seu irmão já vamos, vc ficara bem? - Ele balançou a cabeça em forma positiva e eles se foram o deixando sozinho, na sua solidão.

 

E assim se passaram dois dias seguidos, Sasuke praticamente morava no hospital, parecia um zumbi. Porem no terceiro dia ele teve uma surpresa muito agradável

 

-Senhor Uchiha- Tsunade o chama- Eu tenho uma boa noticia

 

-Sim- ele rapidamente se levanta da cadeira

 

- Você pode ir vela, o estado dela melhorou então ela poderá receber visitas- o sorriso do moreno logo surgiu- Porem não sabemos quando ela irá acordar, então não crie grandes esperanças, ainda estamos observando o estado dela- ele assentiu

 

Eles seguiram até o quarto da rosada, quando eles entraram e ele a viu um aperto misturado com um alivio surgiu em seu coração. Quando se aproximou mais pode ver o quão serena ela estava, os lábios um pouco brancos, a pele mais pálida que o normal e fria o assustou de início, mais Tsunade o explicou que era normal, ela os deixou a sós.

 

-Oi amor...- ele segurou a mão da rosada- Eu espero que possa me ouvir. Eu estou com saudades de você- ele deixou uma lagrima escapar de seus olhos e cai sobre a mão dela

-Acorda por favor- ele disse abaixando a cabeça ainda segurando a mão dela e chorando- Eu... eu te amo tanto, eu preciso tanto de vc...- ele ia prosseguir mais sentiu uma mão no seu rosto enxugando a lagrima. Quando levantou o rosto ficou estático por um tempo

 

-Eu estou aqui amor- ela disse com aqueles lindos olhos verdes brilhando para ele. E a única reação dele foi abraça-la como se em algum momento ela fosse fugir

 

-Sakura meu amor- ele posou um beijo calmo e cheio de amor nos lábios da rosada- Ai meu Deus temos que avisar Tsunade e a todos- ele correu em direção a porta e voltou em seguida

 

- Por Kami, como isso é possível- Tsunade falou já começando a examinar Sakura que de repente parece estar muito melhor, como se não tivesse nada

 

-Como estão meus bebes? - a rosada perguntou depois da doutora terminar os exames. Olhou ao redor e viu todos os amigos e familiares no quarto

 

- Estão bem-querida, impressionantemente todos estão bem- Tsunade falou com um sorriso nos lábios

-Graças a Kami- disse Mikoto

 

- Suponho que daqui a umas duas três semanas vc poderá voltar a sua casa.

 

-Isso é ótimo- falou Sasuke, dando um beijo em Sakura

 

 

              *Continua


Notas Finais


Pois é meus lindos, esse é o nosso penúltimo capitulo ou seja a fic esta chegando ao fim. espero que tenham gostado do capitulo.

Kisses de Menta ^ ^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...