História Princesa da China - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~Gaby-cheng

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Gabriel Agreste, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathalie Sancoeur, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrinette, Shangai
Exibições 187
Palavras 452
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Demorou mas foi! Bora pro cap pandinhas

Capítulo 3 - A Viagem


Marinette PV on

Hoje era o dia da minha viajem. Acordei bem cedo, umas 4 da manhã. O vôo seria 5:30. Coloquei um short jeans cintura anta preto e uma regata vermelha com imã joaninha no meio. Meus pais já estavam prontos, minhas malas também, era só partir pro aeroporto.

Chamamos um táxi, que beijou minha mão e a de minha mãe e deu um aperto de mãos no meu pai. Pedi para o motorista nos levar ao lugar onde fica o mestre Fu. Me despedi de Tikki , lágrimas saiam do meu rosto e deu um abração nela. Tirei meusl miraculous e devolvi para o mestre Fu.

Chegamos no aeroporto 20 minutos antes do avião partir. Aproveitei e fui comprar alguns lanches pra viajem.

Apresentei a passagem e entrei no avião, Adrien já estava lá. Fui falar com meus pais.

- Pai, mãe, ele vai passar os 3 anos lá na China conosco?

- Sim filha, o pai dele nos pagou, mas eu irei pedir para Adrien devolver o dinheiro, ele não precisa pagar - Falou meu pai.

- Tendi...

- Filha, senta com ele, eu e seu pai vamos sentar juntos.

- Ok!

Cheguei ao lado de Adrien e sentei ao seu lado.

- Oi A-Adrien ^^ - Ainda gosto dele, e espero que durante os três anos eu consiga coragem para me declarar.

- Oi Mari!

- Você não acha que vai sentir falta de seus pais?

- Eu ir embora e continuar em casa não muda nada... Meu pai nunca me dá atenção, está sempre trabalhando...

- Mas é sua mãe?

- E-ela... B-bem... Nos deixou quando eu tinha 11 anos...

- Eu sinto muito Adrien...

- Você n-nao t-tem que se d-desculpar - Ele falou em meio a soluços, chorando.

Ele me abraçou, o abraço dele e quentinho e confortante... O abracei de volta, seus braços  em volta de minha cintura faziam cada pelo de meu corpo arrepiar.

Adrien PV on

O abraço da Marinette é muito bom, aquilo me confortou. Lembrar de minha mãe não é bom pra mim. Ela era muito especial, uma mulher gentil, bonita, mantinha a casa na ordem e beleza. Quando ela foi embora, a asa perdeu suas cores e fanhou lugar ao preto e branco que ,segundo meu pai, dá um toque mais moderno.

Me soltei do Abraço,  Marinette estava sorrindo. Desde o dia do Ilustrador do Mal senti algo por ela. Mas meu sentimento era mais forte por Ladybug. O avião decolou. 

- Marinette, curte animes?

- Amo *-*

- Conhece another? (A: eu conheço, aquilo me dá muita agonia socorro)

- Conheço mas ainda não comecei a assistir.

- Nem eu, vamos assistir?

- Ok!

Ficamos assistindo, tinha cenas agoniantes. Mas fiquei atento a cada cena. Senti um peso em meu ombro, Marinette havia pegado no sono. Aconcheguei ela no meu colo e deixei ela dormindo lá.


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Cap pequeno mas tudo bem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...