História Prisoner - Capítulo 66


Escrita por: ~

Postado
Categorias ASTRO, Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Tags Astro, Blackpink, Bts, Vkook
Exibições 38
Palavras 1.141
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


só mais dois capítulos
DOIS
meu kokoro n aguenta

talvez eu poste mais um hj a tarde(preparem as caixas de lenço,vai ser pesado)
se sair mais um hj,amanhã sai o ULTIMO CAPITULO
ou seja
um puta textão meu hehehe

Capítulo 66 - Flowers - temp.2


Fanfic / Fanfiction Prisoner - Capítulo 66 - Flowers - temp.2

Já fazia quase uma hora de tempestade e nada de Yusuke voltar.Eunwoo respirava aliviado por estar trancado sozinho no porão daquela maldita casa no qual se via preso de qualquer maneira.Sabia que mesmo que tentasse fugir pela cidade,se não estivesse tudo sendo devastado pelo vento e a chuva,voltaria correndo por medo.Eunwoo tinha muito medo de Yusuke,um medo absurdo capaz de provocar ataques de pânico no pobre garoto.
Agradecia por ter uma luz de emergência ali no porão,dava pouca iluminação,mas o suficiente para ele poder explorar aquele lugar empoeirado.Tinha umas caixas ali,algumas de papelão abertas e outras de madeira lacradas.Mexendo em uma das caixas ali,encontrou uma pilha de cadernos em branco e vários lápis."Por que esse maluco guarda essas coisas?"-pensou pegando um dos cadernos e olhando a capa-"Se ele não vai usar,eu uso".
Pegou um pequeno,juntamente a um lápis e se sentou em um canto do porão.
-Se isso vai ser um diário,eu tenho que colocar tudo aqui...-sussurrou e posicionou o lápis em frente à folha em branco.
As mangas de sua blusa caíram um pouco deixando seus pulsos expostos.Eram tantos cortes,que se misturavam com as cicatrizes ali presentes.Olhou aquilo no seu braço e sentiu raiva,abominava o culpado disso tudo.

Eu odeio Yusuke.

Escreveu a primeira coisa que veio em sua cabeça,mas logo arrancou a folha e a amassou.Tinha medo Suke ler e bater nele.
-Tudo bem,Lee Dongmin...você pode desabafar aqui...-murmurou para si mesmo de novo.

Eu sou muito otário,não sou?
Eu deixei MoonBin ir embora achando que ele é o culpado de eu estar assim.
Eu não contei pra ele sobre a agressão,sobre os abusos,sobre os estupros.
Ele é meu melhor amigo,meu irmão,era o meu confidente,por que não contei pra ele?
Mas passou,ele realmente era meu confidente,agora meu Binnie se foi porque eu deixei.
Eu só queria pedir desculpa,mesmo sabendo que não fiz tanta coisa errada assim.
Mesmo tendo feito ele e Yoongi brigarem um pouco,ele continuava falando comigo,mas na primeira vez que tive a chance - que eu nem queria ter tido - deixei ele ir.
Qual o meu problema?
Eu sou um inútil.
Um inútil que não sabe nem se defender,ainda por cima.
Se eu não tivesse quase sido atropelado aquele dia,não teria conhecido o Yusuke.
Aquele cabelo azul e o rosto perfeitamente angelical engana todo mundo,principalmente eu.Eu cai no papo generoso dele,e adivinha?
Eu estou preso aqui,todo machucado,minhas costelas doem e estou todo roxo.
Mas tudo bem,eu já estou preparando minha liberdade,ela está perto.
Eu cansei de ver esses espinhos,agora eu quero ver flores de verdade,quero dormir em paz,e não vai demorar muito para que isso aconteça.


Arrancou a folha do caderno e guardou no seu bolso.
"Tomara que isso acabe logo"-pensou de olhos fechados pensando sobre a sua vida.
A casa das meninas teve todos os vidros das janelas quebrados com a força do vento e um galho grande de uma árvore que foi arremessado contra a vidraça.
-Como vamos pagar por tanto estrago?-perguntou JiSoo,enquanto estava abraçada com Jin.
-A gente vai ter que cobrir as malditas janelas com lona por causa da desgraça do vento-falou Lisa irritada.
-Calma,a gente pode ajudar a pagar-Namjoon pegou em sua mão.
-E vocês têm dinheiro pra isso?-ela continuou.
-A gente arruma-Hoseok tentou acalma-la também.
Jennie estava tão cansada que dormia com a cabeça encostada no ombro do namorado.
Na casa dos meninos,Jungkook e Taehyung espiavam pela janela do porão,que ficava pouco acima do gramado lá fora,sendo só uma fresta tampada por vidro reforçado.Enquanto isso,MoonBin e Yoongi estavam sentados no canto do porão abraçados.Ele percebia que o menor estava meio triste e aflito.
-Bizzle,é sério-entrelaçou seus dedos aos dele-Você tá bem?
-To...-falou com a voz fraca,deixando claro a ausência de felicidade no humor dele.
-Não,eu não senti firmeza-suspirou-O que aconteceu?
-Eu só perdi uma pessoa especial,nada que você precise se preocupar-forçou um sorriso tão fraco quanto sua frase anterior.
-Tudo bem,não vou te obrigar a falar-encostou a cabeça no ombro dele-Só não quero te ver triste.
MoonBin sorriu e deitou sua cabeça sobre a dele.
Hyeon e SanHa,na casa de Rocky,comiam o que levaram de comida para o porão juntamente com MJ,Jinwoo e Minhyuk.
-Hyeon,você...vai voltar pra escola?-perguntou o mais alto a encarando.
-Não sei-suspirou-Eu nem falei com os meus pais,eles nem vieram atrás de mim,SanHa.
-Eu ia voltar pra Seul depois que as aulas acabassem-ergueu o olhar até o do namorado enquanto ele dizia-Ia terminar o último ano da escola,morar lá sozinho e...eu queria que você fosse junto.
Jinwoo e MJ se entreolharam sorrindo,para SanHa convidar alguém para morar junto,é porque ele ama muito a pessoa.Rocky também estava com o mesmo olhar encarando o casal.
-V-você quer dizer...dividir casa com você?-ela ficou surpresa,nunca esperaria ir morar na cidade já que nasceu na pequena província litorânea e nunca havia saído dali.
-É-ficou sem graça-Mas se você não quiser,eu entendo...
-É claro que eu quero!-ficou animada por saber que pelo menos uma vez na vida veria a cidade grande.
-Sério?-o garoto abriu um sorriso e abraçou ela com força.
MJ,Jinwoo e Minhyuk se levantaram e começaram a pular em comemoração.


Eunwoo,ainda no canto do porão na casa de Yusuke,escrevia poesias,letras de musicas e versos.

Innocent Love

눈물이 자꾸 멈추지 않아
첫사랑이었잖아
이별이 서툴렀던 이유는
넌 나의 첫사랑이기 때문에
둘만의 장소들 못 이룬 약속들
다신 널 볼 수 없다는 걸
잘 알아 알아 알아
풋사랑이라도 알아 어려도
아픈 건 같잖아
이별이 낯설었던 건 말야
넌 나의 첫사랑 서툴렀던 사랑
고마웠던 사랑

내가 생각했던 것보단
더 아프기도 해
우리 사진첩 보다
네 행복을 기도해
내가 먼저 사랑한다
내가 많이 아낀다는 말
못해줘서 항상 미안해
염치없는 말이지만 네 안에
내 모습 아직
풋풋한 첫사랑으로 남고파
하고 싶은 것도 다 못한 우리
후회해도 똑같아
쓸데없는 눈물이 뚝 뚝 뚝 뚝
떨어져도 난 괜찮아
난 꾹 꾹 꾹 꾹 참아도 보이잖아
추억이 자꾸 떠나지 않아
첫사랑이었잖아
사랑이 서툴렀던 걸 알아
미안해 더 잘해주지 못 해서
우리 헤어져도 너만은
아프지 않기를 난 간절히 바래
제발 제발 제발
제발
풋사랑이라도 알아
어려도 아픈 건 같잖아
이별이 낯설었던 건 말야
넌 나의 첫사랑 서툴렀던 사랑
고마웠던 사랑

늘 함께 울고 늘 함께 웃던
고마운 사람
나의 첫사랑이야 영원한 사랑
넌 나의 첫사랑
나의 첫사랑
서툴렀던 사랑
서툴렀던 사랑
고마웠던 사랑 행복하기를
꼭 행복해야 해
사랑받아야 해
사랑받기를 기도해
시간이 지나면
웃을 수 있길
추억이 돼 버린 풋사랑
고마워 나의 첫사랑

-Merda...
Escreveu para MoonBin,relembrando suas épocas de escola junto com ele,quando diziam ser um casal apenas na brincadeira.Para Eunwoo aquilo não era brincadeira,era o sonho dele ser alguma coisa a mais que amigo para ele.

Malditos sejam os espinhos daquela flor venenosa
Malditas sejam as promessa não cumpridas pelas tão belas pétalas azuladas
Azul parecia ser uma cor tão calma para a borboleta que antes era colorida
Agora o bater de asas calmo virou puro caos,como uma tempestade
A borboleta colorida ficou ofuscada e acinzentada

O veneno a corroeu,e tudo que lhe restou foi puro vazio e destruição


Notas Finais


ai meu coração,ainda n acredito q vou conseguir terminar essa fic
se quiserem mais um capitulo hj,digam nos comentários

bjss<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...