História Private Lessons - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Kira Yukimura, Lydia Martin, Malia Tate, Scott McCall, Stiles Stilinski
Tags Stydia
Exibições 101
Palavras 2.107
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Então né, meu povo lindo e abençoado, tudo bom com vocês? Olha, antes de me julgarem por ter demorado, sendo que eu disse que seria uma nova pessoa, me deixem explicar tudo.
Estamos no fim do ano, não é? Então, no 3° bimestre minhas notas estavam maravilhosamente lindas, deu até um orgulhozinho de mim mesma. Porém, eu fui trouxa nesse 4° bimestre e nem sei se consigo recuperar as notas ainda, nem sei se vou passar, alias orem por mim pq preciso de um milagre shdjsjjd
Se eu passar de ano, prometo que... Esquece, não posso prometer nada que provavelmente não irei cumprir.
Mas ok, vou calar os dedos para vcs lerem logo.

Boa leitura! ❤

Capítulo 13 - Bom humor matinal


Lydia ficou bastante surpresa com a visita de Malia, ela não esperava vê-la tão cedo, não depois das coisas terem ficado um pouco pesadas na escola. A garota ficou igual a uma estátua olhando para a amiga, mas após um tempo, a deixou entrar.

Natalie e Malia trocaram algumas palavras, mas logo ela saiu da sala, para que sua filha e a amiga pudessem conversar em paz. As duas sentaram-se no sofá e ficaram em silencio um longo tempo, nem sequer se olhavam, apenas ficavam olhando para as mobílias da casa enquanto o tempo passava, e como o tempo estava passando devagar para elas. Malia abriu a boca várias vezes, na tentativa de dizer alguma coisa, qualquer coisa, mas as palavras simplesmente pareciam não estar afim de sair. A confusão havia sido entre Kira e Malia, porém isso acabou fazendo com que as coisas entre elas ficassem meio estranhas, e nem sabiam o porquê.

— Eu trouxe lanche pra você...

E foi a única coisa que Malia disse, logo se aproximou da ruiva e abriu o pacote que os lanches estavam dentro, o cheiro dos hambúrgueres e batata frita invadiu toda a sala da garota. Elas comeram, ainda em silêncio, agora com a desculpa de estarem com a boca cheia. 
Passou-se algum tempo, e elas ainda estavam acabando comer, porém Malia decidiu finalmente se pronunciar.

— Eu sei que você ficou brava pelo modo que tratei a Kira hoje de manhã, eu sei também que não foi nada certo as coisas que eu disse pra ela, e que nada justifica essa minha atitude. – Malia disse calmamente, mas sem olhar diretamente para Lydia. – Eu vou me desculpar com ela, mas...

— Mas o que? – Lydia incentivou a amiga a continuar falar, já que ela tinha simplesmente parado. – Pode falar Malia...

— Lydia, o Scott tá querendo me esconder alguma coisa e eu não faço ideia do que seja... Sabe, eu sempre deixei claro que ele pode confiar em mim pra qualquer coisa, só que ele não confia – Falava Malia, sentindo seus olhos arderem, um aviso de que as lágrimas queriam cair, mas ela não queria deixar com que isso acontecesse. – E eu sei que é algo sério, ele tava tão... Estranho, e eu odeio que me escondam coisas assim, acabou me tirando do sério e briguei com quem não devia...

E as lágrimas finalmente caíram dos olhos da garota, a princípio Lydia só ficou parada, processando tudo que ela tinha falado, mas logo abraçou Malia fortemente, dizendo coisas para acalma-la, tentando fazer com que suas lágrimas parassem.
Passaram um bom tempo daquele jeito, até Malia se acalmar de verdade e parar de chorar. A garota pediu licença para ir ao banheiro, lavar o rosto para se recompor.
Enquanto isso, a ruiva ficou pensativa, Scott parecia mesmo estranho hoje. Uma preocupação surgiu dentro dela, depois iria conversar com ele e perguntar se algo estava acontecendo, talvez conseguiria falar algo para ela.
Logo Malia voltou voltou para a sala, e se sentou ao lado da amiga novamente.

— Você precisa perguntar para o Stiles. – Malia disse com voz mais firme agora. – Por favor, Lydia... Pergunte!
— Perguntar para o Stiles? Como assim?
— Ele sabe o que ta acontecendo, eu sei que ele sabe.
— Malia, olha... Eu posso tentar falar com o Scott, talvez ele se abra comigo.
— Lydia, o Stiles contaria tudo pra você em um segundo, cara... O Scott não vai te dizer nada.
— Eu não posso perguntar para o Stiles. – Lydia disse, da forma mais calma e compreensível que conseguia. – Se é sobre o Scott, eu não vou colocar o Stiles contra a parede e perguntar o que aconteceu. Não dá.
— Ok, mas se o Scott não falar nada pra você, pergunta para o Stiles. – Insistiu Malia, encarando Lydia. – Por favor!
— Por favor, Malia... Você sabe como o Stiles é, vai que ele fica magoado comigo ou algo do tipo.
— Então você prefere que eu fique magoada, do que ele?
— Claro que não, Malia... – Explicava Lydia, mas logo se interrompeu. – Tá vai, eu falo com ele.

Malia abraçou a amiga e a agradeceu muito, no fundo tudo aquilo era preocupação com Scott. Ela sempre se preocupou muito com ele, e odiava o ver daquele jeito, parecia estar triste.
Elas conversaram um tempo mais, porém logo Malia foi embora também. 
Lydia foi para o banheiro e tomou um banho, precisava relaxar e pensar sobre tudo. Ela pensou sobre Malia e Scott, em como poderia falar com ele para convece-lo a saber o que estava acontecendo, mas após um tempo seus pensamentos foram para Stiles, um sorriso enorme estampou seu rosto. Os momentos que eles passaram juntos vieram quase de uma só vezes, era tão bom ficar ao lado do garoto.

Se eu pudesse, ficaria pra sempre com ele, eu não iria nunca reclamar.

Pensou Lydia, encostando sua cabeça na parede gelada do banheiro, enquanto a a água caía sobre ela. Começou a pensar nos beijos dele, e como ela estava desejando aqueles lábios contra os dela uma vez mais.
Após um tempo, saiu do banho e já colocou seu pijama. Poderia estar cedo, mas já estava escurecendo e amanhã teria aula.
Ela se jogou na cama e pegou o celular, havia uma mensagem de Stiles, na verdade tinha varias mensagens, logo aquele enorme sorriso voltou a estampar em seu rosto.

--- x ---

Stiles Stilinski: Hey Lydia, como você tá?
Stiles Stilinski: Bom, sei que acabei de sair daí, mas muitas coisas podem acontecer nesse tempo. 
Stiles Stilinski: Não quis parecer um paranóico. Sério, se tem uma coisa que eu não sou é paranóico.
Stiles Stilinski: Talvez um pouco, mas não é algo que deva se preocupar.
Stiles Stilinski: Não quis insinuar que você se preocupa, mas é que eu não sei.
Stiles Stilinski: Quer saber? Esqueça, finja que nunca leu essas mensagens.

--- x ---

Lydia riu com as mensagens, e logo começou a responde-las. Eles ficaram várias horas conversando, nunca tiveram tanto assunto quanto naquele dia. Era como se já fossem muito íntimos. A garota se surpreendeu de como Stiles era legal, mais do que demonstrava, ela se sentiu imensamente feliz enquanto conversava com ele.
Ambos não viram o tempo passar, e passou muito rápido. Lydia olhou de relance para o relógio, era 01:40. Ela não acreditou que já estava tão tarde, olhou mais uma vez para se certificar, era mesmo aquele horário. A ruiva deu um pulo da cama, tratou de se despedir rapidamente de Stiles, e colocar seu relógio para despertar. Decidiu que iria fazer um lanche, pois sua barriga estava roncando. Desceu sem fazer barulho e comeu alguma coisa com rapidez, logo voltou para a cama, em poucos minutos pegou no sono.
Stiles permanecia acordado, com o olhar fixo no teto de seu quarto e um sorriso bobo, estava louco para rever Lydia. Ele não se importava que iria dormir pouco, só pensava naquela linda garota, que estava conversando com ele a poucos minutos atrás. Porém, o cansaço foi tomando conta de seu corpo, então fechou os olhos e logo o sono o dominou.

(...)

O alarme tocou, tocou e tocou, várias vezes, porém Stiles nem sequer abriu os olhos, o sono era tanto que mal conseguia se mover. Foi só seu pai entrar sem paciência de tanto ouvir o alarme tocar, que o garoto levantou em um pulo e foi rapidamente lavar o rosto, esperando que seu sono se espalhasse. Já Lydia, conseguiu levantar com uma certa facilidade, ela estava morrendo de sono e estava com algumas olheiras debaixo dos olhos, mas ela não se importava. Tratou de abrir seu armário e escolher uma roupa bonita, depois de um tempo entrou no banheiro para fazer sua higiene.
Após se arrumar, Stiles desceu de ótimo humor, até deu um beijo na bochecha de seu pai e pegou apenas uma maçã para comer. John perguntou se tinha acontecido alguma coisa, o garoto negou e disse que apenas estava feliz naquele manhã, o que fez seu pai estranhar mais ainda. Ele correu parar o jeep, ainda comendo sua maçã, e entrou no carro. Terminou de comer a maçã e cinco segundos e logo ligou o carro, indo em direção da escola. Lydia também estava muito sorridente e feliz, e sua mãe conseguiu melhorar mais seu dia lhe dando uma carona até a escola, até porque a garota odiava ir andando para escola.

— Querida, por que acordou tão feliz hoje? – Perguntou Natalie, que estava olhando para a estrada, mas não pode evitar de dar um sorriso malicioso. – É algo relacionado ao Stiles?
— Mãe, não posso simplesmente estar feliz?
— Feliz de manhã, Lydia? Acho meio estranho, inclusive pela hora que foi dormir ontem.
— Que? Ontem eu dormi cedo. – Ela mentiu, se perguntando mentalmente como a mãe sabia que dormira tarde na noite passada. – Sempre durmo cedo.
— Ah, é? Então aquela risada que ouvi meia noite e meia do meu quarto era apenas um fantasma?
— Aff mãe, ok... Eu estava falando com o Stiles. – Confessou Lydia, evitando de olhar para Natalie. – Eu não percebi o tempo passar e acabei dormindo tarde.
— Huuum... Nem viu o tempo passar, né? Sabia que era o motivo da sua alegria.

A ruiva apenas bufou e começou a olhar para fora, através da janela do carro. Ela não gostava de falar sobre essas coisas, especialmente com a mãe, mas parecia que Natalie não entendia, ou talvez nem se importasse com o desconforto da filha em ter essas conversas. 
Lydia chegou praticamente ao mesmo tempo que Stiles na escola, mas ele e sua mãe não chegaram a se ver, assim evitando de ter conversas constrangedoras logo de manhã. Lydia agradeceu mentalmente por aquilo.
Não demorou muito para os dois conseguirem se encontrar, a ruiva foi quem achou Stiles, que estava distraído olhando para algum lugar qualquer, perdido em seus pensamentos, e como Lydia o achava sexy daquela maneira. Ele estava com uma blusa preta sem nenhuma estampa, com uma calça de moletom, que nem parecia ser de moletom, e com o seu velho All Star. Lydia se perguntou se aquele era o único tênis que tinha, já que nunca tinha o visto com outros sapatos. Porém, a ruiva parou de pensar e correu para perto dele, que só notou quando ela estava a alguns passos de distância, de começo Stiles tomou um susto, mas logo Lydia o abraçou fortemente, e ele retribuiu. A garota nunca tinha abraçado ele tão forte e com tanta vontade assim, aquilo o fez sorrir, parecia ter se passado semanas desde a última vez que se viram.

— Uou, o que aconteceu? – Perguntou, e logo depois riu. – Sentiu tanta saudade assim?
— Pra falar a verdade, senti sim. – Lydia respondeu ainda abraçada com ele, e também riu. – Sabia que você ta muito cheiroso?
– Oh, obrigado... – Ele disse quando se separaram do abraço, um pouco corado, mas tratou de dizer algo para descontrair. – É meu cheiro natural, não preciso de perfumes.
— Ui, ta se achando! Pra sua informação, eu só disse isso pra ser educada, na verdade acho até que você ta fedendo um pouco.
— Senhorita Martin, não adianta negar agora. Sei que queria sentir esse cheirinho agradável todos os dias da sua vida.
— Se toca Stilinski, você fala isso porque é você que queria acordar e dormir sentindo o meu maravilhoso cheiro.
— Seu cheiro não é natural, aposto que é perfume daqueles que compram não loja de um real.
— Como ousa a falar uma coisa dessas? – Disse Lydia, fingindo estar indignada. – Parece que sua timidez acabou da noite para o dia, né? Daqui a pouco ta arrotando na minha cara!
— Acertou, farei isso mesmo. – Respondeu Stiles, mesmo que aquela pergunta fosse retórica e os dois riram, se encarando. – Vamos entrar? Já vai bater o sinal.

Lydia assentiu e entrou no colégio com ele, ainda conversavam sobre qualquer coisa aleatória, até que o sinal tocou. Todavia, não precisaram se separar, pois eles ficaram na mesma sala. Era biologia avançada, igual a primeira vez que se olharam e parecia não existir mais ninguém envolta deles.
Foram para a sala rapidamente, e logo que entraram avistaram Kira, que sorriu para os dois de uma maneira tímida. Eles sentaram ao lado da garota, e conversaram bastante antes da aula começar. Inclusive sobre o acontecimento do dia anterior, quando Malia falou aquelas coisas, mas Lydia estava deixando bem claro que ela era mais que bem-vinda, e que sua amiga só estava nervosa.
E após um tempo todos ficaram em silêncio para assistir a aula.
Naquele dia tudo estava indo muito bem até o momento, e todos esperavam que continuasse assim, pois o dia anterior já havia os esgotado muito.

E mais do que qualquer coisa, Stiles esperava que nada tirasse a felicidade que sentia.


Notas Finais


Foi esse o capítulo meus amores, teve uma evolução na relação de Stydia, né? O que vocês acharam?
Se o capítulo estiver meio bugado me desculpem, estou mais uma vez publicando pelo celular, pois é a vida não é facil.
Bom, eu espero que todos tenham gostado, não achei la essas coisas né, mas até que gostei um pouco.

Até o próximo capítulo, que eu realmente espero postar logo! E obrigada por lerem! ❤

(P.s: não respondi ninguém no capitulo anterior, mas por favor não desistam de mim, logo vou responder todos)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...