História Problem Girl - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias WWE
Personagens Brock Lesnar, Dean Ambrose, Paige, Personagens Originais, Roman Reigns
Tags Brock Lesnar, Dean Ambrose, Paige, Personagens Originais, Roman Reigns
Exibições 46
Palavras 2.543
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hey Loves
I'm back
Queria ter postado antes, mas semana d trabalho é foda
Espero q gostem do cap

Capítulo 18 - Cap 16


Fanfic / Fanfiction Problem Girl - Capítulo 18 - Cap 16

 Depois de um tempo bebendo e conversando o casal vai para a casa do Dean, o loiro alegando que era mais perto. Depois de tanto Ambrose insistir, Skye aceitou.

Quando chegaram na casa do Lunatic Fringe, ainda sóbrios Skye quis ir tomar banho de piscina e arrastou Dean consigo. Quando chegou na piscina da casa a morena viu o som e foi até ele vendo que tinha alguns CDs do lado, o loiro pegou uma cerveja no frigobar que tinha ali enquanto se sentava numa cadeira e observava a garota. Dentre os CDs, tinham vários que ela conhecia, mas um lhe chamou a atenção, ele tinha várias músicas de bandas diferentes e Skye escolheu esse para colocar no som e deu play, a música Girl I Know do Avenged Sevenfold(recomendo ouvirem a música) começou a tocar.

A morena se virou e viu o loiro sentado com uma cerveja na mão, a menor sorriu indo na direção dele com um sorriso de lado e sentou na sua perna pegando a cerveja da mão do Lunatic Fringe e deu um gole sendo observada intensamente pelo mais velho. A garota devolve a cerveja e se levanta indo até a piscina, ao ritmo da música a garota vai tirando a calça, a blusa e o calçado, ela se vira para o loiro sorrindo e vê ele com a mão sobre seu membro, Skye só aumentou o seu sorriso e pula na piscina.

Skye relaxou quando seu corpo entrou em contato com a água refrescante da piscina. Fechou os olhos se deixando levar pelos movimentos que o seu corpo fazia e quando os abriu percebeu que Ambrose se aproximava lhe fitando maliciosamente. Instintivamente a garota foi dando passos para trás até que bateu suas costas na borda. Sua respiração estava ofegante e o coração completamente disparado.

 Dean percebendo as reações que provocou em sua presa sorriu sem mostrar os dentes se aproximando e a encurralando colando seus corpos a deixando completamente arrepiada.  O Lunatic Fringe encostou seu rosto no pescoço na garota inspirando seu cheiro delicioso, se contendo ao máximo para não arrancar um pedaço de sua pele.

– Está fugindo de mim Skye? – Questionou num sussurro com a boca colada no ouvido da morena e aproveitou para deslizar a ponta da sua língua por toda extensão.

– Dean...  – A garota soltou um gemido baixo com o corpo totalmente arrepiado. Suas pernas estavam bambas, como se fosse desmoronar a qualquer momento. Ela se questionava o porquê a deixava assim, nenhum homem foi capaz de abalar tanto as suas estruturas como ele.

– Eu não mordo minha querida Skye. – Desencostou fitando com desejo seus orbes azuis. – Só se você pedir...

Seus lábios foram ao encontro da morena iniciando um beijo carinhoso que aos poucos foi se tornando mais selvagem. As línguas desbravavam cada canto da boca, ora se acariciavam, ora se digladiavam e se esfregavam num ritmo cada vez mais envolvente.  As mãos de Skye foram para o pescoço do homem enquanto que as dele deslizaram pelas costas macias chegando até o bumbum onde apertou com força o recheio.

– Que delicia, estou querendo isso há muito tempo. – Ambrose quebrou o beijo mordendo o lábio inferior da garota. Sua boca atacou o queixo da morena distribuindo diversas mordidas por sua extensão chegando até o pescoço, no qual se deliciou com a pele macia de sua presa.

– Então não perca tempo, pegue com vontade e delicie-se. – Ela sussurrou erótica no ouvido do loiro arrancando-lhe deliciosos arrepios pelo corpo.

Skye levantou as pernas prendendo-as na cintura de Dean roçando selvagemente seus sexos. A garota ficou impressionada com o volume no meio de suas pernas e o quanto pulsava deliciosamente. Seus quadris se moveram provocativamente, arrancando gemidos condenadores do loiro. As suas mãos escorregaram pelas costas a arranhando deixando marcas.

Com a mão em forma de concha Dean apalpou a intimidade da garota. Sua boca salivava de tanta excitação quando um dos dedos invadiu a calcinha que ela usava e penetrou sem aviso, sentindo os seus fluidos densos e as paredes íntimas em chamas. Essa ação arrancou um gemido de excitação da garota e aquilo só o atiçava mais.

Ambrose nunca foi de ser um cara muito romântico, sempre gostou de ser mais selvagem e quando viu Skye, percebeu que aquela garota extremamente branca lhe chamava a atenção mais do que deveria. Até porque depois de Renee não queria se meter com outra mulher de seu trabalho, mas agora vendo aquela garota ali gemendo seu nome, só se arrependia de não ter a feito sua antes.

 Skye não se fez de rogada, deslizou sua mão até a cueca do Lunatic Fringe apertando seu membro rígido por cima da cueca, arrancando-lhe um suspiro pesado contra o seu pescoço. Um sorriso malicioso brotou em seus finos lábios e sem perder tempo invadiu aquele pedaço de pano iniciando os movimentos de vai e vem. Os gemidos de ambos eram sincronizados e eles estavam adorando demais ouvir essa demonstração de prazer.

Dean notou que o corpo da garota começou a entrar em espasmos e tratou de parar os movimentos em sua intimidade.  Skye soltou um gemido de reprovação e faz o mesmo movimento que o homem que, soltou um palavrão baixo a fazendo sorrir.

– Não iria te fazer gozar daquele jeito amor. – Dean roçou seus lábios macios contra os dela. – Então me peça. Peça para que eu te faça minha.

A voz rouca do loiro só excitava ainda mais Skye, ela não queria pedir pelo fato de ser teimosa, mas com o mais velho fazendo carinho em seu sexo era impossível.

– Vamos Skye, seja uma boa menina e peça. – O Lunatic Fringe fazia uma trilha de beijos do pescoço até os seios da garota. Os mamilos rijos imploravam pelo seu toque. – Peça para eu te comer muito e com força, como ninguém nunca fez antes. – Suas mãos deslizaram para as costas retirando o sutiã que vestia e o jogando para fora da piscina.

– Dean... Não... Me torture... – A garota gemeu ofegante com os toques proporcionados pelo homem.

– Então peça Skye, peça amor. – O homem deslizou sua língua até os seios e abocanhou um sugando com vontade.

– Dean, eu... Quero... – A garota não conseguiu falar, pois sentiu o membro do loiro roçando em sua intimidade.

– O que você quer? – Dean abriu um sorriso sacana a fitando com desejo.

– Quero que você acabe comigo, que me coma demais. – Skye despejou essas palavras vez suspirando alto.

 O sorriso de Dean se alargou mais ainda e sem perder tempo rasgou a calcinha da morena a jogando para fora da piscina, fez o mesmo procedimento com suas roupas íntimas. Sem avisar a penetrou com tudo fazendo a garota gemer alto, mas para conter isso ele a beijou. Afinal não queria chamar a atenção para que alguém viesse e estragasse essa bela foda que estava tendo.  Os corpos estavam quentes e nem mesmo a água os esfriava, até que esse pequeno choque térmico deixava tudo mais gostoso.

– Dean, eu… – Skye não conseguia terminar a frase.

– Goza pra mim amor. – Ambrose a provocou e foi aquilo que a levou ao seu clímax, em seguida o seu também.

Sem ao menos dar tempo para a garota se recupera ele a vira para ficar de costas e empurrou os cabelos negros de sua presa para o lado, distribuiu beijos, mordidas e lambidas pela extensão do pescoço, recebendo um suspiro pesado em resposta. Skye tombou a cabeça para trás encostando-se ao peito do loiro.

– Tão gostosa... – Dean falou rouco no ouvido da menor e a penetrando novamente.

Skye gemeu alto e aquilo excitava mais ainda o Lunatic Fringe. Uma mão foi para o clitóris enquanto que a outra segurava a borda da piscina. Ambrose estava louco com aquela garota ali sendo possuída por ele e ficava ainda mais quando a ouvia gemer seu nome. Ela era sua e ninguém seria idiota o bastante para tentar a tirar dele, pois era capaz de muita coisa para impedir que isso acontecesse. O loiro era possessivo com o que lhe pertencia e naquela noite foi marcada que Skye fazia parte de sí.

Não demorou muito para que ambos gozassem juntos, ainda passaram um tempinho ali na piscina. Mas logo Dean saiu dali e foi pegar uma toalha para Skye que continuou por ali pensando no que havia acabado de acontecer, com toda certeza aquela foi a sua melhor transa e no que dependesse dela transaria ainda muito com o loiro que a levava ao Céu e ao Inferno. Era confuso, mas ele lhe dava essas sensações, Dean era carinhoso, mas selvagem. Doce, mas ácido e aquilo a deixa ainda mais perdida pelo lunático.

Logo o mais velho chegou uma toalha preta enrolada em sua cintura e entregou uma branca para a garota se enrolar e sair da piscina. Skye pegou sua roupa no caminho e a guardou na bolsa pegando uma calcinha azul junto ao sutiã da mesma cor se direcionou ao banheiro enquanto tomava banho, Ambrose se encontrava pegando suas roupas e jogando num cesto de roupa suja e não pensou duas vezes antes de se juntar a morena no banho, onde rolou mais rounds entre eles.


  [...]



 Agora ambos estavam deitado na cama do loiro. Skye estava apenas de calcinha e com uma blusa cinza do mais velho que ia ao meio das suas coxas e Dean vestia uma cueca e um short azul escuro quase preto. Os dois estavam quase dormindo por conta do cansaço. Ambrose puxou a morena para deitar a cabeça em seu peito enquanto o mesmo fazia carinho nos cabelos da garota e logo ambos adormecem.


   **Pov Skye**


Acordei sentindo alguém me abraçando pela cintura e rapidamente vem um flashback da noite passada. “Meu Odin, eu transei com Dean Ambrose!! E puta que pariu o homem gostoso!!”

Tentei sair do seu abraço sem acordá-lo, mas foi em vão já que só serviu para ele me abraçar mais forte.

-Querendo fugir de novo, maluquinha?- a voz rouca do loiro ao meu lado me fez arrepiar e logo trato de me virar para o mesmo.

-Pode ter certeza que não.- falei sorrindo de lado e encarando aquele azul mar de seus olhos.

-Vamos dormir mais um pouco.- resmungou me puxando pra si.

-Dean, eu tenho que treinar ainda e arrumar as coisa para o Raw de hoje.- falei fazendo carinho em seu braço.

-Parece até que não gosta da minha companhia.- Dean falou fazendo bico e eu dei um selinho nele.

-Eu adoro a sua companhia e garanto que passaremos mais tempo juntos.- falei me levantando e vi ele me seguir com os olhos.

Fui para o banheiro onde me troquei e fiz minhas higienes matinais. Depois de pronta eu saio do banheiro e vejo o loiro entra no mesmo, vou até a minha mochila e a arrumo. Pego meu celular e vou ver algumas mensagens.


      **Mensagens**


Mãe: Safira, eu vi o que sua irmã fez… Quero saber se está bem e sem que logo vocês vão se resolver. Meus parabéns pela vitória e sei que vai ser uma ótima campeã.

Eu: Estou bem e obrigada, não se preocupa que eu me acerto sim com ela. “Só não garanto que ela saia inteira depois.” penso.


Seth:Parabéns nova campeã, sabia que ganharia :)

Eu: Obrigada Seth :*


Randy: Parabéns pela vitória e espero que esteja bem depois do ocorrido. Você será uma ótima campeã tenho certeza disso ;)

Eu: Obrigada Randy, eu estou sim e farei o melhor possível :*


 **Fim das mensagens**


Bloqueie o celular e sinto alguém me abraçar por trás.

-Vamos, eu te levo.- falou e beijou meu pescoço me fazendo arrepiar.

-Okay.- respondi.


[...]


Depois que cheguei no meu AP, tomei banho e fui para a academia. Quando cheguei na mesma algumas pessoas vieram me dá os parabéns e eu tratei de pôr meus fones colocando Bon Jovi para tocar enquanto eu malhava.

Eu havia parado um pouco para tomar água e logo sinto alguém tira meu fone, me fazendo levar um susto e me viro para ver quem é que fez isso.

-Que susto coisa rosa.- resmunguei sorrindo e ela fez uma careta.

-Também te amo tá.- Sasha falou sorrindo.- A noite foi boa em…

-Em?- perguntei confusa e ela deu risada.

-Seu pescoço, tem marca de uma mordida com um chupão.- Banks falou sorrindo.- E pelo que eu sei, aposto que foi um certo lunático que fez isso.

-Droga.- resmunguei mas logo dei risada com ela me acompanhando.

Meu celular apitou em sinal de mensagem e eu logo tratei de ir ver o que era, afinal sou curiosa.

 “Me encontre na sala do coordenador da sua academia, agora. Garanto que o assunto é do seu interesse… Safira.

                                     P.H.”

Quando eu li demorei um pouco para raciocinar, como ele tem o meu número? Se ele fez o que eu tô pensando, esse foca gorda vai se arrepender de ter cruzado o meu caminho.

-Terra chamando Skye?!-a rosada estralava os dedos na minha frente.

-Sasha, eu já volto.- falei indo na sala do coordenador.

Bati na porta ouvindo um “entre” e foi o que eu fiz. Logo o avistei sentado numa cadeira estofada e com papéis na mesa, ele apontou para a cadeira em sua frente, me sentei relutante. Ele sorria como se tivesse ganhado na loteria e isso me irritava profundamente.

-O que quer comigo, foca gorda?- perguntei sem rodeios e com o apelido que ele tanto odeia.

-Me respeite, garota e eu vim tratar negócios.- falou e pegou os papéis dando uma rápida leitura.- Safira Kate-Bevis, garota problema em? Aos quatorze já tinha ficha na polícia, pichações, brigas e olha só, drogas… Então você é uma drogada?!

-Não faço mais isso.- falei olhando para baixo.- Como você ousa investigar minha vida?

-Negócios, Safira, negócios.- ele continuou.- Ficha na polícia e drogada… Deve ter tido trabalho para esconder isso das pessoas em e deve ter dado ainda mais já que não mudou de nome. Mas como eu sou um homem bondoso lhe faço uma proposta, se junte a mim e ao meu cliente, Brock Lesnar.

-Pra que? O que você quer comigo ao lado de vocês, você já tem a “besta”.- falei fazendo aspas com os dedos.- O que eu ia lhe favorecer?

-Você tem um futuro brilhante na WWE, garota e acabou de se tornar Divas Champion em tão pouco tempo.- falou sorrindo.- Você é o futuro das divas, Safira e comigo ao seu lado te tornarei ainda melhor do que já é.

-E se eu falar não?- já sabia a resposta, mas precisava da certeza.

-Eu contarei todo o seu passado pequena Safira.- ele falou sorrindo.

-Está bem.- falei por fim.

-Como eu sabia que você aceitaria, já providenciei sua nova attire, com a sua nova theme e hoje no Raw mostraremos ao mundo a nova Skye.- ele falou se levantando e estendendo a mão para a mim, logo me levantei.

-Acordo fechado.- falei apertando sua mão.

Era oficial, eu agora seria um brinquedo para ele. Acredito que todos ficaram surpresos com isso, Dean provavelmente irá surta. Mas um dia isso irá acabar, e o foca gorda saberá que ameaçou a garota errada, ela ameaçou a Madness Queen e isso não sairá barato. Paul Heyman acaba de fazer um contrato com o diabo, então que ele espere, pois um dia conhecerá o inferno.


Notas Finais


E por hj é só
Thanks a @LadyIchijouji pela ajuda no cap :)
Kisses Loves e ate a próxima <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...