História Problems... - Capítulo 10


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Vhope, Yaoi
Exibições 340
Palavras 1.861
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello Hello delicinhas!
💘💕💖💝💗
Tudo bem?
Essa fotinha super linda de Jikook, amamos demais.
Esse capítulo promete, sério. Vão ter um infarto no pé.
(Não matem a gente please)
Queríamos adicionar uma observação.
OBS: A personagem "Yoko"(todos conhecem a praga) é inspirada na aparência da Jisoo (integrante da BlackPink).
Lembrando que nós não temos nada contra a Jisoo, nós a amamos, porém achamos que sua aparência seria perfeita para a Yoko, então a imaginem assim.

Bom gente, é isso, vejo vocês nas notas finais. Boa leitura. 💜

Capítulo 10 - Jimin


Fanfic / Fanfiction Problems... - Capítulo 10 - Jimin

*POV Jimin* 

Eu estava um pouco melhor do resfriado. O Jin estava realmente cuidando de mim, e muito bem por sinal.   

Mas é claro que eu ainda estava tossindo e espirrando algumas vezes. 

Eu já estava cansado de ficar deitado na cama sem poder fazer nada. Até que eu recebi um telefonema.      

_ Alô? _ falei ao atender meu celular.   

_ Jimin? _ aquela vozinha ecoou pela linha e eu me alegrei.

_ É a…   

_ Dawon! _ falei animado. _ Feliz aniversário! Eu iria te ligar mas…   

_ Obrigada Jimin, não precisava se preocupar. _ ela falou um pouco tímida.   

_ É claro que eu preciso, você é irmã do Hoseok, é praticamente minha irmãzinha também.     

_ Você também é como um irmão para mim. _ ela disse e eu sorri.   

_ Vai ter festa?   

_ Sim, foi exatamente por isso que liguei. Eu liguei primeiramente para o Hoseok, mas ele não atendeu.      

_ Entendi… Eu falo com ele pra ir na sua casa.   

_ Muito obrigada Jimin. Mas eu não queria convidar só o Hobi, eu gostaria da presença de vocês também. Quero todos aqui. Você, Jungkook, Jin, Taehyung, Namjoon… _ ela dizia e eu sorria ao ver o quão fofa ela era. _ E é claro que o Yoongi também.   

_ Você ainda gosta dele? _ perguntei curioso.   

_ Um pouco. Mas estou tentando esquecê-lo, ele me trata muito mal às vezes… _ ela falou em um tom triste. _ Mas enfim, eu adoraria ter vocês aqui celebrando comigo.   

_ É claro que vamos. _ respondi animado. _ Vamos amar estar aí com você nesse dia tão especial.   

_ Que bom. Então, 19:00 na minha casa. Se um de vocês faltar…   

_ O que você vai fazer?   

_ Na verdade, eu não sei. _ ela confessou e eu ri.   

_ Você é fofa demais para fazer algo com a gente.   

_ Mas eu ficaria muito triste…   

_ Não, eu não quero ver essa carinha linda triste. _ eu disse e ela riu. _ Pode ficar tranquila, nós vamos sim á sua festa.   

_ Estou esperando vocês. Tchau Jimin.   

_ Tchau Dawon. _ me despedi e desliguei.   

Assim que desliguei comecei a me debater na cama de felicidade. Eu finalmente teria um motivo pra sair daquela cama.   

A irmã do Hope era realmente incrível. Uma menina que eu adoraria ter como uma irmã de sangue. Ela era tão fofa e amigável. Bem, ela era um pouco tímida, na verdade, muito tímida, bem diferente de Hoseok, mas isso só a deixava mais linda.   

Me levantei e fui avisar os meninos sobre a festa da Dawon.   

Entrei na sala e vi os meninos sentados no sofá. Jin segurava um papel e cantava uma música que eu nunca tinha ouvido na minha vida ao lado de Namjoon. Hope e Tae riam enquanto mexiam no celular.   

_ Posso saber o que o senhor Park Jimin está fazendo fora da cama? _ Jin perguntou assim que percebeu minha presença.   

_ Eu só vim falar com o Hoseok. _ falei.   

_ O que você quer com o Hoseok? _ Tae perguntou e eu ri.   

_ É só pra dar um aviso. Larga de ser ciumento. _ brinquei e Tae jogou a almofada em mim. _ Hope, sua irmã vai fazer uma festa hoje para comemorar o aniversário dela, ela pediu para eu te avisar já que você não atendeu.   

_ Eu estava ocupado ontem. _ Hoseok olhou para Taehyung e o mesmo corou. _ Valeu por me avisar Jimin.   

_ De nada. Ela também pediu para todos comparecerem… Todos. _ falei olhando para Jin.   

_ Você não vai Jimin. _ Jin falou e voltou seu olhar para o papel.   _ Jin, por favor, eu já estou melhor. _ falei fazendo bico. _ E eu também não posso ficar aqui sozinho.   

_ É você tem razão. Você não pode ficar sozinho. _ Jin sorriu e eu comemorei. _ Eu vou ficar aqui com você.   

_ Fala sério Jin… _ eu cruzei os braços e me joguei no sofá ao lado de Tae, que ria de mim junto com Hoseok.   

_ Você vai me deixar sozinho na festa? _ Namjoon perguntou sorrindo sem mostrar os dentes e Jin o olhou tentando conter o sorriso.   

_ Talvez eu devesse mesmo ir nessa festa. _ Jin disse olhando para Namjoon. Ele voltou a me olhar e eu juntei minhas mãos. Seokjin suspirou e disse: _ Tudo bem Jimin, vamos para a festa.   

_ Obrigado Seokjin! _ falei batendo algumas palminhas. _ A festa é as 19:00.   

_ Estaremos lá. _ Namjoon disse e eu sorri.   _ Agora você já pode voltar para o quarto. _ Jin disse apontando para meu quarto.   

_ Mas Jin… _ tentei convencê-lo mas ele me interrompeu.   

_ Eu ainda posso confiar no Namjoon e ficar aqui em casa cuidando de você se preferir Jimin. _ Jin me olhou sorrindo.   

_ Não, nunca confie no Namjoon, eu já vou pra minha cama. _ falei e fui em direção ao quarto.   Assim que cheguei no quarto levei um susto ao ver Jungkook mexendo em seu guarda-roupa.   

_ O que está fazendo aqui? _ perguntei e ele se virou com algumas roupas nas mãos.   

_ Não sei se sabe, mas este é meu quarto também. _ ele falou sério e eu respirei fundo.   

_ Jungkook, o que está fazendo?   

_ Pegando as minhas roupas.   

_ Pra que? Lavar? _ eu disse confuso e logo ri. 

_ Vai fingir que é higiênico agora?   

_ Não Park, eu vou me mudar para o quarto do Suga. _ ele disse colocando as roupas em sua mochila.   

_ O Yoongi concordou com isso? _ disse e cruzei meus braços. _ Ele escolheu ficar no quarto sozinho pra ninguém incomodá-lo e agora você simplesmente vai se mudar?   

_ Eu conversei com ele e ele permitiu, contanto que eu não o acorde. _ ele colocou a mochila em suas costas. _ Eu não posso continuar dormindo aqui depois de tudo o que aconteceu.   

_ Você sempre vai embora quando algo dá errado, por quê?   _ Eu não entendi. _ Jungkook disse.   

_ Quando nos beijamos você foi pra casa da Yoko. E agora está indo para o quarto do Suga… Você sempre foge de alguma maneira, por quê?   

_ Eu… _ ele tentou se explicar mas não conseguiu.   

_ Você é um verdadeiro idiota, que não se importa com os meus sentimentos. Você é um covarde. _ falei. _ Um covarde que não possui a capacidade de encarar seus problemas.   

_ Eu não tinha problemas até você vir com esse papo de estar apaixonado por mim. Estava tudo bem Jimin, nós éramos amigos, irmãos para falar a verdade, e eu nunca imaginei que você sentisse algo a mais do que isso. _ percebi que Jungkook estava nervoso. _ Eu não gosto de você desse jeito Jimin, eu amo a Yoko, e ela não merece ser traída assim.   

_ Jungkook larga de ser burro. Aquela garota nem gosta de você de verdade, ela só está te usando. _ falei e Kook simplesmente me ignorou. 

Ele andou até a porta e eu segurei seu braço.   Eu não sabia o que eu estava fazendo. Mas simplesmente fiz.   

O puxei contra mim e o beijei levemente. Foi um beijo simples e rápido, mas coloquei todo o meu amor que sentia por ele ali, naquele simples beijo.   

_ Ainda não gosta de mim? _ perguntei ao me afastar dele.   

Sua respiração ainda se unia a minha. Meu coração batia tão rápido que eu podia ouvir.   

Jungkook colocou a mão em meu ombro e me afastou. Olhou dentro dos meus olhos e saiu.

Eu fiquei ali, sem entender o que tinha acontecido. 

 *******   

Estávamos a caminho da festa de Dawon. No carro, eu, Tae, Hoseok e Yoongi dançávamos “Fantastic baby”, enquanto Jin obrigava Jungkook a usar o cinto de segurança e Namjoon escutava música em seu fone de ouvido.   

Não demorou muito tempo até chegarmos. A casa de Dawon era bem próxima do nosso apartamento.   

Assim que descemos do carro levamos um baita susto.   _ Quando ela disse “festa”, eu pensei em um bolinho com refrigerante. _ Jin disse ainda boquiaberto ao ver o tamanho da festa.      

_ Vocês podem continuar com essas caras de peixe morto, mas eu vou entrar porque marquei de me encontrar com uma gatinha. _ Suga disse sorrindo e entrou na casa de Dawon.      

_ Eu não acredito que o Yoongi teve coragem de marcar com uma garota no aniversário da Dawon. _ falei baixo ao lado de Jin. _ Ele sabe muito bem que ela gosta dele.   

_ É, um dia o Suga vai perceber a burrice que fez em não dar uma chance para a Dawon. _ Jin respondeu-me. _ Mas aí já será tarde demais.   

_ Vamos entrar? _ Namjoon perguntou e assentimos.   

A casa estava repleta de pessoas. Nunca imaginei que Dawon tinha tantos amigos. Depois de um pequeno tempo á procura da aniversariante, a encontramos sentada em um sofá conversando com uma menina.   

_ Irmãzinha! _ Hoseok gritou  animado pulando e ela foi a seu encontro o abraçando. _ Feliz aniversário Dawon!   

_ Obrigada Hobi. _ ela disse sorrindo um pouco tímida. _ Oi gente, vocês vieram mesmo.   

_ Eu falei que a gente iria vir. _ eu disse e ela me abraçou. 

Logo após ela abraçou um por um.   

_ E o Yoongi? Pelo menos desejou feliz aniversário para você? _ Jin perguntou.   

_ Sim, mas foi tão rápido que eu nem percebi direito. _ ela riu fraco. _ Quando vi ele já tinha sumido na multidão.   

_ Eu sinto muito Dawon. _ falei um pouco triste.   

_ Não precisa. Eu já estou acostumada com esse tratamento do Yoongi. _ ela disse sorrindo dando de ombros e se virou para Tae. _ O Hobi me contou sobre vocês dois…   

_ Contou? _ Tae ficou vermelho der repente.   

_ Sim… _ ela sorriu e pegou a mão do Tae. _ Eu queria dizer que eu fiquei muito feliz com a escolha do Hope. Você é uma pessoa maravilhosa Taetae e eu desejo toda felicidade do mundo a vocês dois. Seja bem-vindo à família.   

_ Obrigado Dawon. _ Tae a puxou para um abraço. _ Eu farei o Hoseok ser a pessoa mais feliz do mundo.   

_ Quero um abraço também.  _ Hoseok abraçou os dois e os três começaram a pular. O sorriso do Tae estava mais radiante do que nunca. _ Eu amo vocês.   

Eu sorria ao ver o quanto eles três estavam felizes. Era lindo ver isso.   

Tirei meus olhos dos três por um momento e olhei para Jungkook, o mesmo estava paralisado olhando para alguma coisa.   

Eu me aproximei dele para saber o que estava acontecendo. Mas ele simplesmente me ignorou e saiu andando.   

_ Jungkook. _ o chamei mais uma vez, porém ele nem se virou.   

Ele parou por um momento e eu segurei seu braço.   

_ Kook, o que aconteceu? _ eu perguntei novamente. Ele continuava olhando para frente.

Eu já estava cansado daquilo. Para onde ele tanto olhava?   

Foi aí que eu vi a cena mais nojenta da minha vida.   

Yoko aos beijos com Yoongi.  

*******              


Notas Finais


Omg!
Tenso né gente?
A gente parou em um momento tão... bah!
Esperamos que tenham gostado do capítulo apesar de tudo.
E se preparem para o próximo pois vem bomba.
Nesse capítulo tivemos a presença de uma nova personagem, a Dawon, e ela é realmente irmã do Hope, se vocês não a conhecem procurem lá no google. (Ela é uma graça💙)
Beijão, e até sexta.
~Sam_B3ar e SeokjinTrevoso. ❤💙💚💛💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...