História Procura-se um namorado para o meu humano - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Personagens Originais
Tags Chanbaek
Exibições 393
Palavras 2.715
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi amores! Voltei depois de um tempinho sem aparecer por aqui, acontece que fiquei bem desmotivada para continuar a escrever porque meu gato havia sumido e fiquei sem animação para escrever algo com gato sem a vontade de morrer. E nesse período também tive um grande bloqueio criativo então fiquei sem condições mesmo de escrever isso aqui, bom, meu gato não voltou, mas ganhei um novo do meu padrasto e ele é a coisinha mais linda do mundo e fiquei animada para escrever novamente, e também estava morrendo de saudades do Sirius. Voltei com tudo agora hehe, tenho várias ideias para a fic e espero que tudo de certo e eu consiga por tudo que quero no papel kkk pq essa tá sendo uma das minhas grandes dificuldades.
Bom, sem mais enrolações, vamos ao capitulo.

Capítulo 4 - Mimi, Lili e Wendy


Fanfic / Fanfiction Procura-se um namorado para o meu humano - Capítulo 4 - Mimi, Lili e Wendy

E novamente acordo com barulhos de vozes de humanos, Kyungsoo e Jongin deveriam estar aqui, fico feliz, porque eles ajudam sem saber, animam o Chanyeol enquanto eu saio para procurar o homem perfeito.

Vou novamente em direção das vozes que estão saindo da sala, encontrando os humanos rindo e encontro também uma gata, devia ser a Lili, me aproximo para olhar melhor.

“Sirius! ” Kyungsoo sorria “Trouxe uma amiguinha para você” ele se levantou do sofá pegando a gata laranjinha no colo e a trazendo até a mim. “Essa é a Lili! Minha bebezinha! ” Ele colocou-a minha frente e ela andou até a mim e lambeu meu rosto me assustando. 

“Prazer em te conhecer” ela disse se afastando.

“Vi que já se deram bem! ” Kyungsoo batia palminhas “Acho que podemos juntar nossos gatinhos “ Ele se virou para Chanyeol”, eles teriam filhotes lindos. ”

O que? Juntar? Filhotes? Eu não quero filhotes, pelo menos não tão cedo, humanos são loucos.

“Não liga pra ele, ele tem esse ataque sempre que me apresenta para um macho” Ela lambia as patinhas.

“Que bom, porque já estava pensando em maneiras de fugir caso tivesse que ter filhotes com você...” Disse em pensar, mas percebi que soei um tanto grosseiro quando vi sua expressão que era uma de surpresa e indignação. “Não que eu não quisesse ter filhotes com você... Na verdade eu não quero, mas... bom, não foi o que eu quis dizer... Você é linda...” Ela começou a rir me interrompendo e agradeci mentalmente antes que eu falasse mais besteira.

“Céus! Você é mesmo um bobinho! ” Ela se aproximou novamente de mim e deitou-se ao meu lado. “Fico lisonjeada que me ache linda... você também é, mas tenho outros interesses no momento. ”

Não sabia mais o que dizer ou como agir, por alguma razão essa gatinha me deixava um tanto intimidado, não sei com o que exatamente, mas sei que não é de uma maneira negativa, já que ela parecia ser mesmo legal e sendo melhor amiga da Mimi, deveria ser mesmo legal.

“Você é o novo amigo da Mimi, certo? Ela me falou de você”. Ela se espreguiçou e se virou ficando com barriga para cima.

“Falou de mim? ” Perguntei me virando imediatamente para ela.

“Sim, ela disse muitas coisas sobre você…” Ela batia as patinhas no ar.

“O que ela disse? ” Eu curioso como sempre, só faltei pular em cima da Lili para saber o que minha amada havia falado sobre mim. Será que eram coisas ruins? Será que ela só anda comigo por pena por eu ser um gato novo da vizinhança e não conhecia nada? Mas todos meus pensamentos e questionamentos foram interrompidos com a resposta de Lili.

“É segredo…” Ela respondeu sussurrando.

Era só o que faltava, agora vou ficar mais curioso ainda, realmente deve ser verdade sobre o que dizem que a curiosidade matou um gato, pois estou para morrer de fato.

Resolvi ignorar Lili, antes que eu literalmente morresse de curiosidade, porque era capaz de eu ter um ataque cardíaco se eu continuasse aquela conversa. Lili também parecia não querer falar mais nada por agora, pois ela está quase dormindo ali.

Fui para perto do meu humano e fiquei escutando sua conversa com os outros dois para ver se eu conseguia alguma informação para o que eu poderia fazer hoje, mas não consegui muita informação relevante.

 

 

“Mimi me contou o seu plano sobre a operação humano perfeito” Lili mais uma vez se aproximava. “Vou ajudar vocês nessa, pois amo me aventurar em nome do amor”.

Então ela iria ajudar também? Isso seria ótimo, pois quanto mais gente envolvida melhor, e posso encontrar o humano perfeito mais rápido.

“Fico feliz que queira ajudar, Lili...” Disse me virando para ela. “Vamos para a praça, que a Mimi já deve estar me esperando. ”  A chamei indo em direção da porta e logo ela veio atrás de mim.

Chegamos na praça encontrado uma Mimi aparentemente impaciente, que assim que nos viu veio correndo em nossa direção.

“Pensei que não viria mais, Black! Já estava prestes a fazer um atentado na sua casa...”. Ela dizia com raiva, mas era tão fofa que eu não consegui levar a sério e apenas sorri. “E oi Lili...’’ Ela cumprimentou quando percebeu a presença da amiga.

“Não se estressa mana...” Lili lambia as patinhas “Nossos humanos estavam planejando nosso casório, não é Sirius? ” Ela se virou para mim com um sorriso malicioso.

 Casório? Essa gata é louca! Eu hein, não estou sabendo disso e.... pera, ela está brincando com a minha cara, não é? Nesses momentos, em que fico nervoso, eu não consigo entender uma brincadeira ou deboche, mas caso for isso mesmo, vou entrar na brincadeira, quero ver como Mimi irá reagir... Hehe.

“Oh... Sim, eles querem que tenhamos filhotinhos...” Falei concordando com o Lili “Por isso demoramos um pouco, eles queriam que nos conhecemos melhor...”

Mimi parecia surpresa e Lili se virou para mim dando uma piscada com o olho direito e eu ri.

“Ah... Vocês estão j-juntos então? ” Mimi parecia afetada.

Interessante.... Será que ele sente ciúmes de mim? Ou seria ciúmes da Lili? Fica no ar esse questionamento, só sei que adorei.

“Acho que sim...” Lili respondeu por mim “Estamos juntos? ” Ela perguntou para mim dando mais uma piscada.

“Acho que estamos...” Repeti o que ela havia dito antes e soltei uma risadinha sem graça, “Mas esse não é o foco agora.... Temos que encontrar o humano perfeito. ”

“Ah... Acho que vocês podem ir sem mim, não quero atrapalhar...” Mimi disse se afastando da gente.

Porque ela está fazendo isso? Não faz nenhum sentido e me deixa triste.

“Mimi! ” A chamei “Eu não vou conseguir fazer isso sem você...” Me aproximei dela. “A gente começou isso juntos e vamos terminar juntos! ”

“Acho que não precisa mais de mim...” Ela abaixou a cabeça.

“Amiga, sua louca! ” Lili se aproximou da gente “É obvio que ele precisa de você, quanto mais ajuda melhor. ” Lili disse e eu concordei acenando com a cabeça.

“Não vai ficar desconfortável? Eu queria deixar vocês a sós...” ela dizia se afastando novamente.

Meu deus! O meu amor é completamente doida!

“Ah! Entendi! ” Lili começou a rir descontrolada.

Não só o meu amor, mas essa aí também é completamente maluquinha. Cheguei à conclusão que gatas são loucas.

“Mana, eu e o Sirius estávamos brincando! ” Lili explicava e Mimi parecia surpresa “Você sabe que Kyungsoo é maluco, não pode ver um macho que quer que eu procrie... e o Sirius nem faz o meu tipo. ”  Ela disse dando uma piscadinha para a amiga.

Eu me sentiria ofendido se isso fosse dito em outra situação.

“Ah... Entedi” Ela suspirou aliviada “Eu realmente não queria atrapalhar, mas como esse não é o caso, vamos indo! ” Ela soltou uma risadinha me fazendo sorrir.

 

 

Chanyeol On

“Então, Chanyeol, hoje vamos te tirar de casa. ” Kyungsoo dizia convicto.

“Sair? Sinceramente, eu não tenho vontade alguma de sair...” bufei me jogando no sofá.

Hoje era sábado e já acordei com esses dois no meu portão, não que isso seja ruim, eu realmente senti falta dos meus amigos, mas não quero sair de casa, muito menos para segurar vela para os dois.

“Deixa de ser sem graça, cara...” Jongin sentou-se ao me lado “A gente que te animar, quem sabe você não encontra o The One por lá? Hum? Anima-se.”

“The One? ” Arqueei as sobrancelhas.

“Sim! O seu escolhido, seu par perfeito, o seu único no mundo, sabe? Tipo o Soo para mim... “ Jongin disse sorrindo feito um sonhador.

Na teoria isso era bem bonito, mas na prática era uma melosidade sem fim, chega me deixava enjoado.

“E eu vou encontra-lo nessas festas estranhas que vocês frequentam? ” Suspirei.

“Não custa nada tentar...” Kyungsoo deu os ombros.

Pensando bem, acho que não seria uma má ideia, eu preciso mesmo sair de casa, ter outra rotina, sem a faculdade ser o único lugar para onde vou.

“Tudo bem, eu vou com vocês... Seja lá para onde...” me rendi aos meus amigos “Mas preciso achar alguém para cuidar do Sirius, não gosto de deixar ele sozinho por muito tempo. ”

“A Wendy ainda mora aqui na frente, né? Pede para ela...” Kyungsoo sugeriu.

“A Wendy? ” Indaguei e Kyungsoo concordou com a cabeça. “É... Não é uma má ideia, Sirius se dá muito bem com a Mimi, então será bom deixar ele lá mesmo.”

“Ótimo! ” Jongin exclamou “A gente deixa o Sirius e a Lili com a Wendy e vamos festar! ” Ele pulava animado.

Chanyeol off

 

Não conseguimos muita coisa hoje, estou bastante frustrado, mas pelo menos fiz uma amiga nova, Lili é doida de pedra, mas é uma gatinha gente boa.

Nossas tentativas de achar o humano perfeito hoje foi um desastre, só encontramos humanos que não fomos com a cara, e eles também não gostaram da nossa presença, então gente boa eles não eram, porque é impossível ser uma pessoa do bem se não gostar de gatos fofinhos que nem a gente.

“Bom, está anoitecendo, é melhor eu ir para casa... Tomara que amanhã tenhamos mais sorte! ” Mimi se despediu da gente e saiu correndo em direção de sua casa.

“Foi até divertido...” Lili dizia andando ao meu lado, estávamos entrando em minha casa.

“Foi bom para te conhecer... Você é legal! ” Sorri para ela.

“Você também é legal, Black! A Mimi tem sorte...” ela correu na minha frente e foi ao encontrado dos seus humanos.

O que ela quis dizer com isso? Resolvi ignorar porque essa coitada é maluca.

Corri para as pernas do meu humano e comecei a me esfregar nelas, recebendo um carinho gostoso do mesmo. Ai como eu amo o meu humano!

“Sirius, hoje você vai ter quer dormir fora, tá bom? ” Chanyeol me pegou no colo e começou a acariciar a minha cabeça “Vou sair com os meninos, vou deixar você na Wendy... Você vai gostar de ficar lá com Mimi, e a Lili também vai. ”

Dormir na Mimi? Ai meu santo atum, é hoje que morro do coração.

 

 

Eu estava dentro de uma caixa junto com a Lili, Chanyeol nos levava para a casa à frente da nossa e tocou a companhia e uns cinco minutos depois Wendy, a humana da Mimi, surgiu na porta sorridente.

“Oi Chanyeol! ” Ela sorriu.

“Ei, Wendy... é...., então, eu sei que não pedi antes, mas acho que perdi o seu contato...” Chanyeol estava sem graça. “ Mas queria que ficasse com o Sirius e a Lili essa noite... Você tem planos para sair? Porque se tiver eu arranjo outro lugar. ”

“Meu único plano para hoje é ver a final de Rupaul’s Drag Race! ” Ela riu.

“O All Stars? ” Chanyeol perguntou sorrindo e Wendy acenou com a cabeça “Eu desisti completamente quando a Tati saiu pela segunda vez...” Meu humano suspirou “E esse programa está completamente cotado para Alaska...”

“Nem me fale! ” Wendy exclamou “Passo raiva toda vez, mas sou muito trouxa e ainda tenho aquele 1% de esperança da Katya levar a coroa...” Ela riu mais uma vez “Mas fico sim com essas coisinhas lindas “Ela tirou a caixa das mãos de Chanyeol. “Mimi vai adorar ter os amiguinhos essa noite por aqui”

“Muito obrigado, mesmo! ” Chanyeol agradeceu “E boa sorte com o programa! ”

“Vou mesmo precisar...” Wendy suspirou “Tenha uma ótima noite, viu? Divirta-se! ”

“Vou me esforçar para isso! ” Chanyeol riu e se aproximou da caixa e me deu um beijo na cabeça “Fica bem meu amor, amanhã venho te pegar! ”

Chanyeol foi embora e Wendy nos levou para dentro de casa e nos tirou da caixa.

“Mimi! Você tem visitas! ” Wendy gritava pela casa e Mimi logo apareceu correndo. “Vou deixar vocês aqui, agora tenho compromisso com a TV. ” Ela se afastou da gente e se jogou no sofá.

“O que vocês estão fazendo aqui? ” Mimi perguntou curiosa.

“Nossos humanos saíram juntos e Chanyeol não queria deixar o Sirius sozinho...” Lili respondeu.

“Oh... entendo, será que o Chanyeol acha o humano perfeito por conta própria?” Mimi perguntou enquanto se deitava ao meu lado.

“Duvido muito! ” Respondi. “Meu humano é meio lerdinho...” suspirei.

“Então amanhã teremos mais trabalho para executar. ” Mimi disse sorrindo e eu só concordei acenando com a cabeça.

Eu estava cansado, quase para dormir e quando consegui fechar os olhos a humana da Mimi deu um pulo do sofá enquanto falava no telefone, me dando um susto daqueles.

“MEU DEUS, BAEKHYUN! EU ESQUECI COMPLETAMENTE QUE VOCÊ CHEGAVA HOJE! ”

O que é isso meu pai! Essa humana quase me matou do coração.

“Relaxa, eu vou ligar para o Lay ir te buscar... eu não estou podendo ir pois estou cuidando dos gatos dos vizinhos. ” Ela dizia andando de um lado para o outro e desligou o telefone.

“Meus Deus! Como pude esquecer dele? ” Wendy bateu com a mão na testa e respirou fundo, pegando o telefone novamente.

“Amor? Você pode ir no aeroporto buscar o Baek? Eu esqueci completamente que ele chegava hoje...” ela deu um suspiro “Estou cuidando dos gatos dos vizinhos, não seria legal eu deixar eles a sós, já que eles foram confiados a mim sabe? ” Wendy sentou-se no sofá aparentemente aliviada “Muito obrigada meu amor! Busque ele e venham para cá, vou pedir uma pizza...” ela sorriu “Beijo... eu também te amo! ”

“Ow gente, eu esqueci que meu primo chegava hoje...” ela explicava para a gente, como se devesse satisfação, mas na verdade devia sim, já ela espantou completamente meu sono da beleza.

Um tempo depois a porta da sala abriu e surgiu dois homens carregando malas, um moreno e outro de cabelo de rosa.

Wendy sorriu e correu para os braços do de cabelo rosa o abraçando bem forte e depois foi para os braços do moreno e dando um selinho nele.

“Wendy, você é muito sem noção! ” O de cabelo rosa exclamava se jogando no sofá “Eu te falei umas quinhentas vezes que chegava hoje! ”

“Ih cara, essa daí só não esquece a própria cabeça porque está colada no corpo!” Disse o humano que estava abraçado com ela, deveria ser o tal de Lay, que deveria ser o namorado dela.

“Ai, também não é assim...” Ela fez um biquinho e sentou-se ao lado do humano de cabelo rosa, que no caso seria o primo dela.

Eu e as meninas olhávamos a cena curiosos e Mimi correu e pulou no colo de sua humana recebendo carinho da mesma.

“Humanos são realmente pirados! ” Lili disse se encolhendo, provavelmente iria dormir, que inveja!

Lili realmente dormiu, Mimi estava quase para dormir no colo de sua humana e eu estava me sentindo abandonado, sem sono e sem carinho.

O humano de cabelo rosa me chamou do sofá e eu fui para a suas pernas e ele me pegou no colo.

“Esse é o gato do vizinho? ” Ele perguntou para a Wendy.

“Sim! ” Ela respondeu e depois para a Lili “Aquela ali também, mas ela é de outros donos. ”

“Hm... entendi...” O humano que se chama Baekhyun suspirou e olhou para mim “Então você foi um dos motivos dessa louquinha não ir me buscar... eu ficaria brabo, mas você é muito fofo!” Ele começou a fazer carinho em mim e respondi ronronando.

Ele continuou com os carinhos enquanto conversava com os outros humanos, algo envolvendo doces e coisas que eu não conseguia entender.

Baekhyun parou os carinhos quando notou minha coleira e me virou de frente para ele, para ler minha identificação.

“Sirius Black...” ele sorriu “Gostei do seu nome, seu dono tem bom gosto! ” Ele voltou a me acariciar.

“E ele é bonitão!” Wendy sorriu maliciosa.

“Quem? ” Baekhyun se virou para Wendy.

“O dono do Sirius...” ela respondeu ainda com o sorriso no rosto.

“E é solteiro! ”disse o namorado da Wendy, também sorrindo malicioso.

“Interessante...” Baekhyun respondeu com um sorriso e me deu mais carinho.

Acho que encontrei o humano perfeito! Preciso avisar para as meninas e depois bolar um plano para junta-lo com o meu humano.

É isso! Eu encontrei o humano perfeito! 


Notas Finais


Normalmente eu atualizaria todos os domingos, mas vou tirar os dias fixos de postagem, pois descobri que não sei seguir cronograma e acabo enlouquecendo comigo mesmo, então não terá mais um dia fixo, pode sair a qualquer momento, na próxima semana ou no próximo mês, o importante é que uma hora sai.

Até a proxima!


https://twitter.com/bwyunlights


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...