História Professor substituto (Imagine Jungkook) - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster
Visualizações 518
Palavras 1.061
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi meus filhos, que saudades, nossa estou desesperada, de mais, socorro, como vocês estão? Bem eu vim trazer mais um capítulo, e além de tudo agradecer pelos +1k de favoritos, eu estou muito feliz pois isso mostra que minha história está satisfazendo aos meus leitores, muito obrigada por todos que favoritaram e comentam, vocês são os amores da minha vida...
Bem espero que gostem desse capítulo...

Boa leitura meus amores...

Capítulo 35 - Acontecimentos


Fanfic / Fanfiction Professor substituto (Imagine Jungkook) - Capítulo 35 - Acontecimentos

- Não é possível, Taehyung você tem certeza?

- Sim, por isso Lisa me chantageou, sabe que eu estudei com seu irmão não é.

- Sim, me lembro, eram amigos.

- Chegamos a um ponto de não sermos apenas simples amigos, é nossa relação ficou um pouco mais intensa, bem quando eu voltei para Daegu e conheci Yoongi minha vida mudou completamente, eu o esqueci, porém quando voltei acabei por encontrá-lo, eu e Yoongi havíamos brigado e eu estava lá em uma boate para encher a cara e fazer o que mais eu podia, ao reencontrar Hoseok, senti saudades dos velhos tempos, e então resolvemos fazer algo a mais que só uns simples beijos.

Eu não sabia, ele não me disse nada, nós "fizemos amor" a noite toda, e eu gostei, em uma hora eu me senti culpado por Yoongi mas, Hoseok me fez o esquecer, confiava nele, então permiti que não usássemos preservativos, depois que acabou, dormimos abraçados, me senti protegido por um momento, mas então no dia seguinte ele apenas se levantou, colocou sua roupa e disse... "Espero que fique bem, e boa sorte pois irá precisar, anjinho" então partiu, deixando-me confuso, três dias depois eu comecei a passar mal, minha mãe mandou eu procurar um médico, e na consulta todos os sintomas que eu tinha eram de suspeita desse doença, fizemos todos os exames e enfim deu soro positivo, pra mim foi a pior coisa na minha vida, eu pensei em chorar, ir atrás dele, matar alguém, um dia depois Lisa me aparece com tal proposta, ela queria infernizar sua vida, te deixar maluca e etc... Eu neguei eu juro que neguei mas ela sabia de tudo, minha doença, minha noite com Hoseok, Yoongi, que eu não queria que minha mãe soubesse, ela sabia e me chantageou e eu fui obrigado a fazer isso, me perdoa, por favor me perdoa não quis fazer isso, não quis fazer isso com você.

- Tudo bem Taehyung... Eu o perdoo.

- Oh meu Deus eu o amo tanto... Por favor, S/N vá embora, eu não aguento mais, diga para Yoongi me esquecer, diga para ele que eu não o mereço, não sou uma pessoa boa, não posso o fazer feliz, não mais, nunca mais.

Taehyung ao falar deixava lágrimas caírem, ele chorava um choro incessante, eu podia sentir sua dor, podia ver como ele estava, eu estava confusa, eu estava no chão, e me sentia como se eu não pudesse fazer nada para ajudar, isso é o que eu realmente podia fazer, absolutamente nada, Taehyung pediu novamente que eu me retirasse e se deitou com o lençol branco tapando seu rosto.

Saí de seu indo em direção a sala de espera e encontrei Yoongi aos prantos conversando com Jungkook.

- Meu amor, o que aconteceu?

Jungkook levantou-se até minha pessoa me perguntando.

- Posso conversar com Yoongi, só?

- Claro meu amor, mas está tudo bem?

- Não, não está nada bem, as coisas estão piores do que pensei.

- Tudo bem, conversem.

- Obrigada...

Jungkook se retirou e pude conversar a sós com Yoongi.

- Eu, Yoongi, por favor, preciso te contar algo, mas...

- Mas o que? Taehyung não me ama mais, é isso?

- Yoongi, não sei como contar, mas precisa ser forte, Taehyung está doente.

- Como assim?

- Ele desenvolveu, ele tem...

- O que, diga logo.

- AIDS... É isso.

Yoongi, ficou em um completo silêncio, apenas com seu olhar vidrado ao chão, com suas mãos em sua cabeça, suas pernas balançavam em um ritmo frenético, seu descontentamento era eminente, eis que resolveu falar.

- Eu vou cuidar de Taehyung, eu o amo, não o deixarei sozinho, podemos viver juntos e bem, se tomarmos cuidados.

A atitude de Yoongi me surpreendeu, eu não esperava, reconheço que ele realmente o ama, essa foi sem dúvidas a prova de amor mais linda que já presenciei em minha vida, e sinceramente não sabia o que dizer, até porque Taehyung não queria vê-lo, não mais, eu então me pronunciei.

- Vamos esperar, um tempo, daí vocês conversam melhor, tudo bem? Por quê, não vai para casa e descansa um pouco, você está precisando, sei que as coisas vão melhorar, é questão de tempo, Taehyung está abalado com tudo isso, dê um tempo a vocês.

- Eu acho melhor, mas, me diz, como, como ele conseguiu o vírus? Ele dormiu com outra pessoa?

- S-sim ele dormiu com uma pessoa.

- Então é isso mesmo, ele me traiu, dediquei minha vida a ele, meu tempo a ele, tudo que fiz foi pensado em nosso futuro, e ele me traiu por causa de uma briga idiota, não entendo o porquê, não entendo.

- Ele sente muito, ele havia bebido, não está consciente na hora, fez sem pensar.

- Eu não acho que seja isso, mas pode ser que seja, eu vou ir embora, espero que ele melhore, foi sem dúvidas a melhor coisa que aconteceu na minha vida, não quero perde-lo, mas isso não depende apenas de mim, bem S/N vou indo, passar bem.

Yoongi saiu andando, e se despediu de longe até sumir das minhas visitas.

Corri até Jungkook com lágrimas nos olhos e o abracei.

- Eu não sei, não entendo, porque está acontecendo tudo isso, estava tudo tão bem e de repente, isso.

- O que houve, o que aconteceu meu amor?

- Taehyung, ele tem AIDS.

- Nossa, Yoongi deve estar arrasado, mas como isso aconteceu?

- Aí que vem a pior parte, Hoseok, transmitiu o vírus para Taehyung.

- Seu irmão?

Jungkook arqueou as sobrancelhas assustado.

- Ele não é meu irmão.

- Meu Deus, eu estou assustado com tudo isso.

- Eu Também.

[Horas depois]

Estávamos eu e Jungkook deitados na cama, apenas abraçados, eu observava cada traço de seu rosto, estando próxima a ele, lhe dei um beijo na bochecha e sorri boba, ele logo olhou para o lado e disse.

- Eu te amo, te amo muito.

Eu o respondi a altura, nos abraçamos mais apertado e Jungkook mexeu em meu cabelo até que por fim acabei por dormir.

[Dia seguinte]

Acordo com meu celular tocando, assim que atendo uma voz feminina fala.

- S/N por favor, o Taehyung ele, tentou se matar, eu estou com medo, meu filho vai morrer, me ajuda, por favor...

Era a mãe de Taehyung, aos prantos e eu não sabia o que fazer, não sabia como ajudar, entrei em desespero, e acabei por desmaiar.


Notas Finais


Então, me digam o que acharam? Eu vejo vocês no próximo capítulo? Acho que sim. Não esqueçam de comentar, bjin da omma Jani... Eu te amo vocês ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...