História Promessa não cumprida - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~bangguk

Postado
Categorias B.A.P
Personagens Bang Yongguk, Zelo
Tags Banglo, Bap, Drabble, Droubble, Yongguk, Zelo
Exibições 52
Palavras 255
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Droubble, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi.

Capítulo 1 - Doía-me


Doía-me saber que suas lágrimas eram falsas, doía-me saber que mesmo após minha morte você continuaria a não me amar, doía-me saber que o sobrenome Bang seria dado a outra pessoa e não a mim.

•••

Quando nos conhecemos, você dizia que iria me amar até o fim de seus dias, que nosso amor seria tão eterno quanto Romeu e Julieta, que seríamos tão felizes quanto a Bela e a Fera. Eu cumpri minha parte, Yongguk, estou lhe amando até mesmo em meus últimos dias de vida, mas e você? Onde está o homem que se dizia apaixonado por mim? Onde está o homem que um dia jurou me amar até a morte?

Onde está o homem que um dia foi meu?

Eu não sei em que momento errei, mas, se errei, eu peço desculpas, nunca foi minha intenção.

Não sinta pena de mim, amore, não sinta-se na obrigação de mentir apenas porque estou em meu leito de morte, do contrário, me diga a verdade, apenas a verdade. Me diga o porque de estar tão infeliz com nosso relacionamento, ne diga o porque de nossas noites serem tão entediantes, sem nenhum toque, sem nenhuma jura de amor.

Me diga o porque de já não ser mais o meu Yongguk.

Provavelmente não estarei mais aqui quando essa carta chegar até você, por isso lhe peço: não me leve flores, eu sou alérgico a elas.

Enfim, Yongguk, saiba que eu sempre cumpro minhas promessas e que mesmo após minha ida, eu irei te amar. Porque nosso amor é eterno, não é o que você dizia?


Junhong.


Notas Finais


Tchau.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...