História Promises - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Frosch, Gray Fullbuster, Happy, Laxus Dreyar, Layla Heartfilia, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Ashley, Lucy Heartfilia, Mirajane Strauss, Nashi Dragneel, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Personagens Originais, Rogue Cheney, Sting Eucliffe, Virgo, Zeref
Tags Escolar, Fairy Tail, Nalu, Romance Novela
Visualizações 151
Palavras 829
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção Científica, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oee
Que tal mais um capítulo? Lucy-nee deve se cuidar...
Boa leitura~

Capítulo 10 - Capítulo 10


Fanfic / Fanfiction Promises - Capítulo 10 - Capítulo 10

Durante a viagem de volta para casa o meu celular recebia várias mensagens dos meus amigos. Haviam ficado preocupados. Plue tinha uma feição triste em meu colo, menos de 1 dia e o cão menor já estava com saudades de Happy. Que irônia. Eu estava muito preocupada também, Mirajane havia deixado tudo pronto para meus dias de "folga" fora da escola e isso havia me deixado curiosa. Quando fui me despedir de Jellal ele me beijou, isso ocasionou num Natsu full puto me ignorando novamente, aquele idiota. 

Ao chegar em casa notei certa diferença, os empregados estavam tristes e tudo estava escuro, deixei as malas na sala e corri para cima encontrando a porta do escritório do meu pai aberta, aproximei-me vagarosamente sem fazer muito barulho e fiquei ao lado ouvindo a conversa.

- Ela estuda com nossos filhos, mas precisamos fazer ela se aproximar dos dragões gêmeos - uma voz grossa falou - Soube que ela namora o seu filho, Fernandes.

- Ela tentou tirar sua vida por culpa dos gêmeos! Como vocês fizeram algo assim sem meu concentimento!? - perguntou meu pai gritando - Ela está mais forte agora, eu acredito que minha filha consiga se defender sozinha, álias, ela passou para as semi-finais dos jogos escolares. Enfrentar a Saiberthoot  vai fazer bem para ela. - pude pela voz identificar que ele sorria - Aconteça oque acontecer, ele nunca pode chegar até ela.

Ouvi um barulho das cadeiras e sai dali o mais rápido possível, desci para a sala e fiquei ali aguardando eles sairem. Meu pai apareceu sozinho e eu estranhei, juro ter ouvido outras vozes. 

- Lucy! Você chegou - ele sorriu e veio até mim me abraçar - Desculpe fazer essa viagem repentina, mas eu precisava falar com você. 

Resolvemos deixar o assunto para mais tarde e aproveitar um tempo jubto para matar a saudade. Em 3 ou 4 dias ali ele ainda não havia dito nada, notei que meu pai estava estranho, parecia não dormir e nem comer bem. Quando eu estava prestes a ir embora ele veio conversar comigo, o assunto não me caiu bem.

- NÃO CASO! - gritei - Como pode!? Me vender para um desconhecido? VOCÊ QUE SEMPRE DISSE QUE EU DEVERIA ESCOLHER MEU CAMINHO PAI! - as lágrimas presas na garganta, ele parecia desnorteado também.

- EU JÁ DISSE LUCY! É PARA O SEU BEM ESSE CASAMENTO! - sem que ele pudesse terminar eu sai de casa batendo a porta. 

Algo me dizia que os homens no seu escritório tinham algo haver com isso, apenas ignorei. Peguei o primeiro trem de volta para a casa, o celular tocava sem parar com o número dele.

Quando cheguei na FT, fui recebida por um Gajeel preocupado, uma Levy nervosa e a Juvia chorando. Ao longo notei que o Natsu também me esperava, só que ele saiu andando. 

- Jellal-san quase infartou quando Juvia avisou que estava voltando e parecia chorar durante a ligação. Ele pediu desculpas a Lu-chan por não poder estar presente na recepção, mas ele tem que treinar para as semi-finais - Juvia falou quando me soltou do abraço - Freed sensei disse que Lucy deve treinar também, para não cair no rancking.

Eu acenei positivo e fui para o quarto, encontrei o rosado lá jogado em sua cama. 

- Natsu - chamei e fui ignorada - Natsu! - chamei novamente um pouco mais alto e vi ele me olhar nervoso mais controlando ao notar que eu segurava as lágrimas - Natsu, pode me ajudar? Eu não consigo mais segurar as lágrimas. 

Assim que terminei de falar abaixei chorando e chorando mais ainda ao ter os braços do menino envolvendo meu corpo.

¤¤¤{¥}¤¤¤

Hoje era o dia das semi-finais, onde 4 jovens seriam escolhidos para ir aos jogos escolares que seria em 4 semanas. Quando eu briguei com meu pai e cheguei aqui o Natsu cuidou de mim, ficou ao meu lado até que conseguisse me acalmar. Jellal chegou depois e com a ajuda do mesmo eu consegui voltar o ritmo dos treinos onde havia parado. Vez ou outra durante a noite eu treinava com o rosado no campo atrás da escola.

A minha luta estava sendo assustadora, a pior até agora, haviam colocado um monstro para lutar comigo. Bickslow era seu nome. O cara transformava os bang em totén e eu deveria me cuidar. Quando achei que estava perdendo algo brilhou na minha cabeça. Venci de 10 a 6 com uma única jogada. Eu estava na final. Eu era uma das 4 colocadas a final e estava sorrindo. Quando acabou fui levantada pelo Gajeel e as meninas pulavam a minha volta, Jellal veio até mim e me beijou, eu não estava acostumada com isso mas neh... Natsu sorria até eu ser beijada, apenas virou e saiu andando antes de levantar a mão para mim (como eles fazem no anime com o L).

Estávamos todos no refeitório quando a Mira chegou até mim com o telefone, ela parecia assustada.

- Lucy seu pai - começou - Ele... Ele...


To be continued...


Notas Finais


Aoooo poha!
Eai juregsons? Turu pom?
Foi tenso escrever esse, tá sendo tenso pensar no próximo. Mermão que loucura! Espero que estejam gostando, mostrem aos amigos e comentem ae qualquer coisa.
Omma ama vocês~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...