História Prostitution ÷ Hunhan - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Lu Han, Sehun
Tags Exo, Homossexual, Hunhan, Luhan, Sehun, Yaoi
Exibições 96
Palavras 743
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Yaoi
Avisos: Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Two - and rules are there to be broken


Luhan abriu lentamente seus olhos, ainda com fortes dores em suas pernas, assim olhou para o lado e não viu Sehun. Se não fosse pelas dores em suas regiões baixas, ele diria que aquilo que aconteceu fora tudo um sonho. O mesmo apenas se levantou e andou até o banheiro do quarto, se surpreendendo com tantas marcas rochas e vermelhas espalhadas por seu corpo. 


- Vou ter que usar muita maquiagem pra cobrir isso... - Falou consigo mesmo, passando a mão por uma das marcas em seu pescoço, soltando um gemido. - Maldito Sehun...


Passou a mão em seu cabelo, o jogando para trás, porém, logo voltou para frente de seus olhos. Apenas deu de ombros e andou até a mochila que havia no canto do quarto, vestindo a roupa que estava dentro da mesma e saiu do quarto, passando pelos corredores do motel que estava ficando. 


O colégio não ficava muito longe dalí, então dava para ir a pé. Sentiu seu celular vibrar em seu bolso enquanto andava, assim o pegou, deslizando o dedo sobre a tela, o desbloqueando. 


whatsapp on


Desconhecido: Me encontre no banheiro da escola assim que chegar. 


Me: Quem é? 


Desconhecido: Você sabe muito bem quem é, Luhan. (: 


whatsapp of


Luhan soltou um pequeno suspiro, colocando seu celular no bolso, ainda caminhando em direção da escola. 


Ao chegar na mesma, ajeitou seu cabelo, tentando retirar o mesmo da testa e caminhou em direção do banheiro.


Ele não sabia exatamente o que Sehun iria fazer naquele lugar, mas já imaginava o que o mais novo queria. 


Fungou baixinho, abaixando sua cabeça, seguindo o caminho até o banheiro, entrando no mesmo. Mordeu seu próprio lábio, olhando em volta e não encontrando Sehun. 


- Não acredito que terei que esperar esse idiota. - Murmurou baixo, se encostando na pia. 


- Eu não sou idiota, Luhan. - Luhan ouviu uma voz vindo da porta, assim olhou para a mesma, vendo Sehun lá.


- O que você tanto quer comigo? Vou acabar chegando atrasado nas aulas. - Cruzou seus finos braços, olhando na direção do mais novo.


- Eu só queria ter ver antes de ter que ir estudar. - Respondeu, começando a andar na direção do mais velho, que recuou um pouco. - O que foi? Não posso chegar perto de você não? - Ergueu uma sobrancelha, ainda indo na direção do garoto.


- N-Não... - Luhan acabou gagueijando, se encostando na parede atrás de si, com seus olhos fixados nas orbes escuras de Sehun. - Sehun, por favor, não p-pode fazer isso na escola... 


- Quem disse que eu vou fazer alguma coisa? - Ficou na frente de Luhan, colocando sua mão na parede, um pouco ao lado da cabeça do garoto. - Não é certo fazer esse tipo de coisas na escola, é contra as regras... - Falou, em um leve tom sarcástico em sua voz.


Aproximou seu rosto do garoto, ficando a mililitros de distância do mais velho, sentindo a respiração do garoto contra sua pele, com um pequeno sorriso entre seus lábios.


Luhan não sabia como reagir com aquilo, ele queria e não queria ao mesmo tempo beijar os lábios avermelhados de Oh Sehun que eram bastantes chamativos por causa do tom de pele do garoto.


- ...e regras estão ai para serem quebradas... - Completou sua frase, e sem perder tempo, início um beijo selvagem e intenso ao mesmo tempo. 


O chinês hesitou um pouco antes de corresponder o mesmo, porém, ao sentir a língua do garoto tocar seus lábios, se entregou totalmente ao beijo, colocando seus braços em volta do pescoço, o puxando mais para si. 


Seus lábios pareciam se tornar apenas um, era uma sincronia que apenas eles conseguiam fazer, era algo sensacional e Luhan estava se viciando cada vez mais naquilo. 


Ao ouvirem a porta do banheiro ser aberta, separaram o beijo e Luhan empurrou Sehun para longe, passando a mão em seus finos lábios, secando os mesmos. 


Um garoto alto e de cabelo avermelhado adentrou o banheiro, olhando para baixo.


— Err... Parece que eu estou atrapalhando, depois eu volto... - Chanyeol, falou, olhando para Sehun, com um pequeno sorriso entee os lábios.


O garoto deu meia volta e se retirou do banheiro, enquanto Luhan e Sehun se entreolharam, em silêncio.


- Mais tarde continuamos isso, Luhan... - Falou, saindo do banheiro.


O chinês se encostou na parede do banheiro, mordendo seu lábio, controlando sua respiração. Por algum motivo, seu coração estava batendo mais rápido novamente. 


Ele queria mais daquilo, e Sehun sabia muito bem disso. 


Notas Finais


espero que tenham gostado! até segunda que vem. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...