História Proud and in Love - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Personagens Originais
Tags Bangtanboys, Bts, Minyoongi, Suga
Visualizações 31
Palavras 1.479
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Estupro, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii turu bom?
Conforme prometido, esta aí o Hot ^^
(Lembrando que é a primeira vez que escrevo um então, perdão se ficou ruim)
Espero que goste!
Boa leitura ♥

Capítulo 24 - Oppa


Fanfic / Fanfiction Proud and in Love - Capítulo 24 - Oppa

-Tem uma coisa que eu não me canso facil quando estou fazendo... - diz Yoongi roçando seus lábios em minha orelha. Sorrio em resposta e pegando em sua mão, o levo até as escadas, logo subindo até meu quarto. Ao passar por algumas pessoas em meu corredor, levo Yoongi até meu quarto e, depois de trancar a porta tomo seus lábios em um beijo intenso e afoito. Entendendo minhas intenções, ele desce suas mãos até minha coxa me puxando para seu colo. - …tá bem assanhadinha hoje s/n... continua assim, tô adorando... - diz ele enquanto beijava meu pescoço. 

  -Você ainda não viu nada... - Yoongi me leva até a cama, e logo sinto minhas costas encostarem em meu acolchoado macio. O beijo intensamente e ainda com os lábios juntos aos meus, Yoongi leva sua mão até o interior de minha coxa. Minhas pernas se afastaram involuntariamente, deixando um grande espaço livre para ele. 

  -Y-Yoongi... - tomei fôlego para juntar algumas letras, mas, ele pareceu não me escutar, pelo contrário, chupou bruscamente minha pele, fazendo com que um gemido baixo e sofrego saísse por meus lábios. 

  Sua língua subiu calmamente por meu maxilar e tocou meu lábio inferior, logo pedindo passagem. Cedi me perdendo mais uma vez em seu beijo delicioso.

  Sua língua adentrava lentamente minha boca, fazendo com que sensações múltiplas atacassem meu corpo, em especial, meu íntimo. Fisgadas a baixo de meu umbigo faziam com que eu me contorcesse por inteira. 

  -Espera... - Yoongi se levantou e me deixou sozinha ali, imaginando o que ele poderia estar fazendo. Depois de ouvir son de algo, que presumo ser suas roupas, caindo no chão, com sua voz rouca e diabolicamente sexy, Yoongi me chama. - …vem aqui. - ele segura minha mão, e logo me coloco em sua frente. - …agora, fecha os olhos... - mesmo o quarto estando iluminado apenas pela a lua, fecho meus olhos, logo sentindo um pano macio de seda deslizando por meus olhos. Uma venda. A mesma, foi amarrada cuidadosamente. - …aproveite bem e esqueça de tudo, quero que você foque em mim, apenas no seu oppa… - sentia sua respiração quente e pesada em meu pescoço, enquanto seus lábios roçavam levemente em minha orelha. 

  Suas mãos foram parar no fecho do meu vestido, logo o abrindo enquanto descia beijos molhados por minhas nuca e costas, juntamente de meu vestido. Estava apenas de lingerie, totalmente entregue a suas mãos, que já desciam por minhas coxas. Eu estava em pé a sua frente, sem poder enxergar nada, a mercê de meus outros sentidos. Sua destra invadiu o interior de minhas coxas. Seu peito estava colado em minhas costas, e sua outra mão que até então estava livre, começou a tatear um de meus seios, adentrando meu sutiã, o que me arrancou um longo gemido. 

  Joguei minha cabeça pra trás apoiando em seu ombro quando senti seu dedo indicador acariciar meu íntimo, ainda por cima do fino tecido de minha calcinha. Seus dedos esfregavam-se por entre os lábios de minha intimidade lentamente, me deixando cada vez mais úmida. 

  Gemi baixo ao sentir um de seus dedos pressionar meu clitóris, mas logo sua mão fora afastada dali, me fazendo arfar um tanto frustrada. 

  -Vira pra mim meu amor... - diz ele enquanto me auxiliava a se virar pra ele. Yoongi me abraça calmamente e sela nossos lábios por um breve instante. - …tem certeza que você quer isso? - Apenas assinto em resposta. Facilmente, ele abre o fecho de meu sutiã, logo levando suas mãos até meus ombros e abaixando as alças do mesmo. 

  Novamente, me beijando, Yoongi me leva até a cama, se colocando em cima de meu corpo ele finaliza o beijo com um longo selar. Sua mão voltou para meu seio enquanto seus lábios atacavam meu outro seio, lambendo lentamente meu mamilo. Eu queria conter meus gemidos, mas aquela altura, eu já estava completamente sensível aos toques de Yoongi. 

  Revirei meus olhos por baixo da venda quando Yoongi chupou meu seio com intensidade e levou sua mão até minha barriga, parando por cima de minha calcinha. Suas mãos pararam em minhas coxas, afastando as mesmas para que ele pudesse levantar por um breve minuto e em seguida, colocar-se entre elas. 

  Eu podia sentir seu membro, já ereto, roçando em minha intimidade, enquanto sua boca ainda maltratava meus seios sensíveis. Eu poderia gozar apenas com aqueles toques! Meus gemidos baixos eram os únicos sons que ecoavam pelo quarto, além de seu estalar de língua. 

  Levei minhas mãos até suas costas nua, e arranhava levemente quando ele mordiscava meu mamilo. Cara, aquilo estava me deixando cada vez mais encharcada! 

  Seus dedos empurraram minha calcinha pro lado, logo esfregando seu dedo do meio na fenda de minha intimidade. Yoongi começou a fazer movimentos de vaivém lentos dentro de mim. No começo, senti um leve incomodo, mas, logo desconforto foi substituído por um prazer imensurável, e quando me dei conta, já estava rebolando nos dedos de Yoongi pedindo por mais. Ao receber isso, ele acrescenta mais um e logo depois outro dedo, acelerando mais os movimentos. 

  Eu não sei como explicar, essa é uma das melhores sensações de minha vida. Por conta da venda, eu era movida apenas por minha imaginação e tato. 

  Com uma de suas mãos, ele retirou minha calcinha, desvenciliando sua boca de meus seios, e trilhando beijos por minha barriga, logo, sinto minha calcinha deslizar por entre minhas pernas. 

  Totalmente nua, não pude deixar de sentir um nervosismo. Minhas pernas tremeram forte, mas logo ambas foram seguradas fortemente pelas enormes e fortes mãos de Yoongi. Meu corpo todo se contraiu quando seus lábios tocaram minha virilha, deixando alguns beijos pelo lugar, enquanto sua respiração pesada agredia meus lábios vaginais. 

  Revirei os olhos e gemi alto quando senti a língua de Yoongi me invadir. Por impulso, levei uma mão em sua cabeça, envolvendo alguns fios de seu cabelo, e com a outra, segurei os lençóis, cravando minhas unhas ali. 

  Sua língua molhada fazia movimentos circulares em meu clitóris, fazendo meu corpo amolecer inteiro. Gemi alto novamente. Que língua maravilhosa Min Yoongi...

  Bastou mais alguns chupões em meu clitóris, para eu me desfazer em seus lábios, sentindo meu corpo todo tremer ao chegar em meu primeiro ápice daquela noite. 

  Seu corpo voltou para cima do meu e seus lábios tocaram gentilmente os meus. Rapidamente, dou uma olhadinha para baixo, e me surpreendo. Sem cueca e completamente excitado, era como Yoongi estava. Como isso vai caber dentro de mim?! É muito grande... e grosso. Depois de retirar minha venda, Yoongi me encara. 

  -Pronta? - pergunta ele me olhando cautelosamente enquanto entrelaçava suas mãos as minha. Assinto e fecho os olhos esperando seu próximo ato. Yoongi afundou seu rosto em meu pescoço beijando e chupando o mesmo algumas vezes roçava levemente seu membro em meu clitóris, fazendo minhas pernas temerem novamente, devido minha sensibilidade. 

  Lentamente, pude sentir seu membro entrando em mim. Cravo fortemente minhas unhas em suas costas e solto um gemido alto por conta da imensa dor. Isso está sendo mais dolorido do que eu pensei. Logo sinto algumas lágrimas se acumularem no canto de meus olhos. Percebendo isso, Yoongi fica imóvel durante alguns segundos dentro de mim. 

  Alguns instantes depois, o incomodo passa um pouco. Movo meu quadril lhe dando permissão para continuar. Yoongi começa a estocar lentamente, e, depois de três, quatro estocadas, a dor foi passando e logo foi substituída por um prazer imensurável. 

  -Aawn Y-Yoongi, m-mais rápido oppa! - gemo manhosa.

  Descontando o prazer que estava sentindo, cravo minhas unhas nas costas de Yoongi, o que faz ele soltar um leve gemido. 

  Nossos gemidos foram ficando mais altos conforme o ritmo das estocadas ficava mais intenso. Revirava meus olhos a cada vez que sentia seu membro sair completamente de mim, e voltar a me preencher. 

  Depois de muitas estocadas, sinto espasmos percorrer meu corpo e logo, me desmancho, melecando o pau de Yoongi todinho.

  -Mas já s/n? - diz ele divertido. Antes que eu pudesse dizer algo, Yoongi sai de cima de mim e se senta, em seguida, me puxando para seu colo. - …rebola pro seu oppa... - sussurra no meu ouvido. Atendendo a seu pedido, apoio minhas mãos em seus ombros, e me movimento para baixo, logo sentindo seu membro me invadir. 

  Comecei a rebolar lentamente em seu colo, arrancando gemidos roucos e deliciosos de Yoongi. Algum tempo depois, Yoongi agarrou minha cintura, ditando meus movimentos. Gemia loucamente enquanto cavalgava em Yoongi, e depois de chegar mais uma vez ao meu ápice, Abraço Yoongi cansada. Algumas estocadas depois, Yoongi também chega ao seu ápice

  - Isso. Foi. Muito, bom! - digo pausadamente tentando controlar minha respiração. Ainda com a testa colada a minha, Yoongi diz:

  -Com certeza... s/n?

  -Hm? 

  -Eu te amo muito. 

  -Eu também. - dou um breve beijo em seus lábios e me deito a seu lado. 





[…]


Notas Finais


Favorite e comente pra eu saber se esta gostando, isso me deixa muiito feliz ^^
Até o próximo capítulo!
-Xoxo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...