História Provocativo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Visualizações 42
Palavras 450
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Fluffy, Musical (Songfic), Slash

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


mais um asfbaskljbafba
talvez tenha mais hoje, não sei.
boa leitura!

Capítulo 1 - One - você é cheio de bobagens mas eu te amo mesmo assim.


Fanfic / Fanfiction Provocativo - Capítulo 1 - One - você é cheio de bobagens mas eu te amo mesmo assim.

one | você é cheio de bobagens mas eu te amo mesmo assim.

O rosto de Matsukawa era incrivelmente bonito ruborizado e Hanamaki não conseguia tirar os olhos daqueles olhos brilhantes que o namorado tinha. Soltava leves cantadas em tom baixo ao mesmo tempo em que acarinhava delicadamente as feições alheias e o moreno ficava tão frustrado que escondia-se em sua revista de vôlei e resmungava xingamentos para o menor sorridente – porque provocar o rapaz era o passatempo favorito do rosado, obrigada, de nada.

O suspiro que saiu do parceiro surpreendeu Takahiro, já que o maior permanecera completamente quieto o tempo inteiro.

– Você é um idiota, sabia? – Issei reclamou em um murmúrio ao que fechava o objeto em suas mãos e cruzava os braços, moldando sua melhor expressão emburrada. O outro riu e arqueou uma sobrancelha em ar desafiador.

– Bom, eu sou o seu idiota – retrucou e se aproximou do mais alto, segurando seu queixo e levemente encostando seus narizes gelados. Mattsun pasmou e soltou uma exclamação totalmente envergonhada enquanto novamente corava de maneira violenta. – e você fica muito lindo coradinho, sabia?

– Cala a boca de uma vez – o moreno sussurrou, desviando o olhar em uma tentativa falha de fugir. Mas Takahiro tinha outros planos e rapidamente tomou os lábios alheios, tirando mais um suspiro destes. Sentiu novamente a maciez do mais alto e, ao se afastar, ficou satisfeito vendo que o mesmo lhe abraçava, enterrando o rosto vermelho na curva de seu pescoço, o causando arrepios. – eu te odeio muito mesmo. Babaca.

– Me afasta então – desafiou o Hanamaki com um sorriso travesso. Levou uma tapa na nuca vinda carinhosamente de seu namorado.

– Não dá, o seu corpo é quentinho e eu tô com frio – alegou, bufando e passando o nariz no lugar onde antes estava com a cabeça deitada. – e também você fica sorrindo quando me provoca.

– Isso é ruim ou bom?

O moreno se afastou relutante, encarando profundamente nos olhos alheios com intensidade. O olhar baixou para aquele sorriso sapeca que embelezava o rosto do de cabelos rosas ainda mais e subitamente Matsukawa também sorria, dócil.

– Isso é bom – respondeu. – eu amo o seu sorriso quando ele fica assim. Eu odeio isso mas também amo quando você me provoca desse jeito.

– Eu não sei como namoro você, você só sabe dizer coisas confusas – foi a vez do menor ruborizar, rindo roucamente. – sabe, Mattsun, o seu sorriso de “eu sou bobo” é muito lindo também.

– Eu tento ser fofo e você me chama de bobo?

– Você é cheio de bobagens – Hanamaki continuou, fechando os olhos e encostando sua testa na testa alheia ao que apertava mais o corpo do maior contra o seu. – mas eu te amo mesmo assim. 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...