História Psicho, but sweet. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Min Yoongi, Suga
Visualizações 97
Palavras 1.140
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Three.


Fanfic / Fanfiction Psicho, but sweet. - Capítulo 3 - Three.

Esperava não cruzar com Min Yoongi naquele dia, também esperava muito não esbarrar com ele nos outros dias. Eu o beijei. Como iria encarar ele agora? 

- Aut... Não olha agora, mas o Yoongi ta vindo pra cá. - Disse Vic. 

- Não acredito! - Peguei um livro fingindo ser invisível. 

- Nossa, nem to te vendo. - Disse Dress com ironia. 

- Vem Dress! Vamos. - Vic puxou Dress para longe me deixando ali sozinha. 

- Ei, volta! - Falei. Mas elas já estavam longe. 

Min Yoongi parou na minha frente. Voltei a colocar o livro em frente ao rosto para tentar me esconder. 

- Hm... É mais eficaz do que a capa da invisibilidade do Harry Potter. - Ele disse. 

- Ótimo. - Falei.

Ele levou seus dedos até o livro e baixou ele devagar. Yoongi me encarava e eu não conseguia não ficar hipnotizada com aquele olhar que ele me lançava. 

- Por que quer se esconder? 

- Não quero. 

- Jura? Pelo que eu saiba você estava tentando se esconder. 

- Não... Não estava, Yoongi. - Me virei para meu armário para retirar meus livros. 

Me deparei com um cartão, não era qualquer cartão... Era o desenho que tinha na máscara do cara do beco. Era o desenho da máscara do ursinho Pooh. Senti meu coração acelerar. Ele estaria perto? Parece que ele estava perto o suficiente para me fazer pequenas ameaças.

- Autumn? Você está bem? - Disse Yoongi aproximando. 

Estava perdida nos meus pensamentos. Ele podia ser qualquer um. Ele podia realmente me matar, mas o que ele poderia fazer? Quem ele poderia ferir para me afetar?

- Aut...? 

Yoongi apoiou sua mão em meu ombro e dei um salto me virando para ele com o cartão em mãos. 

- O que é isso? - Ele apontou para o cartão. 

- Não é nada. 

- Esse ursinho... Espera... É o Kukamon? - Yoongi sorriu. 

- Kukamon? Esse bicho feio é Kukamon?

- Sim. Eu gosto bastante dele. - Ele sorriu. 

- Ele dá medo...

- Algo dá medo dependendo do modo em que é visto, Aut. 

- Verdade... - Falei amassando o papel e o jogando fora. 

- Você namora com o Jin hyung? 

- An... Não. Não namoro e quero distância disso. 

- Ótimo. - Ele sorriu. 

Sorri de lado. 

- Tenho que ir agora... - Falei e me virei.

- Espera... - Ele segurou meu pulso.

Olhei para ele. 

- Eu quero ir ao cinema. - Ele disse.

- Então... 

- Você vai comigo. - Ele completou. 

- Eu não sei. 

- Não foi uma pergunta, Autumn. 

- Você se acha no direito de me dizer o que fazer? 

- Sim.

- Por quê? 

- Porque eu disse. Você vai ao cinema comigo hoje. Te busco às 19h. - Ele sorriu e colocou as mãos nos bolsos. Saiu.

- Aish... O que te faz sentir no direito de mandar em mim? - Falei sozinha abraçando o meu livro.  

No refeitório, Dress e Vic discutiam sobre eu ter que aceitar o convite de Yoongi para sair. 

- Miga, tenho argumentos. - Disse Dress. 

- Prossiga. 

- 1: Ele é um; 2: homão; 3: da porra. 

Revirei os olhos. 

- Se você não for, eu vou. - Disse Vic comendo mentos. 

- Miga, desde cedo que te vejo comer mentos. - Falei. 

- To tentando tirar o gosto daquele velho babão da minha boca. - Disse Vic colocando mais um mentos na boca.

Dress berrou e aquilo fez todos olharem para nossa mesa. 

- Minha nossa, alguém cala a boca dessa criatura. - Falei tentando me esconder sob a mesa. 

- Dress pelo am... - Vic engasgou com os mentos e levantou os braços.

Comecei a dar tapinhas nas costas dela. Dress berrava ainda mais alto com aquilo tudo. 


A noite as meninas foram ao shopping e eu preferi ficar em casa. Olhei para o relógio e já era 19:00hrs. Não me arrumei e tão pouco tentei. Não queria sair com Min Yoongi. A campainha tocou e fingi que não estava ouvindo. 

Meu celular tocou, era ele...

Alô? 

Aut?

Oi? 

Não está ouvindo a campainha? 

Não estou em casa, Yoongi. 

Mentira.

É a verdade.

Mentira. 

Por que insiste em dizer que é mentira?

Olha pra trás. 

Olhei para trás no mesmo instante. Min Yoongi estava do outro lado da janela. Corri e abri a mesma. 

- VOCÊ É LOUCO OU O QUÊ? - Falei irritada. 

- Você não atendia a porta. - Ele disse com um detestável sorriso em seu rosto. Ele sentou no sofá e me olhou - Bela roupa. 

Eu estava usando um shortinho de dormir e uma blusa de manga longa que era quase um vestido em mim. 

- Eu disse que não iria sair com você!

- Então vemos o filme aqui. Tem Netflix? - Ele disse colocando os pés sobre a mesa de centro. 

- Não tenho. Tira os pés da mesinha. - Falei dando um tapa em sua perna. 

- Eu tenho. Sem problemas. - Ele acessou a Netflix e colocou em um filme qualquer. 

- O que te dá o direito de vir na minha casa e achar que é o dono?

- Para de reclamar, Autumn. Senta aqui e vem ver um filme. - Ele disse me puxando pela mão. 

Tentei me soltar e ele me puxou mais forte. Cai sobre o colo de Min Yoongi, ele segurava minhas mãos e nossos rostos estão próximos o suficiente. 

- Me solta... - Falei baixo. 

- Ta bem. - Ele me soltou e eu cai no chão. 

Levantei com as mãos nas costelas e comecei a dar tapinhas pelo Min Yoongi.

- Seu afrontoso! Você vem na minha casa e acha que pode tudo! 

Ele me segurou novamente. Tentava me soltar, mas a tentativa era falha e eu estava de joelhos sobre seu colo. Ele ria em meio a tudo, parecia estar satisfeito com aquilo. O trinco da porta girou, Dress e Vic entraram.

- HMMMMMMMMMMMMMMMM - Disse Dress. 

- Não é o que está pensando. - Expliquei tentando me soltar de Yoongi.

- Sei... Nem precisa explicar nada. Safrada. - Disse Vic com um gesto malicioso. 

- Nós só estávamos... - Fui interrompida por ele.

- Estávamos preparando para fazer sexo, mas infelizmente vocês atrapalharam e agora não dá. - Ele me soltou e levantou. - Até próximo, meu bem. - Ele soltou um beijo pra mim. - Boa noite, meninas. - Ele se despediu das minhas amigas e saiu. 

Gritei de raiva.

- EU QUERO MATAR ELE! 

- De love. - Disse Dress.

- Matar na cama, ne. - Disse Vic.

- Ele entrou aqui e começou a querer mandar em mim!

- Christian Grey, gata. Yoongi Grey. - Disse Dress. 

- Anastasia. Oh! - Disse Vic fingindo gemer. 

- Aish! Calem a boca, vacas! - Joguei os travesseiros nelas. 

Por que de todas as pessoas da face da Terra, Min Yoongi tinha que mexer logo comigo? Por que ele fez isso? Aish...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...