História Psicho, but sweet. - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Min Yoongi, Suga
Visualizações 95
Palavras 902
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Four.


Fanfic / Fanfiction Psicho, but sweet. - Capítulo 4 - Four.

- Vocês já podem parar de me encher pelo que aconteceu ontem. - Falei enfiando uma colher no pote de Nutella. 

- Não vamos. - Disse Vic já roubando minha Nutella. 

- O que vamos fazer hoje? Hoje é sábado! Vamos aproveitar. - Disse Dress animada. 

- Sossega. Hoje só quero ficar em casa comendo Nutella. 

- Ela ta com medo de encontrar o mozão dela. Ops, Yoongi. - Disse Vic. 

Fiz careta pra ela e mostrei a língua. Me aconcheguei ao sofá vendo um filme ruim que Dress escolheu. 

- Não estou com medo dele. Estou com medo de outra coisa... 

- De quê? - Vic perguntou sentando no sofá. 

- Do Kumamon.

- Quê? Cu mamou? - Perguntou Dress.

- Kumamon, menina. É uma longa história... Mas de qualquer forma não fale o nome de Yoongi. 

- Até parece que é falar o nome do Yoongi que ele irá surgir - Disse Vic.

A campainha tocou na mesma hora. Nos entreolhamos. 

- Não abre! - Falei baixo.

Dress aproximou da porta.

- Yoongi...? - Ela sussurrou. 

- Jin. - Disse Jin do outro lado da porta. 

Respirei alivida. Dress abriu a porta. Jin estava usando uma camisa rosa e uma calça preta rasgada, ele aproximou.

- Oi Jessie. Oi Dress. Oi Vic. - Ele disse sorridente. 

- Oi Jin! - As meninas responderam.

- Jin! - Falei dando um abraço nele. Jin era um dos poucos rapazes que me fazia sentir bem. 

- Tem planos para hoje? - Ele me perguntou enquanto arrumava uma mecha do meu cabelo atrás da orelha. 

Olhei para as meninas, elas me olhavam com um olhar malicioso em relação àquilo. 

- An... Eu...

- Ela não tem! - Gritou Dress. A encarei e voltei a olhar Jin. 

- Ótimo. Topa jantar comigo? 

- Eu... É... 

- Ela topa! - Gritou Vic. Mostrei o dedo do meio para ela discretamente. 

- Vamos sair para jantar? - Jin perguntou sorridente. 

- Sair? Não estou disposta para sair. 

"É por causa do cu que mamou?" ouvi Dress cochichar para Vic que lhe deu uma cotovelada nas costelas. 

- Posso vir jantar aqui com você... - Jin disse. 

- E com a gente também! - Disse Vic. 

- Mas se ela for cozinhar, vamos comer lá no Cu. - Disse Dress.

- No Cu? - Olhou Vic pra ela assustada.

- Miga, é aquela mini lanchonete que tem aqui perto. - explicou Dress. 

- Ah ta, explique. - Disse Vic.

- Eu farei o jantar! - Disse Jin todo animado. 

- Aeeeeeeee! - Vibraram as meninas. 

- Quem disse que vocês vão jantar com a gente? - Falei. 

Elas fizeram beicinho. 

- Elas podem, Jessie. Farei jantar para todos.

- Aeeeeeeeeeeee! - Voltaram a vibrar. 

- Irei passar no supermercado e comprar as coisas para preparar o nosso jantar. - Jin segurava minha mão e caminhava para a porta. 

O segui. Antes de ir embora ele beijou minha testa. 

- Ai que lindos! - Disse Dress fingindo estar emocionada.

- Aish... Vocês também não ajudam, ne. 

- Dois homão da porra. Agora to em dúvida.  - Disse Vic. 

- Miga, posso pedir um favor? - Disse Dress aproximando. 

- Diga.

- Usa prato descartável, porque vai sobrar pra mim lavar as louças. 

- Oxe! 


Jin chegou por volta das 17:30. Colocou o avental e foi para a cozinha. 

- Quer ajuda? - Falei colocando o outro avental. 

- Claro! Minha pequena ajudante. - Ele disse com aquele lindo sorriso em seu rosto. 

Comecei a cortar as batatas. Jin cozinhava a carne e fazia outras coisas que ele sabia fazer bem melhor que eu. Enquanto cozinhavamos, ele abriu uma garrafa de cerveja de manga. Enquanto esperava tudo ficar pronto, sentei sobre o balcão. Estava um pouco tonta. Jin aproximou e apoiou seu corpo entre minhas pernas, ele ainda estava sóbrio. Sua mão devagar tocava minha coxa e eu a parei. 

- Kim Seokjin... - Falei. 

- Jéssica... Você é uma princesa, sabia?

Sorri com vergonha.

- Para, Jin! 

Ele riu ao me ver vermelha e aquela risada me contagiou. Não sei como não percebi, mas meu rosto estava muito perto do rosto de Jin. Nós nos encaravamos. Ele levou sua mão ao meu queixo e devagar aproximou minha boca a dele. Estávamos perto o suficiente para que eu pudesse sentir a respiração dele. 

- To chegando... - Disse Dress entrando na cozinha. Afastamos de imediato. - Eita porra! To voltando. - Ela disse voltando para a sala. 

Jin sorriu e voltou sua atenção para as comidas agora. 


Após o jantar e após Jin ir embora. Conversei com minhas amigas sobre o que aconteceu no beco. Sobre o cara com máscara de Kumamon que eu chamava carinhosamente de ursinho Pooh. 

- TU É LOUCA DE ENFRENTAR UM CARA NO BECO? - Vic disse histérica. 

- NESSAS HORAS VOCÊ SAI CORRENDO MEU BEM. RUN RUN RUN! - Disse Dress também no mesmo tom que Vic. 

- Ótimo agora tem um psicopata perseguindo você e nós também. - Disse Vic. 

- Na verdade, é só a mim mesmo. 

- Mesmo assim! - Dress sentou no sofá. - Eu acho que tô ficando com caganeira. 

- Foi da comida, miga? - Perguntou Vic.

- É do medo mesmo. - Disse Dress. 

- Vai tudo ficar bem! - Falei.

Será que realmente tudo ia ficar bem? Como eu poderia ter tanta certeza disso? No beco ele disse que iria me matar aos poucos... Como vou saber se ele já não estava fazendo isso?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...