História Psicótico - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alfredo Flores, Ariana Grande, Ashley Benson, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Nina Dobrev
Personagens Alfredo Flores, Ariana Grande, Ashley Benson, Chaz Somers, Christian Beadles, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Nina Dobrev, Personagens Originais
Exibições 53
Palavras 1.511
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


>Está fanfic terá apenas uma temporada
>Estou pensando em excluir
>Espero que vocês estejam gostando pois estou aqui para aceitar elogios e críticas
>E é isso beijos meus amores

Capítulo 18 - Eu sou um mafioso agora


Fanfic / Fanfiction Psicótico - Capítulo 18 - Eu sou um mafioso agora

Singarupa , 2:30 p.m 

"Não perco esse dom de bondade , continuo dando flores mesmo que receba espinhos !"

P.O.V Angeline Qtyshia 

Só deus sabe o amor de pessoa que esse homem estava ,  não sabia ao certo o que o pai dele havia dito mas pelo jeito que ele está com certeza é algo bom e se é bom então tudo bem .

Claro que eu não gostei muito disso , não fui com a cara do pai dele e nem muito menos com oa homems que vagavam nessa casa na verdade eu nem sabia o motivo de tanto homem eram muitos . 

Mas mesmo assim eu não falei nada e nem fui chata ou medíocre ,  eu apenas fui eu .

Já estava deitada a um tempinho sem nada pra fazer nessa enorme casa e o Justin estava no escritório com o pai dele , e bom eu não queria sair e ter que aguentar todos aqueles homens me olhando como se eu estivesse pelada isso era muito chato , senti um barulho e a porta estava sendo aberta me dando a visão de Justin entrando no mesmo . 

-Vamos voltar e lá conversamos , faça a sua mala - ele disse e eu apenas assenti dando de ombros e indo até o closet e pondo minhas peças de roupas que eu usei durante esses dois dias , assim que terminei fui em direção ao banheiro e tomei um banho logo pondo uma roupa mas apresentável e logo desci com minha mala e meu sorriso falso estampado no rosto vendo Justin sentando com uma chacorrinha e sorrindo pra mesma a cena mas linda e assim que me viu sorriu de lado o mesmo se levantou e deu um breve abraço em seu pai logo vindo até a mim .

-Foi bom te conhecer querida , espero que vocês se entendam -  ele disse e eu assenti mesmo não entendendo o final da frase e seguindo o Justin até um carro que nós esperava e logo adentrando o mesmo indo pra casa em solo Californiano .


P.O.VJustin Bieber 

Horas antes 

-Mas é claro que eu aceito ,  mas é claro que não sou um fracassado - eu disse me animando com a ideia de que quando esse velho morrer a mafia seria minha e eu estaria rico 

-Espero que entenda o motivo de eu ter te procurado eu não tive filhos e a única coisa que fiz foi me relacionar com putas caseiras e mesmo assim nunca engravidei nenhuma então a mafia fica pra você e como eu estou velho resolvi ter essa decisão logo -eu apenas assenti entendendo o que ele queria dizer 

-Tudo bem , não é uma má ideia - digo sorrindo e olhando pra qualquer canto 

-Volte com sua namorada pra Califórnia e resolva tudo lá faça suas malas e volte e trata seu melhor amigo para participar também -  isso realmente me surpreendeu apenas assento e saio indo até o quarto onde Angel estava .

-Vamos voltar e lá conversamos , faça a sua mala - ela apenas assentiu e sumiu no closet com minhas coisas prontas desci as escadas e fiquei esperando a mesma sendo destruído por lambidas e brincadeiras de puf uma chachorra fofa e totalmente peluda logo a Angel desceu nos despedimos e entramos no carro que nós aguardava e em poucos minutos estávamos no aeroporto esperando o jatinho particular aterizar .

Horas  atuais 8:00 p.m

A havíamos chegado a Califórnia e eu deixei Ang em casa logo prometendo voltar e contar o que tanto eu estava escondendo mas antes eu precisava conversar com Ry e assim que cheguei na casa do mesmo vi ele na cena mas nojenta e melosa com Lili como dois apaixonados . 

-HEY MEUS MANOS TRANSAR AGORA NÃO POR QUE O GOSTOSÃO CHEGOU -gritei os assustando e vendo os mesmos pularem do sofá recebendo uma risada de mim .

-Qual foi truta , me assutou - Ry disse vindo em minha direção e fazendo nosso toque

-Não foi minha intenção - digo lançando um sorriso cínico . 

-Imagino - Lili disse irônica apenas ignorei 

-Dude eu preciso conversar contigo - falo olhando pra Ry que apenas assenti -A SÓS -destaco o "a sós " olhando pra Lili que bufa e beija o namorado novamente e pega sua bolsa logo metendo o pé , até que enfim piranha meu sub consciente grita .

-Fala truta o que rolou lá - o mesmo diz se sentado no sofá faço o mesmo e respiro fundo 

-Ele disse o motivo de ele não presenciar a vida de mim e Anne pois assim que minha mãe o traiu ele decidiu mudar de vida e ir pra bem longe onde ele não soubesse de nenhuma notícia em relação a nos ,  pois ele não aceitou ser traído por ela que logo após estava com Enzo e então ele foi pra Singapura e lá teve os encantos do lugar e logo ele conheceu Gregori um homem que também estava abandonado e traído a mas de vinte anos mas ele tinha uma das melhores partes da máfia criminosa e logo eles viraram amigos e assim que Gregori morreu meu pai assumiu a máfia e hoje comanda grande parte e eu sou o substituto caso algo aconteça -  disse sorrindo o mesmo estava boqui aberta com tudo isso 

-Co .. como assim cara ? -Ry perguntou gaguejando ri fraco 

-E isso irmão e estou te chamando pra participar - ele piscou algumas vezes e me olhou 

-Mas é claro dude - ele veio em minha direção rindo e logo nos demos um abraço 

(....)

-ANGINE QTYSHIA- gritei entrando no apartamento 

-O QUE É CARALHO VAi ASSUSTAR O CAPETA -ela grita de volta me fazendo rir do modo como ela disse 

-VEM AQUI PORRA-eu apenas fui ignorado bufei e me sentei no sofá esperando a mesma 

-Fala - ela disse chegando na sala e se sentando ao meu lado com uma cara feia vish .

P.O.V Angeline Qtyshia 

Eu não fazia ideia do que ele queria me dizer mas mesmo assim sabia que era coisa que eu não irira gostar pos eu estava com uma sensação estranha e é claro que eu estava de cara feia a todo tempo , e não disfarçava eu estava sentanda no sofá um pouco longe do mesmo esperando o que ele queria tanto me contar o mesmo respirou fundo e então disse o que eu não preferia nem ouvir .

-Meu pai é um dos mas famosos do tráfico de drogas de Singapura e agora eu faço parte da equipe dele- fiquei o olhando com cara de bunda totalmente desacreditada no que acabei de  ouvir . 

-Você ta de graça com a minha cara né?-falei extremamente seca com a raiva que já estava subindo minha cabeça 

-Não , por que estaria?- ele disse confuso me olhando  

-Justin ! você é um idiota eu mudei deixei tudo que eu dia eu fui por você ,  eu mudei e o motivo é você ,  você me mudou e eu nem percebi e agora você quer por tudo por água abaixo- eu já me encotrava em pé simbolizando as coisas pro mesmo que me olhava apenas observando o que eu dizia 

-Oh meu anjo!- ele disse umidecendo os lábios - Eu não me lembro de ter tido que ia mudar por você , eu apenas melhorei por você ,  boba foi você baby - ele disse e isso foi como se estivessem arrancando o meu coração veia por veia até me matar por completo .

-VOCÊ NÃO ENTENDE NADA , ABSOLUTAMENTE NADA -  gritei com o mesmo que apenas riu de leve 

-Você está fazendo tempestade em copo d'água  - ele disse seco se levantando e parando em minha frente seus olhos se encontraram agora em um tom escuro 

-Não estou -disse próxima aos lábios do mesmo -Fica -falei com uma voz sexy

-Sem jogo sujo baby- ele falou se afastando de mim bufei irritada . 

-EU DESISTO VAI PRA CASA  DO CARALHO OKAY? VOCÊ QUER IR? QUER SE AFUNDAR NOVAMENTE ? EU NÃO VOU ME SUBMETER A ISSO JUSTIN POR QUE EU MUDEI ,  ENTÃO VÁ SOZINHO VÁ EMBORA ESQUEÇA QUE SIGNIFICO ALGO PRA VOCÊ - gritei  sentia meu rosto arder eu obviamente estava vermelha .

-Você nunca significou algo pra mim -ele susurrou no meu ouvido subindo pelo corredor e então eu me joguei no chão soluçando alto quando a primeira lágrima desceu 

You fight me off like a fire fighter so tell me why you still get burnt you say you're not but you're still a liar 'cuz I'm the one that you run to first everytime why do you try to deny it when you show up every night and tell me that you want me but it's complicated so complicated 

(Você me combate como um bombeiro Então me diga porquê você ainda se queima Você diz que não, mas ainda é um mentiroso Porque é pra mim que você sempre corre 

Por que você tenta negar toda vez Quando você aparece todas as noites 

E me diz que você me quer, mas é complicado tão complicado)


Notas Finais


Eu amei de paixão esse capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...