História Psicótico - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alfredo Flores, Ariana Grande, Ashley Benson, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Nina Dobrev
Personagens Alfredo Flores, Ariana Grande, Ashley Benson, Chaz Somers, Christian Beadles, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Nina Dobrev, Personagens Originais
Exibições 43
Palavras 1.242
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Beijos

Capítulo 20 - Sorry


Fanfic / Fanfiction Psicótico - Capítulo 20 - Sorry

"Eu abaixo o som do mundo só pra ouvir a sua  voz ."
P.O.V Angeline Qtyshia
-Tenho que ir - ele disse murmurando e eu apenas assenti vendo o mesmo se levantar e começar a vestir suas roupas e arrumar o cabelos de leve logo pondo o sapato parecia que era a coisa mas interesente , que nao era , nem de longe mas mesmo assim eu ainda prestava atenção em cada coisa que ele fazia e o mesmo nao se incomodava em nenhum olhar que eu lançava .

Depois que ele terminou veio até minha pessoa e me deu um beijo na testa seguido de um selinho logo sumindo me deixando com cara de bunda e logo meu pensamento para minha mãe.

Como ela devia estar ? Sera que voltou com meu padrasto ? Será que em momentos como esse agora ela se permitia pensar em mim ? Sera que realmente eu sou um caso perdido ?
Muitas perguntas,  pra nenhuma resposta .
Eu penso em tudo que me trasfomei uma ninguém que simplesmente  parou de matar e roubar por conta de um garoto , sim eu já sabia exatamente que eu me apaixonei  , e droga eu me odeio por isso , odeio adimitir que sentia falta da minha mãe mas amava demais esse homem e me permiti sentir .

Meu celular vibrou me despertando dos meus pensamentos peguei o mesmo e era uma mensagem de Justin dizendo seguinte coisa
"Nem pense em se levantar dessa cama , você nao vai ir pra lugar nenhum "
Assim que li meu celular começou a tocar atendi rapidamente
-Alô? 
-oi angel é ryan
-Oi ryan
-Então vai pra boate ?- eu ri e asenti logo entendendo o motivo da mensagem de Justin e desligando indo preparar as coisas .

Me despi e pus uma hidratação no meus cabelos que antes longos agora estavam curtos e loiros tomei um banho longo na banheira com algumas ervas fazendo meu corpo ficar macio e cheiroso e depois de alguns logos minutos eu sai enrolada na toalha indo até o closet e vendo milhares de roupas antigas da ultima vez que fui presa , vagei meus olhos por ali e não achei nada que me chamasse a atenção então decidi por uma lingerie branca e  optei por esperar em cima da hora .

Duas horas depois eu estava com um vestido solto e cor de creme e uma bolsinha vermelha em formato de boca fiz uma maquiagem leve e pus um sapato cor de creme também pra combinar mandei uma mensagem pra Ryan dizendo pra ele não contar que eu ia pra boate e me mandar o endereço e a parte da boate que eles estavam .

Depois de longos minutos no trânsito eu havia chegado , não demorou muito pra eu entrar até porque mesmo eu não estando vulgar o segurança me comia com os olhos entrei e logo vi os meninos na área vip,  Justin sorria mas quando me viu seu sorriso muchou.

Subi as escadas lentamente com um sorrisinho de lado , Ryan se levantou e disse para o segurança que eu estava com ele e o mesmo me deu passagem e fui até a mesa dos mesmos me sentando.
Justin nem se quer lançou um olhar pra mim peguei o copo de vodka e bebi um pouco sentindo o gosto amargo e gostoso que o mesmo tinha .
-Vamos dançar Angeline ?- Ryan propôs e eu assenti indo até o andar de baixo para poder dançar começamos ao nos mexer conforme a musica agitada que tocava sentia os olhares de Justin sobre nos mas nem dei importância.

Depois de dançar de doer os pés me sentei na mesa e Ryan sumiu me deixando com Justin com sua tipica cara de bunda me fitando hora ou outra .

-Vamos dançar Justin ?- o fitei e o mesmo me olhou com cara de poucos amigos
-Chame Ryan vocês estavam em perfeita sincronia- eu ri de leve e neguei com a cabeça ele estava com ciúmes
-Você esta com ciúmes- ri o fitando
-Não tenho nada contigo - ele disse seco se levantando e sumindo pela área vip dei de ombros e um homem se se aproximou da mesa, cabelo cacheado com uma barba bem feita e um sorriso lindo moreno realmente da cor do pecado ele era lindo sorriu pra mim e pediu pra se sentar dei de ombros deixando .
-Como se chama ?- ele parecia ser direto e nao render assunto
-Angeline  e você? -disse sorrindo ele era realmente lindo
-Hiago - ele disse me fitando seu olhar era pura luxúria
-Oh , sim - disse meio sem assunto
-Te achei interessante o que eu faço pra te beijar ?- eu ri e me aproximei do mesmo sorrindo
-Pensei que nunca iria perguntar - o mesmo partiu pra cima de mim me lascando um beijo sua língua brincava em minha boca em movimentos circulares seu beijo era bom , oh se era .

P.O.V  Justin Bieber
Eu não acreditava no que estava vendo , meus punhos estavam trincados e meu maxilar travado em total reprovação, Angeline estava beijando um moreno na área vip na cadeira que eu estava sentado , filha da puta , eles pareciam que iriam se engolir e não paravam de se beijar eu já estava ficando puto de raiva.

Falei pra ela não vir , falei pra Ryan não chamar essa garota , mas que caralho mesmo .
Quando vi ja estava indo até a área vip e quando cheguei perto dos mesmos puxei aquele idiota de cima dela
-Saí da ai seu imundo - o empurrei de longe dela o fitando o mesmo me olhou com um olhar confuso
-Da licença irmão  , deixa eu pegar a novinha - suas gírias me dava certo nojo
-Essa não  - Angeline olhava tudo com um olhar totalmente divertido e um sorriso perverso , nao eu nao iria deixar ela se sentir
- Na verdade irmão , pode pegar essa piranha ela não é nada minha totalmente insignificante,  nessa ai eu ja arrombei até o cuzinho-  dei um soco no home que estava com ela logo  dei as costas e desci saindo da boate indo até o carro eu iria embora

Fui estúpido eu sei mas essa garota me tirava a paciência,  só  hoje ela me irritou duas vezes dançando com Ryan e logo depois beijando um cara que nem conhece vai que tem aides idiota
O que eu mas queria era pegar no pescoço dela e fazer ela morrer sem ar , mas eu não me permito mas tocar nela , por Anne,  ela me pediu .

P.O.V  Angeline Qtyshia
-O que ta acontecendo? - o moreno disse com a boca sangrando
- Meu Deus ele é louco - disse vendo sua boca sangrando logo Ryan apareceu
-O que houve Angel -ele disse com a voz embolada com certeza estava bêbado
-Houve Justin,  aquele idiota - falei com a voz ríspida e o mesmo se ligou logo indo atras do amigo
-Eu levei um soco , por que não disse que namorava ?- o moreno disse me olhando
-Eu não namoro , eu ... eu - disse perdida
-Tudo bem vou embora -o mesmo me fitou
-Não espera , você ta sangrando vamos pra minha casa - sorri maliciosa e o mesmo me fitou asentindo

To nem ai pra Justin , esse moreno deve proporcionar os melhores do prazeres.


Notas Finais


Hiago irá atrapalhar muitas coisas logo aviso kdksksksksks beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...