História Psycho Case... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Personagens Originais
Tags Bangtan Boys, Jikook, Masoquismo, Sadomasoquismo, Tortura
Exibições 31
Palavras 1.056
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Misticismo, Orange, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu e Maria não nos responsabilizamos pelo que irão ler aqui, aconselhamos que leiam somente, se forem fãs de Fanfics em estilo de Tortura, Sadomasoquismo, Masoquismo, Estupro, e coisas parecidas com isso.
Este capítulo não está pesado (eu acho), mas de certo modo a Fanfic será baseada nestes estilos, caso não se interesse pelo estilo da Fanfic não leia!

Perdoem-nos pelos erros gramaticais e desejo a todos uma boa leitura...

Capítulo 1 - Conhecendo...


Fanfic / Fanfiction Psycho Case... - Capítulo 1 - Conhecendo...

Mais um dia normal na vida de Jeon Jungkook e Park Jimin.

Jungkook era um aluno novo em uma escola de Seul, ele não se importou muito em se arrumar, apenas preparou seu material, colocou um moletom cinza, uma calça preta, uma camisa de algodão branca desbotada e um All-Star preto. Seus cabelos negros estavam um pouco bagunçados e seus olhos castanhos escuros não esboçavam reação alguma.

Pegou seu material e foi para a escola.

— Perfeito, mais um lugar para me atazanar e cheio de gente ainda por cima — Resmungou ao colocar o pisar para dentro da escola.

Caminhou para sala e sentou-se no canto esquerdo da sala longe de todos. Do nada um garoto, usando vestes parecidas com as dele, e sua face sem expressão alguma, assim como a sua, adentrou a sala fazendo todos olharem de canto para ele e em seguida continuarem a conversar. Ele sentou-se no no canto direito da sala.

Jungkook e Jimin pegaram seus fones de ouvido e os colocaram escutando, curiosamente, a mesma música, "The Heretic Anthen - Slipknot".


Jungkook empurrou a cadeira contra a parede com suas costas e, prensou a mesa contra seu Abs, colocou a touca de seu moletom e fechou seus olhos de modo, com que aproveitasse melhor a música. E uma menina com uma voz muito doce e bonita, o cutuca e diz:

— Ei, ei — Jungkook tira os fones e olha fixamente para a garota, como se estivesse a matando com sua mente — Meu nome é Yang Mi, e sou a representante de turma! Qual seu nome? — Pergunta Yang Mi com um belo sorriso no rosto.

— Jungkook... — Ele responde rudemente

— O senhor devia me respeitar, sou a representante de turma! — Diz Yang Mi impondo respeito, tentando o intimidar. 

Jungkook se levanta e cochicha no ouvido de Yang Mi:

" Nem tente me intimidar, a Senhorita nem me conhece, muito menos imagina de que sou capaz!"

Ele a prensou contra a parede, ela soltou um grito baixo e abafado, e Jungkook colocou sua mão sobre o ombro de Yang Mi, deixando apenas a distancia de um braço entre ele e ela, e ela não se conteve e olhou para a camisa de Jungkook que ficava pequena sobre seu Abs definido, e seus músculos quase saltando para fora daquele moletom. Ele simplesmente a olhou no fundo dos olhos se aproximando lentamente dela, e ela faz o mesmo, eles estavam muito perto um do outro, mas a professora chega na sala dizendo:

— Todos! Sentem-se. — Todos a obedecem — Hoje temos um aluno novo — Todos olham diretamente para Jungkook, o que faz ele corar um pouco — Poderia se apresentar? Apenas diga seu nome completo, sua idade, de que cidade veio e por que veio para esta escola.

Jungkook se levanta e diz:

— Sou Jeon Jungkook, tenho 17 anos, vim de Busan, e estou nesta escola porque nem escolha tive! — Ele diz rude, e sentando-se novamente em sua cadeira.

A professora segue a aula normalmente, e quando bate o sinal para o recreio, Jungkook espera todos terem ido em bora, para sair, mas Jimin fazia o mesmo, e quando Jungkook percebeu se levantou e saiu, o garoto Jimin fez o mesmo logo em seguida.

Jimin parou Jungkook no corredor e disse:

— Hey Jungkook, sou Pak Jimin, me chame apenas de Jimin. Creio que nos daremos muito bem!

Jungkook o olha de cima a baixo, sorri de canto

— Eu concordo — Disse Jungkook, dando um sorriso leve

— Que tal nos conhecermos melhor? — Pergunta Jimin

— Por mim... — Responde Jungkook indiferente

Conversa vai e conversa vem, eles percebem que tem muito em comum, mas Jungkook diz:

— Eu acho que vou dizer algo que vai mudar seu pensamento sobre mim... — Diz cabisbaixo 

— Eu acredito que quem vai mudar o pensamento sobre qualquer um aqui, e não sou eu! — Diz ficando cabisbaixo — Vamos dizer juntos!

Jungkook apenas assente, e eles dizem em coro:

— Eu tenho alguns desejos psicopatas...

Apos verem que tinham muito mais coisas em comum do que imaginavam sorriem. Jungkook passa seu celular para Jimin, e Jimin faz o mesmo. 

Passam-se alguns dias e Jungkook e Jimin, se tornam muito próximos. Eles estavam planejando o que fazer depois da faculdade, eles planejavam ser cirurgiões, mas com o passar do tempo, eles decidiram fazer algo com mais adrenalina, portanto criaram pontos no qual sequestrariam suas vitimas, e pegaram todas as suas economias e criaram um "consultório" de tortura.

PASSAM-SE DOIS ANOS

Eles tinham o alvo perfeito, Yang Mi, a antiga representante de turma, ela continuava linda. Pena que não seria por muito tempo, eles a seguiram em todos os lugares, aprenderam o rotina de Yang Mi, conheceram seus amigos e seu ciclo de convivência, como seus vizinhos, eles esperaram a hora certa para a pegar.

Eram 21hrs, e Yang Mi havia acabado de chegar da faculdade e Jungkook a aborda, convidando a mesma para comer um lanche, ela aceita, portanto Jungkook a coloca no carro, e a leva para o tal "Consultório" de tortura. Ela percebe que ele não está a levando para um lanche, ela pede para ele parar o carro. Ele ri ignorando o desespero de Yang Mi e logo em seguida dizendo:

— Relaxa, chegamos! — Ele a puxou para fora do carro tampando sua boca com um pano e a levando para dentro de uma pequena casa — Bem-vinda, pequena Yang Mi! — Disse cínico

Yang Mi sentiu sua espinha arrepiar-se ao ouvir a voz de Jimin

— Como tem passado o tempo, querida Yang Mi? — Disse Jimin em um tom extremamente frio — Fique calma... Ou não. — Yang Mi, ia gritar e Jimin a interrompe dizendo — Pode gritar, nem Deus vai te ouvir daqui. aproveitando nossa conversa, reze... reze, implore... Para sair viva — Jimin disse em um tom tão frio, que Yang Mi, não foi capaz de esconder o desespero.

 

Jungkook a clocou sobre uma maca, prendendo seus tornozelos e pulsos, fazendo com que ela gritasse, por socorro.

Jimin e Jungkook, não fizeram nada, a não ser rir.

 

Jungkook tirou cada parte das vestes de Yang Mi, Jimin apenas olhava com um sorriso de canto enquanto preparava os livros de medicina (sobre as veias principais, bombeamento de sangue, etc...) para que nada desse errado, Jimin limpou todas os bisturis e as máquinas de tortura.

Jungkook colocou um avental de paciente em Yang Mi, e um avental descartável nele e em Jimin.

Sendo assim iniciaram sua tortura...


Notas Finais


Eu escolhi fazer esta Fanfic, porque nunca achei uma Fanfic do modo que eu procurava, um amor Jikook psicopata!
Eu resolvi fazer esta Fanfiction com uma autora que tem uma Fanfic fantástica.
Link da Fnafic:
https://spiritfanfics.com/historia/new-generation-of-girls-6270287


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...